Potion tanomi de ikinobimasu!





Kaoru Nagase foi pega em um fenômeno misterioso e morreu quando voltava para casa do trabalho. Foi por causa de uma distorção do espaço-tempo que uma forma de vida mais alta estava limpando, mas ela foi capaz de receber um corpo mais jovem e a habilidade de criar qualquer poção que ela quisesse em outro mundo!

Kaoru, que agora é uma garota de 15 anos de olhos bem afiados novamente, vai trabalhar duro para uma vida pacífica em outro mundo!

Eh, como uma plebeia, ela não entende o pensamento dos nobres? Ela agora está presa em uma história ilusória da qual ela está tentando escapar?

Ei, isso é diferente do que você me disse, deusa!



Título em Português: Eu Vou Sobreviver Usando Poções!

Autor: FUNA
Ilustrador: Sukima
Tradutor: Juan AmonRA

Gênero: Aventura - Comédia - Fantasia - Slice of Life - Magia - Isekai - Ação


Web Novel Original: Clique aqui

【 Capítulo 1 - Obrigada por Meus Benefícios de Reencarnação! 】
【 Capítulo 2 - Desejando a Deusa! 】
【 Capítulo 3 – Tentando Fazer Poções 】
【 Capítulo 4 - Poção Musou 】
【 Capítulo 5 - História é Diferente 】
【 Capítulo 6 - Grande Escapada 】
【 Capítulo 7 - Fugitiva, Deusa Temporária 】
【 Capítulo 8 - Reino (Vizinho) 】
【 Capítulo 9 - Emprego no Reino 】
【 Capítulo 10 - Trabalho Paralelo de Kaoru 】
【 Capítulo 11 – Stalker 】
【 Capítulo 12 – Interrompa o Casamento como Pretendido Parte 1 - Festa 】
【 Capítulo 13 – Interrompa o Casamento como Pretendido Parte 2 - Simples 】
【 Capítulo 14 - Para o País Vizinho, Reino Balmor 】
【 Capítulo 15 – Hesitação 】
【 Capítulo 16 - Garota Mascarada 】
【 Capítulo 17 - Chefe Mercante 】
【 Capítulo 18 – Atenção 】
【 Capítulo 19 - Um Anjo 】
【 Capítulo 20 - Família Lyotal 】
【 Capítulo 21 – Convite 】
【 Capítulo 22 – Templo 】
【 Capítulo 23 - Showdown! Palácio Real versus Templo 】
【 Capítulo 24 - Dias Pacíficos 】
【 Capítulo 25 – Visitantes 】
【 Capítulo 26 - Visitantes 2 】
【 Capítulo 27 - Venda de Poções Começam 】
【 Capítulo 28 – Guerra 】
【 Capítulo 29 – Raiva 】
【 Capítulo 30 – Interceptação 】
【 Capítulo 31 – Poço 】
【 Capítulo 32 – Inferno, Primeiro Estágio 】
【 Capítulo 33 – Inferno, Segundo Estágio 】
【 Capítulo 34 - Jornada para o Oeste 】
【 Capítulo 35 - Para as Linhas de Frente 】
【 Capítulo 36 - Diferença de Cálculo 】
【 Capítulo 37 - Espada da Deusa 】
【 Capítulo 38 – Atropelar 】
【 Capítulo 39 - Conferência de Paz 】
【 Capítulo 40 - Descida da Deusa 】

"Então, como você desejou, eu conectarei você aos sonhos deles. Uma vez para os membros da sua família e uma vez para as suas duas melhores amigas. Dez dias se passaram na terra desde a sua morte. Espero que você não tenha nenhum arrependimento. Depois disso, vou mandar você para outro mundo. Quando você estiver lá, não poderei mais intervir, mas pedi a administradora que cuide de você. Eu realmente sinto muito... Bem, eu espero que você aproveite sua nova vida!"

Dizendo isso, o deus a mandou embora com um sorriso gentil.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



***** Koichi, o ponto de vista do irmão mais velho de Kaoru *****


"Aconteceu há apenas dez dias, eh..."

Koichi estava em sua cama, pensando em sua irmã mais nova que morreu há dez dias. Sua irmãzinha era a irmã do meio que acabou de se formar na universidade há meio ano.

Ela adorava ler livros e sabia muitas coisas, e ela era um pouco desleixada. Embora ela tivesse a aparência de uma menina fofa e delicada, ela dava a sensação de um irmão mais novo do que uma irmã mais nova, então era como se ele tivesse um irmão e uma irmã em vez de duas irmãs mais novas. Mesmo que ele estivesse apenas rindo de suas histórias sobre as supostas conquistas dela na escola e no trabalho, ele nunca teria pensado que ela morreria antes dos pais. Para não mencionar, foi uma morte misteriosa e violenta, onde seu corpo de repente explodiu na frente de várias testemunhas...

Claro, causou um alvoroço. Foi um ataque terrorista com uma bomba em miniatura, um caso de assassinato usando um fio de piano, um kamaitachi, o trabalho do diabo, a mídia de massa insensível se apressou com as notícias incomuns, junto com um líder de culto planejando dinheiro, e assim por diante...

Finalmente, ele se estabilizou um pouco, mas há um longo caminho até que ele se acalme completamente. O tumulto distraiu sua atenção, mas agora que finalmente está um pouco mais quieto, sua tristeza está lhe alcançando. Talvez seus pais também estivessem de luto por sua irmã, hoje todo mundo foi dormir cedo, mas Koichi ouviu o vaso sanitário sendo lavado e o som de alguém indo ao refrigerador várias vezes, até que tudo ficou em silêncio novamente.
Enquanto ele estava pensando sobre sua irmã falecida, lágrimas escorreram pelo seu rosto. Pensou em várias coisas, mas devido à falta de sono nos últimos dias, antes que percebesse, caiu em um sono profundo.

"Ah, finalmente você está aqui! Você está realmente foi dormir tarde hoje à noite, nii-san!"
"Ahh, estou tendo um sonho lúcido..."

Os outros quatro membros da família de Koichi estavam sentados ao redor de uma mesa, incluindo sua irmãzinha que não estava mais por perto, ela estava sorrindo para ele. Mesmo com dez dias tendo passado, ele sentiu um sentimento nostálgico e triste.

"Bem, já que todo mundo finalmente está aqui, deixe-me explicar. Em outras palavras, eu morri por causa do erro de um deus, então ele vai me dar uma trapaça e me mandar para outro mundo como um pedido de desculpas!"
"Que tipo de light novel é essa!!?"

Ele não pôde deixar de responder com uma réplica. Não, apesar de ser seu sonho, faltava imaginação. Patético.

"Kaoru, então, ele assumiu a responsabilidade corretamente? Você deve se certificar de que ele compense você, você sabe"

Ele bateu a cabeça contra a mesa porque sua mãe estava levando Kaoru muito a sério... Por que isso realmente doeu?

"Eu vou ficar bem! Ele prometeu me dar uma habilidade de trapaça! E eu posso manter meu corpo quando eu for para lá. Além disso, serei mais jovem. Então, poderei ter filhos Nagase em outro mundo! Nossos genes Nagase se espalharão e se multiplicarão mesmo em outro mundo!!"
"Wow, isso é incrível... Então, com Koichi e Yuki por aqui, você terá que competir com eles!"

O pai de Koichi também levou sua conversa muito a sério... Não, ele disse algo ainda pior.

"Nee-san, você poderia mandar um belo príncipe ou um diamante que é um tesouro nacional para este mundo?"

Até a irmãzinha dele...

"Desculpe, isso não será possível. Ah, meu tempo acabou... Então, todos, por favor, fiquem bem! Eu também vou tentar o meu melhor e ficar saudável por lá! Ah, minha trapaça vai ser criar poções, então não vou ter que me preocupar com lesões ou doenças, e também posso vendê-las fácil por dinheiro! E também prometeram a mim que vou ter uma vida segura! Por isso, não precisam se preocupar. Tudo bem então, mãe, pai, nii-san, Yuki, todos, fiquem saudáveis! Obrigada por tudo até agora e adeus!"
"Fique saudável!"
"Espero que você encontre a felicidade!"
"Pegue um bom homem, ok?"
"... Kaoru, você sabe que deve manter segredo sobre si mesma e ficar em segurança, certo!!"
"Entendi! Então, adeus a todos vocês!"



Já era de manhã. Ah, que idiotice. Por que ele disse a ela para "manter as informações sobre si mesma em segredo, e ficar segura?". Aquela Kaoru, ela realmente não sabia o básico... não, espera, ele é o idiota agora? Por que ele estava comentando sobre seu próprio sonho? É melhor pegar o café da manhã rapidamente.
Ele saiu da cama e desceu ao primeiro andar de pijama. Todos em sua casa tomam o café da manhã de pijama. Isso porque não importava tanto se o pijama ficasse manchado de comida, e eles também escovavam os dentes de pijama, para evitar manchar ou enrugar a roupa de trabalho. Sim, era razoável.

Seu pai e sua irmã mais nova já estavam sentados à mesa. Ambos bebiam sopa de miso e a mãe preparava um prato de salmão grelhado.
Por alguma razão, parecia que havia uma atmosfera estranha. Eles estavam inquietos, olhando um para o outro, era um sentimento indescritível e inquietante.
Naquela época, de forma bastante abrupta, ele lembrou uma linha da conversa dentro de seu sonho.

"Nossos genes Nagase se espalharão e se multiplicarão mesmo em outro mundo!!"
"... Espere, a nossa família supostamente era de ratos ou baratas!!"

SNOOORRRTTT~~~!!!!!

De repente, seu pai e sua irmã soltaram a sopa de missô pela boca e nariz.
Ah, nosso hábito de comer de pijama está comprovadamente correto! Espere, meu pijama ficou sujo! E é escaldante!!
Atrás de Koichi, sua mãe também deixou cair o prato de salmão grelhado. Ahh, o salmão grelhado...

"Uma trapaça em outro mundo..." murmurou seu pai.
"Um belo príncipe ou um diamante de nível de tesouro nacional..."
"Ah, ela disse que não era possível..."

A mãe de Koichi comentou sobre sua irmãzinha Yuki murmurando.
...... Silêncio.
Ficou em silêncio por um tempo. Então -

"... Haha"
"...... Ahaha"
""""AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!!""""

Eles riram. Os quatro continuaram rindo. Algo quente continuava descendo pelas bochechas de Koichi, mas ele continuava rindo sem prestar atenção. E todos ficaram atrasados para o trabalho e para a escola naquela manhã.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



***** Kyoko, ponto de vista da amiga de Kaoru *****


"Ah, ela está aqui, ela está aqui"

Duas garotas estavam sentadas em frente à mesa de Kyoko.

"Ahh, eu devo estar sonhando..."

Uma menina era sua amiga íntima desde o ensino médio, que agora é sua única amiga íntima. A outra garota era sua única amiga íntima que faleceu há dez dias. Ela estava de coração partido com isso, e chorou todas as noites, e agora seus sentimentos finalmente se acalmaram um pouco.

"É que eu não posso esquecer dela, ou porque eu não posso controlar meus sentimentos que eu estou vendo ela mesmo no meu sonho..."
"Desculpe, Kyo-chan, eu morri tão jovem. Mesmo que nós três estivéssemos planejando fazer tantas coisas juntas. Lamento profundamente"

Ela não podia mais segurar, ela abraçou o corpo delicado de Kaoru e começou a chorar.

"Idiota idiota idiota idiota, por que você morreu! Idiota IDIOOOOOTTTA!!

Ela continuou chorando alto.

"Kyoko, por favor, acalme-se um pouco. Não é como se Kaoru tivesse morrido porque ela queria. Além disso, parece que não temos muito tempo. De qualquer forma, vamos ouvir a história de Kaoru"

Reiko estava calma e serena, como de costume. Não, já que era o sonho dela, e porque ela sentia que Reiko era esse tipo de pessoa, ela deixou passar. Bem, de qualquer maneira, era uma chance de falar com Kaoru novamente, mesmo que estivesse dentro de um sonho.

"Kaoru......”
"Eu sinto muito. Parece que eu morri devido a um erro de deus"
"Eh? Então você pode voltar à vida!!"
"Sim. Mas não neste mundo. Então, ele permitiu que eu me transferisse para outro mundo. Um mundo estilo Europa medieval"
"Por quê! Por que você não pode voltar a este mundo? Apenas, por que..."

Reiko gentilmente acariciou as costas de Kyoko enquanto ela se levantava de seu assento, e Kyoko parou de soluçar.

"Ah~, desculpe, eu realmente não tenho muito tempo... Enfim, desde que eu morri por causa de um erro de Deus, como um pedido de desculpas, ele deixou eu me transferir para outro mundo com minhas memórias intactas, então eu planejo viver feliz lá. Obrigada por todo o tempo que passamos juntas desde o ensino médio. Eu nunca vou esquecer vocês duas. Por favor sejam felizes!"
"Kaoru, Kaoru, KAORUUU~!"
"Kaoru, precisamos contar a sua família?"

Como esperado de Reiko, sempre calma e composta.

"Ah, tudo bem. Eu já disse adeus corretamente para minha família. Pois bem, adeus!"

De repente, Kaoru desapareceu, deixando apenas as duas.
Depois de se certificar de que Kyoko parou de soluçar, Reiko transbordou em lágrimas.

"AAAAAAHHHHHHH!!!"

Kyoko ficou chocada com Reiko que estava se agarrando a ela e chorando alto.

"UWAAAAAAAAAHHHHHH!"

Olhando para o estado de choro de Reiko, finalmente ela entendeu. Ah, então essa garota era assim. Sempre colocando os outros antes de si mesma...

"Eu sinto muito, Reiko. Eu sei que não tinhamos muito tempo, mas eu desperdicei... Mesmo que fosse um tempo valioso para Reiko poder conversar com Kaoru..."

Ela abraçou Reiko com força. E então elas continuaram a chorar.
...... A manhã chegou. O alarme tocou no horário habitual e ela também acordou como sempre.
Quando ela se levantou, seu travesseiro estava encharcado de lágrimas, baba e muco.
Ahh, dentro do sonho, Kaoru estava sendo Kaoru, e Reiko estava sendo Reiko. Minhas preciosas melhores amigas.

Naquela hora, seu smartphone na mesinha ao lado da cama começou a tocar. Suas amigas íntimas sabiam que nos dias de semana Kyoko geralmente se levantava às 5 horas. Então, se elas precisassem ligar para ela de manhã cedo, por algum motivo, ligariam das 05:00 às 05:01. Porque depois disso ela vai usar o banheiro, lavar o rosto, preparar o café da manhã e assim por diante. Bem, mesmo assim, elas geralmente só a chamavam tão cedo uma vez a cada poucos anos. E parecia que hoje era um daqueles poucos dias.

Quem poderia ser, tão cedo de manhã?
Enquanto ela pegava seu telefone, de alguma forma Kyoko sabia que Reiko estaria do outro lado. Embora fosse apenas um pensamento, ela acreditava nisso por algum motivo.
Ela pegou o smartphone, apertou o botão de chamada e o colocou contra o ouvido.

"Yeah..., yeah. Eh? Sim. Falar com os deuses? Como? Espancá-los? Como eu disse, como? Não, claro que estou a bordo! Por enquanto, você vai ao santuário e chutar todas as caixas de oferta? Sim, tudo bem. Por enquanto vamos recolher informações sobre Kaoru, sim, então, até sábado!"

Kyoko desligou o telefone e se deitou na cama.

"Hehe"

Seu rosto estava amassado e distorcido.

"Hehe, heh heh heh. HAHAHAHAHAHA!"

Ela abraçou o travesseiro com força.

"Ick, está tão pegajoso......"
Quando notei, estava em uma área branca.
Bem, esta é minha segunda vez, então estou me acostumando com isso.
Quando me virei, havia uma Bishojo de cabelos loiros; sua idade era de 15 a 16 anos e ela congelou com uma expressão de surpresa.

... Woooah

Não, por que estou tão empolgada?

「Você é a deusa administradora deste mundo?」 (Kaoru)

Quando perguntei a ela, a deusa Bishojo finalmente se moveu e respondeu.

「Sim, isso mesmo, eu sou Celestine; Eu sou a administradora! Bem vinda ao meu mundo: Vernie!!」 (Celestine)

De alguma forma, a tensão é alta. Este é um tipo de pessoa problemática...

「Uhm... Eu ouvi a história do Deus que administra a Terra, e... porque eu também estou sob os cuidados dele, então...」 (Celestine)

Ela está muito tensa. Sua maneira de falar é meio chata... mas meu futuro está em suas mãos e a outra parte é uma deusa; Eu deveria me acalmar e ouvir!

「Ehehehe~ eu sou muito grata a você!」 (Celestine)

... Por que o agradecimento? Como eu não a entendo, vou tentar perguntar com a maior calma possível.

「Bem, por que você está agradecida? Não estou te incomodando de alguma forma?」 (Kaoru)
「Não, não é bem assim! Eu realmente te agradeço!」 (Celestine)

Então ela lentamente me contou sobre as circunstâncias e consegui entender.
Aparentemente, esta deusa, ela parece realmente respeitar o deus que administra a Terra.
Ele deve ser bastante famoso entre os administradores; ele é uma pessoa muito respeitável...
Não, ele é um 『Deus』, não uma pessoa, e entre as jovens deusas, ele tem uma boa reputação.

Foi por isso que Celestine teve o prazer de estar no comando deste mundo, que estava no mesmo sistema familiar que a Terra, que era administrada por aquele deus.
Mas não havia oportunidade para ela fazer contato direto com seu deus senpai. Mesmo assim, ela queria ter uma reunião social em grupo e uma reunião de intercâmbio distrital. (Eu me pergunto se existe tal coisa).
Mas era impossível para ela falar diretamente com seu deus senpai; parece que ela só estava olhando para ele de longe.
E então, houve o meu caso. O deus senpai pelo qual ela ansiava veio vê-la diretamente. Mais do que isso, ele abaixou a cabeça e pediu um favor.
Era algo que ela estava realmente encantada.
Portanto, se eu tivesse algo que eu quisesse perguntar, como um pedido de desculpas de seu deus senpai, ela tentaria fazer o máximo possível.
Ela estava muito feliz, 「Como sou afortunada; Eu vou te ajudar muito!」.
E essa foi a história.

Bem, eu não me importo com isso, ao invés disso eu sou grata por ter sido salva, mas...
Esta é uma reunião detalhada. Estou desesperada porque minha vida depende disso.

「Enquanto isso, esse deus me prometeu uma habilidade parecida com uma trapaça, a habilidade de falar, ler e escrever as línguas naquele mundo, um corpo rejuvenescido com meus genes originais. Ah, está certo, há algum inconveniente com o meu corpo original? Como algo que se destaca ou que eu não posso ter filhos,...」 (Kaoru)
「Não, cabelos e olhos negros são um tanto incomuns, mas não existe discriminação. E não há diferenças em questões físicas, então não há problema em ter filhos」 (Celestine)

Estou salva.

「Bem, eu decidi a trapaça prometida... Mas antes disso, eu tenho uma pergunta. Existe alguma magia neste mundo, ou monstros e pessoas com uma profissão para caçá-los? 」(Kaoru)

Era uma questão muito importante. A resposta disso mudaria a trapaça que eu escolhi e minha política de vida a partir de então.

「Eu não entendo muito bem sobre trapaças, mas essa pessoa, ele me disse: 『Por minha causa, você poderia, por favor, dar a ela uma habilidade superior de que ela precisará para sobreviver?』, e sobre o que você perguntou, neste mundo, há tudo: magia, monstros e caçadores」 (Celestine)

Tudo bem, como planejado!

「Ok, então, sobre a trapaça, eu gostaria de pedir 『Uma habilidade de fazer poções que pode criar poções com qualquer efeito que eu quiser』」 (Kaoru)
「... O que é isso...?」 (Celestine)
「『Uma habilidade de fazer poções que pode criar poções com qualquer efeito que eu quiser』, porque a civilização está atrasada em comparação com a Terra, eu tenho medo de ter ferimentos e doenças. Se eu estiver de cama com alguma doença ou se eu tiver uma lesão horrível, eu morreria com muito sofrimento. Esse é o meu pedido. É apenas uma habilidade para cobrir uma pequena parte da desvantagem que surgiu por causa do erro desse deus. Deusa, você acha que é pedir demais?」 (Kaoru)
「... Tudo bem, tudo bem! Está bem! Eu só queria ouvir que tipo de habilidade é porque eu não entendi!」 (Celestine)

Tudo bem, estou indo mais longe com essa condição! Eu dei uma olhada na deusa enquanto pensava em como conseguir o melhor negócio com ela.

「Ah, é inconveniente se eu não tiver um recipiente para colocar a poção. Que tipo de recipientes são bons... Como um pequeno tubo de ensaio para carregar... Mas se quiser guardar uma grande quantidade, o tubo pequeno não conseguirá. E na loja também precisaremos de um suporte para isso. Que tal uma tampa de alumínio, se for uma tampa de alumínio, então haveria um problema com a civilização deste mundo... O que devo fazer...」 (Kaoru)

Eu dei uma olhada no rosto da deusa. Sim, era um cara que dizia 「Eu não sei nada sobre isso também...」.

「Isso é problemático, então você acha que está tudo bem para qualquer tipo de recipiente aparecer como eu quiser como a poção?」 (Kaoru)
「Bem, tudo bem, um recipiente aparecerá quando você quiser」 (Celestine)

Tudo bem, eu tenho a palavra dela!

「Esta é a trapaça que Deus me prometeu」 (Kaoru)
「É assim mesmo? Bem, vamos começar a criação do seu corpo」 (Celestine)
「Oh, por favor, espere um minuto!」 (Kaoru)

Eu parei a deusa. Sim, eu fiz isso com uma deusa.

「Mas com apenas isso, pode ser possível sobreviver, mas parece ser uma vida inconveniente com baixo nível de civilização e má segurança pública...」 (Kaoru)
「Bem, é porque é este mundo... então, por favor, aguente...」 (Celestine)

A deusa diz isso com um rosto preocupado.

「Bem, eu sei disso, mas o deus da Terra disse 『estou pedindo a administradora local para ajudá-la se você tiver alguma dificuldade』 e você também disse que iria me ajudar!」 (Kaoru)
「Bem, com certeza eu disse... então, que tipo de coisas você quer?」 (Celestine)

Tudo bem, eu fiz isso!

「É uma 『Caixa de Item』」 (Kaoru)
「... O que é...?」 (Celestine)
「É uma 『Caixa de Item』」 (Kaoru)
「O que- o que é essa 『Caixa de Item』...?」 (Celestine)

Vou explicar o mais breve possível, tenho esperado que ela pergunte.

「É impossível para mim continuar andando com o equipamento e as ferramentas necessárias ao viajar neste mundo. Preciso de água e comida, e se eu levar dinheiro ou itens valiosos, não posso me sentir relaxada em um mundo em que não posso confiar nem em uma pousada nem em um banco. Em outras palavras, eu não posso economizar dinheiro, não importa o quanto eu trabalhe. É difícil me mudar para outras cidades sozinha, como eu posso viver fácil agora?」 (Kaoru)
「U~...」 (Celestine)

A deusa está perturbada.

「Portanto, eu preciso disso. É uma 『Caixa de Item』! Com capacidade ilimitada; os itens serão armazenados em um espaço diferente; os itens não serão danificados ou estragarão porque o tempo será interrompido. Eu posso colocar qualquer coisa e tirar a qualquer hora que eu quiser e ninguém além de mim pode tirá-los. Se eu colocasse dinheiro e bagagem nisto, não precisaria me preocupar com dinheiro e bagagem sendo roubados. Eu também não preciso me preocupar em carregar muita bagagem pesada e diminuir a velocidade da minha viagem. E como eu posso armazenar tanta comida e água quanto quiser com isso, é absolutamente necessário para minha vida」 (Kaoru)
「O que é isso... É uma coisa útil, isso é uma 『Caixa de Item』? E você estava usando isso no seu outro mundo?」 (Celestine)
「Ah, não, na Terra é fácil se movimentar com a bagagem e não há muito com o que se preocupar, já que a ordem pública é boa, então ha ha ha...」 (Kaoru)

Eu de alguma forma consegui distraí-la.

「Você terá um novo corpo com seus genes originais e sua idade será rejuvenescida aos 15 anos. Os genes estão bem porque "aquela pessoa" forneceu o seu corpo original. Eu acho que a idade adulta é de 15 anos. 15-18 são a idade do casamento para aristocratas e 15-22 anos para os plebeus, por isso é bastante apropriado. Isso é certo, uma vez que os aristocratas se casam desde cedo, é muito comum os casamentos, quando você se torna um adulto aos 15 anos de idade. Quando os aristocratas completam 18 anos e se casam, eles são vistos como estando em idade de se casar, muitos deles se sentirão desagradáveis se tiverem mais de 20 anos de idade. No caso dos plebeus, o casamento é precoce nas áreas rurais, tais como reduzir os hábitos alimentares, aumentar o trabalho de parto e outros motivos semelhantes, mas nas áreas urbanas é geralmente em torno de 17 a 22 anos de idade. 23 é considerado um casamento tardio, não existe depois de 24 e quando você está com 25-26 ninguém considera se casar mais com você」 (Celestine)

Não, não, não, isso é grave... devo fazer o meu melhor.

「A linguagem é, conforme solicitado, a capacidade de falar em qualquer idioma deste mundo, juntamente com a capacidade de ler e escrever. A capacidade de fazer poções, que faz qualquer tipo de poção com qualquer efeito que você quiser. Isso entrará em um recipiente como você quiser. Uma habilidade de caixa de item com capacidade ilimitada que armazena itens em um espaço em outra dimensão, você será capaz de colocar qualquer coisa e tirar qualquer coisa em qualquer lugar, a passagem do tempo vai parar nesse espaço e não pode ser usada por ninguém além de você. Está tudo correto?」 (Celestine)

Sim, está perfeito. Então, eu deveria ir com o acabamento final?

「Sim, não há erro, mas eu quero fazer algumas perguntas, ok?」 (Kaoru)
「Sim, por favor, não hesite em me perguntar」 (Celestine)

A deusa tinha um rosto aliviado por finalmente terminar. Tudo bem, por favor, ouça.

「A primeira coisa que eu gostaria de perguntar é sobre a religião deste mundo, porque não há nada tão assustador quanto a religião, então, quais são as religiões aqui?」 (Kaoru)
「Oh, isso é fácil, quase todas as religiões estão me adorando, eu acredito que seja a única deusa neste mundo. Embora a notação e pronúncia do meu nome possam diferir ligeiramente dependendo da região e da seita, mas é isso. Doutrina e preceitos também têm algumas diferenças, mas originalmente eles foram separados das mesmas coisas para que não tenham grandes mudanças fundamentais. Eu os avisei sobre discriminação por raça. Bem, é uma religião relativamente moderada. Eu assumo que o diabo é o único inimigo oposto, mas como eles realmente não existem, não deve haver problema」 (Celestine)

Bem, se há apenas uma religião, não deveria haver problema, ou haveria grandes problemas?

「Bem, novas religiões serão feitas ou a religião atual será obsoleta?」 (Kaoru)
「Não, eu realmente não me importo, porque não há outro Deus. Eu sou a única desta raça que existiu desde os tempos antigos. Para a conveniência deles, estou permitindo alguns ajustes e liberdade. Mesmo se uma nova religião for feita, e parecer para eles que há um novo deus, ela só existiria porque eu ainda não a neguei. Bem, eu ocasionalmente transmito 『Oráculos』 para ajudar os seres humanos a evitar uma catástrofe ou algo parecido. Minha existência e papel são irrelevantes para a fé, mas se for um bom ensinamento para apoiar a vida das pessoas, seria melhor para mim brincar como uma deusa fictícia. No entanto, a religião atual não tem mais muito poder. Não há poder contrário, como uma estagnação, catástrofe ou desastre para eles espalharem sua influência. Mesmo se estiver perdido, não deve haver problema. Em primeiro lugar, 50 anos já se passaram desde a última vez que dei um 『Oráculo』. Mas mesmo agora, parece que às vezes vomitam 『Um Novo Oráculo』 ou algo ao longo dessas linhas de mentira. Ah, agora eu fiquei com raiva. Apenas algumas centenas de anos, e deixarei cair o castigo de Deus...」 (Celestine)

Não, não, não, espere um pouco! Se você fizer isso, por favor faça depois e onde eu não esteja!

「Bem, a próxima pergunta. Em algumas circunstâncias, se as habilidades ou pensamentos da Terra se espalharem e isso afetar em grande escala ou mesmo os movimentos deste mundo...」 (Kaoru)
「Bem, eu não me importo, estou trabalhando com estabilidade no tempo e no espaço, não pretendo fazer nada com a civilização deste mundo. Então, se parecer que muitos dos seres vivos vão morrer sem sentido, eu gostaria de ajudar ou apenas passar algum tempo. Embora eu tenha alguma influência na civilização, mas eu não me importo em tentar induzir a própria civilização em uma direção específica. A essa altura, qualquer coisa que afete as vidas do mundo e torne sua vida mais fácil, você se tornaria uma boa pioneira. Vai ficar tudo bem, não vai?」 (Celestine)

Se você acha que sim, você também deveria fazê-lo. Bem, isso seria um tema comum com deus... Ah, eu vou dizer isso a ela.

「Bem, e você frequentemente aparentava lidar com isso?」 (Kaoru)
「Não, é uma coisa muito problemática. É uma tarefa difícil porque eu não amo nem me importo muito com as coisas vivas. Eu não quero agüentar isso」 (Celestine)
「Bem, mas se o seu deus Senpai souber que você está fazendo o seu melhor para fazer a mesma coisa que ele... Eu me pergunto se ele ficaria feliz e orgulhoso como seu Senpai? Ele também vai querer fazer uma conexão com você, e quando ele enfrentar algum problema, ele viria para uma consulta...」 (Kaoru)
「É isso aí! Oh, porque eu não percebi isso, eu sou tão idiota! Obrigada, estarei pronto para ajudar os humanos imediatamente!」 (Celestine)

Mesmo que você só queira conversar com o Deus Senpai, não é? Mas se a administradora deste mundo está tentando o seu melhor, então por que não? Será mais fácil para os humanos.

「Última pergunta... você não precisa responder se não quiser, porque estou interessada. Bem, seriam os Deuses e Deusas que administram os planetas,... eles são como os seres humanos? Bem, eu acho que você é uma criatura de alto escalão em uma dimensão muito diferente dos humanos... Mas os sentimentos da Deusa ou Deus, são um pouco próximos dos seres humanos... Me desculpe se eu estou te deixando chateada, mas eu realmente quero te perguntar mesmo se você não puder responder...」 (Kaoru)

Eu precisava de coragem para perguntar e ouvir, mas mesmo se eu ouvir isso, não há mérito algum, mas eu não pude evitar.
Caso contrário, não serei capaz de convencer o tratamento que Deus me dará, por várias razões. E eu não poderei mais aproveitar minha nova vida.
Além disso, também diz respeito ao meu último desejo.

「Eu entendo... Bem, eu não me importo. Então, deixe-me explicar brevemente. Se você não nos entende, não pode ser ajudado que você ficará curiosa」(Celestine)

Aparentemente, ela concorda em me dizer. Mas a expressão da Deusa tornou-se séria de alguma forma.

「De fato, somos seres vivos bem diferentes de vocês humanos. Nós não temos formas corporais fixas, minha personalidade à parte, minha figura agora é apenas uma figura provisória usada por seres humanos. Além disso, o pensamento e as velocidades de pensamento são diferentes das suas. E a sensação de tempo também é diferente, já que somos longevos. Por essa razão, mesmo quando estou falando com você agora, partes da minha consciência estão pensando em paralelo. Uma parte é dedicada à gestão deste mundo. Ao mesmo tempo, outra parte está investigando as distorções no tempo e no espaço, etc... Uma parte reduz sua velocidade de raciocínio ao limite, reduz o nível de inteligência ao limite para combina com você. Mas, para ser sincera, é bem divertido. Se eu poderia nomeá-la como uma expressão que você entende, em -sim, está certo. Em certo sentido, a eu aqui é um pouco infantil ou uma idiota apaixonada, que tem uma mente simples que se interessa por uma coisa e está cega para outras coisas. A eu aqui encontra-se conversando com você como uma diversão, enquanto outras ramificações de um nível de inteligência superior estão gerenciando o planeta. Ah, o respeito por "aquela pessoa" é verdadeiro para todas as minhas existências. Eu acho que a eu aqui deveria ter um forte sentimento por essa pessoa por causa dessa influência. Bem, somos um mesmo indivíduo depois de tudo. A parte, que é a administradora desse planeta, também faz parte dessa pessoa. O mesmo vale para mim. É por isso que essa pessoa estava seriamente em frente a você em seu estado atual e prometeu lhe dar todas essas coisas. Para ser sincera, acho que é um pouco exagerado, mas também, isso é maravilhoso nessa pessoa. Portanto, quero respeitar essa intenção e lhe dar o que você precisar, como ele pediu」 (Celestine)

Depois de terminar dizendo tudo isso, parecia que a expressão séria da deusa retornou ao sentimento caloroso original.
Talvez, para contar essa história, 「Ela elevou ligeiramente o nível de inteligência」?
Caso contrário, a diferença da conversa anterior e desta, seria muito grande.
E, se ela sempre tivesse esse alto nível de inteligência, teria sido impossível para mim obter uma caixa de item.
Ou esse é o 「Serviço」 dela enquanto estava plenamente ciente disso?
Bem, eu farei o meu melhor com a garota que está na minha frente agora!

「Ok, eu não entendi tudo, mas parece que eu sinto que gosto disso. Muito obrigada, ouvi tudo o que gostaria de ouvir, então o último pedido é... 」(Kaoru)

Eu engoli saliva e disse essa palavra.

「Bem, por favor, torne-se minha amiga!」 (Kaoru)

A deusa corou e abriu a boca no meio do caminho.
Bem, como eu não tenho amigos neste mundo! Mesmo na Terra, só tinha duas amigas!
Por um momento, me senti aliviada, mas aguentei com um pé esticado.
Tudo bem, yoshi, eu me acostumei com isso!
Bem, isso é o que é chamado de 『mundo diferente』.
Uhm, parece ser chamado de Vernie.



Depois disso, a Deusa Celes (o apelido de Celestine) aceitou se tornar minha amiga com grande prazer.
E ela me segurou por um tempo, reclamando de muitas coisas, várias estratégias para abordar 「aquele cara」.

Finalmente, estou livre e fui liberada para vir a este mundo.
Parece que somente quando ela fez aquela explicação, sua inteligência se tornou mais alta.
Depois disso, ela foi completamente devolvida ao jardim de flores.



Vamos ver. Aparentemente este lugar parece ser uma colina pequena, com algumas árvores pouco cultivadas ao redor, este lugar é muito alto, então eu posso ver muito adiante à frente.
Existem alguns edifícios de longe, mesmo que eles não tenham paredes cercadas. Eu deveria estar visando esse assentamento primeiro.
Mas antes disso, preciso confirmar minha função corporal, preciso verificar isso corretamente.
Se houver um defeito, um mau funcionamento inicial, apresentarei uma queixa contra Celes.
Naquele momento vou reclamar e solicitar serviços adicionais!

É por isso que eu olhei para cima e pulei, dei uma olhada no meu corpo e toquei em vários lugares.
Aparentemente, parece que o meu corpo corretamente se transformou como quando eu tinha 15 anos de idade.
Não consigo verificar o rosto porque não há espelho, mas parece que não há problema no intervalo visível e no alcance tocado.
Não, vai ficar bem, mesmo que o meu corpo não tenha sido reproduzido com precisão.

Por exemplo: como a força física e a força muscular aumentam ou a área ao redor do peito é fortalecida, não me importaria se você cometesse esses erros, Baka Celes!

Não sinto que isso tenha mudado, pois eles deveriam ter alguns centímetros quando eu tinha 15 anos.
Eu acho que eu tinha cerca de 157 cm. O meu peso era um pouco maior nos meus velhos tempos.
Foi porque as atividades do clube e a alimentação eram mais importantes do que a manutenção do corpo, então eu não pensava em fazer dieta... Era jovem. (Ansiedade)

Então, o problema são meus seios.
Bem, aos 22 anos, eu poderia dizer que eu tinha algo como B, mas infelizmente agora é completamente A.
Não, é um valor raro! Este é o símbolo de status de pessoas de 20 anos na Terra! Celes também tinha um taanho parecido. Você entendeu tudo isso direito, certo?
Eu me pergunto se é por isso que Celes ficou tão feliz em se tornar minha amiga?
Ah, pensando nisso, a figura dela pode mudar livremente.
Espere um segundo, vamos nos acalmar primeiro. Ainda não é a hora, eu tenho apenas 15 anos agora...

A confirmação do meu corpo acabou.
Próximo, a verificação de habilidades.

Por enquanto, o mais importante é a habilidade de fazer poções.
Vou colocar minha mão direita para frente e tentar lembrar na minha cabeça.

(Gosto de bebida esportiva, restaurar aptidão física, saia!) (Kaoru)

* Eu imaginei uma garrafa de bebida esportiva *

Depois de um momento, havia uma garrafa que parecia uma certa bebida esportiva famosa na mão direita.
Eu tiro a tampa e bebo, é um pouco azeda, com gosto de bebida esportiva.
Porque eu não estava cansada, o efeito de recuperação é desconhecido, mas eu confiarei em Celes sobre isso por enquanto.

Claro, é caixa de item será a verificada em seguida!

(Caixa de Item, abra!) (Kaoru)

Eu estico minha mão direita para o ar em minha mente.
Embora não precise ser dito. Como este é a primeira caixa de item que eu estou usando, eu quero tentar ser legal em um sentido. (Chuuni)
Minha mão entrou no espaço vazio, e a lista do inventário surgiu na cabeça.

「Sem estoque」

... Sim, eu sabia.
Mas tudo bem se você cometer um erro e colocar algo aqui, Celes.
Bem, eu não me importaria... se de todos os lugares você cometesse um erro aqui.

Não, eu não fiquei desapontada.
Não que eu achei que ela conteria vários tipos de ferramentas, como espadas divinas e ferramentas úteis. Eu estou dizendo a verdade.
Na próxima reunião, contarei a Celes sobre a história de um pika*** dourado e a história de um gato azul que pode ser guardado no bolso.

A habilidade de linguagem não pode ser confirmada a menos que eu me econtre com humanos.
OK, vamos apontar primeiro para o assentamento. Se eu descer a colina adequadamente, eu verei a rodovia ou algo assim.

Kaoru esticou o corpo e caminhou em direção ao sopé da colina quando bateu levemente nas calças.
Roupas, sapatos e etc. foram entregues pela Celes usando o padrão de vestimenta deste mundo.
Bem, se eu fosse largada aqui nua, ficaria perturbada.
Fico feliz em ter precaução e perguntado a Celes.
Sim, com certeza. Eu realmente senti isso. É perigoso.

Depois que comecei a andar por um tempo, notei que pequenos animais, como um esquilo, estavam olhando para mim dos galhos das árvores.

「Ei, o esquilo na árvore, esse é o caminho para a cidade onde os humanos vivem?」 (Kaoru)

Com um ditado casual e rindo, o pequeno animal respondeu.

「Sim, está certa. Siga em frente」 (Esquilo)
「Oh, muito obrigada, eu fui salva!」 (Kaoru)
「Bem, isso é bom!」 (Esquilo)

Depois de continuar andando em silêncio por um tempo, Kaoru parou e colocou as duas mãos em uma árvore.

「Conversar, ler e escrever em todas as línguas. Conversar, ler e escrever em todas as línguas!」 (Kaoru)

Celes..., a sua escolha de onde colocar o seu serviço é estranha!

Eu não precisava falar ou escrever as letras de animais tão pequenos. Pensei em escrever cartas, mas fiquei com medo, então parei de pensar nisso por enquanto.

O sol está muito inclinado. Parece que vai demorar um pouco para chegar à cidade que foi avistada.
Tem sido um tempo desde que ela viajou e parecia estar segura, sem incidentes, mas estava bem longe da cidade.
Se você olhar de um lugar alto, há uma grande distância, mesmo se você puder ver.
Eu tenho conhecimento disso, mas isso é...?

Porque eu realmente amo livros, li vários deles, estou familiarizada com matemática.
Na escola, eu também escolhi os assuntos científicos, eu respeito profundamente os cientistas loucos que amam a ciência, e para a pesquisa, eles não se arrependem, mesmo que eles sacrifiquem tudo...

Eu não pretendo fazer isso, é claro.
No caminho, eu estava com sede e cansada, então tentei beber uma poção de recuperação várias vezes.
Minha exaustão foi recuperada e minha sede também diminuiu.

(Mas... mesmo na Terra, também há bebidas que aliviam você de ficar cansada. O nome é... fadiga voa com o pon, Hirobo...) (Kaoru)

Porque, de alguma forma ficou com medo, Kaoru parou de pensar.

(Não há efeitos colaterais, certo?) (Kaoru)

Mas se você me deixasse perto da cidade eu não precisaria andar de tão longe!
Afinal, é perigoso deixar as coisas para Celes.
Não há ofensa, mas seus critérios de julgamento são um pouco estranhos.
Bem, desde que sua escala de todos os critérios são diferentes dos humanos, não pode ser ajudado.

A partir de agora, farei o meu melhor por conta própria.
De qualquer forma, acariciei meu peito e me dediquei a consertar roupas sozinha.
De alguma forma eu fiquei presa com o que eu poderia acariciar sem resistência alguma (Baka Celes).

Quando o sol (ou assim chamado) afundou, Kaoru chegou finalmente à cidade. Estava a ponto de ficar completamente escuro e quase não podia ver nada.
Não há muro, não há guarda do portão também. Aparentemente, o acesso é gratuito.
Bem, em uma pequena cidade local, que não é a capital ou uma cidade grande, não há valor estratégico, vários custos de construção e custos de manutenção para cercar toda a circunferência com um muro alto, vários tipos de despesas como custo de trabalho necessário para a guarda do portão.
Porque ficaria preocupada se me dissessem que era necessário um cartão de identificação para entrar e sair da cidade. Então eu gostei disso.
Kaoru criou 4 poções para vender antes de entrar na cidade. 3 poções azul e 1 poção amarela. Todas são poções de cura.
Ela queria fazer um pouco mais, mas Kaoru estava com as mãos vazias e ela não tinha nenhuma bolsa.
É obviamente antinatural manter uma poção nas mãos e é problemático mostrar a caixa de item de repente sem conhecer a situação.
No final, 2 poções estão armazenadas no bolso esquerdo e 2 poções no bolso direito, o limite total é de 4 poções.

Poção azul é uma poção de baixo escalão, e pode curar algumas feridas, como cortes, contusões, etc.
Poção amarela é de nível intermediário, pode curar danos nos órgãos internos, fraturas e assim por diante.
Poção vermelha é uma poção avançada, pode tornar o corpo novo mesmo que seja uma situação de ameaça à vida.

Mas por enquanto, eu só fiz poções azuis e amarelas.
Eu decidi que Vermelho será para uma situação séria, para mais tarde.
Por enquanto, é bom ter dinheiro suficiente para jantar e dormir hoje, então não preciso correr riscos desnecessários.

Kaoru entrou na cidade e confirmou a taxa na pousada localizada perto das ruas centrais.
Assim que ela ouviu o preço. Ela estava indo para um lugar para arranjar um emprego de Caçadora, na Guilda dos Caçadores.
O preço da pousada era de quatro moedas de prata com jantar e café da manhã incluído.

(Bem, se uma moeda de prata é cerca de 1000 ienes ou mais, a poção azul será vendida por 1 moeda de prata, a poção amarela será de cerca de 5 moedas de prata. Ou se pelo menos eu vender tudo por 5 moedas de prata, eu ficarei bem esta noite) (Kaoru)

E ela chegou ao prédio, um prédio que qualquer um saberia que era uma Guilda dos Caçadores.
Marcas com um design com espadas e lança cruzadas, sinais da Guilda dos Caçadores e também estava escritos em letras. Tudo bem, eu posso ler.

Porque o sol caiu. E esta é uma época medieval, então a estrada é bastante escura e todas as casas estão fechando suas portas. Talvez eles só trabalhem ou saiam de suas casas durante o dia.

Bem, é meio difícil de entrar. Mas se eu não entrar, não terei a taxa de acomodação de hoje e jantar...
Eu preparo meu coração e abro a porta. Na mente, eu grito, vamos embora, mas de fato eu apenas silenciosamente abri a porta.
Mas há uma sineta na porta, fez um barulho alto com um "Karan Karan", e o olhar de todos na guilda se concentrou na entrada.
As horas ocupadas da recepção passaram, a maioria das janelas (cabines de recepção) estão desabitadas e apenas uma está aberta.
Janela da noite, é isso? Ninguém está na fila.

O outro lado está próspero. Muitas pessoas que parecem ser caçadores estão conversando, com comidas, bebidas e com muitas mesas arranjadas.
Parece haver um balcão que fornece pratos e bebidas na parte dos fundos.
Sim, é um empreendimento.

O olhar no momento estava em mim e, quando os vislumbrei, todos rapidamente viraram os olhos e voltaram a conversar.
Bem, aqui eu pensei que seria uma cena chamada 「Ei, aqui não é um lugar onde crianças e mulheres vêm」.
Ou 「Ei, Ojo-chan, venha aqui e junte-se a nós um pouco」 ou algo assim?
Eles me ignoraram?

Não, na verdade, eu não quero que vocês se envolvam, mas como devo dizer isso... uhm ... o orgulho de uma mulher, eu sinto que foi raspado...
Não, nada! Por enquanto eu vou tranquilamente ir para a janela aberta.

Talvez porque eu tenha vindo à noite. A recepcionista parece estar mortalmente cansada.
Não, eu não quero que me digam 「Meus olhos estão tão cansados, eu não quero trabalhar」.
Como não há outras janelas abertas, devo perguntar a ela.

「Uhm, desculpe-me!」 (Kaoru)

Eu estava olhando! Mas não posso me retirar aqui. É pelo alojamento e jantar.
Porque eu bebi muita poção, meu estômago está cheio de líquido, eu quero comer uma refeição adequada, e eu quero uma cama macia.

「Bem, você compram poções aqui?」 (Kaoru)
「Huh?」 (Recepcionista)

Ah oh...

「Poção, como remédio? Se for remédio, você deve vendê-lo a um farmacêutico ou a um médico. Por que você está trazendo para a Guilda dos Caçadores?」 (Recepcionista)

... depressiva*

Eu entendo, as poções eram compradas ou vendidas aqui...
Mas então, pelo menos, passo em seguida!

「Me desculpe, eu acabei de chegar a este país e eu não sei de nada... Eu não posso comer ou ficar sem vender isso... Hum, onde estão o farmacêutico e o médico...?」 (Kaoru)
「Os dois não estão abertos em tal momento, e o médico está ausente por um tempo enquanto viaja por outras aldeias e o farmacêutico foi até a sua filha, que se casou na cidade vizinha, algo como um neto nasceu. Bem, eu acho que ele vai voltar amanhã ou depois de amanhã」 (Recepcionista)

Ah ah... estou acabada...
Kaoru desmoronou no local. Tanto o jantar quanto a cama fofa estão ausentes.
Por que você não preparou várias moedas de prata, Celes!
... A resposta é simples. 「Porque ela é a Celes」.

Baka Baka Aho! Lágrimas caem!

E então a recepcionista de alguma forma ajudou Kaoru, mas se ela tinha uma mente de misericórdia ou ela a ajudou por Kaoru ser como uma garotinha fofa foi desconhecido.

「Bem, eu acho que não pode ser ajudado. De agora até amanhã de manhã, estarei ajudando você com minha autoridade. Como sou uma funcionária oficial honrada, permito que você fique, mas estou lhe dizendo que é só por hoje à noite! Mesmo se você estiver chorando no dia seguinte, não haverá próxima vez!」 (Recepcionista)
「Sim, por favor!」 (Kaoru)

Aqueles que se afogam também agarram o bastão (pedintes não podem escolher). Kaoru estava desesperada.

「Bem, em primeiro lugar, vou lhe emprestar uma cama dobrável para um cochilo de emergência de um funcionário, mas você não pode colocá-lo na área exclusiva da equipe, então, por favor, durma em qualquer canto com ele. Não reclame que a cama está dura ou o cobertor é fino, porque eu vou bater em você se você disser!」 (Recepcionista)
「Sim, por favor!」 (Kaoru)
「O próximo é a refeição, mas eu não vou te emprestar dinheiro, você deve administrar isso você mesma. Eu vou permitir negócios temporários especiais, para que você possa vender as poções para os outros caçadores que estão bebendo ali. Ganhe a taxa de refeição por si mesma como: esfregar os ombros dos outros, cuidar deles, etc. Outra maneira é dividir a comida diretamente... No entanto!」 (Recepcionista)

A sortuda recepcionista bateu o balcão com * Don *.

「No entanto, a prostituição é absolutamente imperdoável! Se você fizer uma coisa dessas, você também será expulsa daqui e o homem que te comprou será deixado em estavo meio morto, então lembre-se bem!」 (Recepcionista)

Eu estava olhando diretamente para os seus olhos ardentes.
Até eu posso falar normalmente com um Deus ou Celes, mas esse não é um adversário que eu posso dizer não.
Com pressa, abaixei a cabeça e agradeci, rapidamente voei para a seção de comer e beber.

Se médicos e farmacêuticos estiverem ausentes, há muitas chances de vender poções.
Enquanto isso, na seção de comer e beber, o grito da recepcionista foi ouvido em voz alta.

Se eles planejam fazer isso ou não. Depois de ouvir esse som, nenhum caçador se atreve a fazer algo, mesmo se essa garotinha pretende se vender.
Sua idade parece ser de 15 anos, mas é apenas para japoneses.
Os ocidentais de 12 a 13 anos já se parecem com estudantes japoneses do ensino médio, e eles podem até se parecer com estudantes universitários, às vezes.
É claro que o oposto também é estabelecido, e mulheres japonesas e japonesas adultas são frequentemente vistas como lolitas aos olhos dos ocidentais.
E Kaoru era vista aqui por volta dos 10 a 12 anos de idade. Claro, ela teve sorte, porque a recepcionista a viu assim.
Se ela achasse que Kaoru tinha 15 anos de idade, como uma adulta neste mundo, Kaoru poderia não ter tido uma compaixão tão calorosa.
「Se você é uma adulta, faça algo a respeito, aguente a fome noturna e durma no beiral」, ou algo assim.
Afinal, Lolitas e Bishojo têm muitos benefícios em qualquer lugar do mundo.
「Uhm, você gostaria de comprar uma poção de cura? Uma poção azul que pode curar qualquer ferida por apenas uma moeda de prata ou uma poção amarela que pode curar qualquer dano interno ou fraturas por apenas cinco moedas de prata!」 (Kaoru)

Até os caçadores também querem ajudar Kaoru, mas todos têm sorrisos amargos na cara.
Com uma moeda de prata, eles podem beber 3 a 4 canecas de cerveja. Com outra moeda, eles podem comprar uma quantidade suficiente de refeições e bebidas.
Não importa o quanto estejam motivados, eles não podem gastar uma moeda de prata em remédios feitos com ervas medicinais que um loli carrega.

Mas não havia sinal de venda, apesar de Kaoru achar que seu preço era barato.
Por que não consigo vender? Aparentemente, alguns caçadores estão feridos.
Você planeja economizar dinheiro usando a magia de recuperação depois?
Bem, se eu pensar sobre isso, somente quando o time for sair e não houver um curandeiro em seu grupo que eles precisarão confiar em uma poção de cura.
Se você tiver um curandeiro, seria mais fácil confiar nele para administrar a saúde do grupo.
No caso de você estar na cidade, o custo da cura será mais barato, pois há um curandeiro profissional que fica em sua loja e na cidade eles não precisam se preocupar com MP.
Talvez a ferida possa ser curada a um preço de cerca de 1 xícara de álcool na cidade ou algo assim.

Então, o preço que estabeleci foi muito alto?
Não, mas os caçadores que vão caçar vão precisar de poções quando saírem. Se eu fizer isso muito barato, terei problemas com várias coisas.
O que devo fazer...

Um caçador de meia-idade chamou Kaoru, quando ela estava se perguntando isso.

「Ei, jovem dama. Você acha que pode massagear minha perna direita? Eu me machuquei há algum tempo, e minha perna direita fica dolorida quando o tempo muda. Sinto muito pelo meu hálito alcoólico ao falar com uma jovem como você. Mas eu vou te dar uma recompensa, uhm... Que tal duas salsichas?」 (Caçador A)
「Isso... eu vou fazer isso!」 (Kaoru)

Kaoru está pronta para isso imediatamente.
Ela tem confiança desde que ela tem dado a seu pai e mãe uma massagem de vez em quando.
Como o caçador de meia-idade tem quase a mesma idade que seu pai, Kaoru não sente repulsa alguma. É o mesmo que fazer com o pai dela.
Eu não sei se esse caçador só tentou dar uma desculpa e me deixou comer alguma coisa ou não. De qualquer forma, vou agradecer a ele, dando-lhe uma massagem adequada para a sua perna direita. Por alguma razão, ele se sentiu muito confortável.
Veja-o assim, outros caçadores estão inquietos, eles começam a pedir também.

「Eu sou o próximo! Por favor me dê uma massagem nos ombros, vou dar-lhe dois espetos de aves」 (Caçador B)
「Por favor, dê-me uma massagem nas costas, vou dar-lhe um bife de carne de javali!」 (Caçador C)
「Ei pessoal, todo o seu pagamento é apenas comida! Vou te dar um suco de uva! O que você acha? É muito mais valioso do que os pratos que eles ofereceram!」 (Caçador D)
「Droga, então aqui está uma fruta! Você pode escolher o que quiser! Ah, mas o pêssego é inútil, é demais para você!」 (Caçador E)
「Ku~, droga! Não fique na minha frente, vou dar os pêssegos para você!」 (Caçador F)
「U...」 (Kaoru)

O canto de comida e bebida subitamente tornou-se um tanto barulhento e a recepcionista gentilmente ergueu as sobrancelhas. Parece que a boca dela está levantada um pouco.
Depois de um tempo, os Caçadores chegam a um acordo que não é bom pagar mais a Kaoru com comida ou bebida. Então, o pagamento agora não é comida ou bebida, mas moedas de cobre.
Kaoru está feliz com a mudança de recompensa para moedas, ela alegremente ajuda os caçadores por um tempo

E então a porta da guilda foi subitamente aberta à força.

「Alguém, me leve ao médico, ele ficou gravemente ferido! Por favor, peça à clínica para abrir imediatamente!」 (Caçadora)

Uma mulher caçadora no meio dos vinte anos ou um pouco depois entrou correndo e gritou em voz alta.
Um momento depois, um homem de meia-idade de boa aparência, com cerca de 30 anos, carregava um homem coberto de sangue por volta dos 20 anos de idade, todos eles equipados com uma espada e uma armadura, então eles eram as vanguardas.

「Ele se machucou lutando contra o Urso Cinzento! Apressem-se, por favor, traga-me o médico!」 (Caçador)

O caçador que carregava o homem ferido gritou.
Esta é uma situação de emergência, a recepcionista também deixou o balcão com uma expressão séria no rosto. Mas o que ela disse...

「Me desculpe, o médico está viajando para outras aldeias e ele não vai voltar por um tempo. O farmacêutico também está na cidade vizinha e não se sabe se ele voltará amanhã ou depois. Qualquer caçador que tenha conhecimento sobre tratamento de primeiros socorros ou ervas medicinais, por favor, nos ajude. Devemos pelo menos ajudá-lo de alguma forma」 (Recepcionista)

A expressão dos caçadores do time se desesperam com essas palavras.
Mesmo que alguém viesse, era óbvio que não era uma lesão que alguns amadores pudessem ajudar. Eles só deitaram a pessoa ferida em uma mesa com um cobertor e se desesperaram.

「O que vocês estão fazendo? Por que vocês não o curam rapidamente? Por que nenhum curandeiro está disposto a ajudá-lo? Além disso, se vocês não tiverem um feitiço de cura, ofereçam uma poção avançada, pois a vida dele está em perigo! Vocês podem se preocupar com o pagamento ou outra coisa mais tarde. Por que vocês estão apenas parados aí? Ei, ei!」 (Kaoru)

Para Kaoru, que começou a gritar de repente, as pessoas não conseguem entender o que ela disse e continuam ali.

「E~ei, eu vou fazer então!」 (Kaoru)

Afastando outros caçadores que ficaram no caminho, Kaoru vem ao lado da mesa onde o homem ferido se deitou.
Desde que a armadura já foi removida. Ela puxa a faca da cintura do homem de meia-idade que estava em pé, do time dele, sem permissão e começa a cortar as roupas.
O sangue continuou a fluir da ferida exposta.

「Hey,... Hey...」

Ignorando a voz do homem confuso. Não há tempo para explicar agora.

「Alguém, traga-me o vinho mais forte aqui! Depressa!」 (Kaoru)

Várias pessoas vieram correndo para o balcão de comida e trouxeram uma garrafa de vinho imediatamente.
Quando Kaoru pegou, ela colocou um pouco na boca e cuspiu na ferida do homem.
O homem ferido, que estava inconsciente até agora, levantou-se e gritou.
Isso é doloroso. Mas é melhor do que morrer!
Ninguém mais ao seu redor pode se mover, então ela está tentando o seu melhor.
Então Kaoru tirou uma poção do bolso. É uma poção amarela. Então ela entregou para a caçadora.

「Deixe-o beber. Há apenas uma amarela, por favor, não derrame!」 (Kaoru)

Mesmo que ela quisesse dizer algo, mas quando viu a expressão iminente da Kaoru, a caçadora silenciosamente assentiu e recebeu uma poção amarela.
E então ela moveu a cabeça da pessoa ferida e o ajudou a se levantar, depois ela colocou a poção amarela em sua boca. Ela pegou o queixo dele, abriu a sua boca e derramou a poção na boca dele.
Ela só podia derramar um pouco dentro da boca dele. Então ela repetiu duas vezes e três vezes, toda a poção amarela foi derramada na garganta do homem ferido.
Ao mesmo tempo, Kaoru derramou a poção azul diretamente na ferida.
Ela cospe vinho antes para desinfetar. Agora ela aplica a poção azul diretamente na ferida. Depois de derramar a primeira poção azul e pensar que não foi suficiente, Kaoru despeja a segunda poção na ferida.

As poções tiveram efeito imediato.
As poções azuis lentamente fecham sua ferida e param o sangramento. A poção amarela vai curar quaisquer órgãos internos danificados que ele tiver. Também regenera o sangue perdido. O rosto do homem ferido se recupera lentamente de pálido ao normal. Sua respiração rápida também se torna estável.

Como ele ficou gravemente ferido e isso já faz algum tempo, então ele perdeu muito sangue. Foi uma situação de risco de vida. Se Kaoru tivesse preparado uma poção vermelha de antemão, ela a usaria.

Mas ela de alguma forma salva a vida dele com uma poção amarela.
Poções azuis diretamente aplicadas à ferida também foram eficazes.
Depois de todos olharem para a condição do homem ferido, eles entendem que ele foi salvo.
A caçadora está abraçando o caçador ferido, ela achava que iria perdê-lo para sempre. E o homem de meia-idade fica atordoado e cai no chão.

Eu estava distraída com o caçados ferido e não percebi, mas o homem de meia-idade também sofreu uma lesão muito profunda no braço esquerdo.
O sangue ainda está fluindo. Se ele estava carregando aquele homem machucado com este braço, Kaoru está admirando a resistência e a força mental desse homem de meia-idade.
No entanto, ele ainda está sangrando. Além disso, se esta for uma ferida profunda, levará um tempo considerável para a recuperação completa.
No pior dos casos, não será completamente curado e deixará alguns efeitos posteriores.

Para tal homem de meia-idade ficar assim. Kaoru não pode aceitar isso. Ele é um tesouro da humanidade.
Kaoru apresentou silenciosamente a última poção azul para aquele homem.

「Oi, jovem dama! Você não precisa usar esse remédio precioso. Este nível de lesão não é nada...」 (Caçador)
「Cale a boca, beba isso agora!」 (Kaoru)
「... O~ou!」 (Caçador)

Ele foi encarado intensamente por Kaoru, e o homem de meia-idade recebeu a poção obedientemente e bebeu.
A ferida profunda em seu ombro foi curada imediatamente.
Alguns caçadores da guilda murmuraram quando todos estão em silêncio.

「É um milagre...」 (Caçador G)

No momento seguinte, o salão explodiu em aplausos.

Ooooooooooooooooo!!!」 (Muitos caçadores)
「Jovem dama, jovem dama, jovem dama!!!」 (Muitos caçadores)
「E pensar que eu pedi a ela para massagear minhas pernas! O que estava fazendo...」 (Caçador A)
「Não, você me ajudou com minha fome, eu sou grata. Não há problema!」 (Kaoru)
「Que idiota eu sou, por que eu não comprei esse remédio com uma moeda de prata?」 (Caçador?)

Caçadores continuam gritando e cercando Kaoru. É uma imagem do inferno.
Mesmo que houvesse um anjo aqui.
Kaoru estava confusa.
A história é diferente. Sim, é diferente do que ela ouviu de Celes.
Quando ela percebeu que a história era diferente, Kaoru pensou.

「Oh, isso, Celes é a estranha」 (Kaoru)

Eu recebi uma resposta instantaneamente sem qualquer outra informação e sem reconfirmar.
A razão para isso é simples. Bem, claro, há um motivo perfeito para convencer alguém.
Isso é porque é a Celes. Como está isso, perfeito? Não há espaço para duvidar.

Eu achei estranho. Mesmo que o caçador tivesse ferimentos fatais, ninguém lançou magia de cura. Ninguém vei vender poções.
Todo mundo fez um barulho pela poção de nível inferior e pela poção de nível médio que eu usei.

Celes disse claramente: 「Magia, monstros e caçadores existem」
Então eu pensei que o caçador seria igual ao aventureiro. Bem, isso não era tão longe.
Existem criaturas ferozes, chamadas monstros.
O problema é a magia.
Há magia neste mundo. Isso era verdade, como Celes disse.
No entanto, o que eu pensava era 「Há magos e clérigos no time dos caçadores, usando magia de ataque, magia de suporte, magia de recuperação, etc.」 ou 「Eu uso meu item mágico ou um meio como um catalisador para lançar magia」 ou algo parecido.

Sim, 「Caçador」 e 「Guilda dos Caçadores」 desempenham um papel semelhante ao de 「Aventureiro」 e 「Guilda dos Aventureiros」, como as histórias da Terra, como coleta de material, missões, pedido de escolta, etc.
No entanto, não há magia. Não há magia alguma!
A batalha é toda física. Usando lanças, espadas, machados, arcos e flechas, vários outros.
É completamente o mesmo que a história da terra.
Magia é algo que alguns países pesquisam e um estudioso aprende isso estudando por toda a vida. Até pouco antes da morte por velhice, tudo o que eles podem fazer é:

「Eu posso fazer alguns ml de água da minha mão」 ou 「acender uma vela com o fogo da ponta dos dedos」

Isso era a magia neste mundo, o número de estudiosos que pode usá-la é apenas alguns em dezenas de milhares!

Celes, por que você disse 「havia magia」 se é apenas nesse tipo de nível!!!

Ha ha ha ...

Certamente, parece que não há magia que seja praticamente usável.
Por exemplo, a capacidade dos dragões para soprar fogo.
A capacidade dos dragões de voar com esse tipo de corpo e asas.
O invencível poder de defesa da escama dos dragões.
É tudo sobre os dragões!... Miserável!!
Essa é uma informação que ouvi de várias maneiras dos caçadores.

O tratamento era como a Terra Medieval: beber remédio feito de fitoterapia, remédio para fraturas, suturas com grande cicatriz feitas com agulha e linha.
Claro, não há poção neste mundo.
E conclusão...

... EU FUI E FIZ ISSO AGORA.

Uma droga mágica milagrosa que não existe neste mundo.
O efeito curativo maravilhoso. Uma menina indefesa sem história pode construir isso.
Eu me pergunto o que acontecerá se esta informação vazar?
Vamos embora por enquanto.


***** Próxima manhã. O salão principal da Guilda dos Caçadores *****


De um lado de uma parede está a recepção. O canto de comida e bebida fica do outro lado. Há uma cozinha nos fundos.
O trabalho de escritório da guilda parece estar no andar de cima. Então todos os membros da equipe estão dormindo lá.
E este é o salão principal no primeiro andar. Está em um estado caótico, que ainda não foi limpo do evento estúpido de ontem.
Alguns caçadores acordam e sofrem de dor de cabeça, alguns ainda estão de pé à mesa, alguns estão dormindo no chão, etc.

Kaoru estava dormindo em um canto da parede. Depois de acordar, ela limpa a cama.
Sim, é só a cama para limpar. Canto de serviço de comida? Eu não sei de uma coisa dessas.
A propósito, como uma adulta japonesa adequada, Kaoru sempre chega ao trabalho na hora ou 5 minutos mais cedo, ela não pode ficar sem saber as horas. Ela pediu a Celes para fazer um relógio.
Não é um relógio de marca, mas não vai quebrar mesmo se você bater nele com um poste de aço. Pode suportar a pressão da água até 100 m.
Carregamento Solar, então não há necessidade de se preocupar em ficar sem baterias.
De qualquer forma, é feito por uma deusa.
O tempo de exibição está de acordo com a rotação deste mundo e, claro, há também um despertador, então eu não dormi demais.

Eu não bebi álcool, então tive muito tempo para pensar depois de coletar informações na noite passada.
Conclusão. Saia daqui rapidamente!

Por isso, depois que eu limpei minha cama de manhã.
Eu disse meus agradecimentos ao pessoal da cozinha e a várias pessoas. Se eu tiver tempo suficiente, vou dar uma olhada pela cidade e fugir... mas só a ideia é doce.
Aparentemente eu tinha sido marcada durante a noite.
Eu entendi assim que terminei de limpar a cama.

「Pirralha, você é Kaoru?」 (Soldado)

Eu estava atrasada...
Cinco homens armados com armadura e espada. Há um homem com um equipamento ligeiramente melhor que parece ser um líder.
Este é um grupo de gangues, trabalhando com uma pessoa poderosa e se autodenominando seguranças.
Ontem à noite, encontrei alguém que não estava muito bêbado e perguntei várias coisas sobre esta cidade.
Informação é dinheiro, informação é vida.

Então, o lorde desta cidade e de algumas aldeias nas proximidades é um Barão. Ele parece ser um típico aristocracia que aumenta o já pesado imposto, ama dinheiro e faz qualquer coisa necessária para o avanço na carreira. E todo cidadão por aqui odeia esse lorde.

Bem, mal posso imaginar os aristocratas sendo apreciados pelos plebeus.
O Barão é o aristocrata de nível mais baixo exceto o cavaleiro que é a última classe e não pode governar uma terra.
Sua família era sua esposa, dois filhos e uma filha.
Ele sabia sobre o que aconteceu ontem à noite, ele estava encantado com as oportunidades de ganhar dinheiro em sua terra e isso foi...

5 soldados para uma garota, isso não é demais?
Bem, talvez eles estejam receosos de caçadores atrapalharem e eu tentar escapar?

「O que você quer? Minha mãe me disse que eu não deveria falar com estranhos mesmo que eles me dessem doces」 (Kaoru)
「Na~...」 (Soldado)

Um homem que parece ser o líder olhou para Kaoru.

「O lorde está chamando, venha em silêncio!」 (Soldado)
「Mas eu não sou cidadã daqui. Eu vou obedecer ao lorde de onde eu moro, mas por que eu tenho que obedecer a alguém que não tem nada a ver comigo? Para mim ele não é nada além de um lorde de uma terra desconhecida. Ele é uma pessoa desconhecida, ele está apenas tentando trazer uma garota para sua casa, e até deixando seus subordinados fazerem isso, não está...」 (Kaoru)

Palavras demais, o sangue sobe acima da cabeça dos homens.

「Essa... essa pirralha...」 (Soldado)

O soldado levanta a voz, os caçadores começam a notar e começam a se reunir.

「Chi~, venha!」 (Soldado)
「Ah...」 (Kaoru)

O soldado segura a mão de Kaoru e a puxa para fora da guilda.
Mesmo que os Caçadores desejem parar eles, mas o oponente é um soldado que está sob o controle direto do lorde, eles estão se movendo por ordens do lorde.
Ninguém podia fazer nada, apenas ficar em pé para ver os homens levarem Koaru embora.

(Bem, não seria agora um bom momento para escapar?) (Kaoru)

Mas por alguma razão, Kaoru não foge, ela está preocupada que ela seja morta ou tenha medo dos soldados? Ela está esperando por uma chance de escapar, ou...
Kaoru gentilmente levantou a ponta da boca.

「Oh, soldado, por favor, não toque nisso!」 (Kaoru)

Kaoru começou a seguir os soldados em silêncio sozinha, ela pediu ao líder que agarrou sua mão esquerda assim.

「Ah. Isso? o que é isso...?」 (Soldado)

Desde que Kaoru começou a segui-lo, o líder agora perdeu um pouco seu poder. Ele só segura Kaoru levemente enquanto mantém seus guardas em vez de arrastá-la. Ao ouvir Kaoru dizer isso, ele perguntou de volta.

「É caro, custa mais do que algumas moedas de ouro」 (Kaoru)

Kaoru mostrou a ele o relógio e disse isso.

「Algumas moedas de ouro!」 (Soldado)

Quando ele olhou de perto, é um item de joia incomum que ele não viu antes. O homem sorri.

「Se é uma coisa tão importante, eu vou pegar ele」 (Soldado)

O homem forçadamente tirou o relógio de pulso da Kaoru ignorando a queixa dela e o colocou no bolso. Kaoru fica tristemente deprimida.

(Bem, é uma renda extraordinária. Claro que ele vai agir assim...) (Kaoru)

E o líder parou de sorrir. Chegamos a casa do lorde.

Embora, entre os aristocratas, o Barão seja o mais baixo com exceção do cavaleiro. Ele não deveria ter dinheiro suficiente para construir uma mansão como esta. E era necessário ter essa aparência próspera?
Kaoru foi levada para a casa e foi guiada para um lugar como uma sala de recepção.
Os soldados entregaram Kaoru aos criados na frente da sala e saíram.

「Nós trouxemos a Kaoru-sama」 (Servo)

Um funcionário que assumiu Kaoru disse as pessoas no interior e trouxe Kaoru para a sala.
Na sala, há dois jovens, um com cerca de 20 anos e outro com cerca de 16 anos, uma garota com cerca de 13-14 anos. Um homem gordo parece ser o próprio barão e uma mulher parecida com uma esposa.
Pode ser devido à vida de luxo e falta de exercício que todo mundo esta um pouco acima do peso ou é um genético? O rosto de todos parece redondo...
No entanto, lembro-me da situação e guardo esse comentário na minha cabeça.

「Você finalmente chegou, Kaoru」 (Barão)

O barão sorri. Não, isso parece um pouco nojento.
No entanto, este é um grande serviço. Afinal, a família de um nobre aceitou um cidadão comum.
Além disso, esse barão é conhecido como alguém que não trata bem os plebeus.

「Eu estou grata pelo seu convite, Barão-sama」 (Kaoru)

Kaoru retorna palavras com cortesia. Ela se lembrou disso quando assistiu a um filme antes.

「Ho ho, isso é... Sente-se aqui, seja bem-vinda à nossa mansão」 (Barão)

O Barão está bastante surpreso com a cortesia de Kaoru, mas ainda se lembra de ter um sorriso completo e tenta conversar com Kaoru.
O Barão recebeu um relatório ontem à noite. Um time de Caçadores foi atacado por um urso pardo e um caçador foi ferido seriamente. Bem, não é algo que ele se importe. Mas o relatório também dizia que havia um remédio mágico que curou a ferida séria em um instante.
Além disso, esse remédio foi trazido por uma garotinha que parece não ter ninguém a apoiando.
Ele não acreditou realmente nisso. Mas, e se for verdade? Será uma oportunidade para ganhar uma quantia enorme de dinheiro, não, não é só isso, ele será promovido. Um alto escalão como Marquês não será mais apenas um sonho!

Um medicamento que instantaneamente recupera aqueles que estão prestes a morrer.
Apenas pensando, quanto dinheiro o aristocrata que foi ferido durante uma luta ou acidente estaria disposto a pagar, ou ele pode até adicionar condições para apelar...
Ele pode até apelar para a realeza. Ele pode ser promovido. Um alto escalão como Marquês não será mais apenas um sonho!

Mais sorte é que a garota apareceu em seu território! A sorte está sorrindo para ele. E agora, essa garota está na frente de seus olhos. Sem ter medo, ela retorna com uma cortesia e se senta.
Ele ouviu que havia quatro remédios. Não apenas um, ela tinha quatro e tentou vendê-los a um preço baixo e ridículo.
Isso significa que haverá mais medicamentos e eles são fáceis de obter.
Se ele conseguir a receita, a produção pode ser iniciada e ele monopolizará a receita desse remédio!
Normalmente, ele usaria a força para obter isso. Mas desta vez é problemático, e se esta garota não tiver informação suficiente ou morrer facilmente com a tortura.
Além disso, será um problema para o produtor dizer que essa garota é filha de um médico. Se algum dano vier a ela, seu pai pode não cooperar com ele.
Por enquanto, é uma boa ideia tratá-la de maneira amigável e obter as informações.
Esta menina é apenas uma filha de um plebeu, mas ele disse a sua esposa e filhos para tratá-la suavemente, pois isso seria bom.

Isso é o que Kaoru adivinhou pelo humor do barão. E estava praticamente correto.
Enquanto desfrutava de chá e doces caros por um tempo. O Barão entrou no assunto principal enquanto suprimia seu coração impaciente.

「A propósito, Kaoru, aquele remédio que você tinha,... Onde você conseguiu isso, você o obteve diretamente da pessoa que fez isso?」 (Barão)

Finalmente chegou. Kaoru já preparou a resposta para essa pergunta de antemão...

「Ah, eu fiz sozinha」 (Kaoru)
「Ee~ e!!!」 (Família do Barão)

Não só o barão, mas também sua família, quando ouviram a história de antemão deram uma voz de surpresa.

「Feito por você mesma...」 (Barão)
「Sim, meu pai, que era farmacêutico, morava nas montanhas com materiais abundantes. E eu tenho feito medicamentos e estudado eles o tempo todo. Porque meu pai faleceu, eu vim para esta cidade. Foi a cerca de 5 anos que eu comecei a viver nas montanhas, e eu não consigo entender a cidade em tudo」 (Kaoru)

O barão estava prestes a entrar em colapso com esse tanto de prazer.

Produtora de remédios! Uma garota sem família ou alguém para voltar!
Método de fabricação que ainda não vazou!!

「Bem, você pode fazer esse remédio aqui...」 (Barão)

Para o pequeno e trêmulo Barão, Kaoru responde em voz baixa.

「Não, é impossível」 (Kaoru)
「Por que, por quê?」 (Barão)

O Barão mudou de falar gentilmente para gritar alto quando ouviu Kaoru dizer isso.

「Isso porque as ferramentas necessárias para fabricar o medicamento foram roubadas」 (Kaoru)
「Quando, onde e quem roubou você?」 (Barão)
「A pessoa que me trouxe aqui mais cedo」 (Kaoru)
「Chame Rish! Agora mesmo!!」 (Barão)

O barão gritou alto.

Sim sim, vou mexer um pouco as coisas. Para perturbar a segurança...
Quando o Barão chamou, o homem chamado Rish foi trazido. Claro, ele é o líder daqueles soldados de antes.

「Barão-sama, para que você precisa de mim...?」 (Soldado)
「Cale-se! Devolva o que você roubou dessa garota agora!」 (Barão)

Sua renda extra está perdida, ele olhou para Kaoru, mas como o Barão já deu a ordem, ele não pode deixar de devolver. Ele tira o item que roubou de Kaoru do bolso e entrega ao Barão.

「É isso, né?」 (Barão)

Kaoru pega o relógio do barão e depois olha para ele com cuidado...

「Ah, certamente é isso, mas... foi quebrado」 (Kaoru)
「Não, não...」 (Barão)

O rosto do Barão, que estava ficando vermelho de raiva, agora mudou para azul.
Rish não tem certeza sobre as circunstâncias, então ele fica em silêncio.
Na verdade, as joias não quebraram nem se desmontam.
E Kaoru soltou uma bomba.

「Deve haver uma pessoa que não quer que o Barão-sama tenha o remédio. Depois que o capitão o levou embora, ele também o destruíu apenas para ter certeza disso. Então, quando Barão-sama se machucar, será difícil curá-lo. Que pessoa horrível ele é. Como ele pode fazer algo assim? Ninguém terá qualquer benefício se o Barão-sama se machucar...」 (Kaoru)

Enquanto Kaoru dizia isso, ela estava olhando para Rodolf, o filho mais velho.
Rodolf, que foi encarado por Kaoru, piscou por um momento. Mas ele imediatamente percebeu o significado das palavras dela e mudou sua aparência.

「O que exatamente você está tentando sugerir...」 (Rodolf)

E quando o Barão olha para Rodolf e a única coisa que entra em seus olhos é a aparência de seu filho mais velho tremendo de cara azul.
Rodolf está tremendo como se os pontos de observação de Kaoru estivessem corretos.
Sim, se o Barão morrer, seu filho mais velho, Rodolf, herdará a família e se tornará o próximo Barão.
Rodolf, seu filho mais velho, podia ter uma sensação de crise como o Barão parecia favorecer seu segundo filho.
Rodolf também convidou seu irmão mais novo para caçar pela primeira vez na próxima semana...
Em uma sala embrulhada em pesado silêncio.
Foi desconfortável.
E Kaoru quebra o silêncio.

「Com licença, posso ir para casa?」 (Kaoru)

Não havia como eles deixar Kaoru ir. Ela foi convidada para ficar no quarto de hóspedes.
Agora, Kaoru consertará o artefato e, claro, ela não se esquece de pedir permissão ao Barão para preparar os itens necessários por uma empregada.
Depois de entrar no quarto, Kaoru colocou o pano na maçaneta da porta para evitar que espiem do buraco da fechadura. E ela começa a relaxar dentro.
Ela deixa a cortina da janela aberta.
O quarto de hóspedes fica no 2º andar, mesmo que ela deixe a cortina aberta, ela ainda não pode ser vista a menos que a outra pessoa suba a janela.
Por agora, pedi à empregada para trazer algumas ferramentas, como tesoura e lima.
Mesmo eu deveria ter isso quando eu fugir, mas não tenho dinheiro, então eu deveria fazer algo assim.
Eu pedi muita comida, como doces e salsichas.
Está quase na hora de eu almoçar. Eu não como muito quando almoço com o Barão, então pedi à empregada para trazer para mim.
Claro, não para comer, mas para colocá-los na 「Caixa de Itens」. Agora, a preparação para a fuga prosseguiu suavemente.
Ah, não há problema com a água porque o meu 「Criador de Poções」 pode fazer qualquer tipo de líquido para beber.
No almoço, a atmosfera estava ruim.
Bem, se o Barão considerar isso com calma, ele não vai suspeitar de seu filho de 20 anos.
Parece que ele realmente deixou o filho sem questionar nada. Que pena.
No entanto, não consegui ver o líder soldado Rish-san. Ele foi demitido?
Ao perguntar, eles vieram com:

「Seu braço torcido está doendo?」 (Barão)
「Você não precisa se preocupar com quem usa violência e tira suas coisas importantes」 (Kaoru)
「Você pode ficar à vontade para consertar o artefato」 (Barão)

O meu 「Maya」 funcionou? Ou ele será apenas enviado para outro lugar.
Isso mesmo, 「Mayoru」 era para agir como um Maya Kitajima no mangá 「Glass Mask」 para enganar as pessoas.
A conversa durante as refeições é sem graça. Porque os nobres e os plebeus não têm um tema comum.
O Barão me pergunta como foi o processo de reparo, por favor, espere alguns dias.
Se ele achar que estou reparando, ele pode pensar que eu não vou fugir.
Eu vou ficar no quarto por algum tempo.
E finalmente, a hora do jantar.
Depois de terminar o jantar em segurança, pergunto ao Barão novamente.

「Eu gostaria de ter uma criança com um comprimento de onda perto de mim para me ajudar, tudo bem?」 (Kaoru)
「Qual é comprimento de onda?」 (Barão)
「Oh, isso significa a compatibilidade do comprimento de onda de energia mágica」 (Kaoru)

O Barão aceitou isso com facilidade. Aquela garota será a única a ajudar Kaoru e relatar tudo depois para ele. Ele acha que isso é bom.
Depois de olhar atentamente para os servos, escolhi uma aprendiz de empregada de olhos verdes e longos cabelos louros no ombro, com cerca de 12 a 13 anos de idade.
O Barão não sabia nem pensava que a minha idade era de 15 a 16 anos.
Depois disso, eu disse a ele que queria voltar para o quarto e continuar o reparo.
À noite, quando todos na mansão foram dormir, exceto o turno da noite.
Quando Kaoru abriu a porta do quarto de hóspedes, um soldado de guarda estava de pé ali.
Claro, aquele guarda não é uma escolta, mas um guarda para impedir Kaoru de escapar.

「Por favor, chame aquela garota」 (Kaoru)

O vigia acena e chama a aprendiz de empregada que está esperando no quarto próximo.
Depois de um tempo, a empregada entra. Kaoru diz à criada que ela ficará trabalhando a partir de agora.
E agora ela não pode continuar trabalhando com o estômago vazio.
A menina saiu imediatamente e depois de cerca de 20 minutos, ela voltou enquanto empurrava uma mesa de servir com lanches leves e bules de chá, pratos, etc.
Bem rápido. Bem, desde que rumores dizem que Kaoru é uma grande comilona.
Isso originalmente significava ser a refeição da madrugada?
A empregada entrou no quarto, fechou a porta e empurrou a mesa para perto da escrivaninha.
Kaoru puxou levemente a mão da garota e a puxou para perto da cama.
Ela apertou um lenço no rosto da menina que não estava entendendo a situação.
E a aprendiz de empregada adormeceu imediatamente.
Kaoru rapidamente armazena tudo no quarto na 「Caixa de Itens」.
Primeiro, no baú de roupas. Havia vários vestidos, eles devem ser da filha mais velha do Barão.
Eu me pergunto se o Barão os preparou. Mas eu não sou tão gorda quanto a filha dele.
Em seguida, Kaoru armazena o candelabro, a pintura na parede, a escrivaninha, a cadeira, a estante de livros, o carpete, o lençol de substituição no armário e os lençóis, o armário em si também foi armazenado.
Claro, Kaoru também guardou o prato na mesa de servir que a empregada trouxe. Ela não armazenou a mesa de servir em si.
Depois de guardar a maioria das coisas, Kaoru tirou a roupa de empregada da menina.
E ela mudou para as roupas de empregada enquanto guardava suas roupas.
Kaoru colocou um lençol para cobrir o corpo da garota, então gentilmente tirou a menina da cama e guardou a cama.
Então Kaoru colocou a toalha que a empregada trouxe em seu ombro.
Em seguida, Kaoru usa uma tesoura para cortar o cabelo que originalmente atinge o ombro quase do mesmo tamanho que uma menina deitada no chão.
Depois disso, ela enrolou a toalha com o cabelo cortado e guardou na 「Caixa de Itens」.
Ela também usava uma borda branca que foi removida da menina.
E o toque final, uma poção.
Kaoru bebeu uma poção com o efeito de mudar a cor dos cabelos e dos olhos.
Depois de verificar, Kaoru empurrou a mesa de servir. Abriu suavemente a porta e saiu.
A aprendiz de empregada loira inclina-se para o guarda do lado de fora da sala.
Então ela anda empurrando a mesa de servir lentamente em direção à cozinha.
Um soldado não está interessado em uma criança, então ele não se incomoda em checar ou perguntar à empregada.

Os critérios de seleção para 「a garota com o mesmo comprimento de onda de Kaoru」 foram os seguintes:
A cor do cabelo significativamente diferente de Kaoru, comprimento do cabelo que é consideravelmente mais curto do que o dela enquanto a altura do corpo seja semelhante ao dela.
Uma menina azarada que cumpriu a condição estava dormindo exposta no chão onde até mesmo o tapete foi tirado.
Ela inalou o remédio 「Durma instantaneamente se você respirar um pouco, sem efeitos adversos a longo prazo」.
Porque agora é tarde da noite, quase não há pessoas ao lado do guarda do turno da noite.
Quando não há mais ninguém olhando, Kaoru armazenou a mesa de servir na 「Caixa de Itens」 e silenciosamente deixou a residência do Barão.
Mesmo que ela encontre alguém, ela se comportará como a aprendiz de empregada e dirá que a convidada pediu para ela conseguir alguma coisa.
Mas ela não encontrou ninguém no caminho e Kaoru conseguiu se esgueirar.
Depois disso, Kaoru escapou da cidade.


***** Próxima manhã *****


O Barão fez um grande barulho.
Quando ele foi ao quarto de hóspedes para ouvir o relatório e perguntar a Kaoru sobre o progresso do reparo. Ele viu a porta aberta e quando entrou. Era um quarto vazio que não tinha móveis, não havia nem mesmo o tapete.
A aprendiz de empregada estava deitada no chão. Não há a figura de Kaoru.
O Barão ficou irritado e bateu no vigia, e se preparou para pegar Kaoru.
No entanto, o número de soldados que ele tinha era pequeno.
E Rish, o líder dos soldados, já tinha sido expulso ontem.
Inevitavelmente, o Barão dirigiu-se à Guilda dos Caçadores.

「... Você quer que formemos uma equipe de busca e captura para uma garota?」 (Zilda)
「Está certa! Não se preocupe com dinheiro, organize muitos caçadores agora!」 (Barão)

Ignorando o Barão gritando, a recepcionista responde com calma.

「Você deveria saber, certo? A solicitação é pré-paga, nenhum tratamento especial está disponível na Guilda dos Caçadores, seja você um nobre ou um lorde. Além disso, não podemos aceitar um pedido que não tenha recompensa para outros caçadores que não os que encontraram a garota. Por favor, prepare a taxa de solicitação para cada pessoa no número total de pessoas que você deseja. O período de pesquisa dependerá da taxa de solicitação. Além disso, por favor, prepare uma taxa separada para recompensar o caçador que completar o pedido também」 (Zilda)
「Ok, vamos preparar os caçadores agora!」 (Barão)
「Como eu disse, é pré-pago. Depois que você pagar, eles estarão prontos」 (Zilda)
「Droga! Eu já volto, só espere!」 (Barão)

O Barão correu de volta para a mansão com pressa para preparar o dinheiro.
A voz da recepcionista soou no salão principal da guilda.

「Oh, meu anjo escapou!」 (Zilda)
「Gahahahahahahahahaha!!」 (Muitos caçadores)

A gargalhada dos caçadores ressoou na Guilda.

「Quem aceitaria tal pedido!」 (Hunter X)

Um Caçador gritou, mas a recepcionista negou.

「Chit chit chi, você é tão estúpido. Você e todos aceitem o pedido e ganhem muito dinheiro. E apenas relatem que vocês a localizaram aqui e ali. Tipo: Você a viu na floresta, mas ela escapou. Ou você só encontrou uma ponta das roupas no meio de um penhasco. E mesmo que o Barão te questione, você só precisa contar isso a ele. Ocasionalmente, pode haver alguns erros e desinformação, por isso não pode ser ajudado」 (Zilda)
「Como esperado da 『Recepcionista infernal, Zilda』, tão malvada!」 (Caçador X)

Uma pilha grossa de documentos voou e atingiu o Caçador. E as risadas da guilda continuaram.
Kaoru escapou com sucesso da mansão do Barão e da cidade sem falhar, e ela continuou a fugir.
Ela andou sem parar desde a noite anterior. Seria um grande problema se o Barão movesse suas tropas. Então ela teve que tomar cuidado com os perseguidores enquanto se movia.
Depois de deixar a cidade, ela mudou sua cor de cabelo mais uma vez de loiro para prateado. Ela também mudou a roupa de empregada para outras roupas.
Ela armazenou vários alimentos e não precisava se preocupar com comida por um tempo, e pode fazer bebidas sempre que quiser.
Agora, as únicas preocupações que restam é se ela pode chegar ao destino sem ser atacada por bandidos ou bestas.
Se possível, ela quer reabastecer alimentos e garantir um veículo, mas este mundo não é tão doce.
Ao caminhar, ela percebe um barulho e olhando para trás, há uma cortina de areia à distância. Do barulho, deve ser um cavalo rápido.
Só para ficar segura, ela sai do caminho e se esconde atrás da sombra das árvores.
Bem, eu não me importo de ter uma pausa agora. Eu não estou com pressa.
Se eu freqüentemente checar as costas, eu posso facilmente identificar as carruagens e evitá-las.

O lugar que Kaoru aponta é a Capital.
A Capital é onde a população reúne mais pessoas, é conveniente se esconder no lugar mais lotado.
Há muitos aristocratas lá também, mas, ao contrário, também impede que os aristocratas façam o que quiserem. E Kaoru também pode coletar informações na Capital mais facilmente.
Depois de acumular conhecimento na Capital, ela vai considerar se vai morar lá.
E a biblioteca é a coisa mais atraente para Kaoru.
Por enquanto, ela ainda não pensou em ir para outros países. Ela deve obter as informações necessárias antes de escolher um país.
Ela chegou à próxima cidade por volta da noite. Claro, ela não ficou.
Esta cidade ainda está perto, há uma alta possibilidade de que os perseguidores do Barão cheguem aqui. Kaoru não é estúpida o suficiente para ficar aqui.
Mesmo que ela já mudou a cor do cabelo, ainda é perigoso se houver pessoas que conheçam Kaoru.
Mas Kaoru ainda está vendendo e comprando coisas.
Quanto a esta noite, Kaoru deixa a cidade e dorme na floresta. Ela colocou a cama para fora e espalhou o remédio para repelir animais que ela criou.

Depois de mais 3 dias andando, Kaoru chegou à próxima cidade.
Quatro dias depois da fuga. Um número considerável de dias já passou.
Eu me pergunto se o Barão ainda não desistiu.
Se ele tentar capturar uma garota que não é sua cidadã, em um lugar distante do seu próprio território, será um crime que nem um Barão pode cometer.
O Barão não pode reivindicar quaisquer direitos sobre Kaoru.
Se os perseguidores aparecerem, Kaoru pode fazer muito barulho e pedir ajuda a outros.

Ah, falando disso.
Quanto à minha fuga, o que o Barão achou da situação naquele quarto?
Eu me pergunto se ele achou estranho.
Ou ele pode planejar fazer algo perigoso.
Ou ele simplesmente desistiu e esqueceu tudo.
Bem, eu não acho que ele possa esquecer de mim fácilmente, eu devo ser um peixe grande para ele.
Bem, em todo caso, não tem nada a ver comigo. Agora eu fugi para uma zona de segurança.

De qualquer forma, parece que não há problema em parar na cidade um pouco.
E nos últimos quatro dias, há apenas carruagens de cavalos mercantes além dos cavaleiros perseguidores. E eu tenho me escondido de todos eles. Eu tenho andado sem parar, porque eu tenho poções para recuperar minha resistência, a distância que eu viajo é muito maior do que uma adolescente normal pode viajar sozinha.
Em outras palavras, devo estar fora do intervalo de pesquisa assumido.
Eu também mudei a cor do meu cabelo para prata. Então eu não me preocupo com isso. Em primeiro lugar, minha comida já está esgotada.

Kaoru decidiu parar nesta cidade.
O dinheiro que Kaoru conseguiu na guilda é de apenas quatro pequenas moedas de prata. É aproximadamente equivalente a 400 iene.
Só é suficiente para comprar dois espetos grandes em uma barraca. E dois grandes espetos foram firmemente mantidos na mão de Kaoru.

「Ah...」 (Kaoru)

E Kaoru tem zero dinheiro. Ela tinha mudado de roupa na sombra antes de entrar na cidade. Neste momento Kaoru está usando as roupas de empregada.
Ao vender coisas da casa do Barão, é muito suspeito para uma garota mais comum.
Existe uma grande possibilidade de o dono da loja pensar que essas coisas são bens roubados.
Que tal mudar para as roupas da filha do Barão?
Não, os nobres não tentam vender coisas por si mesmos, ainda é suspeito.
Depois de um tempo pensando, Kaoru escolheu a roupa de empregada.

Uma certa loja de antiguidades.
Uma jovem criada entra na loja e gentilmente se aproxima do lojista.

「Oh, desculpe, meu mestre me disse para vender isso e comprar os ingredientes de hoje...」 (Kaoru)

Uma menina que veste a roupa da empregada doméstica olha o comerciante com os olhos de vista tristes ao prender o castiçal em sua mão.
Lojista abre os olhos, olhando para Kaoru.

「... Eu consegui!」 (Kaoru)

Kaoru ganha 6 moedas de prata.
Se eu ficar na pousada com jantar e café da manhã, vai custar 4 moedas de prata.
4 pequenas moedas de prata para água quente ou toalhas, etc, eu ainda tenho 1 moeda de prata e 6 pequenas moedas de prata para comprar comida antes de partir amanhã.
Ok, então vamos para a pousada.

「Duas refeições e uma noite de estadia, cinco moedas de prata」 (Dono da Pousada)

... A pousada de uma grande cidade tem um preço mais alto do que a de uma cidade rural. Droga.

Mais alguns dias para chegar à Capital.
Quando penso nisso, há um lugar aberto ao lado da rodovia. E há água fresca escorrendo da encosta da montanha ao lado dela.




「Ah, isso é bom!」 (Kaoru)

Kaoru pegou água em sua mão para lavar o rosto.
Ela pode fazer uma poção para substituir a água, mas lavar ao rosto com água fresca na montanha é agradável. Ela também pode lavar o corpo ou tomar banho.
E ela decidiu ficar aqui esta noite!
Ainda assim, não vou dormir no espaço aberto que pode ser visto da estrada.
Entro um pouco na floresta e coloco a cama em um lugar invisível que os que passarem não verão.
Depois de desfrutar de muita água fresca, Kaoru colocou a cama na árvore e dormiu.




「Ainda não chegamos ~ nano?」 (Loli Desconhecida)
「Por favor, espere um pouco até encontrarmos um lugar para parar a carruagem, longe da estrada」 (Cavaleira)

Uma cavaleira do final dos 20 anos tenta acalmar a menina inquieta com cerca de 10 anos de idade.

「Veja, eu lhe disse para terminar antes de partir...」 (menino)

Um garoto de 12 a 13 anos repreende a menininha.

「Mas..., Onii-sama...」 (Loli)

Era uma carruagem de aristocratas puxada por cavalos e seis soldados de cavalaria indo e voltando para protegê-lo.
Na carruagem, há 4 pessoas a bordo: um menino e uma menina, a cavaleira e uma empregada.
Os irmãos aristocratas estão a caminho de visitar a avó distante que estava doente com seus acompanhantes.
Agora, a menina quer ir para a colheita de flores. (NT: forma bonita de dizer que quer ir ao banheiro)
A menina não pode suportar o desejo, pede ao cocheiro para estacionar a carruagem logo que possível. Mas se eles pararem a carruagem na estrada, isso se tornará um obstáculo para outras carruagens. Portanto, o cocheiro está procurando um local adequado para parar a carruagem.

「Tem um bom lugar por ali!」 (Cavaleira)

A cavaleira diz ao capitão para parar em um lugar aberto.
Olhando para ele novamente, este é certamente um lugar agradável. Água fresca que flui da montanha.
A garota pode lavar as mãos depois de terminar. Talvez isso seja algum tipo de lugar de descanso.
Quando a carruagem estava estacionada, a menininha desce e anda e o menino segue dizendo: 「Eu também irei te seguir」.
E uma garotinha corre para a floresta, a cavaleira, o cavaleiro capitão e o garoto seguem atrás dela.
Claro que só a cavaleira a acompanhava.
Os cavaleiros restantes estão guardando a carruagem. O menino e o capitão estão esperando no espaço aberto.
É mais provável que você encontre os bandidos na estrada do que em uma parte muito rasa da floresta.
E depois que a garotinha acabou de pegar flores, ela voltou com o cavaleiro capitão e para o lugar onde todos estavam esperando.
E viram o capitão e o menino parados, olhando para os fundos da floresta.
A cavaleira e a garotinha se aproximaram e olharam para a mesma direção.
... Havia uma deusa lá.
Um pequeno espaço entre as árvores.
Há uma grande cama que está lá.
Era uma cama grande que não podia ser carregada, com muitas árvores ao redor.
Não há vestígios como os de arrastar ou arranhar as árvores ao redor.
E ainda por cima, uma jovem deusa com cabelos de prata tão lisos quanto seda, envoltos em traje branco puro dormindo ali.
Os quatro ficaram sem poder falar por um tempo. Então a menina toma toda a sua coragem e dá um passo à frente.

「Yu-Yunis!」 (Menino)

A menina não ouviu o menino e continuou andando.
E finalmente ela foi para o lado da deusa, ela chamou a deusa adormecida.

「Deusa-sama, Deusa-sama!」 (Yunis)

Ouvindo o chamado da menininha, a deusa abre os olhos lentamente, vira o rosto para a garota.

「Ah~h! Fique quieta!」 (Kaoru)
「Hii~!!」 (Yunis)

A deusa se levanta do sono e seus olhos estão muito ruins. A garota pensou.
Mas depois de arrumar o cabelo e a roupa, ela parece muito bonita.

「Então, a Deusa às vezes quer dormir na terra...」 (Yunis)
「Bem, dormir na floresta natural recuperará o poder o meu poder divino...」 (Kaoru)

Se eu estiver dizendo coisas apropriadas, elas irão embora em breve.
Peguei a cama do Barão para dormir da última vez.
E eu mudei para o vestido branco mais confortável como uma roupa de dormir para ter um bom sono na noite passada. Parece que eu dormi um pouco demais, o sol já tinha nascendo há muito tempo.

「Então, você é a deusa Celestine...」 (Yunis)
「Ah, eu não sou Celes」 (Kaoru)
「Ee!!」 (3 pessoas)

O que a deusa quer dizer quando ela diz que não é Celestine-sama, a única deusa deste mundo?

「Eu vim de outro mundo, Celes é uma amiga minha, Celes me disse para aproveitar e viajar pelo mundo dela」 (Kaoru)

Eu não disse mentiras.

「Então, você é uma deusa de outro mundo! A amiga de Celestine...」 (Yunis)

Ah, essa parte está errada. Oh, bem.
E eu ouvi a história deles.
Parece que a avó desses irmãos estava em uma situação séria.
E os dois foram ver a sua avó doente.
Até os pais deles tentaram detê-los, eles não desistiram, então os pais arrumaram a carruagem e 6 cavaleiros de escolta para viajarem juntos.
Famílias nobres tendem a ter um casamento precoce. Não é incomum casar aos 15 anos e dar à luz aos 16 anos.
Então é normal se tornar uma avó entre trinta e quarenta.
No entanto, se os netos já atingiram essa idade, sua avó deve ter mais de quarenta anos de idade.
De qualquer forma, ela ainda não é velha. Ela deve ter tido uma doença que não é da idade dela.

「Deusa, eu quero ajudar minha avó, por favor, dê-nos sua bênção...」 (Garoto)

Um menino diz a Kaoru isso.
Bom. Por enquanto, sou apenas uma deusa desconhecida de cabelos prateados.
Eu posso ajudá-los, mas gostaria de algumas configurações para tornar isso mais saboroso.

「Ok, mas você deve me contar uma história triste」 (Kaoru)
「Huh?」 (4 pessoas)
「Como eu pedi, conte-me uma história triste se você quiser minha bênção」 (Kaoru)

O cenário do meu remédio secreto são as 『Lágrimas da Deusa』.
Todo mundo parece ter algo para contar. Depois de pensar por um tempo, o capitão de repente começa sua 『história triste, difícil de falar』.

「... É por isso que eu fui influenciado por aquela mulher...」 (Capitão)

Ok, próximo!

「Oto-sama é assustador quando fica bravo e repreende...」 (Garoto)

Ok, próximo!

「... Felissy-chan é realmente malvado, você sabe!」 (Fenis)

Sim, próximo!... Eu estava escolhendo a configuração errada?

「Bem, acho que isso não é engraçado nem triste, mas permita-me falar sobre algo...」 (Cavaleira)

A última é a cavaleira.

「Eu tive poucas proposta de casamento quando eu tinha cerca de 16 a 17 anos de idade, mas passei todos os dias me dedicando a treinar, com o objetivo de me tornar uma cavaleira. Eu recusei tudo porque não havia tempo para isso. Eu estava sempre treinando. Recentemente, finalmente percebi que meus amigos, colegas, juniores e irmãs se casaram e tiveram filhos. Eu tenho 27 anos já. Minhas mãos também são duras por balançar demais a espada. Meu corpo é todo musculoso, sem qualquer suavidade feminina... Eu me pergunto se vou ficar sozinha pelo resto da minha vida. Se eu tivesse uma segunda chance de começar de novo aos 15 anos, acho que eu deveria ter me casado na época... Não, não é nada demais, uma história dessas não é assim tão triste」 (Cavaleira)

A Deusa choou muito! Seu rosto está molhado de lágrimas.
De repente, ela dá três poções diferentes.

「Eu estava muito triste, então fiz 3 poções...」 (Kaoru)
「O qu- ha~a...」 (Cavaleira)

A cavaleira tem uma cara complicada, imaginando se o que ela falou era uma história tão triste.

「Esta azul é para sua avó」 (Kaoru)

Eu dei ao menino uma poção azul.

「Você deveria beber esta vermelha. Mas se você não beber na frente de pessoas confiáveis, superiores, empregadores, etc., você pode estar em apuros」 (Kaoru)
「O qu- ha~a...」 (Cavaleira)
「E esta poção amarela pode curar qualquer tipo de lesão ou doença」 (Kaoru)

Então eu dei a poção vermelha e amarela para a cavaleira.
Esta poção vermelha, azul e amarela, desta vez, é apenas uma diferenciação de cor para a distinção, não uma classificação como com uma poção de cura.

「Você deveria ir agora... eu também vou sair daqui em breve. A onda de força divina quando a cama desaparecer terá uma má influência sobre os seres humanos」 (Kaoru)

Quando a deusa disse isso, as quatro pessoas saíram e elas não se esqueceram de agradecer muitas vezes antes de sair
Ao ameaçar com o poder de Deus, pensei que eles não ficariam e veriam a situação. Mas só para estar segura, vejo a carruagem puxada por cavalos e a escolta cavalgando para longe da abertura das árvores.
Então Kaoru guardou a cama e deixou aquele local às pressas. Não, eu posso tomar meu tempo.
Apenas um pouco mais para a Capital do Reino Brancott.
Eu fiz essas poções sem pensar, mas foi da deusa que por acaso veio a este lugar.
E mesmo que um milagre aconteça, não tem nada a ver comigo. Eles não me encontrarão novamente afinal.
Então não tenho que me preocupar. Afinal, já que isso é o trabalho de uma deusa.
Eu me pergunto se a poção vermelha funcionará bem.
Eu não sei se tem o efeito perfeito como eu desejei, mas bem, mesmo que a poção só dê um pouco do efeito que eu quero, será bom o suficiente.
Essa história foi muito triste. Eu fiquei chorando seriamente. Eu devo ter cuidado para não fazer isso novamente, depois do que aconteceu aqui.
O grande serviço para este tempo é apenas a 「taxa de ensino」...
***** Gurua, Capital do Reino de Balmoa *****


Há uma audiência com a família real no palácio real. A família do Conde está ajoelhada diante de seu Rei.

「Levantem seus rostos」 (Rei)

O jovem Rei, que ainda está no meio dos 20 anos de idade, permitiu que a família do Conde levantasse o rosto e falesse.
Conde dos Adan, Gerard von Adan.
Atrás dele está seu filho mais velho Hector, que ainda é uma criança, sua filha mais velha, Yunis.
E um pouco mais atrás está o capitão da escolta Robert e a cavaleira Francette.
Durante a audiência, há um grande número de pessoas presentes, incluindo ministros e nobres sênior.

「Então, Conde Adan, você alegou que conheceu a deusa?」 (Rei)

Conde Adan responde com uma voz de medo às palavras do Rei.

「Recentemente, a mãe da minha esposa estava doente. Eu estava muito ocupado, então eu e minha esposa não poderiamos visitá-la. Mas tanto meu filho quanto minha filha estavam querendo encontrar sua avó doente a todo custo. Era muito perigoso para eles viajarem sozinhos, então eu organizei uma equipe de cavaleiros de escolta... Mais detalhes serão explicados pelo capitão dos cavaleiros da escolta, Robert...」 (Conde Adan)
「Bem, sua esposa era certamente de um país vizinho. Eu permito que você fale. Robert, por favor, explique」 (Rei)

Robert explica os detalhes do incidente com a permissão do Rei.

「Bem, é um pouco inacreditável...」 (Outro nobre)

Depois de ouvir isso, um sorriso falso vaza de um aristocrata que assistia ao audiência com o Rei. O rosto de Robert ficou vermelho.

「Então, o que aconteceu depois disso?」 (Rei)
「Sim, Hector-sama deu o remédio da deusa para a sua avó, no momento em que sua avó bebeu,... ela ficou totalmente recuperada」 (Robert)

Os nobres próximos, que não falaram durante a audiência, ficaram barulhentos como:

「Você quer ser morto, dizendo ao Rei uma grande mentira...」 (Nobres)

De qualquer forma, os nobres próximos estão chamando o Conde Adan de um mentiroso e rindo dele.
De repente, a cavalheira Francette gritou em voz alta.

「Sua majestade, isso」 (Francette)

Ela tira uma poção amarela do bolso.
O Rei olha para ela por um breve momento, mas ele ordena imediatamente.

「Traga isso aqui」 (Rei)

Como o Rei ordenou, a poção amarela foi entregue ao atendente.

「Este é o remédio da deusa?」 (Rei)
「Sim, para Roland-sama」 (Francette)
「O que!? Entendo. Se esse remédio pode realmente curar meu Aniue, eu posso dar o trono de volta ao meu Aneue」 (Rei)

O irmão mais velho do Rei, Roland.
Ele era um homem com bravura e tinha talento para assuntos políticos.
Ele também tinha a confiança dos vassalos.
Todos, e até o atual Rei, sempre acreditaram que Roland seria o melhor Rei de todos os tempos.
No entanto, um acidente infeliz aconteceu, a fim de proteger seu irmão Serge, ele teve uma lesão grave. Seu braço direito parou de se mover.

Roland deu a sucessão do trono a seu irmão.
E após a morte de seu pai, ele estava apoiando Serge, que sucedeu ao trono.
Para o jovem Rei Serge, Roland era a pessoa que ele mais respeitava neste mundo. Portanto, ele sempre sofreu com a culpa.

「Por favor pare com isso!」 (Nobre)

Uma voz se eleva entre os aristocratas.

「Sua majestade, você não pode deixar Roland-sama beber essa coisa duvidosa!」 (Nobre)

Naquele momento, Francette rapidamente tirou outra poção de seu peito e levantou-a sobre a cabeça. A cor da poção é vermelha.

「Este também é um remédio da deusa! Sua majestade, por favor olhe!!」 (Francette)
(Eu imploro, minha deusa, por favor funcione) (Francette)

Francette tira a tampa e bebe tudo de uma vez.
Naquele momento, a cavaleira é envolta em luz.
E no momento seguinte...

「Oh!」 (Nobre)
「O que, o que!!」 (Nobre)

Havia a figura da cavaleira que era menor que antes.
Seus equipamentos e roupas ficaram soltos.
Ela parece uma garota de 15 a 16 anos...
Ignorando os nobres barulhentos, o Rei segurou o frasco de remédio amarelo e correu para seu irmão mais velho, Roland.

「Aniue, por favor beba isso!」 (Rei)
「Não, você deve manter isso para quando algo acontecer...」 (Roland)

Roland tenta empurrar a mão de seu irmão com a mão esquerda, mas Serge não se retrai.

「Do passado até agora, você é a pessoa que eu e todos respeitamos mais! E a deusa disse a essa cavaleira para dar esse remédio àquele que ela escolheu」 (Rei)

O Rei Serge continuou falando com seu rosto chorando.

「Quem ela escolheu foi você, Aniue. E mesmo se ela me escolhesse, eu ainda iria dar isso a você」 (Rei)

Quando viu aquele rosto, Roland sabia que seu irmão definitivamente não desistiria. E ele recebeu o frasco de remédio.
Ele calmamente abriu a tampa e bebeu lentamente.
Nada acontece. Seu corpo não brilha e ele não rejuvenesce como Francette.
Contudo...

「... Move...」 (Roland)
「Aniue!」 (Rei)
「Ele se move, meu braço direito se move,...」 (Roland)

O Rei, Serge, cuidadosamente observa o braço do irmão mais velho que pode se mover livremente.
Depois de um tempo, Serge abraça Roland. Ele abraçou seu irmão mais velho, Roland, e transbordou de lágrimas.
Os nobres que estavam fazendo barulho se aquietaram, também choraram ao ver o Rei e seu irmão.

「Aniue, vou realizar a cerimônia de coroação em breve. Você deveria ser o Rei」 (Rei)
「Eu não quero isso」 (Roland)
「Huh?」 (Rei)

O Rei está surpreso com seu irmão mais velho recusando o assento de Rei com um tom claro.

「Tornar-se o Rei é uma coisa problemática, eu não vou fazer isso, não vá me incomodar. Desculpe, mas vou colocar todas essas coisas problemáticas para você. Vou aproveitar a minha vida sem pressa, Serge!」 (Roland)
「Aniue...」 (Rei)

A cavaleira Francette está muito feliz.
Um corpo jovem! Meu corpo não é musculoso ou duro, é macio e suave.
Embora eu tenha 27 anos.
Mas eu disse à deusa que 「eu gostaria de ter 15 anos de novo」.
Então, agora, meu corpo deve ter 15 anos!
É uma pena que eu perca minha força física e os musculos que treinei com muito esforço por muito tempo.
Mas ainda me lembro das técnicas. Seria mais fácil treinar.
E poderei usar o tempo que quiser para me associar com outras pessoas.
Fufufufufu...

「Ei, você está fazendo uma cara estranha...」 (Robert)
「Cale-se agora!」 (Francette)

Eu cutuquei o ombro do capitão que interrompeu meu pensamento de felicidade dizendo coisas extras.
Porque meu corpo é pequeno, minha força deveria estar menor.
Sim, deveria estar.

Ebu~!

É muito mais rápido do que eu pensava e o poder também é muito mais forte.
O capitão estava caido no chão.

「Ee...」 (Francette)

Minha força e velocidade muscular não estão fracas...
É bem mais forte que antes.

「Você é a cavaleira Francette, certo」 (Roland)
「Sim」 (Francette)

O irmão do Rei, Roland, de repente está falando com ela, e Francette fica surpresa.

「Bem, acho que nunca nos encontramos cara a cara diretamente, então por que eu?」 (Roland)
「Ee?」 (Francette)
「Quero dizer, por que 『Quem você escolheu』 sou eu, mas não o Rei... você nem sequer me conheceu」 (Roland)
「Bem, sobre isso...」 (Francette)

Eu não posso dizer isso. Eu ansiava por ele há muito tempo atrás.
Eu ansiava por aquela figura que protegia seu irmão mais novo com seu corpo.
E eu pretendia me tornar uma cavaleira real com esforços desesperados. Algum dia eu gostaria de servir Roland-sama e proteger a família real, tal sonho de uma garota de 15 anos...

「Oh bem, vamos ouvir depois」 (Roland)
「Ee~...」 (Francette)
Kaoru finalmente chegou à capital do Reino Brancott.
Felizmente, havia um comerciante que passou pela manhã e Kaoru pegou uma carona na carroça.
O comerciante está a caminho de casa depois que ele vendeu todos os bens, a quantia que ele comprou naquela cidade é menor que o número que ele carregava. Há muito espaço na plataforma de carregamento, então ele deu uma carona para Kaoru.
Não é muito rápido comparado a andar, já que a carroça não está com pressa. Sua velocidade de deslocamento é, no máximo, cerca de 20% mais rápida.
No entanto, é apenas 20% mais rápido 「se comparado a um homem adulto neste mundo」.
Comparado com a velocidade de viagem de Kaoru, é 50% mais rápido.
Mesmo que viajar de carroça seja mais rápido e ela possa alcançar o objetivo sem se cansar... 「Mas... minha bunda dói」.
E a carroça chegou ao reino mais cedo do que Kaoru pensou.

O comerciante parece pensar que Kaoru era uma criança pequena.
Ele se preocupa em deixar essa criança pequena andar sozinha. Além disso, seu filho parece estar entediado na plataforma de carregamento.
Então ele decidiu ajudar Kaoru e dar a seu filho uma parceira para conversar durante a viagem.
Aos 10 anos e um estagiário, o menino não é muito útil para a coleta de informações.
Ele é apenas um menino que quer se tornar um comerciante, seguindo o rastro de seu pai, como a maneira de lidar com truques e clientes, negócios,...
Bem, Kaoru tenta perguntar, mas o garoto realmente não sabe nada de útil.
Então Kaoru está perguntando ao comerciante.
Ela traz 3 exemplos de 「itens da casa do Barão」.
Claro, ela finge que tira da bolsa que preparou.
O comerciante disse a ela que seria um pouco mais barato do que vendê-lo corretamente, mas ela estava disposta a vendê-los.

(Com esse dinheiro, ficarei bem por alguns dias, hospedada na pousada) (Kaoru)

Kaoru desceu logo antes da carroça chegar ao portão da cidade. Ela agradeceu e disse adeus.
Ao contrário do comerciante que tem um passe de residente e um passe de registro de comerciante. Kaoru não tem nada, pelo que ela ouviu há um procedimento.
Como esperado, a Capital é cercada por muros e ela tem que passar pelo portão onde muitos guardas estão verificando todos que entram e saem.
Como Kaoru é uma cara nova e não tem nenhum passe, ela é guiada para se alinhar em outra fila.
E de lá, ela vai receber mais perguntas no canto 「Você gostaria de falar um pouco mais?」.

(O guarda suspeitou de mim?) (Kaoru)
「Então, por que você está viajando sozinha, onde está sua família?」 (Guarda)

O guarda ataca.

「Bem, todo mundo já morreu... E como meu tio tirou a casa que meu pai deixou para trás... ele até planejava me vender, então eu fugi sozinha... Eu pensei que se eu pudesse trabalhar na cidade, eu poderia viver por mim mesma...」 (Kaoru)

Contra-ataque de Kaoru. O guarda recebeu um acerto crítico!
Kaoru conseguiu prosseguir imediatamente. O guarda lamentou, mas Kaoru ainda teve que pagar 3 moedas de prata, porque é uma regra.
Kaoru recebeu um passe temporário, mas parece que ela tem que encontrar um trabalho logo.
Claro, Kaoru originalmente pretendia fazer isso. Seu objetivo agora é trabalhar e coletar informações durante o tempo livre.
Ela não pode mais vender poções de cura e poções de recuperação. Na melhor das hipóteses, ela pode usá-las para si mesma.
Então ela considera algo que não é um remédio valioso, mas é possível vendê-lo por um tempo.

(Sim, por exemplo, cloreto de sódio... Não, não, não é bom, sal não é bom. É perigoso vender algo sem saber a distribuição de sal, preço, monopólio ou coisa parecida. Eu nem sei se é sal marinho ou sal de rocha que está sendo circulado. Sim, eu não vou repetir o mesmo erro) (Kaoru)

Kaoru é uma garota que pode aprender com seus erros.
Quando ela passou pelo portão, Kaoru foi até o Centro de Trabalho que o comerciante lhe contou.
Ela precisa ir até lá e descobrir se há algum emprego. Se ela não conseguir encontrar, ela tem que ficar no hotel esta noite e o dinheiro dela vai diminuir.

Centro de Trabalho, Ao contrário da Guilda dos Caçadores, que lida com assuntos difíceis como escoltas, mercenários, subjugação e colheita perigosa.
É o Centro de Colocação de Trabalho que introduz para trabalhos como empregados comuns, balconistas, funcionários, coletas fáceis e seguras.
O empregador emite um pedido de recrutamento e, nesse momento, paga alguma taxa de registro de solicitação.
No caso de o trabalho ser decidido, o Centro de Trabalho receberá a comissão completa. Isso também é do lado do empregador. Os candidatos a emprego geralmente têm pouco dinheiro em suas mãos afinal.
Naturalmente, mesmo que o empregado saia imediatamente após ser contratado, essa taxa não será reembolsada. Foi o empregador que decidiu contratar depois de ver o empregado afinal.

Depois que Kaoru chegou ao Centro de Colocação de Trabalho, ela rapidamente confirmou o conteúdo do recrutamento no quadro.
Existem vários trabalhos, mas o local, o tipo de indústria, as condições de recrutamento, etc, não são compatíveis com ela.
Como trabalhar nas montanhas próximas, trabalho pesado, apenas homens, pessoa experiente, etc.

Também não é bom se Kaoru não tiver tempo livre suficiente. Porque vai atrapalhar a coleta de informações dela.
Ela pode economizar dinheiro se tiver um emprego no local de residência. Claro que não é um trabalho sem tempo livre como viver como empregada doméstica na mansão de um nobre... e assim por diante.
Ela tentou se candidatar como uma garota assalariada uma vez, mas como era de menor, ela foi recusada porque ela não podia ser uma recepcionista.
Até mesmo depois que Kaoru dizer que ela tem 15 anos. Outros pensarão que ela mentiu para o trabalho, e quando eles já pensam que ela está mentindo, é claro que eles não podem escolher ela.
No final, ela escolheu se tornar uma garçonete de um certo refeitório.
Fora do horário de expediente, ela é livre para fazer qualquer coisa, como a coleta de informações.
Ela também é grata que as refeições serão servidas para ela também.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Oh, já é tarde. Vamos fazer uma pausa para hoje」 (Fabio)

Com a palavra de Fabio, Fernand Brancott, o primeiro príncipe do Reino Brancott interrompe seu trabalho de escritório com um grande suspiro.
Fabio é o filho do primeiro ministro deste país.
Alan, filho de outro ministro.
Os dois são amigos de infância de Fernand.
Claro, eles não se tornaram amigos por acaso.
São os chamados "amigos da escola" que foram decididos entre os pais.
Três pessoas ficaram amigas com a especulação de seus pais, mas sua personalidade combinava bem e eles se tornaram verdadeiros amigos.
Quanto a Fabio, ele se comporta como o filho do presidente.
E Alan é como um caçador que mora no centro da cidade, um homem que vive com a espada.
Ao escolhê-lo como um amigo de escola, seus pais nunca teriam pensado que Alan se tornaria assim.
No entanto, Fernand e Fabio gostavam dessa parte de Alan também.
Todo mundo já tem 18 anos, eles já estão na idade do casamento.
Especialmente Fernand, o príncipe deste reino. No entanto, os três ainda queriam se divertir mais um com o outro.

「Finalmente... é hora de almoçar, vamos pedir para trazerem?」 (Fabio)
「Não, devemos ir comer fora junto com Alan hoje」 (Fernand)

Porque a refeição do castelo às vezes não combina com seu gosto. Ele deve trazer Fabio para comer fora, já que Alan sempre vai comer fora do castelo. Fernand achou que sim.

「Ok então, deixa eu te tratar hoje!」 (Alan)
「Bem, isso é meio...」 (Fabio)

Alan empurrou o envergonhado Fabio para fora enquanto Fernand imediatamente preparava roupas para sair.


♦ ◊ ♦


「Aqui é apenas uma pequena loja, mas é um lugar divertido」 (Alan)

Esta é a loja que Alan começou a comer recentemente.
E como amigo, ele queria trazer Fabio por todos os meios. Ele nunca pensou que Fernand iria segui-los, embora.
Fernand e Fabio hesitam por um momento em frente ao refeitório onde todos são plebeus. Eles se sentem fora do lugar, especialmente Fernand. Mas Alan os convidou hoje, eles decidiram entrar.
Ao entrar no refeitório, há apenas alguns clientes porque estão muito longe da hora do almoço.
Alan pegou o item colocado na mesa, sentou-se apropriadamente e mostrou-o a eles.

「Aqui, tem o nome dos pratos aqui, isso é muito interessante」 (Alan)

Fernand e Fábio voltaram a sua linha de visão e viram que havia alguns nomes de pratos escritos ali.

「Vamos ver, 『Macarrão de sopa suave』, 『Arroz de ameixa ou salmão』, 『Empanado de tomate em ovo com arroz de frango』..., o que é isso?」 (Fabio)

São pratos que ele nunca ouviu antes, Fábio tinha uma cara de idiota ao dizer isso.

「Bem, deixe comigo. Ei, 『Empanado de tomate em ovo com arroz de frango』 para três!」 (Alan)
「Ei, você egoisticamente decidiu por nós também...」 (Fabio + Fernand)

Com Alan decidindo tudo sozinho e pedindo três porções. Os outros dois estão bastante insatisfeitos com isso.
Alan perguntou à garçonete quando ela levou os pratos para a mesa.

「Eme-chan, a loja está bem com a consulta hoje?」 (Alan)
「Bem, por enquanto, restam apenas alguns pais e seus filhos. Eu acho que está tudo bem, então qual curso?」 (Eme)
「Sim! Curso de 5 de moedas de prata」 (Alan)
「U~wa, denso! Bem-vindo~!」 (Eme)

Assim que Alan disse isso, a garçonete, Eme, deixou a mesa feliz.

「O que é isso tudo... Alan, o que você está planejando...」 (Fabio)
「Bem, será divertido depois disso! A propósito, se você não comer ele rápido, ele vai esfriar e perder o sabor!」 (Alan)

Alan lhes disse isso, eles também acharam estranho, mas começaram a comer os pratos.

「Huh?」 (Fabio + Fernand)

Eles pareciam surpresos e pararam de segurar a colher por um momento, mas imediatamente moveram a mão e retomaram a refeição. Eles estão comendo muito rápido.

「Como pode ser tão bom o gosto? Eu não deveria fazer pouco das pessoas comuns」 (Fabio)
「Sim, certamente. Valeu a pena sair para comer」 (Fernand)

Alan tem um rosto convencido ao ouvir e Fabio não o refutou dessa vez. E logo depois Alan tinha um rosto travesso e disse.

「O que você está dizendo? Embora cozinhar também seja bom, não vou me incomodar em tirar o ocupado Fabio do castelo só por isso」 (Alan)

Fernand está se perguntando o que é tão interessante, então ele calmamente escuta Alan.

「Parece que é hora de eles pararem de Servir」 (Alan)

Depois que Alan disse isso, uma garota apareceu da cozinha, indo em direção a uma mesa ao lado de Alan. Há alguém parecido com um comerciante.
Sua idade era de 10-12 anos, ela tem um raro cabelo preto com olhos negros, um estilo exótico de características faciais.
É fofa... ela é definitivamente fofa, mas como dissemos sobre ela, seu olhar é um pouco duro... ou, para ficar claro, sua aparência é fofa, mas seus olhos são ruins.

「Aquela garota é Kaoru, eu queria mostrar ela para o Fabio hoje」 (Alan)
「Aquela garota?」 (Fabio)

Alan ri para o surpreso Fabio.

「É isso, assim que terminarmos um pedido e esperarmos um pouco. Ela abrirá uma cantp de consultas com permissão do mestre. Ela também compartilhará o lucro com outras garçonetes. Todos aceitaram de bom grado fazer o restante do trabalho」 (Alan)

Enquanto Alan dizia, a garota chegou na mesa ao lado.
As três pessoas tentavam ouvir.

「Muito obrigada, Boman-san, que tipo de consulta você terá hoje?」 (Kaoru)
「Oh, o cliente de hoje é meu filho, Charles. Parece que há algo que ele quer ouvir de você」 (Boman)
「Eu entendo, serão 5 pequenas moedas de prata. Bem, então, Charles-kun, por favor, me pergunta qualquer coisa」 (Kaoru)

A linda garota sorriu para ele e o menino de uns 10 anos perguntou a ela enquanto corava.

「Uhm, eu ouvi falar de você antes, o que eu quero perguntar é: há 『clientes que continuam reclamando』... são apenas alguns dentre muitos clientes. Então, quero reduzir esses clientes problemáticos. Seria melhor para mim cuidar de um grande número de clientes. Eu não quero me preocupar com esses clientes... mesmo que eu os agrade, só conseguimos um pequeno lucro, afinal. É bom fazer isso?」 (Charles)

Com a pergunta do menino, Kaoru sorri gentilmente e responde.
Quando o menino vê seu rosto sorridente, o menino sente-se em repouso.

「Não, na verdade, muitas pessoas não reclamam, mas isso não significa que não há nada para reclamar. Eles simplesmente não se incomodam em fazer algo tão problemático. Eles só precisam ir para outra loja afinal. Não é como se essas pessoas não reclamassem porque estão satisfeitas. E mesmo que eles não digam na loja, eles vão reclamar para outras pessoas. Então, o número de clientes diminuirá gradualmente antes de você perceber. Mas se há algumas pessoas que se incomodam em reclamar e dizer-lhe o mau lugar da loja. Charles-kun não acha que você pode melhorar sua loja e satisfazer mais pessoas quando já sabe onde consertar? Você não acha que deveria agradecer a esse cliente?」 (Kaoru)
「Sim」 (Charles)
「E, às vezes, há pessoas que exigem dinheiro ameaçando sua loja. Para esse tipo de pessoa, você absolutamente não deve dar nenhum dinheiro. Você pode pensar que 『tal problema pode ser evitado apenas perdendo um pouco de lucro』. Mas se a notícia de que sua loja vai dar dinheiro quando for ameaçada se espalhar. Os bandidos em todo o país terão como alvo sua loja. Por essa razão, essa pessoa deve ser esmagada. Mesmo se perdêssemos algum lucro por isso」 (Kaoru)
「Sim」 (Charles)
「Além disso, se a loja mudar quando os clientes aconselharem, você não acha que os clientes ficarão satisfeitos e continuarão retornando?」 (Kaoru)
「Sim, de fato...」 (Charles)
「Charles-kun, os clientes não são um pato para o comerciante sugar dinheiro. Eles são parceiros comerciais iguais, amigos e um professor que vai lhe ensinar muitas coisas」 (Kaoru)
「Eu entendo...」 (Charles)

A explicação da garota continuou, e o pai também ficou impressionado.

[Ei, o que há com essa garota! Quem é ela!] (Fabio)
[Ela é uma garota interessante, não é?] (Alan)
[É verdade!] (Fernand)
[Ela não estava dizendo que a taxa era de 5 pequenas moedas de prata? Mas Alan, você disse que colocou 5 moedas de prata?] (Fabio)
[Fabio, vou entregar a pergunta diretamente a você, pense nisso agora] (Alan)
[Não coloque pressão de repente em mim...] (Fabio)

Oh, ela veio aqui.

「Alan-san, curso de 5 moedas de prata, certo? Eme-chan estava dançando 『Dança do Compartilhamento』 lá atrás」 (Kaoru)
(Que tipo de dança é essa!!) (Alan + Fabio + Fernand)
「Oh, bem, como você pode ver, eu trouxe meus amigos hoje, Fa e Fer. Há algo que queremos ouvir!」 (Alan)

E Alan sacode Fabio.

「E, eeeee...」 (Fabio)

Fabio estava pensando no conteúdo da pergunta em pânico.
Kaoru estava fazendo um trabalho paralelo entre o trabalho da garçonete.
Claro, foi oficialmente reconhecido pelo proprietário e colegas.
O conteúdo do trabalho é um 「canto de consultoria」.
Ela dava conselhos à consulta do cliente, respondia a perguntas e assim por diante.
É uma operação apenas por um curto período após a loja receber o último pedido.


♦ ◊ ♦


Bem, a taxa de entrada da biblioteca é um pouco alta, e eu estou muito muito muito interessada em comprar livros...
Por isso, decidi fazer um trabalho secundário e ganhar mais. É um canto de consultoria.
Conversar com várias pessoas pode ser útil para coleta de informações
Eu vou dar 40% da minha renda do meu trabalho para os meus colegas.
Ao dividir para as garçonetes, será de 20% cada.
Às vezes, vou ter um grande convidado como o Alan-san. Quando nós compartilhamos, as outras garçonetes receberão uma moeda de prata cada.
É uma boa quantia para as meninas, então elas são muito agradáveis.
Em momentos como este, eles geralmente fazem uma 「Dança do Compartilhamento」.
Eu reflito sobre o meu fracasso anterior e não vou vender nada por um tempo.
Como uma menina sábia, eu vou ganhar com sabedoria.
PJá que eu estou vivendo com as refeições sendo fornecidas, eu não tenho problemas com a minha vida.


♦ ◊ ♦


No começo, não havia ninguém tentando consultar com Kaoru.
Isso era natural. Quem pensaria em perguntar a uma menina de 10 a 12 anos sobre seus problemas ou procurar conselhos para eles? Kaoru se sentia muito triste quando não havia nenhum cliente.
No entanto, houve um ponto de virada.
Um ancião perguntou a Kaoru sobre seu problema.
Talvez ele quisesse que alguém ouvisse sua reclamação com 5 pequenas moedas de prata como a taxa do pedido... é equivalente a cerca de 500 ienes... Ele desistiu da bebida naquele dia para pagar a taxa.

「Eu me aposentarei logo e darei tudo a 2 netos. Mas eu estava com problemas porque não conseguia escolher como dividir. No entanto, sempre que eu divido, parece 『injusto』. Meu filho já faleceu e eu não quero que meus netos tenham rancor entre eles...」 (Ancião)

Kaoru respondeu. Claro que o cenário dela era “Sim, é fácil de resolver! Eu ouvi isso em algum lugar antes”.

「Então, por que você não deixa um de seus netos dividir como ele quiser até que seu neto ache justo. Então, deixe o outro neto escolher o que ele quiser primeiro, para que ninguém se queixe...」 (Kaoru)

O mais velho tinha um rosto surpreso.
As colegas garçonetes de Kaoru e outros convidados que estavam ouvindo também ficaram surpresos e olharam para Kaoru.

「Eu entendo...」 (várias pessoas)

Depois disso, outros convidados que estavam ouvindo começaram a fazer perguntas e consultar Kaoru
Depois de alguns dias, as notícias se espalharam e o número de clientes de Kaoru aumentou gradualmente.
Havia alguns convidados que só queriam conversar com Kaoru, mas os clientes são clientes.
O preço é de 5 pequenas moedas de prata no mínimo. Não há limite superior.
Dependendo do conteúdo, o cliente pode decidir o preço e o tópico e Kaoru informa apenas a quantidade de informações correspondentes à taxa.

「Existem duas aldeias, cada aldeia tem uma árvore sagrada. Os aldeões argumentam que a sua árvore é mais alta, mas eles não se atrevem a escalar a Árvore Sagrada para medi-la...」 (Convidado A)
「Meça as sombras ao mesmo tempo」 (Kaoru)
「Há 2 estátuas de deusa com o mesmo peso, uma feita de ferro, uma feita de madeira, a qual é a mais...」 (Convidado B)
「Basta afundá-las na água e ver qual eleva o nível da água mais alto... por que você quer saber uma coisa dessas?」 (Kaoru)
「Uhm, meu namorado me enganou...」 (Garota A)
「Adeus」 (Kaoru)


♦ ◊ ♦


Entre eles, um cliente chamado Alan-san começou a solicitar de tempos em tempos.
Eu senti que ele era como um aristocrata em queda ou um comerciante esmagado, mas a pessoa em si parece um caçador.
No início, foi uma pergunta meio divertida, mas, enquanto falamos, ele começou a fazer muitas perguntas e consultas de várias maneiras.
Porque Alan-san estava pagando boas quantidades de dinheiro e vinha muitas vezes. Minhas colegas, Eme-chan e Agarte-chan, ficaram encantadas com ele.
As duas geralmente dançam a 'Dança do Compartilhamento' quando Alan-san é o consultor.
E o Alan-san parece ter feito um 「pagamento pesado」 de 5 moedas de prata hoje também.
Ele pagou generosamente hoje porque veio com amigos?
E depois de terminar o pedido de Charles-kun e Boman-san, o pai comerciante e o filho que cuidaram de mim quando cheguei ao Reino, fui à mesa de Alan.
Bem, Charles-kun, espero que ele seja um bom comerciante mais tarde.

「Então, o que você quer consultar hoje?」 (Kaoru)

Fabio não consegue imediatamente fazer uma pergunta apropriada para uma criança civil como Kaoru, então ele diz o que ainda tem em mente depois do trabalho.

「Bem, como pode a nobreza aumentar a renda do território...」 (Fabio)

Embora Kaoru tenha ficado surpresa por um momento com uma pergunta inesperada, ela imediatamente retornou a questão.

「Em que tipo de área você gerencia? Fazenda, comercio, alguma outra propriedade industrial e coisas de curto prazo ou a longo prazo...」 (Kaoru)

Embora Fabio simplesmente tenha dito o que ele tem em mente, ele não esperava ouvir todas essas coisas de Kaoru, então ele ficou um pouco surpreso.

「Bem, é um território comum, o que dará resultados rapidamente...」 (Fabio)

Depois de pensar por um momento, a garota respondeu.

「Bem, são cinco moedas de prata, mas você tem uma introdução do Alan-san, então eu darei um grande serviço... Primeiro, eu baixaria o imposto para fazendeiros, comerciantes, todos os impostos em cerca de 20-30%」 (Kaoru)
「A receita fiscal não cai se você diminuir os impostos?」 (Fernand)

Do lado, Fer-san retruca imediatamente.

「Não, se você diminuir o imposto até o menor possível, há muitas coisas que também acontecerão, não é? Então, o que você acha que aconteceria se o imposto caísse?」 (Kaoru)
「A receita fiscal cairá」 (Fernand)

Fer-san repete a mesma coisa.

「Não, se o imposto for reduzido, os agricultores podem comprar boas ferramentas agrícolas, como enxadas de ferro, foices,... com o dinheiro sobrando. Então a eficiência do trabalho agrícola aumentará e eles poderão ter algum tempo livre comparado ao normal. Eles podem coletar lenha e caçar animais selvagens das montanhas ou fazer artesanato em casa. Então eles podem se dar ao luxo de viver mais e melhor」 (Kaoru)
「Mas só os agricultores vão melhorar e a receita tributária do senhor teria sido reduzida」 (Fabio)

Desta vez é Fa-san quem retruca.

「Eu ainda não terminei. Bem, os impostos sobre os comerciantes também serão diminuídos. Os comerciantes precisam pagar impostos quando carregam as mercadorias, mercadorias entram no território. Pagam o imposto sobre vendas quando eles venderem objetos, pagam impostos quando eles deixarem o território também. Eles precisam pagar impostos muitas vezes. E então, aqui está o seu território com imposto em cerca de 20-30% menor do que o território esquerdo e direito. Ou podemos dizer que temos o menor imposto em todo o país. Como um comerciante que transporta as mercadorias para o nosso país, qual região você acha que eles gostariam de visitar?」 (Kaoru)
「Ah...」 (Fernand + Fabio)
「Reduzindo os impostos em 20-30% e com o número de comerciantes que visitam duplicados ou triplicados. Com o imposto mais alto, os territórios da esquerda e da direita perderão seus comerciantes, a receita fiscal deles será maior do que a nossa?」 (Kaoru)
「......」 (Fernand + Fabio)
「E o imposto sobre vendas também será barato em seu território. Os residentes podem comprar muito e aumentar a taxa de compra. Você não acha que os comerciantes vão adorar vender seus produtos aqui? E, quando eles venderam tudo, eles podem ter espaço em sua carga. Eles não podem ganhar dinheiro saindo de mãos vazias. Mesmo que a margem de lucro seja menor que o normal, um pouco é muito melhor do que nada. Eles vão comprar algo aqui para vendê-lo em outro lugar. E há muitos itens de artesanato feitos pelos agricultores. Aqueles que os agricultores podem se dar ao luxo de fazer por causa dos imposos reduzidos...」 (Kaoru)

* a boca de três homens está bem aberta *

「A agricultura está fora da condição de curto prazo. Bem, isso é suficiente para 5 moedas de prata?」 (Kaoru)
「O suficiente...」 (Fabio + Fernand + Alan)


♦ ◊ ♦


「Ei quem é essa garota?」 (Fabio)
「Bem, você não consegue ver sem ser informado?... Uma garçonete média em um refeitório da cidade?」 (Alan)
「...」 (Fernand)

Três homens, depois de voltarem ao castelo, começaram a falar sobre Kaoru.
Até agora, o que eles sabem é: 「não pode elevar muito a taxa de imposto」 e 「quais são os limites do povo?」
Mesmo pensando em 「eu vou diminuir a taxa de impostos para que as pessoas possam viver bem」.
Mas eles nem sequer pensaram nisso.
Para aumentar a receita fiscal, é importante determinar o limite marginal do imposto.
E apenas para um excelente lorde é possível fazer isso.
No final, eles só fazem isso pelo lucro do administrador.
Aquela jovem apenas deu um plano para elevar a vida do cidadão e as receitas fiscais e ela riu como se não fosse nada.
Mesmo ela ainda sendo jovem, mas pensa que tem esse conhecimento e sabedoria...
Claro, esse é um plano que não pode ser realizado no mundo real.
Um plano de corte de impostos para chamar os comerciantes.
Isso simplesmente atrai os lucros do território vizinho e a receita fiscal total para todos os territórios estará diminuindo pelo corte de impostos de um território.
Então, o lucro que o país inteiro leva de um imposto cairá também.
Além disso, não há dúvida de que o plano irá irritar os lordes vizinhos, como se interceptasse seus lucros.
No entanto, o requisito mínimo 「uma proposta para aumentar a arrecadação do território com resultados num curto período de tempo」 foi totalmente satisfeita.
Esse plano não está considerando nacionalidades e políticas.

「Agora, eu notei...」 (Fabio)
「O quê?」 (Fernand)

Fernan ouve as palavras de Fabio.

「Aquela menina disse 『Isto é pelo curso de 5 de moedas de prata』 e 『Porque agricultura está fora da condição a curto prazo』」 (Fabio)
「Ah」 (Fernand)
「Bem, se especificarmos a agricultura também e pagarmos mais dinheiro. Por exemplo, 5 pequenas moedas de ouro, que conselho ela nos dará?」 (Fabio)
「Eee...」 (Fernand + Alan)
「Eu quero ela」 (Fabio)
「Ah, eu também quero ela...」 (Fernand)
「Bem, mas ela ainda é uma garotinha!」 (Alan)
「Nós não queremos dizer desse jeito!!」 (Fabio + Fernand)


♦ ◊ ♦


Naquela época as garçonetes fizeram uma festa no refeitório. Com chá.
De qualquer forma, elas conseguiram uma moeda de prata.
No refeitório para pessoas comuns, elas não podem receber gorjetas e o pagamento das garçonetes é pouco.
Para obter um extra de moedas de prata como esta é uma grande bênção.
Elas são todas gratas por sua colega garçonete Kaoru. Elas são muito agradecidas.

「Fu fu fu, mesmo sem trapaça, eu consegui resolver tudo facilmente!」 (Kaoru)

Kaoru estava feliz.
Mas ela esqueceu que o conhecimento moderno e ter um cérebro adulto no corpo da criança também é o suficiente para chamar uma trapaça.
「Vim aqui de novo...」 (Fernand)

Kaoru tem um sorriso irônico.
Este convidado é Fer-san, um amigo de Alan-san e recentemente ele continua visitando Kaoru.
Mesmo quando o refeitório ainda está ocupado, ele continua convidando Kaoru para sentar, perguntando a ela um monte de coisas...
Se ele continuar fazendo isso, o canto de consultas pode ser banida.
Porque eu só tenho permissão para fazer isso no meu tempo livre.
Em primeiro lugar, no tempo ocupado, não podemos manter os pedidos da loja apenas com Eme-chan e Agarte-chan.
Até Alan-san segue as regras corretamente...
Esse determinado cliente continua olhando para Kaoru enquanto come sopa de macarrão, também conhecida como udon... que é um dos pratos feitos por Kaoru. Era popular e foi somado ao cardápio.
Ele tem lindos cabelos loiros e o rosto não é ruim, mas para Kaoru há apenas uma impressão.

(Assustador...) (Kaoru)

O primeiro príncipe Fernand tinha um forte interesse em Kaoru, ele trabalhou duro, arrumou seu trabalho e foi para a sala de jantar onde Kaoru trabalhava todos os dias.
Ele não é como o rei, então o trabalho de Fernand nunca foi muito grande, ele só não tem motivo.
E, por alguma razão, ele não convidou Fabio e ele era como um sociopata.
Alan voltou a suas terras no outro dia e esteve ausente por um tempo.
Fernand não sabia de nada e estava inconscientemente incomodando as outras pessoas.
Até agora, todos estavam sempre prontos para servi-lo quando ele chamava. Ele sempre viveu no castelo, é tarefa de todos dar prioridade ao príncipe somente depois do rei.
Por causa disso, Fernand facilmente esqueceu a razão pela qual Alan lhe disse que a loja de consultas só abriria em um horário consideravelmente posterior depois do almoço.
Apesar do fato que Alan disse claramente que 「Somente após a loja receber o último pedido, o canto de consulta estará disponível, como outras garçonetes irão cobrir o trabalho para Kaoru」.

「Não importa que situação, os outros devem se adaptar para servi-lo」 é o seu senso comum, assim como o senso comum da família real.
E Fernand finalmente tinha ido e feito isso. Algo como: Chamando Kaoru em um tempo ocupado.
Ou enquanto havia outras pessoas esperando por sua vez de consulta, ele interrompia sem um cuidado.
Persistentemente perseguindo até o ponto em que Kaoru não querer falar mais. Como pedir informações pessoais de Kaoru.
No começo, Kaoru também correspondia perfeitamente. Porque ele é amigo de Alan, então ela tentou aturar ele.
Kaoru também respondeu seriamente a perguntas que ele não sabe ou coisas estúpidas sobre política nacional.
Mas o conteúdo da questão e o ato de Fernand gradualmente aumentaram ao ponto que Kaoru não deveria responder mais.
Isso era extraordinariamente irritante, tanto que Kaoru, as garçonetes e outros clientes não podiam mais aceitar.
Havia um limite para tudo.
Certamente, seu pagamento era bom.
Mas mesmo que ele doe muito dinheiro, as pessoas ainda ficam com raiva.
No final, Kaoru pediu permissão ao mestre da loja.
Porque o mestre sabia que Kaoru também estava em apuros, junto com as outras garçonetes e clientes, ele concordou imediatamente.


♦ ◊ ♦


「Desculpe, não posso mais servir Fer-san. Por favor fale com outras funcionárias quando você estiver requisitando」 (Kaoru)

No dia seguinte, Fernand ainda negligenciou Agarte-chan, que estava por perto, e pediu a Kaoru para servi-lo, mesmo estando longe. E Kaoru o recusou imediatamente.
Os outros clientes também ouviram isso e ficaram meio aliviados.
Ele não conseguiu entender o significado do que Kaoru disse a ele. Depois de um momento em branco, Fernand ficou furioso.

「O que você está dizendo!? Como você ousa dizer essas coisas!」 (Fernand)

Kaoru respondeu calmamente.

「Eu disse isso de novo e de novo, repetidamente, muitas vezes antes! Você está incomodando outros clientes. Eu já estou no meu limite! Nós também já estamos no nosso limite! Se Fer-san quiser pedir e ser servido, a partir de agora, pergunte a outras garçonetes. Claro que o meu canto de consultas não aceitará mais o pedido de Fer-san!」 (Kaoru)

Fernand se levanta de onde está e está olhando para Kaoru.

「Mas eu sou um cliente! Como você se atreve a fazer uma coisa dessas para um cliente...」 (Fernand)
「Mestre também concorda que Fer-san não precisa mais vir à loja se você continuar pedindo apenas por mim」 (Kaoru)

Do entorno, outros convidados começam a expressar sua admiração.

「O que, o que... o que...」 (Fernand)

Até agora, ninguém se atreveu a recusar o pedido de Fernand, exceto seus pais e dois amigos. Ele está frustrado com a situação que não funciona como ele quer e ele é engolido pela raiva.

「Venha!」 (Fernand)

Fernand de repente agarra o braço de Kaoru e tenta arrastá-la para fora.

「Isso machuca! Por favor pare com isso!」 (Kaoru)

Ele não se importa com o que Kaoru disse e ainda tenta arrastar Kaoru.

「Venha! Você não é mulher para este lugar. Você vem comigo!」 (Fernand)

Eme-chan, Agarte-chan e os convidados também se levantam e fecham o caminho para Fernand.
Também da cozinha, o mestre e os chefs que ele contratou também vieram.

「Como você se atreve, não sabe quem eu sou?」 (Fernand)

Depois de falar essa meia frase, Fernand finalmente notou os olhos frios do ambiente e os olhos cheios de ódio de Kaoru. Fernand interrompeu suas palavras.
Sua cabeça finalmente esfria e ele se arrepende.
Em tal situação, o que diabos ele estava tentando dizer?
Dizer o nome da família real só vai jogar lama em seu nome!
Ele soltou os braços de Kaoru que ele havia agarrado, Fernand saiu em silêncio.

「Pessoal, peço desculpas por fazer tanto barulho」 (Kaoru)

Para Kaoru que está se desculpando com uma expressão carrancuda, os clientes disseram:

「Não é culpa de Kaoru!」 (Cliente)
「Eu sempre protegerei você, então não se preocupe!」 (Cliente)

Eles deram-lhe palavras calorosas. É claro que eles viram tudo e amam Kaoru.
É por isso que todos os convidados que estavam na loja mais cedo estavam de pé para ajudá-la.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Três semanas a desde então.
Depois disso, Fernand nunca mais apareceu no refeitório, Kaoru estava tendo alguns dias de paz.
Todos na loja e os clientes também estavam felizes.
E no 10º feriado, Kaoru reúniu informações na biblioteca novamente.
Eu estava bem ciente deste continente, ou melhor, deste mundo agora.
Sobre os países vizinhos, a situação política, etc...
A oeste deste continente está o Reino de Brancott que tem um formato como uma península. Norte e Sul são o mar. Este país é cercado por 4 países. 2 países no lado leste e 2 no lado oeste.



Sua situação política é estável, diz-se que é um "país capaz de viver" ao lado do Reino Balmor no oeste.

(Parece que Ceres me deixou em um bom país) (Kaoru)

Kaoru estava pensando nessas coisas enquanto limpava a entrada do refeitório antes de abrir. E então uma linda carruagem puxada por cavalos veio.

「Oi, pequena garota. Este lugar é chamado 『Manpuku-tei』?」 (Nobre)

O nobre olhou para mim da janela aberta da carruagem e me perguntou isso.
Ah, a propósito, tem um nome casual sem essas frescuras, esse restautante...

「Oh, sim, isso mesmo...」 (Kaoru)

Não há nada de bom em ir contra um nobre.
Não, eu vou contra ele, se necessário. Claro.

「Então, você conhece uma garota chamada Kaoru?」 (Nobre)
「Se você está procurando por Kaoru, eu estou aqui...」 (Kaoru)

Eu posso sentir um sentimento desagradável.

「O que há com isso! Kaoru é uma garota assim!」 (Nobre)

O nobre levantou a voz da janela. Ele era desagradável com uma garotinha!
Depois de um tempo, o nobre pega uma carta e entrega para a garota.
Claro que a partir da janela da carruagem. Ele não se incomodou em abrir a porta.

「Tome」 (Nobre)

Kaoru estendeu as mãos e recebeu algo parecido com uma carta. Porque ela não podia fazer mais nada.
Ao mesmo tempo, uma caixa de tamanho grande foi retirada do outro lado da carruagem e colocada ao lado da estrada.
Então a janela da carruagem foi fechada, a pessoa que largou a caixa também retornou à carruagem e eles partiram sem qualquer explicação.

「... O que é isso?」 (Kaoru)

Kaoru teve um mau pressentimento... Isso cheira mal.
Eu me senti assim.
A propósito, eu não toquei na caixa.
Eles não disseram nada e o lugar onde a caixa foi colocada não estava em frente ao refeitório, mas nas instalações da loja ao nosso lado.
Certamente, isso deve ser uma entrega para outra pessoa.
Tocá-lo vai fazer de mim uma ladra, sim.
Eu não recebi e foi entregue na outra casa.
E quando Kaoru verificou a loja mais tarde, a caixa não estava mais lá.
Sim, o destinatário correto parece ter voltado.
Bem, então o único problema que resta é esta carta.
O conteúdo é uma carta de convite.
A festa será realizada no palácio real na semana seguinte.

(Assim como meu aviso de premonição!) (Kaoru)

... Eu não estou feliz em tudo.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



O visconde Aleman era desagradável.

***** Ponto de Vista de Aleman *****


Fui encarregado da carta convite pessoal do príncipe para a sua festa de aniversário, que será realizada na semana seguinte.
Isso é bom.
Não era uma carta convite criada em massa, mas o primeiro príncipe escreveu a mão o convite. Foi-me confiado esse convite diretamente pelo príncipe, é uma coisa agradável.
O receptor é alguém com quem o primeiro príncipe se importa?
Se for realmente assim, esta será uma boa notícia para mim, a quem foi confiada tal tarefa...
Mas quando eu verifico, o receptor é uma plebeia!

O que é isso! Eu sou um visconde e devo me tornar um carteiro para uma plebeia.
Por um momento, tal humilhação tornou tudo escuro.
Mas com o convite, eu também preciso entregar a caixa do prince com o vestido e sapatos.
Essa plebeia é uma amante do primeiro príncipe?
Ele está planejando anunciar sua amante para todos na festa?
Se isso for verdade, ainda será uma boa chance para mim... vamos nos apressar até lá.
Diferente do que penso, a receptora é uma garotinha.
Como esperado, isso não é uma amante. Qual é o pensamento do príncipe...
Já que a carta convite do príncipe tinha que ser entregue.
Eu a entreguei da janela da carruagem para não tocar na plebeia.
Como não há necessidade de entregar pessoalmente a caixa do vestido e dos sapatos.
Foi deixado pelo meu servo.
Eu terminei meu trabalho, preciso voltar em breve.
Ah, que desagradável...


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



***** Ponto de Vista de Kaoru *****


O pensamento de Kaoru:

(Eu acho que não é bom... talvez...) (Kaoru)

Claro, foi de propósito que ignorei aquela caixa.
E não consigo imaginar o significado deste convite.
Eu quero ter algum apoio. Mas o que eu queria não é assim.
Uma quantidade considerável de comida foi armazenada.
Claro que o dinheiro que guardei também está na Caixa de Itens.
Da última lição, desta vez eu tenho muita água. Porque eu não posso tomar banho ou me lavar apenas com poção.
Ok, eu já tenho minha resolução.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Seis dias depois, após a cafeteria fechar, eu disse à equipe que há uma coisa importante que precisava contar a eles, então reuno o mestre e todos os funcionários.
E eu honestamente digo a eles que fui observada por grandes pessoas e fui chamada amanhã.
Claro, eu não disse que era o palácio real, eu não tinha contado nenhuma mentira.
Todo mundo fica surpreso e me diz "se eu não gosto, então eu deveria fugir agora", mas eu rio e digo a eles que tudo ficará bem.
Eme-chan e Agarte-chan estão chorando, mas elas me agarram. Elas estão tristes com a sua parte indo embora?
Não, desculpe.
Todos estão tristes.
Foi o tempo de paz que tivemos por alguns meses.
Eu tinha compreendido a informação sobre o país por aqui, bem como a cultura, a economia e outros.
Já é hora de encontrar um lugar para ficar.
Amanhã, ainda trabalharei na hora do almoço como sempre e depois sairei da loja.
Eu não fuji.
Eu irei corretamente ao palácio real.
Dessa vez, farei as coisas corretamente para ter certeza de que não haverá perseguidores.
***** Tarde. Portão da frente do castelo, entrada para pedestres *****


Uma nobre garota está chamando o porteiro.

「Bem, eu sou convidada, então eu posso passar?」 (Kaoru)

O porteiro está surpreso.
Claro, ele sabe que a festa será realizada hoje. Há também muitos aristocratas convidados.
No entanto, quando um nobre vem, eles geralmente vêm com carruagem. Com a crista da casa da família.
Pelo menos, não existe uma filha nobre caminhando sozinha, com certeza.
A garota está usando um vestido que é obviamente pobre para ir à festa do palácio real.
Mas usar um vestido assim, pelo menos, significa que ela não é uma plebeia.
E mais que tudo, ela tinha uma carta convite.
Se ele não deixar ela passar.
Se ele retirara à força a filha do nobre que tem corretamente uma carta convite, sua cabeça voará.
Literalmente e fisicamente.
Além disso, os olhos dela são maus, ela deve ser alguém que se acostumou a intimidar os subordinados, sem dúvida! Seu instinto está dizendo a ele "não a desafie!"
A garota fez uma breve reverência ao porteiro e entrou pelo portão.
Kaoru perambula dentro do palácio real, ela está procurando um quarto adequado.
E ela achou, o camarim.
Bem, é uma sala universal para mulheres, como para corrigir vestidos, apertar espartilhos e corrigir maquiagem.
E Kaoru muda do vestido da Filha do barão para o vestido de empregada do Barão. Essas roupas são realmente úteis.
Depois de trocar de roupa, ela sai do quarto e procura por uma criada que parece ser digna.

「Com licença, mas me disseram para ir à festa...」 (Kaoru)

Quando ela ouviu a voz de Kaoru por trás, a mulher voltou-se para Kaoru com olhos vermelhos.

「Apoiada pela aristocracia!? Você tem alguma experiência em servir? Você pode andar com 5 a 6 copos na bandeja?」 (Empregada)

Kaoru tem muito medo de seus olhos... não vamos tocar nesse assunto por enquanto.

「Sim, tenho experiência em servir como garçonete...」 (Kaoru)
「Ótimo, vamos entrar no trabalho! Procure por roupas que se encaixam no seu corpo na sala bem ali, em seguida, troque de roupa imediatamente! Depois disso, venha para o local com as bebidas! Se você receber outra instrução da pessoa responsável no local, siga seu pedido!」 (Empregada)
「Sim, imediatamente!」 (Kaoru)

Kaoru corre para o quarto para trocar de roupa.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Primeiro príncipe Fernand estava olhando para o local da festa com um rosto carrancudo.
Alan, que acabou de voltar da casa principal em seu território há alguns dias, se aproxima de Fernand e grita.
Claro que Alan estava se vestindo como um aristocracia hoje.

「O que aconteceu Fernand, tendo um rosto tão bravo. Ouvi dizer que hoje é a festa você engajar seu noivado, mas se você fizer tal cara, ninguém ousaria se aproximar de você」 (Alan)

Alan, que acabou de voltar para o Reino, procurou visitar a loja para saber o que acontece entre Fernand e Kaoru.

「Eu só estava procurando alguém」 (Fernand)
「Huh, procurando alguém...」 (Alan)

Famílias nobres sempre trazem suas filhas para encontrar Fernand um após o outro.
Então coisas como Fernand procurando por pessoas nunca aconteceu antes.
Alan, que sabia disso, está realmente surpreso.

「Fernand, se o príncipe faz essacara feia, como as filhas nobres podem se aproximar de você...」 (Fabio)
「Você também?」 (Fernand)

Fabio, que acabou de aparecer, disse o mesmo que Alan. Fernand responde com o rosto cansado.
Fabio continua conversando.

「Falando nisso, eu vi uma garota que se parece com Kaoru há um tempo atrás. Por que ela está nesse lugar... Mas ela estava um pouco ocupada... então eu não chamei ela...」 (Fabio)
「O que! Onde, onde você a viu?」 (Fernand)

Fabio e Alan estão surpresos com a reação de Fernand.

「Bem, ela estava bem ali, há pouco tempo...」 (Fabio)

Fernand caminha rapidamente na direção que Fabio apontou. Fabio e Alan seguiram depois dele em pânico.

「Ei, o que está errado, de repente indo embora assim?」 (Fabio)

Alan e Fabio são surpreendidos por Fernand, que anda em um espírito alegre, diferente do seu rosto rabugento de apenas um momento atrás.

「Oh, eu pensei que ela ignorou o meu convite, mas parece que ela realmente veio」 (Fernand)

Com as palavras de Fernand, Fabio tem uma expressão monstruosa.

「Convite, você está...?」 (Fabio)

Então aquela garota...
Fernand finalmente avistou Kaoru, chamando-a em voz alta

「Por que você está usando essa roupa?」 (Fernand)
「Bem, eu sou uma empregada de serviço, não é natural usar uma roupa de empregada?」 (Kaoru)

Enquanto retornava as palavras com calma, Kaoru pensou.

(Como esperado, ele realmente planejou isso...) (Kaoru)

O ambiente se acalmou por causa da comoção entre a pequena criada e o primeiro príncipe.

「Eu não estou falando sobre isso! Por que você está servindo como empregada quando eu te convidei para vir?」 (Fernand)
(((Convidado???))) (Nobres)

Os nobres próximos estão surpresos.
Mas Kaoru respondeu indiscretamente.

「Bem, você entregou apenas um 『Convite para a festa no castelo』 sem uma explicação ou qualquer outra coisa. Qualquer um pensaria que você está pedindo a mim, uma criança plebeia, para servir de empregada」 (Kaoru)
「O que...」 (Fernand)

Fernand gritou em surpresa. E ele imediatamente gritou em voz alta.

「Visconde Aleman! Onde está o Visconde Aleman?」 (Fernand)
「Sim, estou aqui!」 (Aleman)

Visconde Aleman, que também estava no local, veio imediatamente.
Fernand olha para ele e diz.

「Visconde Aleman, eu certamente lhe disse para entregar 『Meu convite, o vestido, sapatos e uma carta』. Você realmente fez o meu pedido? Qual é o significado disso?」 (Fernand)
「Bem, eu certamente entreguei essas coisas!」 (Aleman)

O visconde está derramando suor ao responder.

「Kaoru, ele falou isso...」 (Fernand)

Quando Fernand diz isso, Kaoru responde.

「Oh, essa pessoa? Sim, ele veio à nossa loja. Bem, ele apenas entregou o convite para entrar no castelo com apenas a palavra 『Tome』 da janela da carruagem...」(Kaoru)
「Então, o vestido e a carta...」 (Fernand)
「Eu não sei nada disso」 (Kaoru)

Ao ouvir isso, o visconde negou desesperadamente.

「Isso é uma mentira! Eu certamente entreguei a caixa com o vestido, sapatos e a carta!」 (Aleman)
「Caixa? Talvez seja sobre a bagagem que foi entregue na loja ao lado?」 (Kaoru)
「Huh?」 (Aleman + Fernand)
「Bem, outra pessoa parece ter colocado alguma bagagem, mas a colocou na loja ao lado...」 (Kaoru)
「Bem, o que aconteceu com essa bagagem?」 (Fernand)

Fernand grita.

「Claro, ele não disse nada para mim, então eu não toquei na bagagem endereçada à outra loja sem permissão. Quando eu verifiquei mais tarde, o destinatário parecia tê-lo carregado e a caixa tinha sumido. É isso que aconteceu」 (Kaoru)
「Então o vestido e a minha carta...」 (Fernand)

Fernand olhou para Aleman, ele está furioso.

「O que você está fazendo...」 (Fernand)

A voz de Fernand soa como se fosse do inferno.

「Vou escutar com atenção depois, visconde Aleman」 (Fernand)

O visconde estava pálido e trêmulo.

「Há um erro, mas no final Kaoru está aqui, não é um grande problema」 (Fernand)

Fernand agarra o braço de Kaoru.

「Vamos, vou te apresentar a todos como minha noiva」 (Fernand)
「Eeeeeee!!」 (nobres)

Os nobres próximos, Alan e Fabio e a própria Kaoru também gritam com voz de surpresa.

「Por que você está dizendo coisas tão estúpidas?」 (Kaoru)

Kaoru sacode a mão de Fernand que está agarrando seus braços, para levá-la para o palco da frente.

「Você não poderá fazer tal coisa com uma plebeia!」 (Kaoru)
「Tal coisa pode ser facilmente resolvida, vou ter você adotada como filha de um nobre em algum lugar」 (Fernand)

Com as palavras de Fernand, Kaoru refuta.

「Será diferente, por sua vez! Ficar noiva após a adoção e ser adotada após o engajamento. Não é engraçado, você é realmente estranho na sua cabeça. Além disso, isso significa apenas que 『Você decidiu mudar meu status original para filha de um Noble depois de ficar noivo de mim』, mas não importa como você faça isso, ameaçando os outros a não tocarem ou se intrometerem no meu status original. Não vai mudar o fato de que eu era apenas uma plebeia, apenas uma serva, não uma filha de um nobre, porque todos aqui já viram. Isso se tornará uma piada tão ridícula para todo mundo fofocar, e é claro que essa notícia vai se espalhar para a nobreza de outros países também!」 (Kaoru)

Fernand amargamente encarou Aleman novamente.

「E o problema mais importante ainda permanece!」 (Kaoru)

Dizendo isso, Kaoru olha para Fernand e aponta o dedo.

「Principe, você já confirmou se eu gostaria de estar noiva de você?」 (Kaoru)

Fernand estava confiante de que, se Kaoru soubesse que ele era um príncipe, ela aceitaria. Ele não achava que Kaoru iria rejeitá-lo.

「Eu odeio isso, estou absolutamente me recusando a ser a noiva do príncipe」 (Kaoru)
「Eeeeeee!」 (todos)
「Eu não quero me tornar a rainha, é um dos 3 piores títulos de todos os tempos. Não há privacidade. Não posso fazer amigos livremente com ninguém, a menos que sejam nobres de alta classificação. Eu sempre terei que sorrir e ter graça, mesmo quando conversando com amigos. Meus filhos serão cuidados por uma babá. Os membros da família nem sempre podem ter a refeição juntos. E eu tenho que participar de eventos e festas com aristocratas e realezas de outros países o tempo todo. E eu tenho que dar à luz e continuar dando à luz a mais crianças, minha filha será doada para outro país ou outra terra por diplomacia. Enquanto meu marido vai dormir com muitas mulheres para ter mais filhos. Não é nada divertido, isso não é vida」 (Kaoru)

A rainha, que estava ciente do alvoroço e estava se aproximando para ver a situação ficou rígida..., ela desmaiou.

「É semelhante ao Marquês e aos Condes. Eu não conseguiria sair da mansão. Sempre que sair, será para uma festa com outros nobres. Como minha classificação ainda é muito alta, não consigo fazer amigos facilmente. O único com quem poderei conversar é com meus criados, a posição deles é muito baixa, então não é amizade, apenas um funcionário que obedece ordens. Meu marido estará ausente do trabalho e meus sogros só me dirão para dar à luz a um bebê. Como eu já me tornei a esposa, uma pessoa daquela casa, preciso ouvir os pais do meu marido. Eu não posso ir visitar a casa dos meus pais, a menos que eles concordem. E os netos pertencem à família do meu marido... E a pior coisa, meu marido terá permissão para trair uma esposa obediente sob uma coisa chamada 『Porque muitas crianças são necessárias』 e eu terei que viver com outras amantes...」 (Kaoru)

Algumas esposas nobres estão desmoronando. Elas estão olhando para outros nobres que parecem ser seus maridos e se perguntando se isso é verdade...

「A esse respeito, ouvi dizer que um barão e sua família são bons. Eles ainda têm status de nobreza, mas não têm o problema da luta pelo poder. Há uma pequena distância com os servos também. Ao ponto que, poderemos conversar e tomar chá juntos como amigos. Meus filhos também serão criados por mim, por uma babá e uma empregada afetuosa... Vivendo em uma pequena casa com meus filhos, celebrando com as pessoas em nosso território. E eu vou viver feliz com minha família até envelhecer」 (Kaoru)

Os olhos das nobres filhas que buscavam a alta nobreza estavam nadando.
Como pais, os nobres de baixa patente querem casar sua filha com o posto de aristocrata mais alto possível, mas não querem deixar sua filha infeliz.
E os aristocratas de alto nível que têm o filho também franzem a sobrancelha.

「É por isso que, para mim, a melhor opção é casar com o filho de um comerciante rico. Ou torne-me a noiva de um aristocrata inferior. Que não é restrito ou sobrecarregado pelo alto escalão ou viver uma vida entediante de luxo se há necessidade de trabalhar com o país, posso deixar isso para os pais do meu marido, que são originalmente aristocratas que têm educação avançada」 (Kaoru)

O local da festa ficou quieto.

「Bem, eu não me importo com essas coisas! Eu quero sua sabedoria e conhecimento! Se você tem essa inteligência e essa beleza, eu posso fazer uso disso para governar esse país...」 (Fernand)

Fernand gritou isso alto.

「Sabedoria, conhecimento, inteligência e beleza. Tudo é condição de que você possa fazer uso de mim. Mesmo que você goste de seres humanos como eu, não é nada além de me usar... E quanto à minha intenção? E o coração do ser humano, Kaoru? Tal coisa não vale a pena para o príncipe, não é?」 (Kaoru)
「Bem, isso é...」 (Fernand)

O gato pegou a língua de Fernand.
Kaoru pega um prato do topo da mesa lateral e ela bate no canto da mesa para quebrar o prato que estava com comida.
Kaoru pega um dos fragmentos com os dedos.
Todos na festa olham para ela.

Sha!

Kaoru corta sua bochecha direita profundamente com aquele fragmento.

「O que...!」 (Fernand)

Seu sangue está fluindo.
Fernand não consegue se mexer e sua voz não pode ser ouvida enquanto outras Filhas Nobres gritam.
Os outros aristocratas ficaram parados enquanto atordoados.

「Aqui está para você, 『uma mulher tola e feia』. Agora eu sou apenas uma garotinha plebéia e sem valor, sem vantagem para o príncipe. Então você não pode mais me usar」 (Kaoru)

Depois que ela disse isso, sem ninguém a impedir, Kaoru se afastou do local.
O local ficou envolto em silêncio por um tempo.
E as primeiras palavras que foram ditas...

「Que desabafo! Eu pensei que ela era uma plebeia desrespeitosa, mas ela era esplêndida」 (Conde)

Um Conde levanta a voz para aprovar Kaoru.

「Se ela se tornasse a noiva do primeiro príncipe enquanto ainda fosse plebéia, isso se tornaria uma fonte de confusão para a política e diplomacia. Ela até jogou sua própria beleza e o assento de rainha por si mesma! E ela também se fez uma vilã... Apesar de ser uma plebiau, ela escolheu o bem-estar do país e não o dela mesma! Essa lealdade!」 (Conde)

Embora Kaoru foi um pouco agressiva demais.
A fim de proteger o rosto do príncipe, o Conde planejou 「fazer disso uma boa história」.
Porque tudo o que ele disse foi elogios a plebeia, ninguém reclamou.
Além disso, se a reputação do primeiro príncipe cair demais, a facção que é a favor do segundo príncipe Gislan crescerá forte.
O Conde está fazendo a história como se a menina plebeia se machucando tivesse sido feito para o bem-estar do país e para o príncipe.
Ele achava que sim e foi um movimento rápido.
O lugar foi lançado pelo momentum.
Outras vozes de nobres admiradores começaram a vazar do local seguindo as palavras do Conde. A decisão do Conde estava indo bem.

「Fernand, você, o que você está tentando...」 (Alan)

Alan volta sua atenção para Fernand, que está caindo de joelhos.

「Parece que ele estava tentando assumir a garota na hora certa. E obter de sua majestade, o Rei, a aprovação anunciando aquela garota como sua noiva...」 (Fabio)

Fabio parece se desculpar.

「Mas se ela realmente se tornasse sua noiva, esse poderia ter sido um dia divertido...」 (Alan)

Naquelas palavras de Alan, Fernand lamenta sua ação tola.
Mas os pratos quebrados não podem voltar.

「Amanhã, por favor, vá vê-la com Alan. Eu não posso mais ir lá. Acho que você deveria apresentá-la a um trabalho ou a um emprego. Porque com essa ferida, ela não pode mais trabalhar na loja」 (Fernand)

Fernand, em voz baixa, murmurou esse pedido aos amigos.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Dói, dói, dói muito, tão doloroso!!
Assim que ela saiu do local, Kaoru bebeu um analgésico e uma poção coagulante imediatamente para parar a dor e o sangramento.

(Yeah, ninguém correu atrás de mim. Agora prossiga com o plano de fuga da capital!) (Kaoru)

Kaoru foi direto para o portão externo.
Kaoru correu na rua à noite com um pequeno trote, todos na rua voltam os olhos para ela.
Uma menina de 10 a 12 anos usando um vestido superior de empregada exclusivo para o palácio real.
Ela é muito fofa, no entanto, seus olhos são muito ruins e seu rosto tem uma ferida.
Todos não podem deixar de pensar nela.
Kaoru finalmente chegou ao portão e falou com o porteiro.

「Com licença, eu vou embora!」 (Kaoru)

Quando se torna completamente escuro, tanto o portão para as carroças quanto o portão para os pedestres estão fechados.
E só abre e fecha apenas quando há raras ocasiões dos visitantes noturnos.
Nesse momento, a voz da garota que parece ainda jovem querendo sair.
O bom porteiro saiu de sua posição de espera com uma lâmpada.
Dependendo das circunstâncias, ele planejou persuadir e deter a garota.
Existem vários perigos fora da barreira da parede durante a noite.

「Por que... Uwa!」 (Porteiro)

O porteiro tem uma voz surpresa ao olhar para o rosto de Kaoru.

「Eu atraí a arrogância de um aristocrata, então eu tenho que deixar a cidade em breve...」 (Kaoru)

Em sua bochecha, havia um corte profundo.
Até o sangue estava parado, era uma ferida ruim.
Se fosse um corte limpo e bonito, poderia curar ao ponto de ser imperceptível.
Mas o corte como de carne arrancada deixará uma grande cicatriz.
Para uma jovem, era muito difícil para sua futura vida.
Não pode ser ajudado se ela precisar escapar da aristocracia que pode prejudicá-la a qualquer momento.
Do ponto de vista do risco, pode ser um pouco melhor se ela sair.

「Por favor, aguarde um momento」 (Porteiro)

O porteiro, depois de retornar à estação de espera, trouxe algo e deu a Kaoru.
Uma bolsa de couro contendo água, alimentos semelhantes a salgadinhos e cinco moedas de prata.

「Isto é...」 (Kaoru)
「Por favor leve com você」 (Porteiro)

{NT: Esta ação trará consequencias na história ƸӜƷ }

Enquanto ele dizia isso, o porteiro abre o portão gentilmente.
Kaoru abaixou a cabeça para o porteiro e atravessou o portão.
Depois de andar um pouco, ela imediatamente faz uma poção de cura e bebeu.
A ferida da bochecha se curou completamente e desapareceu em um instante.

「Oh, eu tenho as roupas de empregada real... Bem, tanto faz. Isso também pode ser útil de várias maneiras!」 (Kaoru)

Os traços de sangue podem ser limpos com a poção.
Eu estarei indo para a cidade capital do país vizinho do Reino Balmoa, Gurua.

「Bem, vamos lá!」 (Kaoru)


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Alguns anos depois. {NT: Não é um salto de tempo, apenas as consequências dos atos do Porteiro}

O porteiro da cidade estava correndo para casa com uma expressão horrível.
No ano passado, seu filho adorável sofreu um acidente e se machucou.
Felizmente, seu filho ainda está vivo, mas seu olho direito estava cego e a visão esquerda também foi bastante reduzida.
Pensando no futuro de seu filho, era inevitável que seu coração se tornasse pesado.

(Só se eu puder obter as "Lágrimas da Deusa" dos rumores) (Porteiro)

Um medicamento amarelo que é armazenado em um frasco de vidro elaborado.
No entanto, tal medicamento secreto é difícil de obter, mesmo para os aristocratas, muito menos plebeus como ele...

「Bem-vindo a casa. Há pouco tempo, uma garota trouxe algo que está endereçado a você」 (Esposa do Porteiro)

Depois de ouvir isso, o porteiro abriu o invólucro da pequena caixa que foi colocada na mesa, como sua esposa disse.
Vários itens e uma carta estavam na caixa.

(De quem, o que é isso...) (Porteiro)

Ele começou a ler a carta, entretanto, seu rosto ficou gradualmente distorcido com espanto.
Ele pegou uma coisa da caixa e gritou para seu filho em voz alta.

「Joshua, Joshua!!」 (Porteiro)

Seu filho, Joshua, ficou surpreso com a voz ansiosa de seu pai e tentou olhar para ele, embora mal pudesse ver qualquer coisa.
O porteiro deixou seu filho beber o liquido em uma pequena garrafa com as mãos trêmulas.
No momento seguinte...

「O que?... Meus olhos... Eu posso, com meus olhos...? Eh, não tem cicatriz, por quê?」 (Joshua)

Um homem segurando seu filho e derramando lágrimas sem parar.
Na mesa, há uma carta que está na caixa e alguns itens...

「Obrigado por me ajudar antes. Estou retornando o que eu pedi emprestado naquele momento. Por acaso, recebi a coisa chamada 『Lágrimas da Deusa』, vou dar a você em troca de sua gentileza, então, por favor, aceite-a」 (carta de Kaoru)

... E a bolsa de couro familiar junto com 5 moedas de prata.
Ele conheceu a garota que fugiu da capital há alguns anos, quando trabalhava como porteiro.
A garota que ele ajudou há alguns anos atrás.
Suas lágrimas fuindo não param.

「Deusa...」 (Porteiro)
***** Ponto de Vista de Kaoru *****


Depois de escapar do Reino Brancott, continuei andando por vários dias em direção ao país vizinho.
Felizmente, um bom e gentil comerciante me pegou e eu fui salva.
Na verdade eu tenho 15 anos, mas meu corpo é meio pequeno, então as pessoas podem pensar que eu sou mais jovem, é meio frustrante, mas eu fui salva nesses momentos.
Hmm, devo adicionar alguma condição na hora do casamento?
Mas aquele porteiro era realmente uma pessoa legal.
Para ser honestao, eu tenho água e comida suficientes na Caixa de Itens, mas como ele estava preocupado comigo, recebi em silêncio.
Algum dia agradecerei a ele se tiver a chance.

O comerciante que me deu uma carona na carroça parece ter uma loja no Reino de Gurua.
E não estou esquecendo minha intenção original de coletar informações. Quem sabe, se tiver algum tempo eu queria me tornar uma comerciante no futuro. Sim, tenho um bom comerciante bem aqui.
No entanto, parece que seu filho, que é responsável pela loja, disse a ele para parar de espalhar informações sobre sua loja, porque é arriscado.

Tão chato, tudo bem, eu vou me sentar ao lado do comerciante no banco do cocheiro, em vez da plataforma de carga.
Se eu for morar no Reino de Balmoa ou no Reino de Gurua de agora em diante, as informações desse comerciante, que parece ser residente da cidade real, devem ser úteis.
Por enquanto, estou pensando em me instalar no reino de Gurua. Mas antes de tudo eu preciso fazer a coleta de informações, coleta de informações diretamente do próprio comerciante...
A propósito, parece que o Comerciante e Kaoru estão falando sobre muitas coisas, não apenas sobre um tópico simples, para que o diálogo pule para outro tópico.

「Ho, o mesmo aconteceu com a queda nas vendas?」 (Comerciante)
「Sim, foi chamado de "Meia tarifa no final dos dias de semana" e "Barganha de fim de ano", eles podem lucrar mesmo se eles venderem pela metade do preço... o preço é calculado...」 (Kaoru)
「Eu entendo...」 (Mercador)
「Então, tentamos fazer uma venda de desconto significativa antes de fechar e quando queremos cuidar de mercadorias não vendidas. Todo mundo começou a esperar sem comprar antes mesmo do tempo de desconto」 (Kaoru)
「Então...」 (Mercador)
「Nós faremos algum serviço para os clientes de linha longa, mas alguns clientes não podem esperar e eles vão perambular em outro lugar para matar algum tempo em algum lugar antes das vendas pela metade do preço...」 (Kaoru)
「Precisamos de um item atraente,... Marketing? Isca?」 (Comerciante)
「Recusando clientes e estreitando o público-alvo? Não, ao fazer isso, só perderíamos alguns clientes...」 (Kaoru)

... Apenas isso foi o que aconteceu, isto é suposto para ser uma reunião de informação!!


◆ ◇ ◆ ◇ ◆


***** Ponto de Vista do Comerciante *****


Que garota interessante!
Eu deixei a gerência da loja para o meu filho e estou apenas correndo como vendedor ambulante como um hobby.
Eu peguei uma garotinha há alguns dias no caminho de volta para casa no Reino de Gurua.
Uma menina andando devagar sem ter bagagem, com idade entre 11 e 12 anos.
Parece que ela estava indo para o Reino, mas de onde veio essa garota de roupas leves?
É claro que ela levará mais tempo do que as pessoas comuns para chegar à cidade. Ela tem um corpo pequeno e delicado que parece que irá morrer se encontrar um cão selvagem, muito menos bandidos ou monstro.

Eu também tenho uma filha, eu não poderia deixá-la sozinha.
Embora houvesse algum espaço na plataforma de carregamento, ela chegou aos assentos do cocheiro porque estava entediada e perguntou muito sobre o reino.
Parece que ela está procurando emprego no Reino.
Antes que eu percebesse, a conversa se tornou sobre negócios, a história da loja que ela conhecia. Ela está me dizendo que é 「A história que ela ouviu das pessoas」.
Que surpresa.
Por que ela sabe tantas histórias?
Como alguém pode falar sobre essa história para que uma garota em uma cidade rural possa ouvir sobre isso?
O comerciante não consegue falar os detalhes do trabalho tão facilmente.
Além disso, há muitas partes que até eu, um comerciante experiente, não entendo, mas ela entende as circunstâncias e causas corretamente, ela também acrescenta sua própria consideração, e também é uma opinião afiada!

Até agora, eu não pensava muito em descontos.
Há itens com despesas que se alinham ao piso de vendas e há uma taxa de lucro adequada.
Também há confiança em cada um dos fabricantes, vendedores e compradores.
Eu sempre vendi mercadorias a um preço adequado para esses produtos.
Isso não é muito caro nem barato demais para evitar perturbar o mercado...
No entanto, a história sobre a metade do preço e desconto que esta menina estava falando era realmente interessante.
Às vezes, o que ela fala corrige minhas próprias crenças, foi realmente interessante.
A garota continua dizendo, ouvi dizer que havia algo assim, mas ela está claramente familiarizada com a situação e também está adicionando suas próprias ideias ao conversar.

Essa garota vai se tornar uma pessoa incrível no futuro.
Se ela está procurando trabalho, não deve ser um problema contratá-la em nossa loja.
Se ela perguntar o nome da nossa loja, ficarei feliz em aceitá-la.
Ok, vamos fazer isso!


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Chegamos ao portão do Reino.
Apenas em alguns minutos e nós chegaremos no ponto de verificação do portão. Tudo bem, vamos fazer isso.

「Kaoru, se estiver tudo bem, você está disposta a trabalhar na minha loja? Eu posso fornecer-lhe um lugar para viver também. Então você não precisa se preocupar com lugar para ficar」 (Mercador)

Depois de pensar por um tempo, a garota sorriu e respondeu.

「Não, tudo bem, vou procurar um emprego sozinha...」 (Kaoru)

Huh?

「Ah, eu ainda não te disse o nome da nossa loja, somos a "Compania de Comércio Abiri" e eu sou o dono dessa empresa, Johann Abiri. Você está surpresa?」 (Johann)

Eu digo a ela com confiança e sorriso.

「... Oh, é assim. Desde que eu sou nova neste Reino, eu fui rude lá atrás. Obrigada por me pegar. É um prazer conversar com você. Eu vou pagar essa gentileza um dia. Pois bem, até nos encontrarmos novamente!」 (Kaoru)

A menina desce da carroça que para no final da fila de verificação, vai embora depois de dar seus agradecimentos.
Johann Abiri, presidente da Compania de Comércio Abiri, está decepcionado ao ver a garota ir embora.

「... Bem, nós somos a Compania de Comércio Abiri... Foi dito que vamos entrar no top 3 do reino. Somos famosos até nos países vizinhos. Há muitas pessoas que desejam trabalhar em nosso lugar, Compania de Comércio Abiri... Para aqueles que vieram do campo, eles deveriam amar trabalhar na Compania de Comércio Abiri...」 (Johann)

A voz de Johann tornou-se gradualmente fraca e silenciosa.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆


***** Ponto de Vista de Kaoru *****


(Aquele Mercador parece uma boa pessoa. Mas se eu aceitar morar em uma pequena loja, estarei ocupada com várias tarefas. E talvez, eu não tenha nenhum tempo livre como trabalhar até tarde da noite e abrir a loja bem cedo pela manha. Não sei se haverá algum feriado... me desculpe, mas vou procurar um emprego com mais tempo livre. Agora eu tenho que encontrar alguém que possa me abrigar ou eu vou fazer a minha própria barraca...) (Kaoru)


***** Centro de Trabalho do Reino Gurua *****


Bem, isso não é bom...
Eu continuei procurando emprego com recrutamento adequado.
Já faz muito tempo desde que comecei a investigar.
Eu fui para a recepção, a fim de aplicar cerca de duas vezes, mas rejeitaram com: 「menor de idade não é bom」.
Mesmo que não tenha sido um trabalho estranho...
Quando estava meio triste, um homem, que estava fazendo um trabalho de escritório na parte de trás, se dirigiu à recepcionista.

「Ei, Aria, e aquela criança? Ela pode trabalhar no Bard-san...? 」(Recepcionista masculino)
「Oh, isso mesmo...」 (Aria)

A recepcionista ouviu isso, olhando para Kaoru por um tempo.

「Você pode fazer trabalhos domésticos como limpar e cozinhar?」 (Aria)

Meus pais estavam todos trabalhando, então eu cuidei dos meus irmãos e dos trabalho doméstico desde que eu era uma aluna do ensino médio.

「Sim, minha mãe estava trabalhando, então eu sou boa em tarefas domésticas e cuidando de crianças!」 (Kaoru)
「Oh, talvez você possa fazer isso... trabalhando de forma semelhante a um ajudante residente, e quanto a isso?」 (Aria)

De acordo com a explicação da recepcionista, parece que uma pequena oficina está procurando um ajudante residente. Existem 5 pessoas, incluindo o dono da oficina.
Todos eles não são pessoas ruins, mas outros ajudantes acham difícil ficar.
Trabalho, refeições, cuidados, limpeza, lavagem e outras tarefas.
Todos, exceto o dono da oficina, são preguiçosos e nunca fazem nada além do trabalho, todos fazem refeições na oficina.
Seria problemático voltar para casa, fazer uma refeição, comer a refeição e voltar para a oficina.
Não vai ser tão ocupado e se eu limpar corretamente todos os dias, eu poderia fazer meu tempo livre.
Mesmo se eu precisar preparar refeições, não importa se eu não puder sair durante os dias de semana.
Há também um feriado. Todo mundo parece ir comer fora por algo apropriado naquele dia.
Bem, como também havia um período em que não há ajudante que resida na oficina, está uma bagunça, posso limpar tanto?
... Eh, o que é isso? É um trabalho ideal para mim!


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Eu vim com uma introdução do Centro de Trabalho, meu nome é Kaoru」 (Kaoru)
「Oh, você não precisa ficar tão tenso assim. Por favor, faça de forma confortavel」 (Bardo)

O lugar que eu estarei trabalhando é a 「Oficina de Maiyaru」.
Quando digo minha apresentação, o dono da oficina, Bard-san, disse isso com um sorriso. Bom, eu fui salva.

「Enquanto isso, vamos ficar com você por alguns dias, vai estar em um período de teste, a taxa de introdução não é alta já que outros ajudantes se demitiram depois de pouco tempo」 (Bard)

Bard diz isso e sorri amargamente.

「Bem, por enquanto, por que você não se apresenta a todos? Se você achar que não pode fazer isso, por favor, não guarde para si e me diga mais cedo... bem, eu estou meio acostumado com isso, eu realmente não me importo」 (Bard)
「Eu entendo」 (Kaoru)

Ele não é negativo?
E eu fui guiada para um lugar de laboratório, em vez de uma oficina, uma sala de trabalho...
O momento em que ele abre a porta.

「... Muu」 (Kaoru)

Odor.
Suor masculino e odor corporal, odor químico. Algo cheira a podre. Há um cadáver escondido em algum lugar?
E tem 4 homens.
Dois deles estão deitados no chão.
Uma de meia idade, dois rapazes e um menino. Bem, embora ele seja um menino, ele é um adulto aqui.

「Levantem-se, Carlos, Alban, há uma nova candidata a ajudante!」 (Bard)

Ambos saltaram do lugar deles.

「Obrigado!」 (Carlos, Alban)
「Não, ainda é apenas um "período de teste"!」 (Bard)

Bard apunhalou um prego.
Do topo, Carlos-san tem 32 anos, Acil-san tem 21 anos, Alban-san tem 19 anos, Brian-san tem 16 anos.
Todo mundo parece estar fazendo o melhor para se tornar um técnico.
De acordo com a explicação de Bard, isso não é apenas uma oficina que ganha dinheiro produzindo e vendendo produtos.
Eles ganham dinheiro desenvolvendo uma nova tecnologia, fazendo várias pesquisas também, e criando um novo produto como um "laboratório".
No entanto, como não há suporte financeiro de qualquer lugar, eles também fazem produtos comuns para financiar despesas de pesquisa e despesas de manutenção.
Como seu objetivo é certo, fazendo produtos normais bons para ganhar dinheiro e viver.

O principal projeto de pesquisa é o consumo de dinheiro.
Porque esses produtos no campo de pesquisa não são adequados para negócios, etc.
E eles não são empresários, mas um grupo de pesquisadores, então não há conceito como o tempo de trabalho.
Às vezes, eles não lavam o corpo por dias, esquecendo as refeições e desmaiando.
Eles ficam no laboratório por dias. eles costumam falar sobre o conteúdo da pesquisa, mas eles não sabem muito quando se trata de público em geral...

(... Ah, eu preciso cuidar de 5 crianças) (Kaoru)

Kaoru entendeu com precisão a situação.
Depois que cada pessoa se apresentou e deu uma breve explicação, é hora de perguntar.

「Bem, você pode limpar e cozinhar?」 (Bard)
「A limpeza é o meu forte, eu cuidava das tarefas domésticas da família. E também sou boa em culinária, tenho cozinhado refeições para minha família há muito tempo. Também há as refeições que fiz no refeitório onde trabalhei que foram adotadas como menus oficiais」 (Kaoru)

Os olhos de todos estão cheios de expectativa.

「Bem, há coisas que eu quero que você tenha cuidado ao limpar aqui...」 (Bard)
「Ah eu sei. Mesmo que pareça confuso, mas o local está devidamente decidido, não o moverei sem permissão. Mesmo que haja recados de papel, pode ser um memorando importante, por isso, não o descartar arbitrariamente. Além disso, as drogas são perigosas, então não tente sentir o cheiro, não toque, não misture, não jogue fora...」 (Kaoru)
「Huh...?」 (4 homens)
「Oh, você trabalhou no mesmo tipo de lugar antes?」 (Bard)
「Não, eu nunca fiz isso antes...」 (Kaoru)
「.........」 (5 homens)
「Oh, sobre isso, estamos perdidos no tempo... Se estivermos interessados em pesquisas, podemos esquecer o horário das refeições...」 (Bard)
「Bem, os homens não são todos assim?」 (Kaoru)

4 homens estão observando Kaoru com os olhos brilhantes cheios de expectativas.
A expressão de Bard também é boa.
Talvez Kaoru se estabeleça...
Poucos dias depois disso, Kaoru foi oficialmente aceita, e a oficina pagou a taxa de indicação para o Centro de Trabalho.
Com seu conhecimento e experiência, ela compreendeu facilmente o hábito de trabalho de todos.
Como todos tendem a trabalhar sem se preocupar com o tempo e esquecem suas refeições, ela economizava trabalho fazendo simples bolinhos de arroz ou sanduíches. Claro, ela ainda cozinha quando todos terminam seu trabalho (não apenas no intervalo).
A maior parte de seu trabalho é organizar e limpar a oficina. Graças ao 「desodorizante especial de Kaoru」 que ela explicou a todos, 「isso era feito misturando chá e suco de frutas e vários outros ingredientes」, o fedor da sala também foi melhorado drasticamente.
Desta forma, Kaoru estabeleceu uma posição firme dentro da oficina.
E assim, quando ela era capaz de passar seu tempo livre, ela frequentemente ia à biblioteca. A taxa de uso da biblioteca permanecia alta, como de costume.

「Uhm, Acil-san, o que você está fazendo?」 (Kaoru)

Kaoru perguntou a Acil depois de vê-lo usando uma ferramenta incomum para construir itens para levantar fundos em vez de pesquisar.

「Ah, eu estou fazendo uma garrafa, há uma ordem de um nobre conhecido. Ele precisa de algo leve e durável para armazenar bebidas alcoólicas, mas que não altere o sabor da bebida. Como o comprador é um nobre, posso vendê-lo a um bom preço. Bem, não pode comparar com o belo item de prata. Embora deva ser suficiente para o uso diário」 (Acil)

Ao contrário de outros membros da equipe, Acil-san é um nobre.
No entanto, ele é o terceiro filho de uma casa de Barão.
Como ele é o último filho, ele é o último que tem a chance de ter sucesso na casa.
Como resultado, seu pai, o atual proprietário, fez Acil-san trabalhar.
Não, não é negligência nem nada. Ele deixou Acil para escolher seu próprio futuro.
Ele tem bons irmãos, familiares e amigos.
De volta ao tópico, ele está fazendo um recipiente, então...
Eu me pergunto se posso me mover um pouco mais cedo do que planejei.

「Ah... isso mesmo. Na verdade, um conhecido meu está fazendo recipientes de vidro. Porque ela estava fazendo isso como um hobby, ela não vendeu nem tinha uma loja para fazer isso. Mas agora, ela quer vender alguns para ganhar um pouco de dinheiro... Posso pegar emprestada uma pequena porção da prateleira?」 (Kaoru)

Essa prateleira, usada para exibir produtos acabados, serve para mostrar as capacidades técnicas da oficina. Ele pode servir como referência para a solicitação de clientes e também é um item de venda com uma etiqueta de preço.
Como esta oficina foi feita principalmente para a produção de pedidos, havia espaço suficiente na prateleira.

「Bem, acho que provavelmente está tudo bem, mas você precisa da permissão de Bard-san」 (Acil)
「Eu entendo, vou perguntar」 (Kaoru)

E Bard dá permissão facilmente. É um pedido de uma menina que trabalhou bem, preparou comida deliciosa e melhorou a sua vida, afinal.



「Ooohh...」 (5 homens)

Olhando para o recipiente de vidro, cinco pesquisadores, incluindo Bard, perderam suas palavras.

「Que lindo...」 (qualquer um dos quatro homens)
「A que fez isso tem grandes habilidades de criação, não só tem um ótimo design, mas também a transparência e a radiância deste vidro... O que é isso, o que é isso...」 (Acil)

O 「produto artesanal de hobby da amiga de Kaoru」 era um item incrível.
A garrafa feita de cristal brilhante, e tinha corpo de design elegante e simétrico e uma grande tampa na parte superior.
A tampa tinha a forma de uma deusa com uma asa e tinha uma presença que era mais distinta do que a própria garrafa, que era o principal. Não, certamente a tampa deve ser o principal.
Vidro de cristal. É feito adicionando óxido de chumbo, etc., à matéria-prima do vidro, e é realmente transparente e brilhante, não é comparável ao vidro comum.
É rude nomear isso como um vidro, porque um vidro que é uma substância não cristalina não pode ser comparado com esse item.
De qualquer forma, é muito mais caro que o vidro, e não pode ser colocado em prática aqui.
Originalmente, as pessoas neste mundo fazem o trabalho com o vidro cortando vidro e o forjando. Assim, os produtos de cristal podem não ter um acabamento muito fino em alguns casos.
Mas isso era uma obra muito boa. Em vez de forjar, ela cortou o cristal em cada detalhe.

「Kaoru-chan... gostaria de saber se podemos conhecer essa pessoa que fez isso...」 (Acil)
「Oh, a dama do artesanato. Sua casa é rigorosa. Parece que ela secretamente faz isso sozinha com seu tempo livre enquanto esconde de sua família. Ela está ajudando principalmente com o trabalho de sua família, afinal. E ela também não é boa com homens (fobia)...」 (Kaoru)
「Isto foi feito sozinha e durante o tempo livre entre empresas familiares,... sozinha...」 (Acil)

Ah, todo mundo parece estar sofrendo danos além do fato de que eles não podem encontrar a artesã também.

「Ok, eu posso ajudar a encontrar comprador para ela então」 (Acil)

Oh, todos ressuscitaram.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



E, a exibição na prateleira de mercadorias foi cancelada.
Não pode ser ajudo, exibir isso vai fazer um barulho. E se os clientes acharem que essa é a tecnologia desta oficina, todos terão problemas se os clientes exigirem elas.
Por essa razão, Acil-san usou sua conexão, levou-o a um leilão aristocrático e o vendeu.
... Depois de tudo eu consegui três moedas de ouro. Eu paguei seis pequenas moedas de ouro como uma comissão para a oficina.
Comparando com as despesas com alimentação da oficina, vale cerca de um mês. E esse recipiente de vidro é na verdade...

「A capacidade de fazer poções, que faz qualquer tipo de poção com qualquer efeito que você quiser. Isso entrará em um recipiente como você quiser.」 (Habilidade)

Sim, Kaoru conseguiu ganhar dinheiro mesmo sem as vendas de poções ou a trapaça de conhecimento.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Dias pacíficos como ajudante passaram.
Ocasionalmente, Kaoru vendia recipientes de vidro por dinheiro para poder ir à biblioteca quantas vezes quisesse.
Na Caixa de Itens, há comida suficiente, troca de roupas, facas, pedras, cobertores etc.
Ela os preparou para circunstâncias imprevistas.
Bem, enquanto nada acontecer, ela não pretende fugir.
Eu já tenho conhecimento semelhante aos cidadãos comuns e um local de trabalho estável.
Não que eu não queira aproveitar essa vida agora, mas eu não quero ser uma ajudante por toda a vida.
Eu tenho uma trapaça depois de reencarnar, então eu quero viver mais livremente.
Além disso, tenho a garantia de que posso influenciar o mundo da deusa, que é o único deus deste mundo.
Uma poção pode ser útil para alguém por um tempo.
Bem, eu não deveria me apressar, preciso esperar uma chance...


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Um dia, quando Kaoru estava limpando a entrada da oficina, uma criança errante passou e um papel amassado caiu.
Kaoru pegou o papel e colocou no bolso.
As pessoas limpam, pegam lixo jogado fora. Parece cenas bastante naturais, mas outras podem pensar que é estranho se o espectador vê-lo.
Sim, é impossível para uma criança errante ter papel caro e jogá-lo facilmente como lixo.
Kaoru espalha os resíduos de papel do bolso na cozinha e lê as letras escritas lá.

「A mãe da criança em uma enfermaria pobre. Sério e sincero. Ela trabalhou... maravilhoso... criou a filha mas sofreu... ferimentos graves pela aristocracia」 (Nota do Papel)

Uma criança errante poder escrever já é um talento, é claro que não podemos esperar que ele escreva usando palavras adequadas.
Kaoru faz o cronograma para esta noite.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Depois de terminar o jantar na oficina, Kaoru limpa tudo.
E depois de fazer lanches tarde da noite, ela saiu da oficina, mudou para roupas fáceis de se mover.
Todos estão interessados em trabalho e pesquisa, e ninguém percebeu isso.
Mesmo que eles tenham notado, ela pode apenas dizer que saiu para fazer compras.
Enquanto andava um pouco, ela podia ver a criança errante na frente dela.
Ele começou a andar e Kaoru seguiu com uma distância suficiente.
Antes que ela percebesse, havia várias crianças errantes atrás de Kaoru também.
Mantendo a distância, eles seguem Kaoru enquanto observam os arredores.
Enquanto continuam andando como estão, chegam em frente a uma cabana surrada na enfermaria pobre.
O garoto que liderava à frente parou e gesticulou como um sinal.

(Este é o lugar...) (Kaoru)

Kaoru mudou a cor do cabelo e dos olhos, escondeu o rosto com a máscara, embrulhou-se no manto e entrou na cabana.

「... Quem?」 (Loli)

A jovem pergunta a pessoa suspeita usando uma máscara que entrou em sua casa sem permissão...
Mesmo ela sendo apenas uma menina, mas ela tenta o seu melhor para ameaçar a pessoa suspeita. Mesmo sem palavras, Kaoru entende que essa jovem quer dizer: 「Preciso proteger minha mãe que está na cama depois de ser ferida! Mesmo com o custo da minha vida!」

「Use isso na sua mãe」 (Kaoru)
「... Quem é você?」 (Loli)

A jovem perguntou de volta sem perder a cautela.

「Uhm..., eu sou, da Celes...」 (Kaoru)
「Celes? Quem?」 (Loli)
「Ah, Celestine, você a conhece?」 (Kaoru)
「!!!」 (Loli)

Não há ninguém neste mundo que não saiba o nome da deusa, mesmo que seja apenas uma criança.
Além disso, não há ninguém que se atreva a nomear sua filha com o nome da deusa.
Neste mundo, a deusa não é imaginária, porque às vezes ela aparecia. A última vez foi várias décadas atrás. É uma "deusa verdadeira" que salvou as pessoas e deu um oráculo.

「Eu gostaria de dar um remédio para sua mãe, está bem?」 (Kaoru)
「Um!」 (Loli)


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Terminei. Obrigada pela informação e desculpe pelo problema」 (Kaoru)
「Bem, eu e todo mundo vamos acompanhá-la de volta à oficina」 (menino)
「Sim, por favor」 (Kaoru)

Como resultado, o menino seguiu em frente, Kaoru o seguiu com alguma distância e fingindo ser irrelevante, outras crianças seguiram atrás de Kaoru e continuaram observando até que Kaoru voltasse para a oficina.
Um dia, Kaoru saiu para comprar ingredientes no mercado e colidiu com um menino mendigo.
Enquanto olhava para a parte de trás do mendigo que fugiu, Kaoru colocou a mão na cintura.

(Ah, a bolsa sumiu...) (Kaoru)

Sim, esse garoto é um batedor de carteira.
Apesar de parecer uma criança, Kaoru vinha comprar coisas no mercado a cada poucos dias.
Todos saberiam pela quantia de comida que ela trouxe que ela tinha dinheiro razoável.
E desde que ela ainda é uma menina pequena, o menino não precisa se preocupar com ela ser capaz de correr mais rápido do que ele para pegá-lo.
Aquela criança mendiga provavelmente estava pensando que Kaoru era uma boa presa.
No entanto, Kaoru tinha uma Caixa de Itens para horas como essas.
A bolsa real está na Caixa de Itens.
A bolsa que foi roubada era apenas um embuste. E o que tem dentro é...

Kaoru caminhou lentamente para a direção que o garoto mendigo fugiu.
Normalmente, após roubar, ele deve correr para um lugar seguro, roubar o conteúdo da bolsa e jogá-la fora.
Mesmo que haja pessoas que escrevem seus nomes em sua bolsa, ninguém está escrevendo seus nomes no dinheiro que está dentro.
É chamado de destruir a evidencia. Bem, a qualquer momento...

Gyaa~ah~ (Menino)

Aqui vem.
Quando Kaoru chegou a cena dos gritos, havia um menino que parecia o mesmo que Kaoru.
Era uma criança de 11 a 12 anos, ele agarrou o pulso direito com a mão esquerda e gritou de agonia.
Claro, esse menino é o batedor de carteira.
A mão direita do garoto estava inchada com um roxo púrpura.
Há também uma dor considerável. Porque Kaoru fez tal remédio.
Olhando para a figura de Kaoru, o menino estava transbordando de lágrimas, como se implorando por ajuda.
Não pode ser ajudado.
Kaoru ordenou que o menino pegasse um remédio e o instruiu a beber.
Quando ele tomou o remédio, o inchaço e a dor foram curados.
Na verdade, caso ele escapasse, aquela dor e inchaço seriam curados naturalmente depois de um certo tempo. Depois de sofrer uma dor considerável.

「Se você se atreve a roubar de Deus, você vai se arrepender, entendeu, Shounen?」 (Kaoru)
「Er, Deus...」 (Menino)

O Kaoru sorriu e disse.

「Se você se atrever a fazê-lo novamente, da próxima vez a punição da Deusa não será apenas nesse grau」 (Kaoru)
「Hiii~ii!」 (Menino)

O menino está tremendo enquanto encosta a cabeça no chão.
Quer dizer, enquanto Kaoru está se perguntando... por que ele estava fazendo algo assim?

「Então, por que você tem que bater carteiras?... Bem, não há necessidade de perguntar, não é?」 (Kaoru)

Ele não consegue encontrar nada para comer se não fizer algo assim.

「Na verdade, a condição de Bel é muito ruim...」 (Menino)

Alguém adoeceu?

「Por favor me mostre o lugar」 (Kaoru)
「Eh...?」 (Menino)


***** Área Pobre *****


E o menino guia Kaoru para uma loja abandonada localizada na beira da área pobre.
Há no total sete garotos e garotas morando aqui, onde até as paredes também desmoronaram. Quando Kaoru perguntou quem está doente ou com problemas de saúde, todos levantaram as mãos.
Sim, claro que eram todos eles.

「Todos, se alinhem!」 (Menino)

O batedor de carteiras organiza as crianças que estão confusas.
Aparentemente esta criança é a mais velha. Embora 12 anos de idade possam ser jovens, mas comparado com a idade de Kaoru de 15 anos que era japonesa, ele pode até parecer mais velho.

「Ok, peguem isso em ordem」 (Kaoru)

Kaoru distribui poções para recuperar lesões e doenças e pediu para eles beberem.

「Ok, por favor, bebam novamente」 (Kaoru)

Desta vez é uma poção que recupera os órgãos internos enfraquecidos e músculos, poção de melhoria nutricional.
Eles são diferentes de lesões e doenças, e Kaory não gosta de colocar muitos efeitos em uma poção, então ela os dividiu em duas.

「Eh...」 (Criança 1)
「Meu pé não está machucado」 (Criança 2)
「Meu corpo está leve!」 (Criança 3)
「Meu coração não está doendo...」 (Criança 4)

As crianças levantam a voz de surpresa, uma após a outra.
Bem, eu me pergunto, o que fazer?
Se eu deixar essas crianças como elas estão, elas seguirão a estrada antiga novamente.
No entanto, é possível cuidar de um grande número de crianças quando eu sou apenas uma assistente contratada?
Se não fosse possível, não viria aqui desde o começo.

Eu já não decidi o que fazer?
Sim, não é ruim 「usar esse poder para autodefesa」, 「poções podem ser úteis para alguém por um tempo」 e 「eu quero viver mais livremente como eu quiser!」.
É hora de começar meu plano!
Uma garota chamada Nagase Kaoru vivia escolhendo um caminho seguro, evitando o perigo.
Bem, no final, ela teve uma morte estranha devido a uma estranha razão, no entanto.
Então, por que eu deveria repetir esse estilo de vida de novo aqui?
Regras e segurança, até mesmo a ética neste mundo são completamente diferentes do Japão?
Mesmo que eu tenha trapaceado com a deusa, mas eu deveria usar isso apenas em 「mim mesma, minha família ou alguns amigos íntimos」? E não se relacionar com outras pessoas?
Essa é uma vida chata.
Nagase Kaoru está morta. Agora, a atual eu, neste outro mundo, tem uma nova vida, 「Kaoru」 renasceu neste mundo. E a esta Kaoru foi permitido viver livremente pela deusa.
A partir de agora, eu não sou a 「Japonesa Nagase Kaoru」 mas 「Kaoru」 que viverá neste mundo como eu quiser. Eu até recebi o selo de aprovação da deusa!

「Crianças!」 (Kaoru)

Kaoru colocou as mãos na cintura e esticou o peito.

「Eu sou Kaoru, uma amiga da deusa Celestine, recebi a discrição de Celestine, estou desfrutando deste mundo como um ser humano」 (Kaoru)

Claro, não há mentira.
As crianças não parecem entender bem.

「Para simplificar, vocês podem dizer que eu amo os seres humanos como vocês」 (Kaoru)

Barulhento.

「Então eu estou pensando que eu deveria dar algum tipo de bênção para as pessoas justas, como eu fiz para vocês agora」 (Kaoru)

Nas crianças que se recuperaram de seus ferimentos e doenças. Eles começaram a entender o significado do milagroso corpo saudável.
Eles foram movidos pelas lágrimas pois a deusa lhes deu a bênção, eles pensaram que estavam sendo abandonados pelos seres humanos e sendo tratados como lixo.

「Mas é difícil encontrar pessoas justas que estão realmente com problemas e abençoá-las. Porque agora eu estou com um corpo humano. Então, aqui está o acordo, vocês não vão me ajudar se tornando meus servos? Vou dar um corpo saudável e comida em troca」 (Kaoru)

Sete crianças se curvaram e Kaoru recebeu sete servos.
E Kaoru ensinou as crianças.
Sua identidade e ações são absolutamente confidenciais.
Se alguém souber sobre isso e tentar explorar o poder da deusa, a punição cairá no reino e Kaoru irá para longe.
Mesmo se você tentar vender um segredo, um bandido só pagará por dinheiro quando ouvir informações, mas depois disso você será morto para monopolizar o segredo.
Kaoru cura os ferimentos das crianças, doenças e dá uma quantidade mínima de comida, mas não tudo.
Eles se tornarão seres humanos inúteis se Kaoru fornecer tudo, eles precisarão obtê-lo com seu próprio poder.
As crianças que experimentaram milagres com o próprio corpo não tiveram a opção de duvidar. A fim de melhorar suas próprias vidas, as crianças procuravam empregos como recados e tarefas domésticas. Ao fazer isso, eles ouviriam várias histórias e coletariam informações sobre 「pessoas justas, aquelas que estão sofrendo de ferimentos e doenças」.

E as crianças tentaram escoltar a deusa.
Kaoru preparou capas e máscaras para esconder sua identidade.
Ela acha que ela estava legal, mas estava muito ruim.
Uma criança começou a chorar quando a viu na rua...
E as atividades de deusa de Kaoru começaram. Suavemente.
Com base nas informações recolhidas pelas crianças, ela ajudou aqueles que sofrem de ferimentos e doenças. Pouco a pouco... até...

Há um certo boato de que se espalhou na cidade real.
Parece que a deusa salvará pessoas humildes.
Ela nunca salva aqueles com mau coração.
Você não deve trair a deusa.
Os olhos da deusa estão em toda parte.


***** Organização Secreta 「Casa da deusa」 *****


Era apenas uma casa decadente que sete crianças abandonadas se estabeleceram.

「Você quer mudar esse nome?」 (Kaoru)
「Nós não queremos mudar isso!」 (Crianças)

O desejo de Kaoru foi rejeitado. Mesmo que ela seja uma deusa.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Hoje, depois de terminar seu trabalho na oficina, Kaoru veio para a área pobre... como ela conhece a maneira eficiente de trabalhar, ela tem muito tempo livre. E ela cozinha refeições para as crianças.
As crianças costumam cozinhar em um pote grosso. Para ser honesta, não tem gosto bom, então ocasionalmente ela cozinha para eles.
Kaoru disse às crianças: 「Como estou curtindo a vida humana agora, também tenho que guardar segredos. Caso as pessoas descubram, lembrem-se, eu sou apenas uma garota amável que vem fazer refeições para vocês ocasionalmente」

「Então, a filha desse comerciante está doente, mas ela é rica, você não acha que o comerciante pode se dar ao luxo de curá-la?」 (Kaoru)
「Mesmo que ele tenha dinheiro, há lesões e doenças que não podem ser curadas, e essa pessoa é uma boa pessoa」 (Menino)

Batedor de car... não, porque ele não é mais batedor de carteiras, então vamos chamá-lo pelo nome. Emil explicou.

「Ele ocasionalmente cozinha para os pobres, mas ele sempre diz "Porque eu sou um hipócrita, eu apenas gosto de me divertir dessa maneira", ele é uma boa pessoa, não é?」 (Emil)

Oh... o que posso dizer... ele é realmente uma pessoa legal.



***** Tarde da noite. A porta dos fundos de um Comércio *****


Kaoru bateu na porta e a voz de uma mulher perguntando de volta de dentro.

「... Quem está aí?」 (Mulher)
「Mascarada... não, não, sou uma farmacêutica」 (Kaoru)
「Por favor, entre」 (Mulher)

Como esperado, é impossível para um amador se infiltrar em uma grande casa comercial. Até mesmo nós os informamos de antemão.
Mesmo que eu diga informar, eu simplesmente escrevi uma carta e deixei uma criança entregá-la. As pessoas não podem deixar de suspeitar.
No entanto, se é para a filha, os pais ainda querem apostar nisso. Ele é um 「bom Tsundere」.
E há apenas um visitante, e outros que acompanharam estarão observando o local. Por enquanto, a serva deixou essa pessoa passar.
No entanto, se o visitante souber que a pessoa é apenas uma criança, será mais cético.

「Eu fui informada」 (Mulher)

Kaoru foi guiada por uma criada, elas atravessaram o quintal até a mansão e entraram em um quarto.
Uma empregada que vê uma menina com uma máscara suspeita e nem sequer parece chateada e anuncia calmamente. Não, prefiro dizer que ela é uma profissional. Como esperado, um servo de uma grande loja.
E naquela sala há uma menina deitada na cama, uma mulher e um homem sentados nas cadeiras e parecem ser os pais daquela garota e um menino que parece ser seu irmão. Não há guarda.
Três pessoas que viram a figura de Kaoru entrando no quarto ficaram surpresos, com a boca entreaberta.
Quando eles pensaram que a deusa estava chegando e a que veio é uma garota com uma máscara suspeita. Não pode ser ajudo que eles sejam surpreendidos.
Ao olhar para as pessoas no quarto, Kaoru levanta a voz.

「O que? Comerciante?」 (Kaoru)

O homem que está lá é esse comerciante, Johann Abiri. Aquele que deu uma carona a Kaoru em sua carruagem.

「Eh? Kaoru-chan?」 (Johann)

Da voz chamando-o de mercador, comprimento de cabelo, forma, Johan imediatamente percebeu a identidade, mesmo que a cor do cabelo fosse alterada.

「Por que você está vindo para este lugar?」 (Johann)

Eu fui pega.
「Por que, por que Kaoru está aqui...?」 (Johann)

Os olhos de Johann estão bem abertos.

「Bem, eu vim curar a doença da sua filha...」 (Kaoru)
「Espere... então, Kaoru-chan... é uma deusa...」 (Johann)

Como esperado de um comerciante, ele conhece as informações valiosas.
Parece que ele percebeu o boato que ainda está generalizado.

「Bem, algo assim」 (Kaoru)

Johann tranquiliza sua esposa e filho. Enquanto isso, Kaoru tira sua máscara.

「Deixe ela beber isso」 (Kaoru)

Johann recebeu uma pequena garrafa de Kaoru com as mãos trêmulas. Ele presta muita atenção para que não transborde, ele derrama cuidadosamente na boca de sua filha que está deitada na cama.
O rosto de sua filha, que estava sofrendo, gradualmente melhorou e suas bochechas mudaram de pálidas para ligeiramente rosadas. Sua respiração ficou mais calma e estável.

「Oh......」 (Johann + Esposa + Filho)

Os casal Johann e seu filho estão maravilhados. A filha se recuperou. Todos pensavam assim.

「Por que, por que a Deusa está nos abençoando?」 (Johann)

Johann pergunta a Kaoru com uma voz trêmula.

「Sou grata ao comerciante de várias maneiras. E eu sei, você está fazendo várias coisas boas como cozinhar para os pobres」 (Kaoru)
「Oooooo......」 (Johann)

Johann chorou. Pensar que suas ações foram recompensadas com a vida de sua filha.
Ele quase desistiu, mas a deusa sabia disso corretamente. Ele se pergunta se sua própria crença salvou sua filha.

「Muito obrigado, você é mesmo um anjo...」 (Johann)
「Não, não, me chamando de Kaoru como antes está tudo bem, Comerciante」 (Kaoru)
「Mas... bem, isso seria melhor, com certeza」 (Johann)

Verdadeiramente um comerciante de sucesso, ele tem um entendimento rápido.

「Então, como devemos pagar você?」 (Johann)

Na verdade, eu também tive muitas ofertas de pessoas que eu curei. Mas nunca peguei dinheiro de pessoas pobres.
Eu estava apenas recebendo um sentimento de apreciação. Ou peguava um rabanete na cozinha, ou um pano ou ferramentas para as crianças, e assim por diante.
Mas tudo isso foi a preparação para o tempo de se opor à nobreza e às pessoas ricas que podia acontecer algum dia.
Mas eu não consigo me vestir porque custa muito dinheiro. Portanto, vou precisar de um 「vestido elegante como item de gratidão dele」.

「Bem... eu realmente não preciso de nada... Ah, isso mesmo!」 (Kaoru)

Este pode ser um bom momento. Porque eu vou precisar daqui a pouco, talvez.

「Você poderia me dar algo para vestir, como roupas para nobres...」 (Kaoru)

Bem, logo se tornará difícil com apenas um vestido da filha do Barão daquela cidade quando eu precisar participar de uma grande festa.

「Ha ha, deixe comigo. Eu, Johann Abili, vou usar todo o poder da Compania de Comércio Abiri...」 (Johann)
「Não, não precisa ir tão longe!」 (Kaoru)

Então Kaoru foi guiada para outra sala, e outra empregada começou a fazer medições.

Ah, eu deveria lembrar o nome do comerciante em breve. Isso mesmo, Johann.


***** Duas semanas após a visita na Compania de Comércio Abiri *****


De manhã, Acyl-san estava agindo de forma estranha. Ele continua olhando para Kaoru, desviando os olhos e suspirando.
Ele se apaixonou por mim?
Não é de admirar que Kaoru pense assim. Era obviamente um comportamento suspeito.
Kaoru havia melhorado as condições de vida desleixadas de todos na oficina. Ela também parece estar interessada em pesquisas, muitas vezes ela assiste a todos trabalhando.
Não há absolutamente nenhuma atitude de crítica como outras mulheres. De fato, como noiva de um pesquisador pobre, ela era uma mulher ideal.
Se ele puder esperar cerca de 3 anos, ele pode tomar Kaoru como noiva e fazer com que ela cuide de sua vida diária.
No entanto, Kaoru não têm 11 a 12 anos de idade como as pessoas neste mundo acham, mas tem 15 anos de idade.
A própria Kaoru acha que 15 anos ainda é cedo e não quer ter um parceiro de casamento ainda.
Embora Acyl seja nobre. Normalmente Nobres como ele, muitas vezes pretendem ser um cavaleiro ou burocrata, mas Acyl parece não se importar.
Eu acho que Acyl é uma boa pessoa. No entanto, como marido e parceiro para compartilhar minha vida é um pouco...
Ter um pequeno estúdio técnico com duas pessoas, fazer crianças pequenas felizes não é uma coisa ruim, mas eu quero fazer mais...

「Kaoru isso é tipo...」 (Acyl)
「Wa~waii」 (Kaoru)

Finalmente chegou!

「Na verdade, há algo que eu quero perguntar a Kaoru」 (Acyl)
「Sim...」 (Kaoru)

O rosto de Acyl fica sério.

「Kaoru, sobre isso, você seria minha noiva...」 (Acyl)

Como esperado!
Kaoru está de alguma forma tremendo. De trás, Brian de 16 anos e Alban de 19 anos soltam as ferramentas que seguravam nas mãos.
Ei, vocês também? Talvez seja o melhor momento da minha vida.

「... Por um dia?」 (Acyl)

Eu sabia.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Eu exigi desculpas e explicações. Desculpas pelo que você fez ao me fazer sentir desapontada por ser estranhamente cautelosa.
Não, eu não planejei aceitar isso! Eu pretendia recusar!
No entanto, eu apenas lamentei um pouco.
De acordo com a explicação da Acyl, parece que seu outro irmão, Cedric, fará uma festa de aniversário depois de dez dias. Para procurar a parceira de casamento para Cedric.
Cedric teve sua amiga de infância como noiva, mas ela morreu de uma doença há dois anos e finalmente passou a sua tristeza. E agora seu pai organizou essa festa para encontrar outra parceira para ele.
E por causa de uma tendência recente, muitas filhas de aristocratas e mercadores ricos querem se casar com aristocratas inferiores, como um Barão, que comparecerá a essa festa.
O pai de Acyl disse a ele para usar essa chance para encontrar uma noiva que possa vir de um conde ou de uma casa do duque.

(Por que houve de repente tal tendência...) (Kaoru)

Kaoru esqueceu o que fez em uma certa festa real.
E o pai de Acyl parece ter esperança de que Acyl possa encontrar uma garota legal também. Parece que seu segundo filho já está noivo.
Acyl-san, hm..., se ele arranjar sua aparência corretamente e usar roupas finas, ele pode parecer um nobre decente, não vou dizer que é impossível.
O pai de Acyl o deixou fazer tudo o que ele quisesse até agora, mas parece que eles estavam ficando preocupados. Desta vez foi como uma ordem do que uma sugestão, Acyl também não deve recusar desta vez.
No entanto, o próprio Acyl ainda quer fazer mais pesquisas, ele não se sente como se fosse se casar ainda.
É óbvio que quando ele estiver casado ou algo parecido, ele não poderá mais fazer pesquisas como hobby.
... Assim, ele está pedindo a Kaoru.

「Por favor me ajude, quando você estiver em uma festa, você só precisa fingir ser como minha noiva, para que eu possa superar esta crise!」 (Acyl)

Ele é incrível, em algum sentido.

「Mas eu sou uma plebeia, eu...」 (Kaoru)
「Eu não sou muito melhor, apenas um terceiro filho de um aristocrata inferior... e meus pais não vão reclamar sobre Kaoru, absolutamente!」 (Acyl)
「Eh~」 (Kaoru)
「Por favor, eu não vou reclamar, mesmo se você falhar, por favor, me ajude!」 (Acyl)

Depois de um tempo, a sessão de perguntas e respostas continuou, e Kaoru aceitou.
No entanto, Kaoru recusou a oferta da Acyl sobre a preparação de um conjunto de vestidos.
Acyl finalmente convenceu Kaoru, fazendo uma promessa em nome da deusa, no entanto Kaoru tem um olhar estranho.
E Kaoru exige uma condição única. Foi 「não serei a noiva do Acyl, mas uma amiga que foi convidada a vir junto com o Acyl」.
Bem, se a notícia de que eu era noiva do Acyl se espalhar, isso pode afetar meu casamento posterior. Eu não quero ser a mulher que ficou noiva e foi abandonada.
Porque é super importante, eu definitivamente não posso ceder aqui!
Acyl reconheceu o que disse, um pouco decepcionado, mas ele acha que está tudo bem.
Depois disso, Acyl precisa pedir à casa de seus pais para preparar uma carta convite.
Bem, talvez essa fosse uma oportunidade que eu estava esperando.
Kaoru perguntou a Acyl sobre a festa.
Também ouvi falar da família Lyotal, do irmão de Acyl, Cedric, servos, episódios relacionados aos calígrafos, seja o que for.
A informação é necessária para fazer uma estratégia.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Oi, Johann-san, você está aí?」 (Kaoru)

O balconista fica surpreso com a garota chamando o comerciante pelo nome.

「Você pode dizer a Johann-san que Kaoru veio visitar?」 (Kaoru)

O balconista não pôde se opor à palavra da benfeitora de seu chefe, e o balconista foi até a parte de trás para dizer a mensagem ao chefe comerciante.

「Você veio, Kaoru-san! Venha para trás, que tal chá e doces!」 (Johann)


「Bem, eu quase tenho os vestidos e sapatos prontos, então quando você precisa?」 (Johann)

Como esperado de Johann. Bom palpite.

「Eu irei participar da festa da família Lyotal daqui a 9 dias, neste dia, me deixe mudar minhas roupas aqui e você pode por favor preparar uma carruagem?」 (Kaoru)
「Deixe comigo, eu também irei. Isso vai ser interessante. Claro que vou fingir que não te conheço e vou com outra carruagem」 (Johann)

Hã?

「Mas o convite......」 (Kaoru)
「O que você está dizendo. Sou dono de uma grande empresa mercantil e tenho uma filha em idade de casamento. Eu recebo convite de quase todas as festas. Embora eu tivesse recusado todos eles por causa da minha filha. Felizmente, graças ao meu anjo, a doença da minha filha também foi curada. Esta é uma boa oportunidade para ela voltar à sociedade. Após 9 dias, também participaremos da festa de aniversário da família Lyotal」 (Johann)

Como esperado do chefe executivo.

「Ah, é verdade, você não precisa fornecer acessórios」 (Kaoru)
「Huh?」 (Johann)
***** Festa de aniversário da Família Lyotal *****


O terceiro filho dos Lyotal, Achille von Lyotal, estava nervoso olhando em volta do local.

[Por que ela ainda não está aqui...? Eu não duvido dela, mas estou preocupado com acidentes e erros.] (Pensamento interno de Acyl)

No local, todos os membros da família Lyotal estão presentes, incluindo o principal protagonista, Cedric, e seus convidados.
Neste país, o organizador não fará a fala assim que chegar. Como os convidados muitas vezes chegam atrasados, o organizador salva as saudações e a fala depois de um determinado período de tempo.
Então, a festa já começou.
E quando Acyl estava ficando cada vez mais preocupada, uma garota apareceu no local da festa.
O organizador da festa, Lyotal, percebeu que o local, que era barulhento com as conversas aqui e ali, ficou quieto.

(Aconteceu alguma coisa?) (Lyotal)

Neste momento, Lyotal está tendo conversas com convidados, como o organizador, ele deve, pelo menos, checar todos os convidados que vêm à festa de aniversário de seu filho mais velho e dizer suas saudações.
E quando os olhos de todos os convidados, e do próprio Lyotal, se voltaram para aquela direção, havia uma garota de uns 12 anos de idade.


Cabelo preto brilhante até o ombro, rosto bem equilibrado...
Embora seu olhar seja um pouco forte e mau. Mas como nobre, também mostra a força de sua intenção. Aquela garota está usando um vestido branco puro.
Que coisa esplêndida! Um vestido que parece ser feito para a realeza. Ela também tem um monte de jóias brilhantes, como colares, enfeites de cabelo feitos com grande habilidade!
E não é apenas valor monetário. Não importa quantas moedas de ouro você gaste, não é possível obter facilmente o que não está disponível se você não tiver uma resolução.
Certamente, ela ainda é uma menina antes da idade adulta.
Mas isso é apenas uma questão de esperar por alguns anos.
Observar essa figura crescendo em sua mão também seria uma felicidade.
Aquela figura bonita fez o Lyotal pensar assim. Ela parece inteligente, com personalidade forte, usando muitas jóias difíceis de obter, mesmo com centenas de moedas de ouro.
De quem ela é a filha? Ela é uma princesa de outro país? A maneira como ela ri também é fantástica.
No local tranquilo, todos apenas ficavam olhando para a garota. A menina continuou andando em linha reta em direção ao banco da frente, onde estão Lyotal e o protagonista de hoje, Cedric. Mas antes que ela alcance o assento, ela vira para a direita em direção ao canto de comida.
E aquela garota alegremente pegou um prato do canto de comida, e todos não puderam deixar de protestar em sua mente.

(Não, não faça isso, seu vestido vai ficar sujo~~~!!) (todos)

Os garçons em cena voaram para ela imediatamente e ofereceram ajuda. E a menina continua comendo do prato elegantemente.
E então aquele local finalmente recuperou o som, os homens começaram a se mover perto da garota e tentaram conversar com ela.
No entanto, há uma maneira de dizer: 「Não fale com quem tem um prato nas mãos」, para que ninguém possa falar com a garota que continua a comer sem interrupções.
A garota continua a comer para sempre.
E os homens próximos, que estão esperando para conversar, estão um tanto inquietos enquanto se restringem.
E a menina de repente virou-se para a direção dos homens, e ela finalmente colocou o prato na mesa.

Agora!...
O momento em que os homens pensaram assim e tentaram falar com ela.

「Obrigada por me convidar hoje, Acyl!」 (Kaoru)

Aquela garota estava sorrindo e conversando com Achille von Lyotal, o terceiro filho da Família Lyotal.

「Eeh, Kaoru-chan...?」 (Acyl)

E então, houve a figura de Acyl que ficou abismado e com a boca aberta.

[O que? O que isso significa? A garota conhece Achille? Eu não me importo, mas como organizador, eu não posso interromper o encontro entre os jovens. Eu tenho que cumprir meu dever como anfitrião...] (Lyotal)

Lyotal se conteve de voar até Acyl e interrogá-lo.
O filho mais velho, Cedric, também estava preocupado e como protagonista, ele também não pode deixar o seu lugar.
Hoje, o pai e ele têm que cumprir seu papel como o proprietário e sucessor da casa.
Quem no mundo é essa garota? E que tipo de relacionamento ela tem com o Acyl? Lyotal e Cedric não conseguem manter a calma.

「Por favor, apresente-a a nós, Achille」 (Nobre + Comerciante)

Os homens do lugar estão perguntando ao Acyl.
Se uma menina está sozinha, você pode perguntar diretamente a ela, mas se o familiar da garota, amigos, conhecidos, etc. estiverem presentes, a primeira regra é pedir essa pessoa para ser apresentada.

「Ah, ah, ela é Kaoru...」 (Acyl)

Ele não pode dizer mais nada. Como ela é uma plebéia, ela não tem um nome de família, ou dizer que ele pediu a ajuda dela hoje.
Se ele apresentar uma garota bonita com um vestido tão fantástico e jóias tão incomuns, ninguém vai acreditar nele, ele pode até perder a cara.

「Bom dia a todos, meu nome é Kaoru. Meu nome de família é um segredo. Espero que todos possam me perdoar sobre isso...」 (Kaoru)

Kaoru faz o apoio para Acyl.
Os homens naquele lugar não têm escolha a não ser suportar seu desejo de perguntar o nome da família de Kaoru. Há também uma maneira que não tocar na identidade de uma garota sem sua vontade.
Claro, ninguém é rude o suficiente para perguntar a uma senhorita sobre sua idade.

「Kaoru-san, você está envolvido em um noivado?」 (Homens)
「Não, ainda não. Em nossa família, encontramos a pessoa que amamos e decidimos tudo sozinhos...」 (Kaoru)

Assim que Kaory responde, os homens ficam felizes, mas ainda tentam esconder isso.
Os homens que cercam Kaoru são compostos de uma ampla gama de meninos em torno de 10 anos de idade até o final da adolescência, homens jovens e até homens de meia-idade.

「Que tipo de relacionamento você tem com Achille?」 (Homem + Garotos)
「Acyl é meu primeiro amigo desde que cheguei a este país e sou grata a ele desde então. Ele estava comendo minha comida e a elogiando todos os dias」 (Kaou)

Sim, não há mentira.
Enquanto os homens ouvem isso, eles interpretam que a relação entre Acyl e Kaoru ainda não foi tão longe. E parece que essa garota abandonou o nome dela...

「Você pode mesmo cozinhar?」 (Homem + Garotos)
「Sim, sou muito boa em cozinhar. Ouvi dizer que podia comer comida de festa deste país hoje, então pedi a Acyl para me convidar. Eu queria comparar com comida do meu país...」 (Kaoru)

E os homens pensaram que Kaoru estava comendo um pouco mais cedo por esse motivo.
Embora Kaoru quisesse apenas apreciar a comida.

「Bem, então, por favor, venha e visite a próxima festa da nossa família do Conde, você pode saborear muita cozinha famosa」 (filho do Conde)
「Não, venha ao nosso lugar, o chef da nossa família é um ex-cozinheiro do palácio real...」 (filho nobre desconhecido)
「Bem, nossa casa também...」 (filho nobre desconhecido)

E o convite para festas continuou por um tempo.
Acyl ficou chateado por Kaoru estar parecendo com outra pessoa, que não se parecia como uma plebeia, e não foi capaz de falar com ela por causa dos homens ao redor.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Todos, sejam bem-vindos e obrigado por virem à nossa festa hoje!」 (Lyotal)

Parece que o tempo de saudação chegou.
Homens em torno de Kaoru não podem ignorar este evento, como esperado, e eles começam a chegar ao banco da frente do local.
Lyotal diz sua saudação aos visitantes, falando um pouco sobre os tópicos recentes da família Lyotal, apresenta Cedric, que é seu filho mais velho e o protagonista desta festa.
E ele também menciona um pouco sobre o segundo filho e o terceiro filho, Achille, e também menciona que Cedric e Achille ainda estão solteiros.
Naquele momento, ele deu uma olhada em Acyl e a garota de cabelo preto ao lado dele.
Após as saudações e introdução, os homens também começaram a se inclinar para Kaoru novamente. Mas havia outro grupo de pessoas lá.

「Oh meu! O que são essas pessoas?」 (Kaoru)

Um número considerável de mulheres estava se dirigindo para o chefe da família e Cedric, segurando algo em suas mãos.

「Ah, isso é... Meu irmão mais velho, que é o personagem principal de hoje. Essas mulheres vão entregar o presente, mas só quem não é casada, não tem noivo ou amante pode ir até lá...」 (Acyl)

Acyl finalmente consegue falar com Kaoru.

「Bem, eu não tinha ouvido falar sobre isso」 (Kaoru)
「Bem, porque não tinha nada a ver com Kaoru」 (Acyl)

Bem...
Vamos mudar de tópico e sair daqui!

「Estou indo para lá por um tempo também!」 (Kaoru)
「Eh, o qu... O que você quer dizer, espere...」 (Acyl)

Não liguando para Acyl, Kaoru dirigiu-se para o assento do protagonista.
No caminho, Kaoru verificou a posição de um certo funcionário.
A posição desse servo com as características que se encaixam na história de Achille.
Quando Kaoru foi para a frente, havia uma fila feita pelas senhoras. Naquele momento, todas as mulheres se voltam para Kaoru.

「Oh, você também está apontando para Cedric-sama?」 (Senhora)

Vozes foram ouvidas de outras senhoras alinhadas na frente de Kaoru.

「Parece que você não preparou presentes para ele, você vai cumprimentá-lo com a mão vazia?」 (Senhora)

Parece que as senhoras estão com ciúmes de Kaoru, que tinha tomado a atenção de todos os homens antes. Ou elas querem brigar por Cedric?

「Oh, tudo bem, vocês não precisam se preocupar」 (Kaoru)

Kaoru responde levemente de volta.

「Oh, sim... Isso me lembra, eu ouvi dizer que uma senhora que deixou seu presente e o quebrou antes, deu-lhe um beijo na mão e o direito de chamá-la com um apelido em vez de um presente」 (Senhora)

A moça aristocrata, quando ela disse isso, virou-se para a frente.
Talvez ela quisesse aconselhar Kaoru que não parecia ter um presente.

(Huh, sim... bem...) (Kaoru)

As filas das senhoras gradualmente ficaram mais curtas e finalmente a última, Kaoru.

「Você é...」 (Cedric)

Cedric vaza uma voz surpresa para a garota de cabelos negros que ele não esperava que estivesse a frente dele.

「Você não é amante do meu irmão?」 (Cedric)
「Acyl é um amigo, uma pessoa muito legal」 (Kaoru)
「Uma pessoa legal, você diz...」 (Cedric)

Cedric está olhando para os olhos tristes de seu irmão e sorri amargamente.

「Muito obrigada por me convidar hoje. Eu queria dizer olá ao irmão e aos pais do Acyl, então eu estava esperando na fila」 (Kaoru)
「Meu irmão mais novo parece ter morrido em algum lugar...」 (Cedric)

Cedric de repente olhou para o seu pobre irmão novamente.

「Então, eu não vou dar uma mão vazia com saudação, então eu gostaria de dar um presente...」 (Kaoru)

Olhando para a garota enquanto ela falava, ela parece não ter nada. É certo que ela não pode dar a gema que ela está usando.

「Você pode chamar seu servo, Calvin-san?」 (Kaoru)
「Huh......」 (Cedric)

Cedric está surpreso com as palavras da garota.
Calvin.

Ele era guarda-costas de Cedric, ao mesmo tempo, era seu parceiro de treinamento de espada, e até mesmo era como um irmão.
Um dia, Cedric egoistacamente decidiu ir para uma caça irracional e foi atacado por um urso cinza, no final, Calvin usou seu corpo para proteger Cedric e se machucou.
Com essa lesão, Calvin não podia mais se mover como de costume. Ele mal conseguia ficar parado e proteger alguém. Calvin era um espadachim, quando ele não podia mais lutar, quase não havia mais trabalho com uma perna tão incapacitada.
Calvin, perdeu seu futuro devido ao ato tolo de Cedric. Assim, Cedric está sempre vivendo em arrependimento. E ele decidiu continuar a contratar Calvin como seu servo, mesmo que Calvin mal pudesse suportar.
Calvin não tinha rancor contra Cedric, se havia alguma coisa, era pena por ele não poder mais proteger Cedric. Mas mesmo que seu corpo esteja assim, o mínimo que ele podia fazer era se tornar um escudo de carne para proteger Cedric novamente. Pensando assim e ele decidiu trabalhar como servo de Cedric.
Mesmo assim, para Cedric, Calvin é um símbolo de auto-ódio e culpa. E agora, essa garota quer chamar ele nesse lugar.
O rosto de Cedric está distorcido.

「Você pode chamar Calvin, você diz...?」 (Cedric)
「Sim, por favor」 (Kaoru)

Essa garota sabia da minha angústia? Seus olhos estão sérios e ela continua olhando para mim sem piscar.

「.........」 (Cedric)

Silêncio.
O local está calmo e não há ninguém para pronunciar uma voz.
Até o Barão Lyotal permanece em silêncio.

「Calvin, venha aqui por favor!」 (Cedric)

E como Cedric chama, um servo arrastando a perna esquerda chega perto de Cedric.

「Todos no local!」 (Kaoru)

E a voz do Kaoru soou novamente no salão de festas.

「Este é Calvin-san, aquele que estava em pé diante do Urso Cinzento para proteger Cedric」 (Kaoru)

Do local, a voz de admiração aumenta.
Não há nobres neste país que não saibam sobre Roland, o irmão do rei que protegeu o rei com seu corpo.
E quando há alguém parecido com o irmão do rei, era natural ser elogiado.

「Mas ele não podia mais lutar por causa da lesão conseguida naquele momento」 (Kaoru)

O rosto de Cedric se distorceu pela agonia. Mas Calvin não se importa.
E então Kaoru pegou um copo de vinho não usado da mesa.

「Um homem com lealdade que não se importou de se sacrificar para proteger o filho do Senhor. E mesmo agora, ele ainda mantém sua lealdade ao filho do Senhor. Todos, se vocês acham que esse homem é digno de receber a bênção da deusa, por favor, levante sua mão direita!」 (Kaoru)

Depois que todos ouviram isso, ninguém pode se recusar a levantar as mãos sem ler a situação aqui.

「E vire a palma da mão em direção a este copo!」 (Kaoru)

Kaoru estende a mão direita com um copo de vinho.

「Todos, Por favor, desejem a bênção da deusa!」 (Kaoru)

Os visitantes estão sendo embriagados pelo clima criado no local e fazem o que lhes é dito.
E nesse momento, uma névoa vermelha aparece vários centímetros acima dos copos de vinho que Kaoru apresentou.
Enquanto os convidados ficaram maravilhados ao olhá-lo, o nevoeiro gradualmente se transformou em gotículas de água vermelha e cairam no copo de vinho.
No local, há apenas a voz de Kaoru, não há voz de medo ou surpresa.

「Agora, Calvin-san」 (Kaoru)

Kaoru apresentou o copo de vinho para Calvin, mas ele não pode se mover facilmente.

「Ugu... u...」 (Calvin)

Kaoru caminha constantemente para Calvin. Enquanto ela o ajuda a ficar firme, ela entrega o copo de vinho para ele.

「Agora! Beba!」 (Kaoru)

Calvin leva o copo à boca com a mão trêmula e bebe o líquido vermelho.
Depois de um tempo...

「Eu posso me mover..., minha perna esquerda pode ficar firme e dobrar corretamente...」 (Calvin)

Calvin que estava com medo no começo, mas ele começa a dobrar e esticar as pernas.
E por último, ele tenta pular.
Depois de confirmar seu movimento corporal, ele olhou para Cedric.

「Hahaha... eu posso me mover... Agora, eu posso acompanhar ao lado de Cedric, para a montanha, para o campo e para o treinamento com espada. E eu também posso te proteger...」 (Calvin)

Depois de testemunhar isso, o local estava soltando uma voz furiosa.
Cedric correu e abraçou Calvin. As lágrimas começam a escorrer em suas bochechas.

「Calvin, Calvin, Calvin!!」 (Cedric)

Algumas pessoas no local também estão derramadas pequenas lágrimas de tal cena em movimento.
Eles são capazes de ver o milagre da deusa com o mestre e o servo admirável.
A oração continua elogiando a misericórdia da deusa e a menina anjo que trouxe o milagre da deusa que apareceu depois de várias décadas.
Mas quando as pessoas viram os olhos para encontrá-la.
A figura daquela garota de cabelos negros já não pode ser vista em nenhum lugar.

(Bem, eu vi um evento aterrorizante...) (Johann)

[Mesmo eu já tendo testemunhado isso uma vez quando minha filha foi ajudada e vi o efeito do remédio com meus olhos. No entanto, mesmo agora, ainda estou surpreso. Além disso, como comerciante, posso julgar o valor dessas jóias. Nem mesmo eu posso preparar essas coisas em pouco tempo... Apenas, quem sou eu, ousando me comparar com aquela garota? Ela é o anjo da deusa,...] (pensamento interno de Johann)

Enquanto isso, Acyl está se movendo lentamente em direção à porta para que ninguém perceba.

[Agora que Kaoru desapareceu despercebida, não há dúvida de que estarei sujeito a perguntas. E não há nada que eu possa responder. Eu tenho que fugir! Eu tenho que fugir! Sem que ninguém perceba. Apenas um pouco mais até a porta...] (o pensamento interno de Acyl)

Naquela época, Kaoru já tinha saido da residência do Barão com segurança, ela pegou a carruagem e se dirigiu para a Compania de Comércio Abiri.
O cocheiro também foi preparado por Johann, ele nunca iria vazar informações.
Em preparação por ser perseguida, Kaoru foi em uma direção diferente no início.
No caso de pessoas que procuravam, havia várias crianças que estavam esperando para interferir. Mas não havia perseguidores, então Kaoru retornou em segurança.
Sorte para Kaoru, não havia ninguém que testemunhou o milagre ocorrido no palácio real há alguns meses atrás que tenha vindo à festa de Lyotal. Se houvesse, ele teria notado imediatamente.
Mas aqueles que estavam presentes na audiência do rei no palácio real eram muito bem classificados, como ministros e nobres sênior. Eles não vão se juntar à festa de um mero Barão. Além disso, eles eram, em sua maioria, idosos que estavam naa idade de pai ou avô dessas crianças em busca de casamento.
Além disso, o realeza e os aristocratas estavam escondendo as informações sobre a deusa. É por isso que apenas o próprio rei, seu irmão Roland, o conde Adan, a cavaleira Francette, ministros e nobres sênior sabem sobre 「As lágrimas da deusa」.
No entanto, era apenas uma questão de tempo que este caso ser transmitido ao palácio real e ao templo, e a todos os aristocratas e plebeus.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Acyl também conseguiu escapar de sua casa. Porque todos só tentaram encontrar Kaoru.
Se ele ficasse na mansão, não havia dúvidas de que ele seria interrogado por seu pai e seus irmãos mais velhos.

[Eu não tive escolha a não ser fugir para a oficina daqui. Porque eu fui para casa sem usar uma carruagem, demorou muito tempo para voltar para a oficina. Kaoru mostrou seu poder estranho na frente de muitas pessoas. Ela vai desaparecer, não é? Eu me pergunto se nos encontraremos novamente. Porque eu pedi o impossível... Eu não tive coragem de me candidatar oficialmente para um noivado com Kaoru, que ainda é uma criança. É por isso que quis torná-la minha noiva apenas por um dia e apresentá-la ao meu pai. Eu pensei que ele não iria mais me importunar se dissesse ao meu pai que eu já tenho Kaoru na festa e dizer "estou pensando no futuro" mais tarde. No entanto, Kaoru estava alinhada com a cerimônia de solicitação de acompanhante para meu irmão mais velho. E ela também mostrou o poder como um anjo da deusa na frente de muitas pessoas. Ela sentiu compaixão ao ouvir sobre Calvin de mim? Ou é porque ela gostou do meu irmão mais velho? No entanto, Kaoru não voltará mais para cá. Eu me pergunto se seria melhor se eu não perguntasse a ela quando voltar] (o pensamento interno de Acyl)

O coração de Acyl foi pintado de arrependimento e ele não conseguiu dormir facilmente.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Havia uma garrafa de vidro na caixa de itens da Kaoru. Uma única garrafa que Kaoru pensou.

「Seu tipo de jóias de cabelo decorativo」 era na verdade parte da tampa.
「Sua jóia tipo colar」 era na verdade parte do corpo da garrafa.

Ela os criou com 「A habilidade de criar qualquer tipo de poção e o recipiente da poção aparecerá sempre que Kaoru quiser」.
***** Próxima Manhã *****


***** Ponto de Vista de Acyl *****


Acyl geralmente tira um cochilo no laboratório, mas sua postura adormecida fez seu corpo doer um pouco.
E como de costume, uma voz chamando por ele quando ele está acordando.

「Ah, Acyl-san, você acordou. Bem, o que eu te disse sobre consertar sua pose de dormir, você só vai machucar seu corpo quando você dormir assim」 (Kaoru)

Eu tive uma alucinação porque fiquei no laboratório? Kaoru não deveria estar aqui para chamar por mim, não é?

「Eh, Kaoru?」 (Acyl)
「Você não precisa ficar tão surpreso... Eu prepararei o café da manhã agora. Porque achei que Acyl ficaria na casa dos seus pais, eu não comprei alimentos para o café da manhã. Eu só encontrei você dormindo aqui!」 (Kaoru)

É realmente Kaoru, parada lá como sempre.
Espere! Hã?
E quanto ao meu arrependimento e desespero de ontem?
Kaoru trouxe o café da manhã para a mesa e chamou por mim.

「Venha depressa」 (Kaoru)

Oh bem, isso mesmo.
Por enquanto, eu deveria tomar café da manhã e ouvir sua história sobre ontem.
Se eu agir duro com Kaoru como se puxasse suas mãos, Alban e Brian ficarão com raiva e isso será assustador.
Não, acredite em mim, não vou fazer nada! Apenas falar!
De acordo com Kaoru.
Ontem, ela foi até a casa de seu conhecido em uma carruagem, trocou de roupa e depois voltou para a oficina.
Porque Kaoru passou algum tempo na casa do seu conhecido. É por isso que no final voltei antes dela. E quando ela voltou, a maioria das pessoas já estava na cama.
Não, não, o que eu quero ouvir não é isso!

「Bem, Kaoru, aquilo de ontem...」 (Acyl)
「Ah, um conhecido meu preparou o vestido para mim...」 (Kaoru)
「Não, não Isso! Quero dizer... o poder que curou a lesão de Calvin...」 (Acyl)
「Oh, você está falando sobre o presente da deusa?」 (Kaoru)

Huh, apenas assim...
Acyl está de joelhos com as duas mãos no chão.
Depois de algum tempo, a história que ouvi de Kaoru foi a seguinte.
Kaoru é de um país distante, um dia, a deusa Celestine gostou dela e tornou-se sua amiga. A deusa também lhe deu algum poder especial.
No entanto, por algum motivo, Kaoru não podia mais ficar em seu país.
Ela veio para este país e viveu uma vida normal enquanto escondia seu poder.
Mas depois de algum tempo, ela pensou que seria errado não usar o poder que a deusa lhe deu para salvar aqueles que estão infelizes.
Mas Kaoru disse: 「Se alguém souber sobre esse meu poder, eu serei apontada novamente. No entanto, se todos souberem imediatamente, ninguém será capaz de me monopolizar」.
Ninguém permitiria tais ações hostis que tentassem monopolizar Kaoru.
Então, ontem à noite, ela conseguiu um bom lugar na frente de muitos aristocratas e ela fez isso rapidamente antes de sair despercebida.

「Bem, então, você está interessada em Cedric-nii-san e se alinhou na fila de "A cerimônia de se candidatar a companheira"...?」 (Acyl)
「"A cerimônia de se candidatar a companheira"? O que é isso?」 (Kaoru)
「Hahaha... Não, nada, hahaha...」 (Acyl)

Acyl tem um riso seco.

「Não, não é isso. O que eu vou fazer agora? Você fez algo assim na festa! O que eu vou dizer ao meu pai para explicar. Não, mais do que isso, e sobre a segurança de Kaoru...」 (Acyl)

Kaoru calmamente responde ao impaciente Acyl

「Bem, mesmo que as pessoas da festa ontem à noite espalhem a notícia. Outras pessoas não acreditarão facilmente no rumor no começo, então não acontecerá tão cedo. Mas bem, uma vez que havia um grande número de pessoas lá, rumores sobre mim terão sua credibilidade. Eu acho que vai demorar alguns dias. E quando os rumores estão se espalhando bem o suficiente para que algumas pessoas poderosas ouçam sobre isso, eu me pergunto se serei convidada em breve...」 (Kaoru)
「Poderosas?」 (Acyl)
「Sim, o palácio real, ou algo assim」 (Kaoru)
「......」 (Acyl)
「Ah, isso mesmo, Acyl-san. Por favor, diga ao seu pai que "Você ajudou uma filha nobre de outro país que estava prestes a se tornar uma ferramenta política" e "Você é o único nobre neste país em quem ela pode confiar" e ninguém pensaria que eu estou servindo como ajudante neste lugar, então não serei encontrada até lá」 (Kaoru)
「Kaoru, quem no mundo é você...」 (Acyl)


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Pai, você chamou por mim?」 (Acyl)
「Pare de fingir! Eu preciso de você para explicar! Me conte tudo sobre a garotinha, agora mesmo!」 (Lyotal)

Quando voltei para a família de barões dos Lyotal, que é minha casa, fui recebido com raiva por meu pai.
Estamos conversando no escritório da casa do barão. Meu irmão mais velho, Cedric, também está lá.

「Eu te falei sobre o que aconteceu ontem à noite! Felizmente, porque "A cerimônia de se candidatar a companheira" para Cedric foi feita, eu poderia manter a aparência. Mas as pessoas fizeram barulho desde então, eu estava sendo inundado com perguntas!!」 (Lyotal)

Acyl está assustado com a raiva de seu gentil pai.

「Como: que tipo de filha ela é? Que tipo de relacionamento ela tem com Achille? Por que ela se alinhou na "A cerimônia de se candidatar a companheira" de Cedric? O que é esse poder? Aquela garota é um anjo da deusa Celestine? A relação entre essa garota e a família do Barão Lyotal é... Mas eu não sei de nada. O que eu posso responder? Mas você acha que essas pessoas entusiasmadas ficarão satisfeitas com esse tipo de resposta? Acyl, por que você fugiu sozinho?!」 (Lyotal)

Não, bem, eu fugi porque também não conseguiria responder, pai.
Depois disso, Acyl explicou ao pai o que lhe foi dito por Kaoru.
Agora, Lyotal sabia que apenas o filho tinha a confiança daquela garota que estava apreensiva e preocupada.

[Uma menina que recebeu o poder do amor da deusa, um anjo. Se a família dos Lyotal puder tê-la como amiga. E se meu filho puder tê-la... Mas, é possível que tal anjo se junte à minha família, que é de classificação baixa? Há viscondes, condes, marquêses e até duques ou a família real. Todo mundo vai procurar por ela. Se formos apanhados em uma disputa, podemos ser esmagados. No entanto, o que aconteceu ontem à noite já havia se espalhado por um longo tempo já. Ela está em boas relações com Acyl. E ela estava alinhada para a Cerimônia de Cedric para se candidatar a companheira, ela também usou seu poder milagroso para Cedric e Calvin. Não é uma boa história...?] (Pensamento interior de Lyotal)

「Ok, Acyl, você sabe onde ela está?」 (Lyotal)
「Sim, mas eu não acho que posso dizer mais, não posso arriscar perder a confiança dela」 (Acyl)
「Bem, somente obedeça ao comando imperial do palácio real e aja como um intermediário, ignorando todas as indagações e pressões de outros aristocratas, etc. Defenda-a e coopere até então. Cuidado com o caminho quando você for ao encontro dela!」 (Lyotal)
「Eu entendo...」 (Acyl)
「Acyl, eu gostaria que você me ajudasse a enviar uma mensagem」 (Cedric)

Cedric, que estava ouvindo a história até então, falou com Acyl de repente.

「Por favor, diga a ela que aceitarei de bom grado sua solicitação de companheira」 (Cedric)

Ah, é por isso que meu irmão mais velho Cedric ficou aqui.

「Irmão, Kaoru não sabia que era uma aplicação para companheira. Tudo o que ela queria era apenas dar a bênção da deusa a Calvin. E dizer a sua saudação ao irmão e pai. Ela não estava interessada em nada. Nobre ou Realeza. Com ela, o único em quem ela pode confiar na aristocracia deste país sou apenas eu!」 (Acyl)
「O que.........」 (Cedric)

Meu irmão mais velho, Cedric, está atordoado.
Embora ele não seja uma pessoa ruim, mas meu pai sempre priorizou meu irmão e todo mundo o ama mais do que eu. Ninguém realmente me priorizou mais do que meu irmão antes. Mas agora estou um pouco aliviado por causa de Kaoru.
Por enquanto, eu deveria voltar para a oficina com pressa antes que meu irmão ressuscitasse e dissesse alguma coisa.

Foi depois de um tempo que o mensageiro do palácio real chegou à casa dos Lyotal.
Nem mesmo Kaoru poderia prever com o que suas três poções, que ela deu no passado enquanto brincava de ser uma deusa, foram usadas e como essas poções afetaram este país.
As principais figuras do palácio real testemunharam os "Milagres da Deusa" há alguns meses. Então o rei ficou imediatamente comovido no momento em que ouviu sobre o evento na noite passada...
***** Ponto de Vista de Kaoru *****


Acyl voltou para a oficina, contou o resultado da discussão com o seu pai para Kaoru.
E quando Kaoru ficou aliviada por um momento.
Um servo da família Lyotal veio para retransmitir a palavra do barão Lyotal.

「Há um mensageiro do palácio real. Volte imediatamente」 (Servo)

Rápido. É muito mais cedo do que o esperado!
Normalmente, quando um boato como este se espalha para o palácio real, eles podem rir como se fossem algumas coisas tolas.
Somente quando várias histórias semelhantes chegam de várias fontes, eles podem acreditar em sua credibilidade e relatá-la acima, eles devem considerar muito antes de se reportarem ao rei.
E mesmo se o rei soubesse disso, levaria algum tempo para ele decidir o que fazer...

「Acyl-san, se você não se importa, por favor, verifique a data e a hora. Além disso, diga a eles que eu não preciso ser trazida」 (Kaoru)
「... eu entendo」 (Acyl)

Depois que Acyl foi embora, Kaoru pensou.
Não seria bom se eu confiasse nas pessoas da família Lyotal.
Eles devem permanecer como ligação e intermediários.
Mas o problema desta vez é que ainda é cedo demais.

Não é de se surpreender que a realeza aja imediatamente se os rumores se espalharem o suficiente.
Eles chegam a checar a credibilidade dos rumores?
Kaoru não imaginava que a cavaleira usou a poção durante a audiência no palácio real.

Até mesmo Kaoru era realmente inteligente e sempre pensava no futuro, mas era impossível dar uma resposta correta a menos que ela conseguisse as informações necessárias.
Bem, algo, vou precisar de algo para ganhar mais tempo...
Além disso, algo para impedir que a família real ou o mais alta classe de aristocrata se apoderem de mim.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Kaoru, o convite do rei chegou. Você está convidada a ter uma audiência amanhã de manhã!」 (Acyl)
「Eu entendo」 (Kaoru)

Quando Acyl voltou para a oficina, Kaoru já pensou em um plano.


***** Próxima manhã *****



Em frente ao portão dos fundos do castelo real logo após o nascer do sol.

Havia uma figura de uma garota comum. Claro, é Kaoru.
Os portões da frente geralmente ficam abertos até tarde, e o portão dos fundos será aberto assim que o sol nascer para os fornecedores de ingredientes alimentícios e para aqueles que trabalham no castelo.
Além disso, algumas pessoas podem entrar e sair à noite se tiverem permissão.
É a manhã que Kaoru terá uma audiência com o rei.
Este mundo não tem um relógio preciso. E é impossível deixar o rei esperando.
Portanto, se o convite for para a "manhã", é sensato chegar mais cedo e esperar muito tempo na sala de espera.
No entanto, de qualquer forma, esse tempo era cedo demais para esperar pela audiência.
Kaoru chegou cedo demais.

「Uhm, você pode me deixar passar...」 (Kaoru)


***** Ponto de Vista do Porteiro *****



Uma garota mais que comum disse isso ao porteiro. Não importa como se pareça, ela é apenas uma plebéia.

「Ah, você tem o certificado do portão?」 (Porteiro)
「Eu não tenho, mas... estou chegando um pouco cedo...」 (Kaoru)
「Bem então , você possui um certificado de audiência?」 (Porteiro)

Neste país, até mesmo um plebeu pode ter uma audiência com o rei ou o ministro.
No entanto, esse plebeu precisa passar por um grande número de exames preliminares e levantamentos severos de identidade, etc.
Se esse plebeu é o chefe da vila de uma aldeia em algum lugar, ele pode ter uma chance em várias centenas de realmente se encontrar com o rei.
E o chefe da aldeia também deve ter um assunto importante a relatar que possa envolver a existência da aldeia ou algo parecido.
O rei e os ministros estão realmente ocupados, afinal.
A propósito, as mulheres jovens e belas são mais fáceis de passar, até guardas do portão ou oficiais ainda bancam o favoritismo para uma menina bonita afinal.
Embora essa garota seja apenas uma criança, ela ainda é uma garota bonita.

「... Eu não tenho isso também」 (Kaoru)
「Você pensou que podia entrar no castelo sem permissão? Com quem você planeja ter uma audiência no castelo real? (Porteiro)
「Bem, eu pensei em ver o rei...」 (Kaoru)
「Mas não tem permissão, né?」 (Porteiro)
「Sim, eu não recebi nada...」 (Kaoru)

Eu fiquei espantado. Essa garota estava bem em sua cabeça?
No entanto, ela é uma garota muito fofa.

(Isso não é legal?) (pensamento interior do Porteiro)

Eu poderia muito bem fazer isso.

「Jovem senhorita, se você não tem permissão, você não pode entrar no castelo do rei, você não pode encontrar o rei também」 (Porteiro)
「Bem, isso será um problema...」 (Kaoru)
(Yoshi yoshi...) (pensamento interior do Porteiro)
「Mas, se você me der dinheiro, eu posso lidar com isso de alguma forma...」 (Porteiro)

Naturalmente, os Porteiros não têm tal autoridade.

「Bem, mas eu não tenho dinheiro...」 (Kaoru)
(Eu sei, eu posso dizer só olhando...) (pensamento interior do Porteiro)
「Eu acho que não pode ser ajudado... Eu vou mudar o meu turno depois de um tempo, podemos ter uma conversa privada em algum lugar. Se você puder me satisfazer, posso dar boas palavras e ajudá-la a conhecer o Rei」 (Porteiro)
「Eh, isso significa...」 (Kaoru)

A garota segura as duas mãos na frente do peito e olha para mim com olhos irritados.

「Não, eu não vou aceitar... uma coisa dessas...」 (Kaoru)
「Oh bem, não é um grande problema. Se você sair comigo por um momento, vou tentar te ajudar a conhecer o rei!」 (Porteiro)

Eu me aproximo da garota e tento segurá-la.

「Não, eu não preciso que você me dê piedade! Eu definitivamente não vou entrar no castelo deste rei! Não vou me encontrar com o rei, não vou ouvir a realeza deste país e nenhum grande nobre nunca mais. Juro em nome da deusa Celes!」 (Kaoru)

Kaoru gritou em voz alta e saiu.

「Ohh, muito ruim. Bem, isso só funciona apenas uma vez em dezenas de vezes. Que pena, ela era uma menina fofa!」 (Porteiro)

Esta é a coisa mais comum, o porteiro não se importou que a última palavra de Kaoru fosse um pouco antinatural.


***** Oficina Maiyaru *****



Acyl, que ficou na casa dos seus pais ontem à noite, apareceu na oficina um pouco tarde.
Porque é normal ficar acordado a noite toda, ninguém se importa com as horas de trabalho.
「Oh, Acyl-san, bom dia」 (Kaoru)
「Oh, bom dia, Kaoru...... não é esse o problema!... por que você ainda está aqui?」 (Acyl)

Acil gritou.

「Você não estaria tendo uma audiência com o Rei pela manhã?」 (Acyl)

Acyl estava tremendo quando ele perguntou.

「Ah, eu fui ao Castelo do Rei, mas o porteiro me parou, então eu não pude entrar. 『Se eu quisesse entrar, eu deveria pagar ou deixar que ele ficasse comigo』 disse ele. Então eu disse a ele 『Eu nunca entrarei no Castelo do Rei, não me encontrarei com o rei, não escutarei a realeza deste país e nenhum grande nobre nunca mais. Eu juro no nome da deusa Celes』!」 (Kaoru)

Acyl está quase desmaiando.
Depois disso, ele correu freneticamente para a família Lyotal de maneira desesperada.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



O rei e os membros do gabinete que terminaram a reunião da manhã foram direto para a audiência.
Então, todo mundo se senta, esperando pelo 「Anjo da Deusa」 com o rosto tenso.
Afinal, da última vez que a deusa Celestine mostrou sua forma divina, já se passaram 53 anos.
Depois disso, os sumos sacerdotes às vezes anunciavam que o Grande Templo de Rueda, o País Sagrado, recebeu Oráculos de tempos em tempos.
Mas o conteúdo desses 「Oráculos」 são apenas uma conveniência para o lugar sagrado e o templo.
Não havia figura da deusa, apenas os sumos sacerdotes do templo do país sagrado dizendo isso.
O rei não acredita, e muitas pessoas não acreditam nisso.
E desta vez, temos testemunhado a visita da deusa de outro mundo que é amiga da deusa Celestine. E apenas dois dias antes, temos as notícias sobre a aparição do anjo.
É uma coincidência que ambos estivessem envolvidos com o Reino de Balmoa?
A Deusa estava no país vizinho, mas ela só ajudou o povo do Reino de Balmoa.
E o anjo parece que veio de outro país também.
Nós não sabemos de onde ela é, mas agora parece que ela mora em no Reino Balmoa.
Esse é um presságio de Celestine-sama? Existe um novo oráculo? É uma profecia de catástrofe?
Todos não podem deixar de ficar nervosos.

...tão tarde.
Já se passaram várias dezenas de minutos desde que o rei chegou ao banco e deu uma boa preparação.
É impossível fazer o rei esperar.
Quando a sala ficou barulhenta, chegou um relatório.

「A garota não veio」 (Capitão da Guarda)

Impossível!
Ignorando o convite do rei para ter uma audiência!
Não importa o que aquela garota possa ser, isso é inaceitável.
Enquanto o público gradualmente se tornou barulhento.
Outro soldado em pânico veio correndo.

「Barão Lyotal quer ver o rei imediatamente! Ele diz que há um grande relatório urgente sobre a audiência da garota!」 (Soldado)
「Deixe-o passar!」 (Rei)

O rei também está impaciente.

「Vossa majestade, eu vim para relatar... Pediram a essa garota por dinheiro ou oferecer seu corpo para o porteiro, então ela voltou para casa sem entrar no castelo...」 (Lyotal)
「Por que algo assim...」 (Rei)
「Naquela época, ela também jurou no nome da deusa que ela definitivamente não vai entrar no castelo do rei! Ela não se encontrará com o rei nem escutará a realeza deste país e nenhum grande nobre nunca mais...」 (Lyotal)
「Como poderia algo assim acontecer」 (Rei)

Todos na platéia estavam surpresos ou desesperados.

「Amoros, o que isso significa?」 (Rei)

O rei questionou quem é o responsável pela visita de boas-vindas.

「Sim, eu havia instruído aqueles que estão no comando do portão principal hoje. Eles iriam receber bem e guiar a hóspede se houvesse alguma garota aristocrata de outros países! Mas não havia nenhuma menina assim que veio esta manhã!」 (Amoros)
「... Então, isso significa que a garota tinha chegado pelo portão dos fundos no início da manhã e mesmo antes da substituição do porteiro hoje. Além disso, ela veio como uma plebéia?... Lyotal, por que ela veio assim?」(Rei)

Para a questão do rei, o Barão conta histórias que ouviu de seu filho.

「Sim, desde que a garota chamada Kaoru abandonou seu país e seu sobrenome, ela não tem mais nenhum parentesco com sua pátria. Ela quer viver como plebeia neste país, é natural que ela agora seja apenas uma civil. Quando ela estava na minha festa da última vez, ela pegou emprestado um vestido de seu conhecido para não perturbar o lugar...」 (Lyotal)
「... Isso foi minha culpa porque eu não sabia que aquela garota não era nobre de outro país. Eu pensei que ela viria pelo portão principal com uma carruagem puxada por cavalos, eu tinha instruído um número de soldados com antecedência, mas eu deveria perguntar a alguém diretamente para guiar...」 (Capitão da Guarda)

Seria cruel culpar as pessoas responsáveis por isso.
O rei diz a todos na audiência que não dará um castigo à pessoa responsável.
No entanto, com isso, essa garota não pode ser chamada para o palácio real. Ela também não vai ouvir nada do rei, da família real, dos ministros, etc.
Agora, o que devo fazer...

O rei segurou a cabeça em agonia.
***** Templo do Reino de Balmour *****


Na verdade, era chamado apenas de 「Templo」.

Porque há apenas um Deus neste mundo que é a deusa Celestine, não há necessidade de se preocupar em nomear o templo porque todos neste mundo adoram apenas Celestine.
Mesmo se tentarmos distingui-lo das seitas de outros países por diferenças na doutrina, nós apenas a chamaremos de 「Facção Ortodoxa da Deusa」.
O arcebispo Sornier é o que tem a maior classificação neste reino.
Abaixo dele, há alguns bispos, muitos sacerdotes, sacerdotes chefes, monges e assim por diante.
Há várias pessoas abaixo do sumo sacerdote no templo da província, e o sacerdote geralmente trabalha no grande templo do reino.

Não há distinção entre homens e mulheres nessas classes.
Mas existem mulheres chamadas 「Donzelas do Santuário」 que são completamente separadas destas.
「Donzelas do Santuário」 não têm nenhum significado como 「Noivas de Deus」 porque nosso deus é uma deusa.
Mas a deusa Celestine tem uma figura feminina, e as pessoas acham que precisarão de uma garota para conversar com a deusa.
A Donzela do Santuário que teve contato com a deusa, mesmo casada ou após envelhecer, seu título ainda é mantido.
Título que é superior ao arcebispo são o cardeal e o papa, que só existem no Império Sagrado de Rueda. O papa tem poder absoluto no templo. Ao contrário do rei, suas palavras podem afetar muitos países juntos.

Quanto ao país que não seja o Império Sagrado, sempre que algo acontecer, eles precisarão ser cautelosos se o Império Sagrado emitirá instruções religiosas sob o nome do Papa.
Deusa Celestine tem a aparência de uma menina. Às vezes, ela aparece para dar um 「Oráculo」 para informar sobre desastres humanos dentro de vários anos ou décadas.
Mas há mais de 50 anos, não houve nenhum desastre significativo. A nova geração daqueles que trabalham no templo não experimentaram o advento da deusa.
A fé daqueles que trabalham no templo começam a desaparecer, eles usam o nome da deusa como um meio para ganhar dinheiro, a corrupção se espalhou.
Um funcionário do templo sabia que a deusa não aparecia há mais de 50 anos e que o Oráculo liberado pelo Papa do Império Sagrado Rueda foi criado pelo Grande Templo da Terra Santa sem permissão.
Eles realmente não acreditam na Deusa, então eles não têm medo do castigo da Deusa. Eles até se atrevem a usar o castigo da Deusa para ameaçar as pessoas.
Bispo Sarazan. Ele nunca viu o evento de descida da deusa com seus olhos, e ele subiu para esse posto apenas para ter uma vida rica.

A imagem da deusa é de uma menina de aparência gentil também foi um fator que fez Sarazan pensar que 「Mesmo a deusa sendo real, ela não vai ficar com raiva de alguma coisa trivial」.


***** Ponto de Vista do Bispo Sarazan *****


「Você disse que havia um anjo da deusa?」 (Sarazan)

O bispo Sarazan acabou de receber as informações dos aristocratas inferiores que se espalhou por outros sacerdotes e finalmente chegou aos ouvidos dele.

「Sim, múltiplos nobres viram um milagre...」 (Sacerdote)

Isso é estupido. No registro passado, a Deusa sempre faz um Oráculo direto.
Ela nunca tinha dado um Oráculo através de um intermediário como um anjo. Ela apareceu simultaneamente no grande templo de cada país e contou diretamente à sacerdotisa e aos sacerdotes.
Já fazem 53 anos desde o último Oráculo.

Esta garotinha estava usando alguns truques para adotá-la com sucesso em uma família nobre...?
Não, espere.
Se ela é um anjo genuíno ou não, isso realmente não importa.
Se as pessoas e os nobres acreditarem nesse rumor, eu posso usá-la bem...
Mesmo que ela seja falsa, vou apenas empurrar toda a culpa para ela por ela ter fingido ser um anjo e enganado a todos.

Eu também sou apenas uma vítima que foi enganada. Não haverá problema.
Eu posso usá-la para fazer muitos lucros...
Felizmente, o arcebispo e outros bispos ainda não sabiam dela.
Eu serei o primeiro a falar com aquela garotinha e me tornar um cuidador para ela. Eu posso obter as informações do aristocrata, incluindo o paradeiro da menina que o palácio real examinou.
No palácio real, também, há muitas pessoas que se entregam à fé afinal.

「Chame o sacerdote Dorun」 (Sarazan)

O bispo Sarazan ordenou que o sacerdote Dorun estivesse pronto para ir buscar a garota depois que ele conseguisse as informações.


***** De voltar ao Ponto de Vista de Kaoru *****


No dia seguinte, Kaoru desistiu de passar pelo portão do castelo.
Ao limpar a frente da entrada da oficina, chegou uma carruagem puxada por cavalos.

E o que está dentro abre a janela e pergunta de dentro...

「Este lugar é a oficina Maiyaru?」 (Dorun)
(Ah, de alguma forma eu tenho um mau pressentimento...) (Kaoru)

Kaoru parou de mover a vassoura em suas mãos e respondeu.

「Sim, esta é a oficina Maiyaru, eu sou Kaoru」 (Kaoru)

Porque seria problemático, Kaoru decidiu lidar com isso em breve.
Quando ouviu a resposta de Kaoru, o homem desceu da carruagem.
O homem em torno de 50 anos de idade, tinha muita gordura, vestindo roupas lindas.
No entanto, não é uma roupa de aristocrata.

「Eu sou o sacerdote do Grande Templo, Dorun, o bispo convocou você, venha!」 (Dorun)
(Ah, mais um...) (Kaoru)

O sacerdote Dorun, que foi ordenado pelo bispo Sarazan para levar Kaoru até ele, também era semelhante ao bispo Sarazan.
Quando lhe disseram para trazer 「Um Anjo」 para Sarazan, ele estava pensando na mesma coisa que Sarazan.
Claro, desde que ele está na facção de Sarazan, ele estava cheio de obsessão.
Como Sarazan, ele não acha que Kaoru é um anjo real, então não há nenhum respeito por ela.
Em primeiro lugar, porque a ordem de Sarazan não é 「convidá-la」, mas 「levá-la」.

「Eu me recuso」 (Kaoru)
「Huh......」 (Dorun)

Dorun não sabia o que dizer por um momento em resposta a Kaoru.
De qualquer forma, era inesperado pensar em um plebeu que ousasse se opor às palavras do sacerdote.
O rosto do sacerdote Dorun ficou gradualmente vermelho.

「Insolente, o que você está dizendo! Esta é a ordem do bispo!」 (Dorun)
「Bem, porque eu não sou deste país. Não tenho o dever de obedecer às pessoas do templo de outro país. Além disso, pessoas do clero não têm o direito de dar ordens as pessoas」 (Kaoru)
「Sua...」 (Dorun)

Como Kaoru respondeu, Dorun ficou cada vez mais irritado e tentou agarrar Kaoru.
As pessoas começam a se reunir por causa da comoção.
Percebendo que havia muitas pessoas se reunindo, Kaoru continuou.

「O que você está tentando fazer, forçando uma garota que você não gosta na parte de trás do templo... E depois dizendo às pessoas que ninguém viu a figura daquela garota e alguns dias depois, o cadáver da garota será encontrado à beira do rio... COMO ASSIM!?」 (Kaoru)
「Ki~, sua, sua...」 (Dorun)

Dorun, que ficou vermelho, levanta a voz gritando.

「Você, você não tem medo do castigo da Deusa! A ira da Deusa...」 (Dorun)
「O castigo da Deusa? A ira da Deusa...?」 (Kaoru)

Kaoru sorri levemente.

「Algo assim?」 (Kaoru)

DO~O~ON!

O teto da carruagem puxada por cavalos foi destruído pelo som da explosão.
A explosão foi devido a algo 「como nitroglicerina」 que caiu no telhado de cima.

「Hii~iii!」 (Dorun)

Dorun está caindo no chão.
A carruagem do cavalo também foi danificada. Dois cocheiros, que tentam fugir, também perdem o equilíbrio e caem no chão.

Pon! Pon! Pon!!

Há uma série de pequenas explosões em volta dos homens caídos.

「Para mim, o anjo da deusa. E você que ousa usar o nome dela para o seu benefício? A quem você acha que a deusa ficará zangada e dará seu castigo?」 (Kaoru)
「Hiii~iiii!!」 (Dorun)

Dorun levantou-se desesperadamente e saiu correndo imediatamente. Os dois servos cocheiros também estavam correndo atrás dele.
E os rumores se espalharam como fogo selvagem.

「O sacerdote do Grande Templo tentaram raptar o anjo e enfureceram a deusa」
「O templo insultou o anjo e a punição caiu dos céus」 etc.


***** Castelo Real *****


「Sua majestade, isso é sério! O templo tentou raptar o anjo e recebeu o castigo da deusa!」 (Cavaleiro)
「O que...!?」 (Rei)

Um jovem rei ficou espantado com um relatório urgente dos espiões que ficaram protegendo Kaoru.

(Punição da Deusa! Algumas centenas de anos atrás, a Deusa Celestina ficou com raiva e um país foi destruído... Isso é ruim! Realmente muito ruim!) (Rei)
「Irmão, o que faremos!」 (Rei)

O rei Serge geralmente se mantém com o esplendor de um rei, mas quando ele está em apuros, muitas vezes ele confia em seu irmão mais velho, Roland.

「Calma, Serge! De qualquer forma, você deve assegurar e proteger o anjo! Bem, o anjo havia dito: "Eu não vou entrar neste castelo real e não vou ouvir a realeza deste país ou qualquer outro grande nobre", isso significa que tudo ficará bem enquanto o lugar "não for Castelo Real". E "não vou escutar" é dizer que ela não estará cumprindo, isso não significa que não podemos falar com ela!」 (Roland)
「Como esperado do meu irmão! Eu vou imediatamente despachar aristocratas que não são GRANDES!」 (Rei)
「Aha haha...」 (Grandes Nobres)
(Se preocupe com a maneira como você diz isso, Serge, você é o rei...) (Roland)

O irmão do rei, Roland, murmura isso.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Sua majestade... você me chamou?」 (Lyotal)
「Sim, se você pensar sobre isso, você é o único nobre que tem uma vantagem com o anjo, não é um grande nobre. E você também se lembra do rosto do Anjo」 (Rei)
「Eh...」 (Lyotal)


***** Templo *****


♦ ◊ Ponto de Vista do Arcebispo *****


Oh Aquele é o sacerdote Dorun?
Isso é raro.
Ele geralmente não está entusiasmado em trabalhar. Ele só quer servir aristocratas ou grandes comerciantes.
E pensar que ele pode continuar orando ansiosamente...
O arcebispo Sornier, que por acaso apareceu na capela, viu a figura de um sacerdote, que orava seriamente, como de costume, assentiu satisfeito.
... Mas espere, quando eu olho de perto, algo está estranho aqui.
Em vez de dedicar uma oração a deusa. Ele estava mais como rezando por sua segurança. Um demônio o atacou ou algo assim?
Ele foi impulsionado pelo medo,... Obviamente, essa era uma atmosfera incomum.

「O que você fez, Dorun?」 (Arcebispo)

Ao notar o arcebispo, sacerdote Dorn em seu joelho.

「Oh, o arcebispo! Eu sou um pecador!!」 (Dorun)

E Dorun falou tudo ao arcebispo.
Atônito, o arcebispo ficou pálido também.

「Devemos ir buscá-la rapidamente! Chame o Bispo Perrier, isso é urgente!」 (Arcebispo)

Naquela época, o bispo Sarazan achava que o retorno do sacerdote Dorun estava um pouco atrasado. Mas ele realmente não se importava muito com a garota se ele fosse ao templo e passasse o tempo se vestindo em vez disso.
「O anjo está aqui!?」 (Bispo)

De repente, uma voz alta foi levantada na entrada da oficina.
Kaoru não é uma vendedora, mas apenas uma ajudante, e ela não está oficialmente se nomeando com esse nome. Assim, ela não se importa com a gritaria e prepara as refeições na cozinha.
Acyl também ouviu isso, mas ignorou. Seu pai lhe disse para ter em mente que ele deve ignorar qualquer coisa que não fosse o contato do palácio real via Barão Lyotal.
E no final, quem tem que lidar com isso é Bard, o dono da oficina.

「Isto é...! O que o bispo do templo está fazendo aqui? Como posso te ajudar?」 (Bard)
「Oh, o Anjo está aqui!?」 (Bispo)
「Um anjo?」 (Bard)

Bard não sabia das circunstâncias.

「A garota que é o anjo da deusa Celestine!」 (Bispo)
「Bem, não, por que essa pessoa tão maravilhosa estaria aqui na nossa oficina?」 (Bard)

Ele não consegue encontrar nada para responder.
O bispo Perrier, um mensageiro do arcebispo Sornie, finalmente lembrou que a pessoa que ele queria era chamada de Kaoru e perguntou por esse nome.

「Bem, se você quer encontrar Kaoru, ela está nos fundos, Bispo-sama...」 (Bard)

E quando o Bispo estava prestes a encontrar Kaoru e Acyl, que estão nos fundos da oficina.

「Acyl, você está aí?」 (Lyotal)

O Barão Lyotal, que percorreu em uma carruagem puxada por cavalos do palácio real até aqui, chegou.

「Venha com Kaoru, venha para a casa da família Lyotal e tenha uma reunião com o rei」 (Lyotal)
「Não, eu a receberei no Grande Templo e nos encontraremos com o Arcebispo」 (Perrier)
「Você diz que vai adiar a reunião do rei?」 (Lyotal)
「Quem está sempre falando sobre deixar a igreja lidar com a religião e a realeza lidar com a política sem colidir com o outro!?」 (Perrier)
「Desagradável...」 (Lyotal)
「Ridículo...」 (Perrier)

Era muito terrível.
Ambas as facções nunca deveriam estar próximas umas das outras.

「Ah... tão barulhento」 (Kaoru)

Não aguentando mais, Kaoru se mostra.

「Oh, Kaoru!」 (Lyotal)
「Anjo!!」 (Perrier)
「Se vocês realmente quiserem, encontrarei o Rei e o Arcebispo ao mesmo tempo. Vocês não tem problema com isso, não é? Além disso, não gosto de me encontrar em um lugar privado que não tenha outras pessoas. Porque eu não sei que tipo de truque vocês prepararam para mim. Esse lugar deve ser uma área pública com muitos olhos de terceiros e não deve estar sob o controle de nenhum poder ou facção. Se vocês puderem cumprir essas condições, eu concordo com a reunião」 (Kaoru)


***** Reino Balmor, Gurua - Praça Central *****


Este lugar é no meio da cidade, se você seguir a estrada principal para o lado direito, é o Castelo Real.
No lado oposto está o Grande Templo, e você pode ver a estátua da deusa Celestine em frente a sua entrada principal.
A praça central, que geralmente é cheia de turistas, caminhantes, barracas de lojas, etc., agora estava envolta em silêncio.
Não é de forma alguma que por haver menos pessoas agora.
Na verdade, há mais cidadãos reunidos aqui que quaisquer grandes eventos anuais. Entre eles, há até aristocratas com acompanhantes.
No entanto, todo mundo não faz barulho e está aguardando em silêncio. Isso era o silêncio do final.

Há um palco com uma altura de cerca de vários metros, que foi montado ontem para fazer com que todos no palco fiquem visíveis para todos na praça. E no palco há mesas e assentos alinhados para formar um triângulo. Sim, para as três facções mais poderosas do país.
Depois de um tempo, dezenas de sacerdotes apareceram do Grande Templo. E quando se aproximam do palco, apenas três deles sobem ao palco e se sentam. O resto vai esperar debaixo do palco.
E depois de um tempo, uma linda carruagem protegida por cavaleiros reais apareceu do castelo real. Quando a carruagem chega em frente ao palco, as pessoas lá dentro saem e sobem ao palco.
Assim como o lado do templo, apenas três pessoas têm os assentos no palco, e os guardas esperavam sob o palco.
Três assistentes do lado do templo são: o arcebispo Sornier, o bispo Perrier, a Donzela do Santuário Shera. Ela ainda é uma Donzela do Santuário, apesar de já ter 60 anos de idade.
Três pessoas importantes do lado real são: o rei Serge, irmão do rei Roland, o primeiro-ministro Cornor.
Dois lados do triângulo estão preenchidos, apenas faltando o último lado. E isso mantém tanto o rei quanto o arcebispo esperando.
A praça estava tensa.

「Oh, me desculpem, estou chegando um pouco atrasada!」 (Kaoru)

Até que a atmosfera tensa foi arruinada por aquela voz de uma garota comum que apareceu do meio da multidão.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Kaoru fez a condição da reunião como a seguinte:
Primeiro: ter uma reunião com o lado da realeza e com o lado do templo ao mesmo tempo.
Segundo: o ponto de encontro não deve estar sob a influência de nenhum poder.
Terceiro: a reunião será realizada diante dos olhos de um número indefinido de pessoas.

E a localização e o método especificamente designados por Kaoru eram um questionário aberto na praça central.
Tanto o lado do palácio real quanto o templo têm três atendentes, o lado de Kaoru tem apenas um, Kaoru.

「Ok, vamos começar uma sessão de perguntas e respostas aqui e agora」 (Kaoru)

A discussão começa com o lado de Kaoru.

「Primeiro, o que você quer perguntar para mim, eu sou apenas uma cidadã?」 (Kaoru)
「Nada. É natural convidar você, o anjo da Deusa para o Palácio Real...」 (Primeiro Ministro)

O primeiro-ministro Cornor respondeu com o que ele pensava.

「Bem, mas eu não sou um anjo, mesmo se você me convidar para o palácio real, eu não tenho nada para lhe dizer ou algo para fazer por você...」 (Kaoru)
「Huh...?」 (Cornor)

O primeiro ministro Cornor ficou mudo.

「Ah, mas você não tem a bênção da deusa...」 (Cornor)
「Bem? Eu não tenho...」 (Kaoru)
「.........」 (Rei)

O Rei não consegue ficar calmo em seu assento.

「Mas de acordo com a investigação, há aqueles que foram salvos pelas bênçãos da deusa entre os cidadãos do Reino...」 (Roland)

O irmão do Rei, Roland, pergunta.

「Ah, isso só acontece se a pessoa em questão for uma pessoa com grande coração e recebeu um sofrimento irracional. Quanto à realeza e aristocracia que governam seriamente o país e o território. Não é surpreendente, porque é uma questão óbvia como administradores do governo. Eles realmente têm um grande coração que desejam sacrifício pelos outros. Quanto ao cavaleiro e soldado, mesmo que se machuquem durante uma missão. Isso é apenas o resultado de deveres normais como um cavaleiro ou soldado, não "irracional". Então eles ainda não são pessoas que a deusa deseja dar sua bênção. Não há sentido em ver a realeza e a nobreza, e não posso entrar no castelo do Rei em primeiro lugar. Porque me disseram que eu preciso deixar o porteiro fazer o que quiser com o meu corpo para entrar. Eu já jurei à deusa que eu nunca mais entraria no castelo」 (Kaoru)

Um barulho se espalha entre as pessoas ao observar a bomba de Kaoru.

(Você ousa exigir que o anjo ofereça seu corpo!) (Cidadão)
(Que desonroso! O que os nobres estão pensando!) (Cidadão)

Agora, a Realeza não pode mais ocultar essas informações porque os cidadãos já ouviram falar.

「Também, sobre Celes, ela não se importa muito com o destino de cada ser humano. Exceto por um indivíduo que ela está interessada ou em caso de desastre que a maioria dos humanos vai perder a vida... A deusa não cuida de todos os indivíduos」 (Kaoru)

Com as palavras de Kaoru, Roland fica em silêncio.
Kaoru está falando sobre a vontade da deusa e ninguém pode dizer nada sobre isso.
Enquanto isso, o lado do templo fica feliz em ouvir a declaração de Kaoru - nunca mais entrará no castelo real.

「Então, para um anjo, você deve, por todos os meios, entrar no meu templo! O templo, que é o lugar para os adoradores da deusa. O lugar mais seguro para a visita do anjo!」 (Sornier)

A solicitação desesperada do arcebispo.

「Não, eu não tenho uso no templo...」 (Kaoru)

O arcebispo Sornier tem um rosto em branco.
O bispo Perrier fala desesperadamente.

「Não importa o quanto as diferenças na doutrina das seitas de outros países são, nós também não adoramos a mesma deusa Celestine? Assim como o anjo, por favor, venha com a gente...」 (Perrier)
「Bem, mas eu não sou uma crente de Celestine」 (Kaoru)
「HAAAAAAAHHHHHHHH...」 (todos)

Um grito alto saiu da praça com a observação da bomba nuclear de Kaoru.

「No meu país, Deus vive em todas as coisas. Bênção da floresta, bênção do rio, bênção do mar,... Temos fé e respeito por todos os deuses. Deusa Celestine, ela carrega a responsabilidade de muitos deuses. Ela é uma gentil deusa que aconselha diretamente na aparência humana」 (Kaoru)
「Então, a relação entre o anjo e a deusa Celestine...」 (Perrier)
「Oh, ela é apenas uma amiga minha」 (Kaoru)

Com o rosto que apenas testemunha uma coisa inacreditável, o arcebispo e o bispo congelaram com a boca aberta.
Apenas a Donzela do Santuário parece um pouco desajeitada.

「Ah, é isso mesmo, todos. As pessoas me chamavam de "o anjo", mas eu não sou o anjo de Celestine. Porque somos igualmente amigas」 (Kaoru)

A maioria das pessoas está mortificada, tanto no palco quanto fora do palco.
Como precaução, Kaoru adverte contra aristocratas e partes interessadas que estão escutando fora do palco.

「A propósito, mesmo se você me forçar a fazer coisas contra a minha vontade, Celes não será capaz de fazer esse tipo de coisa se tornar realidade. Ela vai ficar com raiva e te castigar. Não só você, mas todos os membros do seu grupo, incluindo todas as facções relacionadas, o Reino, todos os territórios, todos os templos em todo o país, e assim por diante... Celes é realmente brutal」 (Kaoru)

Nobres tornaram-se pálidos, assim como os funcionários do templo.

「Se vocês vierem e exigirem algo de mim, esse desejo nunca poderá ser cumprido nesse ponto. Independentemente da razão, a "vontade da Deusa deve ser respeitada e não questionada". Deus honrará as pessoas com grande coração」 (Kaoru)

No palco, todos, menos a Donzela do Santuário, estavam se sentindo como se a alma deles tivesse saído de suas bocas.
Aparentemente, parece não haver dúvida, Kaoru pensou que ela deveria retornar em breve..., a Donzela, que estava em silêncio até agora, começou a fazer perguntas.

「Bem, Celestine-sama, como ela é?」 (Shera)

Bem, eu me pergunto se ela está realmente tentando ser amiga de Celes?
Desde a perspectiva da idade, existe a possibilidade de ela ser um Donzela do Santuário desde a última vez que Celes deu um Oráculo.

「Ela está fazendo o seu melhor」 (Kaoru)
「Fu fu, isso é tão...」 (Shera)

Bem, ela também estava falando com Celes?
Eu me pergunto se eu posso ir para casa agora.
Oh, uma última coisa que me quero perguntar.

「Ah, Donzela do Santuário, posso te perguntar uma coisa?」 (Kaoru)
「Sim, por favor, me pergunte qualquer coisa」 (Shera)
「Hum... aquela estátua de Celes, por que a área dos seios se tornou tão grande?」 (Kaoru)

No palco, a última também ficou mortificada.
Não, ela soltou uma sorrizo seco e quebrou.
A expressão de Fernand, o primeiro príncipe do Reino Brancott, estava às escuras.
No dia seguinte à tragédia daquela festa, Fabio e Alan foram checar o refeitório onde Kaoru trabalhava, mas não conseguiram encontrá-la.
Uma das garçonetes disse que “Kaoru foi chamada por um grande nobre e ela disse que não voltaria mais, então ela desistiu para não causar problemas para o refeitório”.
Ela estava preparada até esse ponto? Ela já havia sido perseguida até esse ponto...?
Depois disso, Fabio e Alan revistaram a cidade. Havia uma história de uma menina sangrando que foi para fora do portão na noite daquele dia.
O porteiro disse que ela saiu pelo portão sem nenhuma bagagem com ela.
Ela chegou com segurança em outra cidade?
Ela conseguiu um emprego adequado mesmo com aquela cicatriz terrível?
Toda vez que penso nisso, meu coração fica pesado...

「Fernand, ouvi algo interessante」 (Fabio)

Fabio animadamente me diz isso quando ele chega.
É uma visão bastante incomum para o sempre calmo Fabio.

「O que seria?」 (Fernand)

Fabio sorriu para mim, que mostrei um pouco de interesse.

「Não se surpreenda, essa é uma informação que eu comprei de um comerciante de Gurua que acabou de chegar em nossa cidade hoje a "amiga da Deusa Celestina" apareceu em Gurua. Ela fez alguns milagres e salvou as pessoas. Ela até fez o rei e o templo perderem a face」 (Fabio)
「O que, isso é...」 (Fernand)

Fernand ficou impressionado.
É improvável que uma história como essa seja um conto de fadas, e é por isso que Fabio achou interessante.

「E sobre essa "amiga da deusa"...」 (Fabio)

Fabio continuou essa história...

「Idade de 11 a 12 anos, cabelos negros, olhos negros」 (Fabio)

O que?

「Ela chamava a si mesma de “Kaoru”」 (Fabio)
「Pense em qualquer motivo que nos permita ir ao Reino de Balmoa! Governo, cortesia, qualquer coisa serve, e temos que ir o mais breve possível!」 (Fernand)
「Sim, sim, eu sabia que você diria algo assim, então eu já preparei as providências necessárias...」 (Fabio)

Como esperado do Fabio.

「Ok, eu vou trazê-la de volta, se é como o que você ouviu dizer que ela causou uma disputa entre o palácio real e o templo naquele país, será difícil para ela ficar, isso é conveniente para mim!」 (Fernand)

Mesmo que ele se arrependa um pouco do que fez, mas parece que ele não pode se livrar de seu hábito de superioridade facilmente.


***** Capital Gurua *****


「Isso está pacífico...」 (Kaoru)

Kaoru estava com um bom dia.
Depois daquela 「Entrevista pública」, fiquei um pouco preocupada se pessoas idiotas viriam.
No entanto, parece que a ameaça funcionou.
Mesmo que você me capture ou me ameace, não faz sentido porque 「A Deusa decidirá tudo」.

É impossível me manter refém para exigir resgate da deusa.
Eu também disse a eles que se eles ousarem tentar irritar a Deusa, todos, de qualquer facção e até mesmo toda a capital, serão punidos.
「Não ponha um dedo em Kaoru」 foi a ordem espalhada pelos líderes. Afinal, Kaoru é 「a amiga da deusa」.
Há vantagens e desvantagens, a relação custo-eficácia, o risco e o retorno. Riscos como me tornar o inimigo de algumas realezas e nobres.
O lado do templo também. Era impossível forçar uma garota que não acreditava no templo. Eles mesmos não querem se tornar hereges ferindo a amigo da deusa.
Os plebeus também reconheceram que 「Kaoru é uma garota comum que tinha o amor da deusa」.

Embora as pessoas não estivessem satisfeitas, elas nem ousariam pensar em se opor a Kaoru.
Bem, como alguém pode alegar ser uma garota comum no ponto de receber o amor da deusa?
Aquelas famílias com pessoas feridas e doentes não ficariam calmas, mas ao pensar sobre a raiva da deusa se eles tentaram forçar Kaoru a fazer algo, é quase impossível tentar retaliar.

Ainda assim, as pessoas sabiam que Kaoru estava trabalhando na oficina e todos eles estavam como, 「eu quero ver o rosto dela」 e 「Por favor, deixe-me vê-la」...
Mas infelizmente, Kaoru não está trabalhando na parte de negócios da loja, ela está apenas cozinhando, limpando e fazendo tarefas na parte de trás. As pessoas nem sequer podiam conhecê-la se fossem para a oficina.
Mesmo quando Kaoru saia. Não havia muitas pessoas que pudessem percebê-la em primeiro lugar.
Embora esse mundo tenha menos pessoas de cabelos negros, devido à alta população da capital, ainda havia muitas pessoas com cabelo preto.
Embora muitas pessoas se reunissem na Praça Central naquela época. Foi principalmente a realeza e pessoas do templo que estavam perto o suficiente para ver Kaoru, apenas uma minoria extrema de plebeus conseguiu dar uma olhada no rosto de Kaoru o suficiente para distingui-la.
E este é um mundo sem fotografias e comunicação de massa que seria capaz de deixar todos saberem como Kaoru realmente se parecia.
Portanto, informações sobre Kaoru que foram transmitidas no máximo foram 「uma linda garota com cabelo preto」.

Tanto a Realeza quanto o Templo não espalharam nenhuma informação para que as pessoas nem sequer conhecessem a cor dos olhos de Kaoru.

Por essa razão, Kaoru casualmente saiu para a cidade hoje.
Além de comprar comida do mercado, Kaoru também tem trabalho a ser feito nas bibliotecas e na casa arruinada.
Kaoru estava andando enquanto comia espetos comprados em uma barraca há um tempo atrás. Ela viu uma bela dama andando na frente dela.
Na verdade, aquela bela dama ainda tem idade suficiente para ser chamada de menina.
Mas do ponto de vista de Kaoru, a maioria dos ocidentais com mais de 15 anos se parece com adultos.
Bem... neste mundo em que a idade adulta é de 15 anos, Kaoru não estava errada...
Ela se movia elegantemente mesmo com a espada na cintura.
A julgar pelas roupas, ela é uma cavaleira ou aprendiz de cavaleiro...?

Quando Kaoru chegou perto o suficiente, aquela mulher, não... a menina parou de repente e olhou para o rosto de Kaoru. Ela gritou com uma voz surpresa.

「Oh, minha deusa!」 (Francette)

Este é um mangá de longevidade?

「... Ha?」 (Kaoru)

Kaoru foi subitamente chamada pela garota desconhecida, e ela estava confusa.

「Eu... eu sou a cavaleira Francette!」 (Francette)
「... Não, eu não estou pedindo o seu nome」 (Kaoru)

Havia uma razão pela qual Kaoru não se lembrava de Francette. Naquela época, Francette não disse a Kaoru o nome dela...
Bem, mesmo se Kaoru ouvisse seu nome, Kaoru provavelmente ainda se esqueceria dela.
Eu ficaria em apuros se essa garota continuasse me chamando de "deusa", Kaoru pensou isso enquanto puxava a garota para um restaurante de lanches próximo.
Ainda havia uma hora antes do almoço, então estava quase vazio.
Kaoru sentou no banco no canto e perguntou à menina novamente depois de pedir comida adequadamente.

「... Então, quem é você?」 (Kaoru)

Francette explicou desesperadamente. Elas se encontraram naquela floresta com os filhos do conde.
A avó dos irmãos foi curada. Ela usou as outras duas poções no palácio real e assim por diante...
Kaoru ficou chocada.

「A velocidade que o Palácio Real reagiu foi muito rápida..., é por causa disso...?」 (Kaoru)

Kaoru respirou fundo e tocou o rosto de Francette.

「De jeito nenhum, isso é real... como esperado, as habilidades misteriosas do organismo de super-vida superior rivalizando com Deus...」 (Kaoru)
「Uhm... o que?」 (Francette)
「Não, nada...」 (Kaoru)

Enquanto olhava para o rosto de Francette, Kaoru pensou.

(Como ela me reconheceu? Eu não pareço diferente de antes? Não, na verdade apenas a cor do meu cabelo está diferente, mas meu rosto ainda é o mesmo... No entanto, ainda é impossível para ela me reconhecer facilmente... É isso? porque ela me adora demais e lembrou do meu rosto?) (Kaoru)
「Cavaleira Francette, tenho algo que gostaria de lhe pedir」 (Kaoru)
「Meu prazer, por favor, peça o que você quiser!」 (Francette)

Francette responde com firmeza a Kaoru enquanto abaixa a voz.
Kooru explicou brevemente seu pedido.

「... Então, agora, eu devo ser uma "amiga de Celestine", bem, isso em si é verdade... mas eu fui confundida como uma garota comum. Isso também não é mentira, porque agora eu estou vivendo como humana. Eu sou apenas uma garota comum que tem um pequeno poder de cura」 (Kaoru)
「Wa~haa...」 (Francette)

Naquela época, Francette retornou com o Conde Adan ao seu território, para organizar seus negócios. E ela acabou de voltar para a capital no outro dia.
Portanto, ela não sabia os detalhes do assunto na praça central.

「É por isso que agora estou curtindo a vida humana como uma "garota comum" e não quero ser incomodada」 (Kaoru)
「Sim, os segredos da Deusa estão seguros comigo...」 (Francette)

Francette endireitou espinha e jurou com um olhar sério.

「Ah, sim, tem isso também, mas o que eu gostaria de pedir é outra coisa...」 (Kaoru)

Kaoru explica.
Embora, de alguma forma, Kaoru já tenha tido uma vida tranquila, mas é difícil dar bênçãos às pessoas no estado atual.
O que Kaoru quer é uma amiga do lado do poder.
Essa amiga deve ser confiável e ter o poder de se proteger e proteger Kaoru.
Então Kaoru perguntou a Francette se ela poderia contatar secretamente o Conde que emprega Francette. Em troca, o Conde e seus parentes se beneficiarão da bênção da deusa.

「Bem, mas eu já renunciei o trabalho para o Conde Adan, eu fui transferida para o Reino pelo próprio Conde...」 (Fracette)
「Huh?」 (Kaoru)

Apenas, quando ela veio com um plano, as coisas já haviam se tornado assim, Kaoru ficou atordoada.

「... e, a partir de amanhã, servirei o palácio real como escolta de Roland-sama, o irmão do rei」 (Francette)
「HAAAAAA??」 (Kaoru)

Ok, mudança de plano. Vamos com o plano B


***** Naquela época, no palácio real *****


「Irmão, então, como abordaremos este assunto com calma...」 (Serge)
「Oh, não se esforce, vamos aprofundar nossa amizade e ganhar confiança」 (Roland)
「Deixemos para as pessoas da família Lyotal por enquanto, depois disso, deixe-me espalhar o circulo pouco a pouco... Ah, para facilitar para outros nobres, eu devo levar o filho dos Lyotal para o campo e dar-lhe algum título de trabalho?」 (Serge)

O rei Serge disse isso.

「Mas então, aquele que se aproximar de Kaoru não será mais um "aristocrata Nobre" mais......」 (Roland)
「Ah......」 (rei)


***** Naquela época, no Templo Central de Gurua *****


「Arcebispo, então, novamente com uma medida vazia...」 (Perrier)
「Sim, aprofundar nosso contato pouco a pouco, para podermos convidá-la para o nosso templo. Qual é o nome da pátria que ela abandonou? Como pode ser que não haja nenhuma seita a Celestine-sama naquele país, mas ela pode se tornar a amiga de Celestine-sama...?」 (Sornier)

O arcebispo Sornier disse ao bispo Perrier, depois encarou a Donzela do Santuário Shera.

「Donzela do Santuário Shera, por favor, faça isso. Você é a única que teve uma conversa com a deusa entre algumas pessoas desde a última vez que a deusa Celestine deu seu Oráculo para todos. Certamente você pode ganhar a confiança de sua amiga. Por favor, escolha algumas pessoas adequadas e faça isso」 (Sornier)
「Sim, por favor, deixe comigo」 (Shera)

E então o arcebispo perguntou de repente a Shera.

「A propósito, Donzela do Santuário Shera... Já faz mais de 50 anos desde então. Eu me pergunto se você poderia me dizer o que disse para a deusa naquela época. Eu me tornei mais e mais ansioso com isso depois de 53 anos. Eu gostaria de saber o que disse, antes de eu morrer...」 (Sornier)

Mas a Donzela do Santuário Shera sacudiu a cabeça enquanto sorria.

「Não, esse segredo vai comigo, para o meu túmulo...」 (Shera)
「Oh, bem, eu sabia que você responderia assim...」 (Sornier)

O arcebispo Sornie também sorriu, mas pareceu um pouco desapontado.

(Eu não posso dizer a eles sobre isso! Eu consultei a Deusa sobre 「Como eu posso chamar a atenção de um cara?」, eu pensei sobre isso por um bom tempo!) (Shera)

Era certo que a Donzela do Santuário Shera levaria esse segredo para o túmulo.
***** Oficina Maiyaru *****


As pessoas que trabalham na oficina não mudaram sua atitude em relação a Kaoru.
Eles pensam em Kaoru não como um anjo da deusa, mas como uma 「Ajudante que pode cozinhar, limpar e fazer tarefas diversas」.
Ter uma amiga ou anjo de uma deusa não ajuda realmente o trabalho deles. Eles já tratavam Kaoru como se ela fosse seu anjo, devido a como ela ajuda a oficina.
E hoje, a oficina tem visitantes do templo novamente.
Como queriam conversar com Kaoru, continuaram a importuná-la, visitando a oficina todos os dias para convidar Kaoru ao templo. E Kaoru continuou a responder 「Me desculpe, eu não vou entrar no templo」.
Então, uma vez, Shera mudou o lugar do templo para um restaurante.
No entanto, quando Kaoru examinou, ela descobriu que o restaurante que Shera a convidou era um lugar onde os nobres costumam freqüentar. Há também um quarto privativo totalmente à prova de som na parte de trás.
Recusa instantânea.

E então, desta vez, recebi uma mensagem dizendo: 「Nos encontraremos em um lugar que você queira」.
Quão persistente, ela não vai desistir a menos que nos encontremos uma vez, então eu decidi encontrá-la.
Eu deliberadamente escolhi um lugar com muitas pessoas.


***** Alguns dias depois, na lanchonete *****


Eu recebo algum tempo livre depois que eu termino de limpar e preparar o almoço para os caras da oficina. Eu só preciso preparar o jantar quando eu voltar.
Kaoru hesitante esperou que a Donzela do Santuário finalmente desistisse de Kaoru de uma vez por todas.

「Minhas desculpas por fazer você esperar」 (Shera)

A Donzela do Santuário Shera, 3 meninos e 2 meninas apareceram.
Eles variavam de 10 a 16 anos.
Cada um deles parecia fofo de seu próprio jeito.

"Haaaah...." Kaoru suspirou.

「São crianças que receberam seus ensinamentos no templo. E quando eles ouviram que eu teria uma reunião com Kaoru, eles perguntaram se poderiam vir comigo」 (Shera explicou)
「Eh..., isso é tão... então, qual é o seu propósito?」 (Kaoru)

Kaoru dá uma resposta desagradável.
Shera entrou em pânico um pouco, ela viu que Kaoru não está interessada em todas as crianças. Ela só tem um assunto comum para falar.

「Bem, Kaoru, você ouviu Celestine-sama dizer alguma coisa sobre esse outro Deus?」 (Shera)

Mesmo que as crianças não devessem ouvir sobre isso, esta é a única maneira que ela poderia falar com Kaoru.
Ela esperava que Kaoru mudasse de ideia, porque ela também está familiarizada com Celestine.

「Oh, Celes hein, ela falou sobre isso também? Bem, ela ficou satisfeita por poder entrar em contato com ele」 (Kaoru)
「Sério? Isso deve ser legal!」 (Shera)

.........
.........
.........

「.........」 (Ambas)

No entanto, a conversa não continuou de lá. Shera pensou no que Kaoru perguntou no outro dia;

「A propósito, sobre a pergunta que você fez da estátua de Celestine-sama. Celestine-sama é também uma deusa da fertilidade, mas esse lugar é um pouco pobre. Assim, as pessoas acreditam que, para enriquecer a terra, a estátua da deusa da fertilidade também precisa ser abundante em suas áreas pobres. Na época, as pessoas pensavam assim...」 (Shera)
「...... É assim então」 (Kaoru)

Uma resposta fria de Kaoru.
Lágrimas caíram de seus olhos. Kaoru então olhou para seu próprio corpo.

「Ahahaha... um estado um pouco pobre...」, 「um estado pobre...」, 「um estado pobre...」......

Kaoru continuou resmungando.

「Ah, Kaoru. Vou apresentar estas crianças, da esquerda...」 (Shera)
「Ohhh, tudo bem. Tudo bem, eu provavelmente não me lembrarei dos nomes deles, eu não sou boa em lembrar das pessoas...」 (Kaoru)
「Eh...」 (Shera)

Shera foi abatido novamente.
De jeito nenhum, eu não posso parar por aqui!
Quando o empurrão se aproxima, eu tenho que usar as crianças para aumentar nosso relacionamento atual.
Ainda é cedo para falar sobre o templo.
Eu tenho que aquecer a conversa com tópicos mais comuns... era o que Shera estava pensando.
E então, as crianças começaram a falar.

「Uhm, nós ah não..., eu quero perguntar sobre a deusa!」 (Criança A)
「Ah, eu também!」 (Criança B)
「Eu também quero perguntar!」 (Criança C)

Como esperado das crianças escolhidas pelo arcebispo. Parece que eles não eram só aparências.
Shera ficou impressionada.
E então Kaoru começou a conversar com as crianças.

「Você sabe o que, imagine que você tem uma amiga muito rica...」 (Kaoru)
「Eh?」 (5 filhos)
「E então alguém que você não conhece vem e te pressiona. Eles não perguntam nada sobre você, eles só querem ouvir qualquer coisa sobre sua amiga rica como se quisessem que você os apresentasse a ela. Você acha que pode se tornar uma boa amiga desse tipo de pessoa? Não... Você acha que gostaria de ser amiga deles em primeiro lugar? Você confiaria em alguém que você não conhece e continuaria dando a ele a informação do sua amiga importante?」 (Kaoru)
「.........」 (5 crianças)
「Bem, eu não tenho nada para falar, então eu estou de saída」 (Kaoru)

Mesmo quando Kaoru se levantou, tanto Shera quanto as crianças permaneceram em silêncio e não se mexeram.
Kaoru notou algo depois de sair do restaurante.

「Oh, no final, eu não pedi nada...」 (Kaoru)


***** Alguns dias depois *****


A cavaleira Francette veio.

「Kaoru, Conde Adam chegou no reino」 (Fran)

Kaoru foi informada por Francette da notícia que ela estava esperando, ela então confirmou o tempo de reunião com o Conde através de Francette.
A propósito, Kaoru tinha dito a Francette e todos os outros para não chamá-la de 「deusa」, 「anjo」 ou 「amigo da Deusa」.

No dia seguinte, na frente do Conde Adam, Kaoru estava usando as roupas da 「Filha do Barão」 que fizeram com que seus filhos e os cavaleiros a confundissem como uma deusa.
Normalmente, você tocaria a aldrava da porta da entrada e seria recebida.
Não, geralmente a filha de um nobre não andaria sozinha.
Eu fui guiada por um mordomo para a sala dos fundos.
Entrar em uma mansão particular como essa é um problema.
No entanto, Kaoru havia preparado contra-medidas para si mesma.
Ela ordenou às crianças que, se ela não saísse da casa do conde até o pôr-do-sol, avisassem o templo, a casa dos Lyotal, a oficina e gritasse na praça central 「A amiga da deusa foi capturada pelo Conde Adan!」.
Quando o pior acontecer, eu tenho que usar o nome 「amiga da deusa」.

Depois de algum tempo, Kaoru notou que suas preocupações eram infundadas.
Já havia outros membros na sala através dos quais Kaoru entrou.
Conde Adan, seu filho Hector, sua filha Yunis, Robert o capitão da escolta naquela época, a cavaleira Francette e o irmão do rei real Roland.
Os membros deste grupo notaram que Kaoru, a amiga da deusa Kaoru e a Deusa do cabelo prateado, são a mesma pessoa. É improvável que essas pessoas traíssem Kaoru.
Kaoru explicou para todos na sala como se seguiu.

「Eu sou uma amiga de Celes, eu vim visitar aqui de outro mundo sobre a recomendação de Celes」.

Agora que estou aproveitando a vida como um ser humano, mantenha isso em segredo.
Neste momento, além de todos nesta sala, todo mundo acredita que eu sou uma amiga da Deusa Celes e sou apenas uma humana que recebeu a habilidade de abençoar as pessoas...
Tenha em mente sobre a parte 「apenas uma humana」.
Eu não pretendo usar esse poder para mim mesma.
Dei as bênçãos a algumas pessoas, mas devido a quantas pessoas precisam dessas bênçãos, é difícil distribuí-las. Assim, se vocês colaborarem comigo, será mais fácil dar bênçãos ao povo.

Com base nisso, várias coisas a partir de agora seriam consultadas e decididas.
A família do barão Lyotal cuidará do palácio real, da nobreza, do templo e etc.
Kaoru quer manter o atual status quo.
Por outro lado, o conde Adan e o irmão do rei, Roland, e a cavaleira Francette os apoiariam.
Pelo pedido de Roland, nós também compartilharemos esta informação com o rei.
E finalmente decidimos nomear este grupo, 「A Luz da Deusa」.
Embora Kaoru se opusesse fortemente a isso, foi aprovado por maioria de votos dos outros membros...
Por enquanto, as coisas que precisaríamos fazer seriam.

「Vender poções de cura com preço barato. No entanto, o efeito será fraco e, se não for usado em 5 dias, perderá o efeito. A rota de fabricação e distribuição será segredo de estado. O atacadista será o palácio real」.

O motivo pelo qual os efeitos somem em cinco dias é para evitar o uso para a guerra.
O principal objetivo para estes eram os ferimentos que os caçadores receberiam e curar as doenças da população em geral.
O efeito é fraco, mas ainda é suficiente para ajudar as pessoas.
O verdadeiro milagre só pode ser feito pelas 「Lágrimas da Deusa」 feitas pelo poder da deusa. Somente aqueles qualificados o suficiente para receber a poção seriam abençoados por ela.
Kaoru lembrou e contou a todos duas coisas.
Primeiro, 「A Luz da Deusa」 tem uma outra organização chamada 「Olhos da Deusa」. Eles estão atualmente trabalhando sem remuneração, mas no futuro pretendo pagar os membros regularmente.
Segundo, usaremos as lojas da Compania de Comércio Abiri como uma rota de vendas.
E assim, Kaoru finalmente fez sua estréia com as vendas de poções.
「Kaoru está aqui?」 (Francette)

A cavaleira Francette chegou à oficina. Ela parecia um pouco em pânico.

「Na verdade, ontem, uma mensagem diplomática veio de um país vizinho...」 (Francette)

Kaoru teve um mau pressentimento com o que Francette disse.

(Não, não, não... Mesmo se ela disser país vizinho, existem quatro países adjacentes a este país...) (Kaoru)
「Que país?」 (Kaoru)
「Do Reino Brancott」 (Fran)
(Eu sabia disso...) (Kaoru)

Com essas coisas, Kaoru pode prever o que é, só para ter certeza disso, ela continua perguntando a Francette.

「Então, quem é o enviado?」 (Kaoru)
「É o primeiro príncipe!」 (Francette)

Aaaahh......
Realmente não importava quem era, já que seu papel era como um enviado, mas ainda era frustrante saber que ele era o primeiro príncipe.

「Me disseram que ele disse que havia uma garota chamada Kaoru que ele quer conhecer」 (Francette)

O rei e os ministros sentem-se incomodados com isso. Eles não querem que ele conheça Kaoru e eles realmente não sabem qual é o propósito dele em encontrá-la.
Eles não podem mentir sobre Kaoru, já que seu paradeiro é bem conhecido pelas pessoas.
Entre essas pessoas, existem aristocratas, nobres e comerciantes que desejam ter uma conexão com o príncipe do Reino Brancott. Mesmo que eles conseguissem mentir sobre Kaoru, ainda haveria alguém que desejasse receber o favor do príncipe.
Portanto, Francette veio avisar Kaoru das circunstâncias.

「Ahh, tão problemático, vamos lidar com ele e mandá-lo de volta rapidamente. Eu não posso incomodar a oficina, ele me encontrará na casa do Barão Lyotal. Eu ainda preciso ajustar minha agenda para os próximos dias, eu provavelmente vou poder encontrá-lo à tarde por volta desta semana」 (Kaoru)

Eu não posso me dar ao luxo de me atrasar na preparação da refeição para todos na oficina ou perder algumas das minhas tarefas só para poder encontrar o primeiro príncipe.

「Eu entendo, eu vou dizer a Roland-sama」 (Francette)


***** Noite do mesmo dia *****


Fernand, o primeiro príncipe do Reino Brancott, estava de bom humor.
Finalmente ele poderia ver Kaoru.
Além disso, ele parece ter ouvido falar do anúncio de Kaoru: 「Eu nunca entrarei no Castelo do Rei」. O que significa que Kaoru tem um mau relacionamento com o palácio real e ele ouviu que um barão de baixa patente está cuidando de Kaoru.

「Como é apenas um nobre de baixa patente, eu poderia ameaçá-lo um pouco para que ele me desse Kaoru」 (Fernand)
「Não. Não importa o que, você deve respeitar a vontade de Kaoru. Você esqueceu o que aconteceu, Fernand?」 (Fabio)

Fabio apunhalou um prego nos pensamentos de Fernand.

「Bem... sim... mas...」 (Fernand)

Ele esfaqueou um prego, mas isso porque Fabio não achava que tudo era tão simples assim. Ele tinha que preparar algo para convencer Kaoru, para que ela voltasse para eles.
Ele havia investigado Kaoru e parece que ela estava tendo alguns problemas com o rei e os nobres, quase semelhante ao tempo em que ela estava em nosso país.
Com isso, deve ser difícil para ela viver uma vida normal aqui.
No entanto, no Reino Brancott, embora houvesse rumores sobre uma garota plebeia que rejeitou a proposta do príncipe, esse boato só se espalhou até certo ponto e os detalhes só foram confinados ao alcance dos nobres.
Por causa disso, o nome e a aparência da garota foram mantidos em segredo.
Talvez ela possa viver uma vida normal no reino de Brancott como uma pessoa diferente.

Mas o problema era, esse país deixaria Kaoru?
De acordo com os relatórios feitos pelos espiões, não é que as pessoas deste país não vão entregar Kaoru, mas é só que Kaoru não pode simplesmente deixar o país.
É bem sabido agora que Kaoru é uma existência amada pela deusa, assim ela é um importante farol de esperança para o povo deste país.
Além disso, mesmo sem a benção da deusa, a própria Kaoru possui grande sabedoria...

Até que ponto os aristocratas e a realeza deste país reconhecem essas coisas sobre ela?
Eles ainda considerariam entregar Kaoru a eles, mesmo que o Reino do Rei Brancott ameaçasse seu país?
Fabio não consegue prever tudo apenas pelos relatórios.

「De qualquer forma, não fale com arrogância, não diga coisas ruins, vamos levá-la a uma atmosfera amigável primeiro, ouça a situação atual de Kaoru, peça desculpas a ela, e esperançosamente ela nos perdoará...」 (Fabio)
「Eu entendi, vamos com isso」 (Fernand)

Fernand concordou com o que Fabio disse.


***** 2 dias depois *****


Fernand, Fabio, Alan, juntamente com o irmão do rei, Roland, e o chanceler foram deixados em segurança na casa do barão Lyotal.
Muitas saudações estavam alinhadas em frente à residência do barão.
Algumas pessoas foram guiadas para a parte dos fundos, enquanto vários guardas foram colocados em frente à mansão.
Durante a recepção, a figura do barão desta casa, Lyotard, e seu terceiro filho, Acyl, apareceram.
Depois que todas as respectivas apresentações e saudações estavam em ordem, a porta se abriu e uma garota sozinha entrou.

「「「Kaoru!!」」」 (Trio)

Os três amigos gritaram.

「O que aconteceu com a cicatriz no seu rosto?」 (Alan)
「Você esteve bem?」 (Fabio)
「Me desculpe pelo que aconteceu」 (Fernand)

A menina ouviu os três homens um pouquinho e depois, com um rosto sombrio, disse com uma expressão convincente.

「Como vão. Todos vocês conhecem a minha irmãzinha?」 (Kaoru)
「「「Hã?」」」 (Trio)
「Eu sou Alpha · Kaoru · Nagase, parece que vocês cuidaram da minha irmã mais nova, Milfa · Kaoru · Nagase」 (Kaoru)
「「「Hã?」」」 (Trio)
「Oh, você não falou sobre o que aconteceu com aquela garota? Nós duas escapamos do nosso país nativo e eu me separei dela para despistar os perseguidores. Eu certamente penso que nos encontraremos novamente em breve... Aquela garota, ela está indo bem?」 (Kaoru)

Os três homens têm dificuldade em responder. Eles não podem simplesmente dizer que sua irmãzinha foi ferida e desapareceu.

「Então, qual dos dois cavalheiros tem relação com aquela garota?」 (Kaoru)

Alan e Fabio ficaram surpresos desde que Kaoru estava sorrindo para os dois.

「Por que você perguntou a esses dois?」 (Fernand)

Fernand pergunta com um rosto que parece desesperado.

「É porque eu sei que tipo de homem aquela garota gosta, um cavalheiro forte, selvagem e sincero (Alan). Ou um homem inteligente que cuida de todos, incluindo a garota que ele ama (Fabio)」 (Kaoru)
「Oh, é sou e-!」 (Fernand)
「Oh, isso mesmo, por causa do nosso teimoso avô, eu e aquela garota não gostamos de homens que tentam nos sobrecarregar com a forma como vivemos nossas vidas」 (Kaoru)

Fernand sentiu um impacto em sua consciência.
Alan e Fabio sentiram pena de Fernand.

「Eu gostaria de perguntar, Milfa pode usar a bênção da Deusa como você?」 (Fabio)

Kaoru sacudiu a cabeça.

「Não, entre nós irmãs, eu fui a única que teve a sorte de ser amiga de Celes. Mesmo que tenhamos o mesmo rosto, eu e minha irmã somos pessoas completamente diferentes」 (Kaoru)

Os três homens têm um rosto amargo.

「Bem, não poderia Alpha vir até o Reino de Brancott! Se você quiser morar com sua irmã...」 (Alan)

Kaoru balança a cabeça novamente para o convite de Alan.

「Isso é inútil. Quando nos reunimos em um país, o equilíbrio entre os poderes dos países colapsa e é provável que cause uma disputa, por causa disso nós duas fugimos do nosso país. Espero que haja uma oportunidade de me encontrar novamente com minha irmãzinha」 (Kaoru)
「「「.........」」」 (Trio)

Se essa garota é uma pessoa diferente daquela Kaoru, então eles não têm uma razão para levá-la de volta ao Reino Brancott.
Essa garota aqui é uma pessoa importante para este país, não importa o que aconteça, eles têm certeza de que o rei desse reino não a deixaria ir.
Não há mais nada para falar.
Fabio, Alan e Fernand deixaram a casa do Barão Lyotal. Entre esses três, Fernand era o mais deprimido deles.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「... Ei, você acha que ela é mesmo a irmã de Kaoru?」 (Alan)
「Provavelmente..., eu não tenho certeza」 (Fabio)

Fabio, com uma expressão difícil, responde à pergunta de Alan.

「Bem, parece que ela não tem nenhuma intenção de ir ao Reino Brancott, ela nem parecia interessada em Fernand」 (Alan)

Ouvindo essas palavras, o rosto de Fernand estava sombrio.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Oh, está feito, acabou!!!~~」 (Kaoru)

Quando eles olharam para Kaoru, que estava esticando os braços para cima, todos tinham uma pergunta semelhante em suas cabeças.

「Um, essa pessoa que você está falando. Ela é realmente sua irmã mais nova?」 (Francette)

Francette pergunta a questão que todos têm em mente, embora uma parte deles soubesse a resposta.

「Não tem como isso ser verdade, certo? Vocês já sabem sobre mim, não existe tal coisa」 (Kaoru)
((( Eu sabia disso )))) (todos)

Todo mundo entendeu uma coisa, o príncipe deve ter dado nos nervos de Kaoru antes.
Finalmente, com a ajuda de todos, as vendas de poções de Kaoru começaram.
Assim que a poção foi liberada, os efeitos foram rapidamente conhecidos pelas pessoas.
O distribuidor, a “Compania de Comércio Abiri”, possui filiais em muitas áreas. Eles poderiam até organizar suas vendas em cidades sem suas conexões nelas.
A menos que a poção chegasse dentro de cinco dias, perderia o efeito. Então, é necessário que a poção seja entregue dentro de 5 dias, mas para as cidades no Reino de Balmoa, isso não é um problema.

Além disso, para pessoas cujas cidades não foram incluídas pela Compania de Comércio Abiri, há várias maneiras de comprar as poções, por exemplo, viajando para o Reino Balmoa ou uma cidade afiliada pela Compania de Comércio Abiri. Mas para pessoas cujas condições eram ruins ou tinham dificuldade para se movimentar adequadamente, eles poderiam mandar pessoas em cavalos para viajarem dia e noite para comprá-las e entregá-las para eles. Se você usar um cavalo para viajar sem parar, você pode entregar a poção para a maioria dos lugares do continente dentro de 4 dias. Mas este método só pode ser usado pelos aristocratas, pessoas ricas, funcionários ou até soldados.

A poção era extremamente barata e até plebeus podem facilmente comprá-la.
No caso de fraude ou revenda da poção, qualquer pessoa que comprasse uma quantia grande seria rigorosamente examinada.
Se for descoberto que ele / ela iria participar ou planejar a fraude ou a revenda, todos os envolvidos serão responsabilizados. Todas as suas famílias, parentes, amigos e etc. perderão suas qualificações para comprar as poções. Enquanto a pessoa estiver viva, ela provavelmente será morta por seus parentes ou amigos.

A mesma regra é aplicável para os aristocratas e outros com poder, exceto que, somente as poções não mais atingirão seu território enquanto o nobre estiver vivo. Se é assim, então aquele nobre provavelmente teria uma morte acidental ou uma doença que reivindicaria sua vida, depois disso, seu filho, com toda a probabilidade, assumiria sua posição.
Como resultado disso, é evidente que os aristocratas, comerciantes e plebeus não ousariam se aproveitar das poções.
Deficiências causadas por lesões no passado podem ser facilmente curadas agora. Os soldados não se preocuparão com quaisquer lesões que possam receber durante as sessões de treinamento ou missões. Devido a isso, eles podem melhorar suas habilidades muito mais do que antes.
As pessoas da cidade real podem adivinhar a origem dessas poções, mas ninguém tentaria mencioná-las. Eles sabiam que, se eles se envolvessem, não receberiam nada em troca. Se algo der errado, eles serão responsabilizados e perderão tudo.
Os doentes e feridos do Reino Balmoa diminuíram gradualmente, por causa disso, a eficiência da produção aumentou muito. Não só a poção tornou possível que os doentes e feridos voltem a trabalhar, mas também o fato de que o orçamento para o pessoal necessário para as instalações médicas diminuiu.

No entanto, Kaoru avisou fortemente sobre isso ao irmão do Rei, Roland. Eles devem estar alertas caso algo aconteça com Kaoru. Só porque as poções os ajudaram muito, isso não significa que eles devam esquecer de treinar a equipe médica, melhorar a tecnologia médica em seu reino e garantir o orçamento para casos de emergência.

Há um reino chamado "Reino Gurua" que é ligeiramente a leste do reino Balmoa, felizmente eles ainda poderiam receber os benefícios das poções porque as poções do Reino Balmoa podem alcançar a fronteira de ambos os países no sexto dia em uma carroça. Mas se você usar cavalos rápidos, você pode entregar as poções em 2-3 dias.
Reino Brancott, no entanto, estava um pouco longe no lado oeste. Por causa disso, a transferência de poções por carroça está fora de questão. Mas se eles usarem cavalos, então eles ainda podem chegar as áreas da Capital dentro de 5 dias. É por isso que o Reino Brancott também conseguiu receber os benefícios das poções.
Reino Ashid ao sul, que tem uma relação amigável com o Reino Balmoa porque eles têm um inimigo comum, o Império Arigo. E, felizmente, a paisagem de seu país, que se estendia por muito tempo no leste e no oeste, é adjacente ao Reino Balmoa e é por isso que eles também recebem o benefício das poções.
No lado norte do Reino Balmoa está voltado para o mar. Mas na parte noroeste existe um pequeno estado, o País Sagrado Rueda. Este país tem apenas 1/8 a 1/10 dos tamanhos dos outros países.
É um estado religioso feito no lugar onde a deusa Celestine desceu pela primeira vez e salvou a raça humana há muito tempo. É por isso que, embora seja apenas um pequeno país, outros países ainda prestam tributo de tempos em tempos.
No entanto, 53 anos se passaram sem a aparição da deusa, o número de peregrinos de outros países também diminuiu, as doações estão diminuindo lentamente. Além da religião, o poder econômico deste país é apenas algo comum como agricultura e pescaria.
Como resultado, quando o boato sobre o 「Milagre da Deusa」 foi divulgado, eles não puderam deixar de se mexer.
Mesmo com o pedido do papa, o Arcebispo do Reino Balmoa foi contra a convocação do anjo que causou o milagre. 「Porque essa menina não é crente em nosso templo, ela não se submeterá à ordem de convocação do templo」.
O mesmo aconteceu com o palácio real 「Governança e religião são coisas diferentes em nosso país e as demandas religiosas não podem ser atendidas como em um estado」.
Enquanto o País Sagrado Rueda não conseguia invocar Kaoru, as poções começaram a circular. De acordo com as pesquisas das pessoas, é obviamente diferente da medicina comum, já que era muito melhor, mas, mesmo assim, os efeitos eram mais fracos do que o Milagre da Deusa. Lá eles descobriram que as poções vieram do Reino Balmoa
O Milagre da Deusa deve ser levado ao País Sagrado Rueda.
Se isso continuar, a posição do País Sagrado será roubada pelo reino Balmoa!
O alto escalão do País Sagrado Rueda sentiu uma sensação de crise e começou a fazer várias planos.

A península que liga Brancott, Balmoa, Ashid, e o País Sagrado Rueda, na ponta disto havia um país chamado o Império Arigo, que enfatiza em força militar. O Império Arigo liga-se ao País Sagrado Rueda, no lado da cordilheira do norte, e ao Reino Ashid, no lado sul da costa, e no Reino Balmoa, no meio dela.
Mas a parte conectada que deveria ser a fronteira dos três países é obstruída pelas montanhas. Isso faz com que as rotas que o Império Arigo usa para chegar ao Reino Balmoa sejam as que eles teriam que atravessar o País Sagrado Rueda pela cordilheira do norte ou pelo reino Ashid pela costa sul. A cordilheira tem uma distância menor, mas tem muitos obstáculos que fazem com que os cavalos não possam cruzar.

O Império Arigo não desenvolve realmente nenhuma indústria, e os recursos em seu país também podem ser obtidos nos três países vizinhos. Portanto, os três países não precisam realmente negociar com o Império Arigo, onde o transporte não é bom.
Mas o Império Arigo tinha planos diferentes.
Para que seu próprio país se desenvolvesse, eles teriam que se mover em direção ao lado da base da península. Mas sua produção doméstica não pode abastecer seu próprio país, já que a maioria de suas terras são montanhas. Eles escolheram gastar muito do seu orçamento nacional para fortalecer sua força militar.
Um país com pouco comércio que se concentra no fortalecimento do poder militar. Não havia outra escolha senão travar batalhas territoriais com as guerras.
E enquanto planejavam tais coisas, as poções começaram a circular no país vizinho, o Reino Balmoa.
Para piorar as coisas, as poções só seriam eficazes dentro de 5 dias após criá-las. Essas poções não podem alcançar o Império Arigo dentro de seu prazo por qualquer tipo de transporte, mesmo quando o compram do País Sagrado Rueda ou do reino Ashid. É por isso que eles não podem usá-las para a guerra e nem se beneficiam disso.

Aqui eles pensaram, 「se não consegue chegar ao nosso império dentro de cinco dias, então, por que não apenas criá-las no império! Então podemos usá-las para a guerra também. Nosso exército já é mais avassalador que os outros países, se tivermos essas poções, poderemos até mesmo tomar o continente! Para fazer isso, devemos primeiro atacar o Reino Balmoa e ganhar o segredo das poções...」
Assim, mesmo no Império Arigo, eles também começaram a tramar coisas.


***** Palácio Real do Reino Balmoa *****


「Este é o 5º...」 (Rei Serge)
「Sim, três do País Sagrado e dois do Império Arigo」 (Primeiro-Ministro)

O primeiro-ministro se reporta ao rei. O irmão do rei, Roland, também está ao lado dele para ouvir o relatório.

「Entre em contato com Kaoru, aumente sua segurança para evitar que alguém tente solicitá-la e reduza as possibilidades de que possam sequestrá-la...」 (Rei Serge)
「Felizmente, todos os espiões com quem Kaoru conversou estão despejando tudo de uma maneira honesta. Mesmo os espiões que têm o papel de reportar também foram capturados. Portanto, os países deles ainda não devem conseguir informações」 (Roland)
「Mesmo assim, haverá mais pessoas de diferentes grupos que tentarão entrar em contato com Kaoru, mesmo que não consigam nenhum resultado. Eles já devem saber sobre ela, já que ela é extremamente famosa em nosso reino...」 (Primeiro-Ministro)

Durante a conversa entre o rei e o primeiro ministro, o irmão do rei, Roland, estava preocupado com outra coisa.

「Eu previ que o Império Arigo já estava no seu limite e tentaria avançar em breve. Mas pensar que até mesmo o País Sagrado usaria a força... Eles não têm medo de irritar a deusa? Em primeiro lugar, a Deusa não cumprirá suas exigências, mesmo que capturem Kaoru...」 (Roland)
「Talvez eles estivessem pensando em Kaoru como uma garotinha que pode fazer as poções」 (Primeiro-Ministro)
「「Ah」」 (Serge + Roland)
「De qualquer forma, o império começará sua invasão em breve. Primeiro de tudo, eles atacarão o Reino Ashid e nosso país? Ou eles vão atravessar o País Sagrado Rueda, que é neutro, e nos atacar?」 (Roland)
「Mas não é inadmissível que os exércitos passem pelos países neutros como o País Sagrado Rueda?」 (Rei Serge)
「Eu me pergunto... se aquele Império está mirando em Kaoru, eles sequer considerariam manter a promessa?」 (Roland)
「Bem...」 (Serge)
「De qualquer forma, você só pode pedir ao Reino Ashid e ao País Sagrado Rueda que verifiquem os movimentos do Império. Peça-lhes que nos contactem se acontecer alguma coisa, despache os nossos próprios espiões também. E eleve o nível de alerta para que você possa mover os soldados a qualquer momento...」 (Roland)
「Ok」 (Rei Serge)

Os passos da guerra estavam próximos.
As vendas de Poções estão indo bem e se espalharam pelo continente.
No entanto, Kaoru não teve nenhum lucro vendendo poções, nem queria. Mas ainda há necessidade de ganhar dinheiro.

Em primeiro lugar, Kaoru alugou uma casa com um jardim do do lado externo ao bairro dos plebeus. A casa é um pouco velha, mas é uma casa muito grande. Com algum reparo, ela se tornará uma casa apropriada para as crianças do 「Olhos da Deusa」. E então Kaoru organizou o trabalho para as crianças.
Existem muitos tipos de trabalho que poderiam reunir informações facilmente: fazer um restaurante e deixar as crianças servirem, ou fazer barracas na praça, entregar comida...
A comida feira por Kaoru é muito famosa como Taiyaki, Takoyaki, Udon Noodles e etc.
Kaoru encomendou chapas de ferro para o Takoyaki e moldes para o Taiyaki na oficina. Claro, ela pagou com dinheiro corretamente como um trabalho.
E além das vendas de poções, Kaoru e as crianças ainda estão secretamente fazendo atividades de auxílio com as 「Lágrimas da Deusa」, que é uma cura perfeita. Embora não possamos mais dizer que é um segredo, quase todas as pessoas da capital já sabiam disso.

As pessoas no reino Balmoa, especialmente na capital, estão realmente apreciando e amando Kaoru pelo que ela faz. A tal ponto que não há tratamento ruim para Kaoru sendo permitido, mesmo se o tratamento não tiver irritado a Deusa.
A posição de Kaoru no Reino Balmoa se tornou estável.
Às vezes, uma pessoa suspeita aparece, mas depois de beber um pouco do chá de Kaoru, ele irá falar honestamente detalhes de todo o seu plano ou cúmplices. Para não mencionar, Kaoru sempre tem guardas reais secretamente a seguindo, para escoltar, vigiar ou pegá-los.
Não havia ninguém que ousasse pedir a Kaoru que envolvesse no estado militar, muito menos o estado religioso e etc.

No entanto, as circunstâncias estão mudando dramaticamente.


***** Palácio Real *****


「Sua Majestade, o Império avançou!」 (Soldado)
「De qual direção a invasão veio? Através do Reino Ashid ou do País Sagrado?」 (Rei Serge)

Quando ouviu a pergunta do rei, o soldado, que chegou para informar, respondeu com uma espécie de voz confusa.

「Bem, eles estão invadindo diretamente para o nosso país a partir da cordilheira」 (Soldado)
「「「O que você disse......」」」 (Serge + Roland + Primeiro Ministro)

O rei Serge e seu irmão Roland, assim como o primeiro-ministro, estão todos surpresos.
O exército imperial escolheu a rota íngreme das montanhas com sua infantaria? Eles não podem usar carruagens, então o que eles fariam sobre o transporte de suprimentos?

「O que o batedor diz sobre o poder de batalha do exército imperial?」 (Rei Serge)
「Cerca de 30.000 pessoas. E cerca de 10.000 deles parecem ser pessoal de abastecimento, metade deles retornaram para as cadeias de montanhas e os restantes 5.000 pessoal dos suprimentos reuniram carruagens」 (Soldado)
「Se eles tivessem usado aquelas 5000 pessoas para transportar as carruagens desmontadas, passassem a montanha e depois voltassem isso reduziria a escassez de comida. Mas isso significa que eles têm pelo menos 20.000 infantes e 5.000 pessoas no transporte de suprimentos...」 (Rei Serge)

Uma reunião de emergência foi realizada em breve e a resposta foi decidida.
O reino Balmoa estendia-se muito a leste e a oeste, e o reino Gurua fica a leste. O extremo oeste, onde o Império Arigo começou sua invasão, é o mais distante da cidade real, então Balmoa ainda tem muito tempo. No entanto, quanto mais tarde eles reagirem, mais danos as aldeias e cidades invadidas receberão. Também podemos esperar que as aldeias e as cidades sejam arrasadas e que tudo seja roubado. Eles precisam suprir seus exércitos afinal de contas, para atravessar as montanhas, eles não deveriam poder ter suprimento suficiente.
No entanto, Balmoa tem a vantagem da casa. Podemos facilitar o fornecimento de suprimentos com menos pessoal, porque podemos usar o transporte e a estrada principal. Além disso, o nosso exército do país é de cerca de 40.000 soldados, com 4.000 deles sendo do pessoal de suprimentos. O tamanho do nosso exército é duas vezes o do oponente.
Mas como isso aconteceu repentinamente, levará vários dias para a preparação de suprimentos e reunir todos os soldados de todo o país...

「Eles só têm 20.000 infantes sem cavalaria... Eles realmente acham que podem ganhar com isso?」 (Ministro A)

Um dos ministros murmurou isso.

「Não, talvez eles ainda tenham o 2º exército ou o 3º exército que ainda não cruzou a montanha. Metade do pessoal de suprimentos retornou ao outro lado da montanha afinal...」 (Ministro B)
「Bem, eles podem não apontar para a capital imediatamente, mas ocupar o lado oeste como sua base. Então eles transportarão partes das carroças puxadas por cavalos pela montanha e as construirão lá」 (Ministro C)
「Bem, foi bom termos amizade com o reino Brancott e Gurua. Podemos mover o exército para o oeste sem se preocupar. Porque tanto o Reino Brancott quanto o Reino Ashid sabem que seu país se tornará o próximo alvo depois que nosso país cair e não nos irão nos trair」 (Ministro D)
「Bem, eu também acho que estamos seguros com isso...」 (Ministro E)

A reunião continuou mesmo depois que a política básica foi decidida, e o pessoal militar se apressou para preparar suprimentos e carroças.


***** Guerra Começa *****


Não há declaração de guerra, mas as tropas de outros países invadiram a fronteira. Não pode ser chamado de nada além de guerra. Mas mesmo com a guerra, não é como se todos estivessem em desespero.
Era bem sabido que o Império Arigo estava colocando ênfase no poder militar, mas os recursos do Império, que ficava isolado no meio de cadeias montanhosas íngremes, não são muito ricos e sua população é um pouco menor em comparação com outros países.
Além disso, se a invasão cruzar a cordilheira, eles não poderão usar carruagens, nem transportar grandes quantidades de armas e mercadorias. Assim, o poder do exército deles não pode ser totalmente demonstrado.
Além disso, há distância suficiente até a capital.
Assim, mesmo se o exército de Balmoa perder e o inimigo continuar avançando, ainda há muito espaço para escapar.
Mesmo no momento da batalha, você não será morto a menos que esteja presente no local.
Não há conquistadores que matem os cidadãos do país ocupado por causa das futuras receitas fiscais. Eles estão apenas tentando colocar os cidadãos sob controle. Assim, para o plebeu, não há grande diferença quando as pessoas acima mudam.


***** Alguns dias depois *****


As tropas principais do reino Balmoa, que são principalmente de infantaria, se juntaram do território oriental e começaram a se mover.
Depois disso, as tropas do Lorde Ocidental se unirão em sucessão com o avanço.
Vamos nos encontrar e lutar contra o inimigo enquanto nos movemos, ou o inimigo só ocupou o lado ocidental enquanto espera por mais reforço...?
Neste mundo onde a transmissão de informação é lenta, era muito difícil saber exatamente a situação do inimigo.
O exército está sob o comando do general. Não existe tal coisa como o rei indo para a frente de batalha.
O rei tem que ficar seguro no castelo real. No entanto, quando um país é derrotado, será o rei que perderá a cabeça em vez do povo.
Era um trabalho e também era um preço daquele que detinha mais poder em um país.
Já se passaram 7 dias desde que o exército se moveu para o oeste.
O rei Serge tem uma reunião com seu irmão Roland e os ministros do gabinete.

「O número de dias até que o relatório da invasão inimiga chegue, o número de dias necessários para preparar o soldado e o sétimo dia após o movimento do nosso exército. Se o inimigo está avançando sem parar, eles devem estar lutando com o nosso exército agora...」 (Rei Serge)
「Sim, se o exército deles realmente avançar sem cavalos, sua velocidade de deslocamento ainda será lenta. Nossas forças não precisam se apressar e se esgotar. Devemos lutar nas melhores condições」 (Ministro A)

Um dos ministros responde ao resmungo do rei.

「Não se preocupe, no máximo um dia ou dois, o mensageiro chegará e nós saberemos da situação...」 (Ministro B)

Considerando o número de dias necessários para o nosso país reunir soldados, era razoável pensar que o inimigo ainda está a uma distância de 7 a 8 dias da capital. Mas não há como saber se isso é verdade.
Na reunião, quando todos estão esperando pela informação, um mensageiro veio correndo rapidamente.

「Mensagem! O Exército do Império Arigo invadiu a partir de nossa fronteira noroeste através do País Sagrado Rueda, o número de soldados é de cerca de 20.000!」 (Mensageiro)
「O que você disse!!?」 (Rei)

A sala de reuniões se tornou um grande barulho.
Não consideramos a invasão simultânea de várias direções.
Portanto, quase todos os soldados foram despachados. O Exército do Lorde perto do extremo leste não chegará a tempo. Todas as tropas que podemos reunir a tempo são apenas de 15.000.
Embora tenhamos menos soldados do que os inimigos vindos da direção do País Sagrado. Temos vantagem de um lado pela defesa do castelo, não há problema com menos pessoas do que inimigos. Para sitiar uma cidade-castelo, eles precisam de força militar pelo menos três vezes maior. Se fosse apenas 20.000 contra 15.000, não há como ganhar.
No entanto, esse é apenas o caso de 「o inimigo só atacar a cidade do castelo」.
E se eles apenas cercarem a capital e não atacarem? Uma batalha de longo prazo com todo o fornecimento interrompido será difícil. Além disso, não podemos ajudar as cidades ou aldeias próximas se o inimigo as arrasar e saquear.
Um outro problema era que 「O inimigo invadiu a fronteira do País Sagrado」.
O País Sagrado é pequeno e há apenas uma parte no noroeste que o Império pode invadir pelo País Sagrado. Não há como 20.000 soldados do Império passarem pelo país sem aviso prévio. E como um país neutro, o País Sagrado teria parado o Império. Mas não havia notícias do País Sagrado. Isso quer dizer que o País Sagrado está do lado do Império.

「Mesmo se nós contatarmos a força principal agora, nós não faremos isto a tempo. E quando nossos exércitos voltarem, nossos exércitos serão pressionados de ambos os lados. Nossa única esperança é que o exército principal derrote o inimigo na fronteira em breve e retorne. Até lá, continuaremos defendendo na capital e deixaremos a força principal voltar do ataque ao inimigo」 (Ministro B)
「Mas se o objetivo principal do inimigo na fronteira é ganhar tempo. O exército inimigo tentará se retirar ou evitar a batalha e prolongar isso, poderemos nos guardar até lá」 (Ministro C)

Várias opiniões saem dos ministros. Cada um deles é uma opinião favorável, mas poucas opções.
Por fim, decidimos apenas reportar a situação ao exército principal e instruí-los a continuar lutando na fronteira. E de alguma forma vamos lutar contra 20.000 soldados inimigos com 15.000 soldados que poderemos reunir a tempo.


***** O próximo dia *****


Um mensageiro do País Sagrado Rueda chegou ao palácio real.
Era uma carruagem luxuosa, e a pessoa dentro reivindicou ser o cardeal do templo do País Sagrado. Ele estava carregando uma carta do papa. O papa queria garantir a segurança da menina que pode fazer o milagre com o amor da Deusa antes que ela fosse cercada pelo Império. Eles querem proteger a garota e escapar do campo de batalha.
É uma fraude.
Não apenas o rei, mas todo mundo sabia disso.
Desde que até a realeza e os membros do gabinete querem recusar e enviar o cardeal de volta, mas o irmão do Rei, Roland, disse.

「Não, deixe-o encontrar Kaoru e persuadi-la diretamente」 (Roland)

Surpreendido, os ministros do gabinete se opuseram fortemente.
Nem mesmo o rei entende a intenção de seu irmão mais velho, Roland.
Roland continuou falando.

「Talvez você não saiba, mas depois de se encontrar com Kaoru, ele vai falar tudo em detalhes, nós podemos aprender tudo sobre o enredo deles/delas e situação como um todo」 (Roland)

Lembrando a maneira usual e o comportamento de Kaoru, os ministros do gabinete gradualmente mudam de chateado para risos.
E em total concordância, o plano de Roland foi aprovado.
A cavaleira Francette chegou e informou Kaoru, juntas elas foram à mansão do Conde Adam.
Desta vez, não vamos usar a casa do Barão Lyotal.
E então o irmão do rei, Roland, contou várias histórias a Kaoru. Situação internacional, perseguição Império, guerra e o plano do País Sagrado Rueda.

「Bem, esta guerra é por minha causa?」 (Kaoru)
「Não, não é esse o caso」 (Roland)

Roland responde a pergunta de Kaoru.

「Na verdade, o Império começou seu plano de invasão há muito tempo. Seu país está geopoliticamente moldado e confinado na ponta da península. Sua economia não pode sequer suprir seu próprio país. Eles querem descer e precisam invadir outro país. E rumores sobre Kaoru só começam a se espalhar por mais de um mês. Não há como eles se prepararem para a guerra em apenas um mês ou dois. Originalmente eles já estavam se preparando para a invasão bem antes disso. Kaoru só acrescentou, como mais uma razão para eles atacarem o nosso país」 (Roland)

Depois de ouvir a explicação de Roland, Kaoru ficou um pouco aliviada. Bem, se a guerra acontecer por causa dela, ela não pode deixar de se sentir enojada.
E agora ela ficou zangada com o País Sagrado Rueda.

「Ok, então nos encontraremos com os mensageiros de Rueda aqui na tarde de amanhã」 (Roland)
「Entendi. Obrigada」 (Kaoru)

Kaoru e Ronald, ambos sorriram um pouco. Os rostos de quem planejavam algo e eles se entenderam sem explicação.



Depois de retornar a oficina, Kaoru virou seu cérebro com força total.
Desta vez, não são apenas alguns trapaceiros, vou matar o inimigo com força total. Por essa razão, concentrei minha sabedoria e pensei no futuro.
Até para algumas pessoas eu sou uma deusa, e para a maioria das pessoas eu sou a garota milagrosa que tem o amor da deusa. Mas a minha capacidade de trapaça não é algo que possa mudar a situação da guerra. Muitas pessoas se envolverão, muitos soldados morrerão.
E eu não posso culpar os soldados inimigos. Esse é apenas o trabalho deles e é assim que eles escolheram viver.
Depois de fazer o jantar para todos na oficina e limpar os pratos. Kaoru continuou pensando e finalmente decidiu um plano. Ela foi dormir em preparação para o dia seguinte.


***** No dia seguinte, Mansão do Conde Adam *****


No salão principal, há o Conde Adam, o irmão do rei Roland, Cavaleira Francette, Kaoru e o Cardeal do País Sagrado Rueda. Os acompanhantes estão de pé do lado de fora da casa ou fora da residência.

「Oh, anjo, estou honrado em conhecê-la!」 (Cardeal)

O Cardeal, cujo nome Kaoru não se incomoda em lembrar, é seguido por dois bispos e vários sacerdotes que cumprimentaram Kaoru com um sorriso.
Uma cabeça calva com uma longa barba, barriga gorda, ele deve ter vivido em luxo até agora.
E se ele chamou Kaoru de 「Anjo」, é um o fato que ele estava carente de informações.

「Não, eu não sou crente de Celes, é uma coisa bem conhecida e isso também significa que você não sabe nada sobre mim em tudo」 (Kaoru)

Com a expressão fria de Kaoru, o cardeal está ligeiramente em pânico.

「Não não. O papa ouviu as palavras da deusa Celestine. E nos disse para vir aqui e levar o anjo da Deusa!」 (Cardeal)
Cardeal parece querer fazer de Kaoru um anjo e não hesite em usar o nome da deusa Celestine.

「Então... o que a deusa disse ao papa?」 (Kaoru)
「Bem, eu acho que o anjo já sabe, mas agora o exército do Império Arigo está se aproximando da capital do Reino Balmoa. Assim, antes que o exército do império chegue ao reino, a Deusa quer que o Anjo venha e visite nosso País Sagrado Rueda, que é seguro para o anjo, e que você seja protegida no Grande Templo do País Sagrado...」 (Cardeal)

Com a falta de resposta de Kaoru, Cardeal tenta o seu melhor para convencê-la.

「Bem, esse foi um trabalho do País Sagrado, não é?」 (Kaoru)
「Huh...?」 (Cardeal)

O cardeal é abismado com a observação de Kaoru.

「Porque, apesar de o Império ter invadido do noroeste do País Sagrado, por que você não notificou nenhum país na direção sudeste do País Sagrado? Até mesmo sua carruagem luxuosa, pesada e lenda pelas decoração já chegou, mas por que a mensagem pelo transporte de cavalos rápidos ainda não chegou? Você não precisava de tempo para se preparar para a partida depois de saber da invasão. E o seu tempo foi muito cedo. Até mesmo nosso mensageiro de cavalo rápido acabou de chegar ontem. E por último, a invasão do Exército Imperial aconteceu rápido demais. Isso significa que o País Sagrado não resistiu a eles. Por que você deixou o exército passar sem resistência e por que você não contatou outros países ou pediu reforço?」 (Kaoru)
「Bem, isso... isso...」 (Cardeal)

O cardeal não encontra palavras para responder a Kaoru.

「... Em outras palavras, o Santo Papa tinha uma parceria com o Exército Imperial, não é? 」(Kaoru)
「U...」 (cardeal)

Ignorando o cardeal silencioso, Kaoru se virou para Roland e disse.

「Roland-sama, você pode informar todas as outras nações, o País Sagrado Rueda traíu a deusa Celestine, abandonou seu estado neutro e ficou do lado do Império Arigo?」 (Kaoru)

「Ei, o que se passa com isso? Isso é blasfêmia!」 (Cardeal)
「Bem, eu sou "o anjo que transmite a palavra da deusa", não sou?」 (Kaoru)

Kaoru disse de volta ao cardeal com uma voz fria.
O cardeal desesperadamente grita.

「Se você se opuser ao País Sagrado, será excomungada! Reino Balmoa pode ser excomungado da deusa Ortodoxa!」 (Cardeal)

Kaoru disse friamente ao cardeal que gritou.

「A excomunhão é para o País Sagrado Rueda. Deusa Celestine já sabia que seu país é um país podre que usou seu nome para seu próprio mérito. A paciência dela também tem limite, ela não permitirá mais que você use o nome dela」 (Kaoru)

Cardeal ficou chocado.

「Im... Impossível... O País Sagrado é um país onde a deusa foi milagrosamente criada e abençoada! É o país daqueles que receberam esse milagre!」 (Cardeal)
「Oh, isso foi um erro」 (Kaoru)
「「「Huh...」」」 (Cardeal + 2 Bispos)

Com a observação da bomba de Kaoru, as pessoas do País Sagrado estão aturdidas.

「Celes apareceu em seu país só porque havia distorção naquela terra. O que ela fez não foi abençoar, mas apenas devolveu a terra partida à origem. Em outras palavras, apenas retornando o negativo para zero. Foi apenas uma purificação da terra, não uma bênção da terra. Mesmo os antepassados do clero não passaram por milagres ou bênçãos. Porque Celes estava apenas purificando a terra. E os ancestrais do clero eram apenas pessoas que assistiram ao trabalho de Celes de longe. Não, obrigado a todos vocês, Celes estava reclamando comigo que era difícil trabalhar e era chato」 (Kaoru)
「Bem, esse tipo de coisa,... impossível, eu não acredito...」 (Cardeal)

Deixando o triste cardeal, Kaoru ordenou novamente a Roland.

「Roland-sama, sobre o plano do País Sagrado, a excomunhão da deusa. E também a verdade sobre a bênção de nenhuma deusa no País Sagrado, mas apenas os descendentes daqueles que incomodaram a deusa. Você poderia, por favor, informar outros países? E você deve deixar os cidadãos do País Sagrado saberem também!」 (Kaoru)
「Entendido, vou preparar os correios em breve」 (Roland)
「Espere, espere, por favor, pare com isso! Se você fizer uma coisa dessas...」 (Cardeal)
「Você apenas colhe o que você semeia」 (Kaoru)

Kaoru disse friamente ao cardeal.

「Você usa o Império para invadir este país, espalha informações falsas e tenta levar pessoas importantes embora. Esse ato pode ser justificado? Este ato criminoso? Capture todos eles e nós obteremos as informações deles」 (Kaoru)

De acordo com as instruções de Roland, os soldados que esperavam ao ar livre ou fora da residência detiveram todos os mensageiros do País Sagrado Rueda e os levaram para o Castelo do Rei.

「Eu fui o único a lhe dizer para obter as informações, mesmo assim você foi impiedosa...」 (Roland)
「Oh meu Deus, eu não preciso ter piedade do meu inimigo, não é?」 (Kaoru)

Nas palavras do irmão do rei, Roland, Kaoru respondeu com confiança.
E Roland pensou em como Kaoru parecia.

(Ah, eu me pergunto por que essa garota parece tão legal quando age como uma vilã...) (Roland)
「Bem, deixo o contato com outros países para você. Eu tenho outra coisa para fazer agora...」 (Kaoru)
「O que você vai fazer?」 (Roland)

Roland perguntou com um mau pressentimento.

「Eu preciso sair para dizer adeus a todos por um momento, depois disso irei esmagar o Exército Imperial」 (Kaoru)
「Huh.........」 (Roland)

Kaoru disse: 「Eu irei e esmagarei o Exército Imperial que atravessou o País Sagrado Rueda sozinha」.
Roland parou Kaoru mas ela não escutou, eventualmente ele desistiu.
No entanto, Roland pediu para anexar vários soldados de escolta para Kaoru, que por todos os meios iria para o exército imperial sozinha.
Não havia escolha senão acreditar no poder da deusa. Pode ser necessário rever o Plano de Defesa do Reino também.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「É por isso que eu vou sair por um momento. Na pior das hipóteses, por favor, escapem com o salário que acumulei」 (Kaoru)

Kaoru entregou várias poções de cura para as 7 crianças que eram os atuais 「Olhos da Deusa」, ela explicou a situação de uma maneira simples. As poções desta vez não são produtos comercialmente disponíveis, mas sim as 「Lágrimas da Deusa」 e, claro, sem data de validade.
E quando Kaoru tentou retornar, ela foi cercada por crianças.

「「「Nós vamos fazer isso」」」 (Crianças)
「Não... Não, eu vou lutar com os 20.000 soldados do Exército Imperial, vocês podem até serem mortos」 (Kaoru)
「「「Nós vamos fazer isso」」」 (Crianças)

Emil, o líder das crianças está falando com firmeza com Kaoru.

「Naquela época, se não recebêssemos ajuda da deusa, 2 ou 3 de nós já estariam mortos. E a essa altura, talvez outro de nós pudesse estar morto de fome. E 2 ou 3 mais de nós morreriam dentro de alguns anos. As crianças restantes também lutariam umas contra as outras por roubar disputas territoriais e seriam mortas ou pegas por um guarda por crimes de roubo. Mas agora, todos nós ainda estamos vivos, moramos em uma casa com telhado e paredes, sem chuva e sem vento, vestindo roupas bonitas, comendo uma refeição deliciosa até ficar cheios, temos um futuro. É por isso que devemos retornar essa gratidão. Além disso...」 (Emil)
「Além disso?」 (Kaoru)

Emil fixa sua postura com a mão no peito.

「Somos os 「Olhos da Deusa」 que reúnem informações para a deusa e protegem a deusa!」 (Emil)

As outras seis crianças também concordam em seus corações.
Ninguém sente vontade de escapar.
「「Huh......」」 (Kaoru + Roland)

Tanto Roland quanto Kaoru soltaram uma voz surpresa.
Roland, surpreso porque Kaoru trouxe 7 crianças.
Kaoru, surpresa porque Roland está usando equipamento para ir com os soldados também.

「Por que Kaoru trouxe crianças embora nós estamos indo para zona de guerra? A criança mais nova, por mais que você olhe para ela, ela tem apenas 7-8 anos de idade!」 (Roland)
「Por que a família real vem junto?」 (Kaoru)

Ambos os lados apontam um ao outro como se estivessem fora do lugar.
Depois de um tempo eles não conseguiram mudar a opinião do outro, eles decidiram deixar como estava.
Esta time tem um total de 20 pessoas: 7 crianças do 「Olhos da Deusa」, o irmão de rei, Roland, a cavaleira Francette, 8 guardas reais e 2 carruagens.
Kaoru disse às crianças que 「vocês podem ser mortos」, mas não havia esse tipo de risco, afinal de contas. Desde que há um último recurso quando eles se encontrarem em um grande problema.
Quando Kaoru pediu uma habilidade de fraude para Celes e ela não colocou condições em suas habilidades de fraude.

(Eu pensei que seria bom terminar esta guerra sem usá-la, mas eu tomei todas as medidas de segurança em caso de emergência. No entanto, não pode ser dito para este 「evento inesperado」. É difícil lidar com a família real que a acompanhava assim como outros guardas reais. Seria ruim se eu usasse 「isso」 quando houvesse realeza e nobreza por perto que pudesse vê-lo porque os desejos humanos não têm limite, mas não deveria haver nenhum problema com essas pessoas, eu acho. Esses guardas reais e crianças juraram lealdade absoluta e eu não preciso me preocupar em vazar um segredo. E esse membro da família real é um parceiro de crime em primeiro lugar, para ele conhecer mais uma vez um segredo meu, não será um problema) (Kaoru)


Todos os guardas reais, Roland e Francette estavam cavalgando em cavalos, Kaoru e as crianças estavam andando na carruagem.
Claro, não uma carruagem puxada por cavalos de luxo, mas um tipo chamado 「caravana」, que é comumente mencionado.
Uma das duas carruagens estava carregada com comida, água, forragem de ferradura, suprimentos e etc.
A carruagem que Kaoru montou também está carregada com água, comida e todo mundo continuou dizendo a Kaoru que, em caso de emergência, só ela deve escapar enquanto os outros serão deixados para deter o inimigo. Porque os outros continuaram insistindo, Kaoru disse sim para passar, enquanto ela não pretendia fazê-lo.

Inicialmente, ela ia andar sozinha, mas agora Kaoru fez uma careta para o time que de repente se tornou um grande grupo.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



No dia seguinte à saída da capital, o time de Kaoru só passou por uma cidade em grande escala. De agora em diante, há apenas um pequeno nível de aldeias nessa direção. Não faz sentido fazer uma grande cidade na direção do País Sagrado, que é um pequeno país sem um produto notável.
Kaoru começará a agir em breve.


O grupo de Kaoru instruiu os moradores da pequena aldeia que eles estavam passando a evacuar temporariamente com a quantidade mínima de pertences pessoais e toda a comida.

Já que os aldeões poderão retornar em breve, eles não devem levar muitas coisas e Kaoru tem o irmão do rei, Roland, para reembolsar os aldeões o melhor que puder depois. E o mais importante, precisamos pedir informações sobre poços, campos de água na aldeia e tomar notas. Kaoru conta com a data prevista de chegada do exército inimigo e a velocidade do avanço, diz aos aldeões com firmeza que evacuação deve ser feita e segue rumo à próxima aldeia.

Não há cidadão que não saiba o nome do irmão do rei, Roland, e agora ele está acompanhado cde alguem com um nome famoso, 「Kaoru, o Anjo」, ninguém se opôs. E depois que Kaoru deu poções para aqueles que não podiam se mexer porque estavam feridos ou doentes, a velocidade da evacuação dos aldeões dobrou.


***** Seis dias depois de deixar o Reino *****


O time de Kaoru chegou a uma aldeia localizada cerca de dois dias das tropas inimigas e ordenou a evacuação assim como antes. A única diferença é que desta vez é uma evacuação imediata sem atraso de tempo.
4 dos 8 guardas reais e uma caravana foram deixados para ajudar e vigiar a evacuação dos aldeões.
O resto do time está partindo a pé.
Como não sobrou muito tempo depois disso, Kaoru deixou a evacuação dos aldeões para os quatro guardas reais.
E então Kaoru pediu a Francette para ser a batedora. Enquanto isso, Kaoru preparou tudo para interceptar o inimigo.
Durante a progressão do dia seguinte, Francette voltou como uma batedora enquanto se vestia como uma garota da aldeia. Porque ela era a mais rápida e forte entre os guardas reais, ao mesmo tempo em que parecia uma garota de 15 anos, ela pode facilmente ir e checar a posição do inimigo.

「Os inimigos estão a cerca de 2 horas de viagem de nós, mas com base na velocidade de viagem do exército inimigo, será em torno de 6 horas ou mais...」 (Francette)

Sim, demorou 2 horas para que Francette voltasse e ela se movia quatro vezes mais rápido que a velocidade de avanço do inimigo.

「Esta vila não é um bom lugar para lutar com os inimigos... Há também a possibilidade de que a velocidade de viagem do inimigo seja mais rápida do que esperávamos. Então vamos para a montanha que Francette passou há um tempo atrás e interceptá-los lá」 (Kaoru)

Assentindo com as palavras de Kaoru, todos foram para a montanha.
Da estrada, acima das falésias, há uma cadeia montanhosa pequena.
Daquele lugar, as 14 pessoas, incluindo Kaoru, estão observando a estrada que entrava na parte montanhosa, onde não havia trilhas da estrada que pudesse subir até o topo desse penhasco. Crianças... como parte dos ganhos de despesas de vida eram fortes e eles seguiram sem dificuldade. Pelo menos, não havia ninguém que fosse atrás de Kaoru. Kaoru conseguiu chegar com segurança, tomando poção de recuperação muitas vezes, mas seu estômago ficou rígido.

「Está quase na hora...」 (Kaoru)

Enquanto murmurava, Kaoru moveu seu olhar para trás dela. Havia itens suspeitos dispostos lá.
Um monte de esferas de vidro do tamanho de um punho. Existem dois tipos, vermelho e branco.
Além disso, existem algumas garrafas colocadas em galhos de madeira com cerca de 1 metro de comprimento, presos com algo como uma rede feita de videira. Isso foi feito pelos guardas reais com instruções de Kaoru, 「isso faz a esfera de vidro voar mais longe do que apenas jogando」.

「Aqui vem eles」 (Francette)

Como esperado de Francette, não só a aptidão física, mas também os olhos são bons. Essa poção, até onde foi eficaz.

「Não há como voltar atrás. Por favor, não fiquem nervosos, apenas tomem cuidado para não serem descobertos pelos soldados na parte de trás」 (Kaoru)

13 pessoas acenando silenciosamente para as palavras de Kaoru.
O exército inimigo se aproxima gradualmente, a frente do exército passa bem perto de Kaoru.
Kaoru pretendia atacar o exército inimigo. Mas não seria a primeira unidade.
Os soldados do exército imperial Arigo estão passando por um após o outro.

「Ah......」 (Roland)

Roland fala em voz baixa.

「O que há de errado?」 (Kaoru)

Kaoru pergunta de volta.

「Não, eu acho que estes são um grupo de comandantes, mas eles se parecem com um padre ou um monge lá」 (Roland)

Quando Kaoru olhou para a direção que Roland apontou, há pessoas que se parecem com sacerdotes, mas quando olha para suas roupas, eles são provavelmente da classes dos bispos, há algum monge que tem armas e escudos usando roupas simples.

「Não só deixaram o exército do Império passar e esconderam a informação, mas também estão participando diretamente... Esta é provavelmente uma chamada às pessoas do País Sagrado com o nome do Santo Papa e a influência do grande templo. Eles estão planejando garantir Kaoru na confusão quando os soldados imperiais atacarem a capital?」 (Roland)

Nas palavras de Roland, as crianças estavam expressando sua raiva.
Uma quantidade considerável de tempo transcorreu desde a passagem da frente do exército. O corpo de suprimentos do exército estará à vista em breve. No penhasco, todos estavam prontos e no lugar, esperando pelo sinal de Kaoru.
E então Kaoru deu instruções.

「Lançar as bolas brancas na cabeça e cauda das tropas pesadas!」 (Kaoru)

Todos lançaram lâmpadas de vidro branco nas tropas pesadas, ambos usando as ferramentas que prepararam. Uma grande explosão ocorre no pouso da lâmpadas de vidro branco. A tropa pesada caiu em caos. Os soldados da frente também procuram a figura inimiga com um barulho, mas eles não puderam encontrar o time de Kaoru imediatamente, pois estava em um penhasco.
「Bolas vermelhas, barragem contínua!」 (Kaoru)

Em seguida, a esfera vermelha que foi lançada espalhou fogo ao cair.
Não apenas lançados pela ferramenta, mas também os arremessados das mãos são usados juntos e os frascos de vidro vermelhos são lançados um após o outro, as carroças são envoltas em chamas, uma após a outra. Assim como para os soldados a pé, é difícil para uma carruagem de cavalos sair do caminho e eles também não puderam se mover quando foram bloqueados por buracos e chamas, devido à explosão.
A bola branca projetada foi embalada com 「Algo como Nitro Glicerina」, que reduziu a sensibilidade de detonação para a segurança. Bolas vermelhas são usadas para balas incendiárias de graxa, o napalm, que era o principal material de combustão, foi preenchido com um produto gelatinoso adicionando um espessante chamado agente napalm. Foi projetado para inflamar espontaneamente quando exposto ao ar. O fogo não vai desaparecer mesmo quando a água for aplicada.
Depois de atacar o corpo do meio por um tempo, Kaoru deu outra instrução.

「Comecem a lançar bolas brancas e bolas vermelhas nas tropas da Batalha, também!」 (Kaoru)

O Exército Imperial finalmente notou que era um ataque do penhasco, mas todo mundo caiu para trás imediatamente após receber um ataque de barragem dos frascos de vidro, eles retaliariam usando arcos e flechas pois não há trilha para escalar dessa parte do penhasco. Foi um ataque unilateral do time de Kaoru.
No começo nós estávamos atacando apenas o corpo de suprimentos, mas gradualmente o centro do ataque começou a mudar para as costas das tropas principais, os soldados inimigos estão em pânico.

Os soldados que receberam ataques começaram a avançar a toda a velocidade enquanto gritavam aos soldados da frente para se moverem rapidamente para poderem sair da área de ataque. Soldados da frente também notam a situação de trás e começam a correr com força total também. Mas não é tão rápido por causa de seu equipamento pesado, todo o exército tentou desesperadamente sair desta montanha perigosa o mais rápido possível.
Depois de um tempo, eles finalmente passaram pela montanha e se mudaram para a área segura, o Exército Imperial finalmente notou enquanto observava os arredores.
… O corpo de suprimentos não veio.

Os soldados voltaram para ver a situação, havia os restos de uma carruagem puxada por cavalos queimada e uma carroça destruída e os sobreviventes estavam atordoados.
A maioria dos alimentos, água, manjedoura, flechas, armaduras sobressalentes, equipamento de acampamento e vários outros itens necessários foram perdidas. Naquela época, o time de Kaoru já avançou, evitando o Exército Imperial usando o caminho da montanha pequena. Eles voltaram a aldeia. Eles são mais rápidos que a velocidade de movimento de um soldado fortemente equipado, embora haja muitas garotas nesse time. Além disso, eles precisarão reunir os suprimentos restantes, ter reuniões de contramedidas, etc.
Então o Exército Imperial não deve se mexer tão cedo hoje. Temos o dia todo para nos preparar. Kaoru julgou assim.

Preparem-se, eu vou dar a vocês um convite para o inferno.
Quando o time de Kaoru voltou para a aldeia, a evacuação dos aldeões já havia sido concluída e eles foram recebidos por quatro guardas reais. Felizmente, parece que os soldados do inimigo e os batedores não vieram.

「Agora, vamos nos preparar para a mudança imediatamente, primeiro preparar a água, depois disso, todos os poços serão proibidos」 (Kaoru)

O time de Kaoru entrou em cada casa da aldeia e começou a verificar se a água e a comida foram deixadas. A água que permaneceu na garrafa e no pote foi jogada fora ou misturada em um remédio suspeito. Raramente restava comida, mas Kaoru não deixou escapar medicamentos suspeitos.
Depois de confirmar a água e a comida deixadas em todas as casas, Kaoru foi ao campo e verificou vários itens na Caixa de Itens.
Depois de confirmar que todos se abasteceram de água, Kaoru derramou um remédio suspeito em todos os poços.

「Ok, vamos lá!」 (Kaoru)

O time de Kaoru retornou à rota de onde eles vieram, e fez a mesma coisa também na próxima aldeia que já terminou a evacuação.
Mesmo carregando água, comida, manjedoura e outras cargas, a carruagem com oito crianças, incluindo Kaoru, pode se mover a uma velocidade muito superior à velocidade de marcha da infantaria.
Não havia necessidade de se preocupar com o Exército Imperial se aproximando.
E Kaoru pediu a um dos Guardas Reais que montasse o cavalo direto para a Capital com um relatório dizendo: 「A estratégia está indo bem, tudo está de acordo com o plano」.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



O comandante do Exército Imperial da Invasão Setentrional ficou surpreso ao ouvir o relatório.

「O corpo de suprimentos está quase destruído...!」 (Comandante)
「Sim, nós tentamos reunir coisas dispersas, coisas queimadas, etc, mas quase todas as armas sobressalentes, equipamentos de acampamento, etc. estão perdidas, a água sará apenas para dois dias, a comida é de cerca de um dia...」 (Capitão A)
「Armas de cerco também!」 (Capitão B)
「...」 (Comandante)

Eles têm que atacar a muralha externa do castelo na capital e depois tomar o castelo. E eles precisam fazer isso antes que a força principal de Balmoa esteja lidando com as forças de invasão ocidentais que retornaram.
Mesmo que o reino Balmoa tenha enviado a maioria de suas tropas para o oeste, sem as várias ferramentas para o cerco ao castelo, como escadas, cordas, martelos de arruinar etc., é difícil lutar contra os adversários que defendem dentro do castelo. O que significa que sua única escolha é cercar a Capital até a rendição de Balmoa.
E agora eles mal têm comida e água deixada para eles e muito menos fazendo algo assim. E, claro, essa estratégia baseia-se no pressuposto de que as tropas remanescentes na capital são inferiores a 10.000.

「Há alguma cidade à frente?」 (Comandante)
「Existem 6 aldeias e por último uma cidade de tamanho médio que fica perto da Capital no final」 (Capitão)
「Bem, em primeiro lugar, envie uma mensagem ao País Sagrado Rueda pedindo comida e outros suprimentos necessários. Vamos tentar conseguir o que pudermos nas aldeias a caminho da capital, estoque de alimentos, plantações, gado, tudo. Por enquanto, tenha em mente que não há distribuição de alimentos até chegarmos à aldeia. temos que distribuir a água para um terço, se for um dia ou mais, podemos aguentar isso」 (Comandante)

Não há opção de se retirar desde o começo. Este é o plano de invasão que imporia o destino do Império, e no oeste as tropas amigas literalmente arriscam suas vidas para atrair a força principal do exército do reino. Eles não poderiam voltar porque perderam água e comida, então eles não têm outra escolha a não ser pressionar.
O Exército Imperial da Invasão do Norte apontou para a Capital Gurua do Reino Balmoa e começou a avançar novamente.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「O que você disse...!?」 (Comandante)

No dia seguinte, as tropas do Império finalmente chegaram à aldeia enquanto sofriam de garganta seca insuportável e da grande fome.
Há relatos diretos do comandante que chegou à aldeia um pouco atrás da primeira unidade e dizia: 「Quando os soldados da unidade principal chegaram à aldeia e beberam a água do poço, tiveram vômitos violentos e diarréia e agora não podem mais se mover」; 「Houve também os mesmos sintomas para aqueles que beberam água engarrafada que foi deixada na casa ou comeram os alimentos que encontraram」.

「Droga, eles jogam venenos nos poços! Como estão os habitantes da aldeia?」 (Comandante)
「Sobre isso, não há aldeões restantes」 (Capitão)
「Eles evacuaram... Encontre a comida escondida e também as colheitas dos campo!」 (Comandante)

Os soldados ordenados levaram seus homens e se espalharam pela aldeia.

[Poços Envenenados, isso é uma loucura. Mesmo se você repelir o inimigo, você ainda não poderá usar o poço novamente, a menos que você purifique toda a água repetidamente. E se você fizer algo ruim, você terá um impacto em outros poços através das veias também. Foi um ato que eu não pude pensar que os aldeões concordariam em fazer]

Depois de um tempo, um soldado voltou para relatar que não havia comida escondida nem quaisquer culturas nos campos.

「Não vamos conseguir nada mesmo se ficarmos aqui, sem a água ou a comida. Imediatamente, retomem o avanço e sigam para a próxima aldeia!」 (Comandante) Até o comandante ordenou, mas ele não pode desejar que a mesma coisa não tenha acontecido na próxima aldeia.
Mesmo eles pedindo suprimentos do País Sagrado Rueda, eles não sabem quando os suprimentos vão chegar ou se a quantidade pode ajudar um exército desse tamanho. A preparação de mercadorias e vagões, o número de dias necessários para o transporte e assim por diante.
No entanto, se conseguirem chegar à cidade antes da capital. Ao contrário de uma pequena aldeia, você não poderá evacuar todos os residentes e abandonar a cidade completamente. Não há lugar para acomodar um número tão grande de pessoas e há também aqueles que insistem em ficar sem seguir as instruções dos militares, idosos e pessoas doentes que não podem se mover. Eles também não podem levar toda a comida embora ou jogar veneno nos poços da cidade.
Desde que o exército de Balmoa está defendendo na capital, eles podem ocupar a cidade e obter suprimentos da cidade ou das aldeias vizinhas, enquanto esperam por suprimentos do País Sagrado. Mesmo que os suprimentos não cheguem depois de esperar até certo ponto, eles cercarão a Capital assim mesmo. Enquanto eles ainda puderem levar os suprimentos do exército de Balmoa, que defende a capital, para eles não conseguirem suprimentos. Se for a capital de Balmoa, que abriga muitas pessoas, os suprimentos acabarão rapidamente.

Mesmo que a força principal do reino Balmoa volte, os exércitos do Império podem pressioná-los com a invasão ocidental do exército imperial.
Comandante do Exército da Invasão Setentrional, embora plenamente consciente de que é uma observação desejosa, aposta nessa possibilidade. Além disso, não havia opções.
O exército imperial agora só espera garantir um poço antes que Balmoa coloque veneno nele, o comandante ordena que todas as unidades de cavalaria se disponham a seguir em frente enquanto todo o exército seguirá depois.
E na aldeia seguinte (2ª Aldeia) que eles chegaram, toda a água do poço estava poluída, não havia alimentos nem colheitas. O exército do Império reduziu a quantidade de água e comida para um quarto e se dirigiu para a aldeia seguinte. (3ª aldeia)


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Depois de terminar tudo na 4ª vila, o time de Kaoru está indo para a próxima aldeia. O time chegará na 5ª vila em breve.

「Isso funcionará...?」 (Kaoru)
「Na marcha, a falta de água não será tolerável」 (Roland)

Roland respondeu aos resmungos de Kaoru.

「Com um exército grande como este, se você não puder fornecer água suficiente, os soldados terão fadiga e condições físicas precárias, os que caírem serão eliminados. E pior, eles nem têm comida suficiente」 (Roland)
「Eu me pergunto...」 (Kaoru)

Até o soldado do Império sabe que a água é venenosa, quando eles não resistem à sede, eles também a bebem.
Na verdade não era veneno, mas remédio para vômito e diarréia.
Se eles beberem essa água, eles temporariamente satisfarão sua sede. No entanto, com vômitos e diarréia, eles perderão mais água do que a quantidade que beberam. Então, em vez de se recuperar, sua condição física continuará a se deteriorar. E com esse corpo eles não podem ficar firmes e muito menos marchar com equipamento pesado.
Eles serão deixados desacompanhados ou terão outros soldados os puxando ou carregando. Para os militares, os feridos e os doentes são muito mais problemáticos do que os mortos em guerra.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Quando o grupo de Kaoru chegou à 5ª vila, Kaoru avistou um garoto de cerca de 10 anos andando pela rua.
Kaoru teve um mau pressentimento, parou a caravana e falou com o menino.

「O que há de errado, você não evacuou com todo mundo?」 (Kaoru)

O menino conversou com Kaoru, que desceu da carruagem, com um olhar desesperado.

「Anjo, isso é sério! O poço oculto estará nas mãos do inimigo...」 (menino)

Mesmo surpresa, Kaoru ainda calmamente perguntou tudo em detalhes. Parece que havia um poço oculto na quarta aldeia, pela qual passamos esta manhã.
Este poço oculto vem de uma veia de água separada.
Mesmo que outros poços secem devido à seca, este poço ainda tem água suficiente. Este poço foi mantido em segredo do país e de outras aldeias, em preparação para a ocorrência da seca uma vez a cada várias décadas. Os aldeões nunca ensinaram a localização do poço ao time de Kaoru. Alguns aldeões podem ter medo de que Kaoru faça alguma coisa para o poço importante deles. Além disso, eles acham que o poço não seria encontrado pelo Exército Imperial.
Mas o menino tinha ouvido. O que os 3 aldeões estavam falando.
Eles planejam voltar secretamente para a aldeia, vender as informações do poço oculto para o Exército Imperial e ganhar uma grande recompensa. E depois que o exército imperial se afastar, roubar as propriedades escondidas na floresta por todos os aldeões, empilhar tudo no carrinho e fujir para o País Sagrado.
Depois disso, aqueles homens correram depressa, talvez tenham ido ao encontro do Exército Imperial.
Então o menino saiu secretamente do grupo de aldeões e virou a estrada. Para informar Kaoru sobre isso.

「Por que você se incomodou em passar por todos os problemas para me dizer, sem ir com todo mundo?」 (Kaoru)

O menino respondeu a Kaoru.

「Ginie foi curada com o remédio da deusa」 (Menino)

Não sei se Genie é um dos membros da sua família ou amigo. No entanto, ele tinha os olhos que Kaoru tinha visto mais e mais. Kaoru sabia que ela podia confiar nesse garoto. Além disso, o tempo é importante agora.

「Você pode me guiar?」 (Kaoru)
「Sim」 (Menino)

No caso de algo acontecer ao time de Kaoru, ela deu os medicamentos necessários para os poços nas duas aldeias restantes para os quatro guardas reais que evacuaram os aldeões.
E então o time de Kaoru voltou para a 4ª aldeia.
Nós deveríamos estar à frente do Exército Imperial cerca de dois dias. Mesmo que voltássemos daqui para a 4ª aldeia, eles não deveriam ser capazes de recuperar o atraso.
Como já havíamos terminado a 4ª aldeia, só precisamos colocar o remédio no poço oculto, podemos fazer isso facilmente porque existe um guia.
No entanto, como o comandante do exército inimigo, também foi apenas uma 「observação desejosa」.
Chegamos na 4ª aldeia.
Com o menino, o guia Tapani, o time de Kaoru foi para a cabana no final da aldeia.
O aldeão construiu uma cabana no lado de fora do poço, os aldeões pareciam querer camuflar esse lugar apenas como um armazém.

「Aquela cabana」 (menino)

Quando Kaoru saiu da caravana e tentou se aproximar da cabana que Tapani apontou, havia cerca de 20 cavaleiros do Império se aproximando do centro da aldeia.

「Droga, o Esquadrão de Cavalaria do Império!」 (Roland)

Roland desembainha a espada a cavalo, a cavaleira Francette e cinco guardas reais também desembainham a espada.
Embora o número de soldados inimigos seja três vezes o nosso, temos Roland, que é mestre em espada e guardas reais de elite. Sem mencionar Francette, que treinou toda a sua vida até agora para se tornar uma cavaleira real, e agora mesmo suas habilidades foram impulsionadas muitas vezes com a poção de Kaoru.
No lado inimigo, as cavalarias do Império estavam enfraquecidas devido a poucos dias de falta de comida e água, e até seus cavalos também estavam ficando cansados.
Olhando para a situação, Kaoru acha que iria ficar tudo bem e vai para a cabana. 7 crianças, adicionando mais um menino, Tapani, fazendo com que um total de 8 crianças também sigam depois.
Na frente da cabana, 4 crianças pararam e guardaram a entrada da cabana. Embora pareçam de mãos vazias, cada criança segura uma faca no peito. Desde que é impossível para uma criança balançar a espada corretamente de qualquer maneira.
Kaoru pegou um frasco de remédio da Caixa de Itens e o segurou na mão esquerda. Era problemático decidir o efeito da medicina muitas vezes, então Kaoru criou muito disso e guardou na Caixa de Itens em vez de criá-la todas as vezes.
Então, Kaoru abriu a porta com a mão direita e entrou em uma cabana escura com quatro crianças... Havia três soldados imperiais ali de pé.
O exército principal imperial parecia ainda não ter chegado a esta aldeia. Esses soldados devem ser um time de batedores.

「Quem é você?」 (Soldado)

Um dos soldados imperiais que estava bebendo água grita para Kaoru e as crianças.
Kaoru e as crianças permanecem em silêncio porque não podem responder honestamente a essa pergunta dos soldados inimigos.
Mas então um dos soldados notou a garrafa que Kaoru segura.
「Huh, o que você está segurando?」 (Soldado)

Kaoru acha que isso é ruim, mas já é tarde demais para esconder a garrafa agora.

「De jeito nenhum, você planeja envenenar isso também」 (Soldado)

Os 3 soldados se levantam e bloqueiam o caminho para o poço.
O que devo fazer, Kaoru hesitou.
Se eu usar uma explosão, chamaremos a atenção dos soldados de fora. Mesmo que Roland e os outros sejam fortes, ainda é difícil impedir que dezenas de soldados imperiais se dirijam para a cabana por causa do número diferente de pessoas.
Então devo usar ácido sulfúrico ou ácido clorídrico?
Mas não é o mesmo se esses soldados gritarem? O que devo fazer para roubar seu poder de luta em um momento...
Não era tão difícil vencer o inimigo. Mas Kaoru estava ocupada pensando por alguns segundos, o que faz as crianças pensarem que Kaoru está com problemas.
E as crianças decidiram ajudar com o problema de Kaoru.

「...... Huh?」 (Kaoru)

A criança mais nova, que tem 8 anos de idade, Bell tirou o frasco de remédio da mão de Kaoru e correu para os soldados.
Enquanto isso Emil segurava a mão de Kaoru para impedi-la de perseguir Bell.

「Tudo bem, vamos fazer, Bell irá conseguir」 (Emil)

Kaoru não entendeu o que Emil estava tentando dizer.
Bell segura o frasco de remédio em frente ao peito e corre em direção ao poço.
Os soldados sorriem enquanto observam Bell correndo. É fácil pegar uma garota tão jovem que corre na direção deles. A fim de pulverizar o veneno no poço, essa garota precisa ir direto para eles e abrir a tampa da garrafa e colocar o remédio no poço. Mesmo que ela tente jogá-lo de onde está, há três adultos bloqueando como paredes, eles podem facilmente parar a garrafa de uma garotinha.
Assim, os soldados estavam na frente do poço com um olhar confortável.
Bell estava correndo em direção ao soldado no meio, e quando ela chegou ao seu alcance, ela se virou para o lado esquerdo e um segundo depois se moveu para a direita. Três soldados tentaram segui-la por todo o caminho e colidiram uns com os outros. Eles esperavam que o máximo que ela pudesse fazer fosse mudar a direção apenas uma vez.
Esta é uma técnica que faz uso de um pequeno corpo para romper o ambiente de adultos tentando capturar um mendigo que muitas vezes roubaram coisas.
Bell manteve os dois braços na frente do peito para segurar a garrafa, abaixou a postura e manteve a possibilidade de ser pega ao mínimo enquanto tentava passar pelos soldados. Ela não abriu a tampa da garrafa, não balançou o braço e não diminuiu a velocidade. Mas mesmo quando ela passou pelos soldados, ela continuou correndo com essa velocidade e correu direto para o poço.

「O que...」 (Kaoru)

Emil disse para Kaoru que estava cambaleando.

「Eu já disse, Bell vai fazer isso」 (Emil)

Quando Kaoru estava olhando para Emil, ele tinha um rosto inacreditável, não havia expressão facial naquele rosto.

「Por quê! Por que você deixou ela fazer isso?」 (Kaoru)

Emil respondeu graciosamente a Kaoru.

「Nesse dia, Bell já estaria morta. Mas você salvou sua vida. Depois disso, ela foi capaz de viver os dias mais felizes de sua vida. Ela estava realmente grata para você, o suficiente para ela dedicar sua vida a você... E Bell também é um membro dos 「Olhos da Deusa」!」 (Emil)
「Não brinque comigo!」 (Kaoru)

Kaoru levanta a mão direita para bater em Emil. Mas reflitido em seus olhos havia uma lágrima na bochecha de Emil.
Kaoru abaixou o braço levantado suavemente.

「Seu idiota...」 (Kaoru)

Os soldados do Império, que ficaram atordoados por algum tempo, finalmente se levantaram novamente.

「Pirralha, o que você fez...」 (Soldado A)
「Há apenas um poço seguro..., a esperança do nosso exército...」 (Soldado B)

Os três soldados imperiais estão em desespero com o fracasso em assegurar o poço para o futuro de seu próprio exército que as crianças diante deles arruinaram, puxaram a espada. Matem todas as crianças. Seus olhos diziam isso.
No entanto, não foram apenas os soldados imperiais que ficaram furiosos.

「... morra」 (Kaoru)

Juntamente com a palavra fria de Kaoru, os soldados seguram o peito e a barriga.
Um soldado não consegue respirar por causa da água oxigenada acumulada em abundância em seus pulmões e cai no chão.
Um soldado é derretido do interior de seu corpo pelo ácido sulfúrico diluído no estômago.
E o último, seu corpo parou de se mover, até seu coração gradualmente parou seu movimento.
Depois de sofrer por um tempo, os três soldados ficaram sem fôlego.

{Ainda não, é apenas o primeiro estágio} (Kaoru)

Kaoru murmurou isso. Emil não conhece a frase em japonês, então ele não entendeu o que isso significa.
De repente Kaoru notou que Emil correu para o poço e estava prestes a entrar.
Kaoru parou e gritou.

「O que você está fazendo?」 (Kaoru)
「Bell ainda pode estar viva e eu tenho que ajudá-la!」 (Emil)
「Não há necessidade disso」 (Kaoru)
「Huh...!」 (Emil)

Emil fica surpreso com as palavras de Kaoru.
Então, Kaoru estendeu a mão esquerda, e no momento seguinte, uma garota apareceu de lá.

「Eh? Isso sou... eu...」 (Bell)
「「Bell!!「」 (Emil + outras crianças)

Kaoru não se preocupou em adicionar restrições sem sentido ao decidir a especificação da Caixa de Itens.
Porque o tempo está parado dentro, não há problema em colocar coisas vivas dentro também.
Como tudo será armazenado diretamente no subespaço, não é necessário que Kaoru toque diretamente para armazenar as coisas.
Sobre o que aconteceu antes, assim que Bell entrou no poço, Kaoru guardou Bell na Caixa de Itens.
Havia a possibilidade dela se machucar quando caísse, e porque ela pulou de cabeça, ela poderia morrer se as coisas dessem errado.
Não havia som naquela época, por que ninguém se perguntou sobre isso?
Como o frasco de remédio também foi armazenado junto com Bell, Kaoru deve pegá-lo novamente para pulverizar o poço. Mas antes disso.

「Ouçam bem, todos vocês, se vocês dedicaram sua vida a mim. Então eu não vou permitir que vocês morram sem minha permissão. Entenderam?」 (Kaoru)

Enquanto abraçava Bell e derramava lágrimas, Emil estava acenando para Kaoru junto com outras crianças.
Mesmo que ele não seja um membro dos 「Olhos da Deusa」, o menino desta aldeia viu o milagre pela primeira vez. Tapani abriu a boca e olhou para ela com um rosto aturdido.
Depois de derramar o remédio no poço, Kaoru e as crianças deixaram a cabana, foi exatamente quando a batalha terminou.
Havia cerca de 4-5 Cavalarias Imperiais que fugiram desesperadamente.
Não há necessidade de persegui-los porque não precisamos manter segredo sobre o que aconteceu aqui.
Agora, não há mais poços que possam ser usados nesta vila. Os inimigos não poderão fazer nada.
Havia também pessoas feridas do nosso lado também. Um dos guardas reais está ligeiramente ferido, e mais dois guardas reais estavam com arranhões consideravelmente profundos.

Como era uma batalha entre as cavalarias, não havia tempo para apunhalar a espada àquele que foi ferido e caiu do cavalo, aqueles que perderam suas habilidades de combate muitas vezes ficariam intocados e precisarim lutar imediatamente com outras cavalarias. Tivemos a sorte de não haver morte entre nossos aliados.
E claro, Kaoru instantaneamente curou todos eles com poções.
O milagre que os guardas reais viram pela primeira vez os surpreendeu.
Embora eles possam ter visto o efeito de um comercialmente disponível, a coisa que Kaoru usou desta vez é uma Lágrima da Deusa genuína.
Quanto às cavalarias imperiais, a maioria delas gravemente feridas e também mortas, mas muitas ainda estavam vivas.
Kaoru estava se perguntando se deveria matá-los ou não, mas no final ela decidiu curá-los na medida em que eles não morressem, para evitar que eles resistam quando os pegarmos de volta.
Conseguimos transferir os bens de consumo e ter espaço livre na carruagem para os prisioneiros, exceto para aqueles que fugiram e os mortos, os prisioneiros são cerca de 10 pessoas.
Como precaução, a equipe de Kaoru reconfirmou o interior da vila de maneira leve e encontrou 3 cadáveres que pareciam ser aldeões. Tapani confirmou que eles são os aldeões traidores que ele tinha dito.
Mesmo que os aldeões tenham dito aos soldados imperiais a localização do poço oculto, ainda não há razão para os soldados imperiais pagarem nada aos aldeões do país inimigo. E os referidos soldados são os que começam a invadir o nosso país em primeiro lugar.

Foi uma ideia muito pobre dos agricultores.
Bem, pelo menos, a propriedade dos outros moradores ainda está segura.
Como todos os soldados imperiais dessa vez eram esquadrões de cavalaria, podemos assegurar os cavalos dos mortos e capturar os cavaleiros.
Felizmente não havia cavalos mortos, e Kaoru curou todos os ferimentos com poção.
Kaoru insistiu na posse desses cavalos. Cavalos, especialmente cavalos treinados por militares, podem ser vendidos com bons valores. Para Kaoru, os cavalos valiam muito mais que os prisioneiros de guerra.
Então o time de Kaoru levou os cavalos e os prisioneiros, foi para a estrada de retorno novamente. Eles se juntaram aos dois guardas reais que voltaram depois que colocaram completamente o remédio no poço da Quinta Aldeia.
E, apenas no caso, o grupo retornou à Capital enquanto confirmava os poços das duas aldeias remanescentes.
Seis dias se passaram desde que o exército do Império Arigo perdeu uma grande quantidade de suprimentos.
E em todas as 6 aldeias que eles estavam passando, todos os poços foram poluídos por venenos e não havia mais nenhum alimento.

[Quando enviei uma unidade de esquadrão de cavalaria para garantir poços e alimentos, fiquei espantado com a notícia de que a 4ª aldeia possuía um poço que não foi envenenado. Mas logo em seguida, fiquei surpreso com o relatório dos soldados restantes que fugiram depois de lutar com sete cavaleiros de Balmoa. Eu desejei a possibilidade de que os cavaleiros do Reino Balmoa fossem irrelevantes como aqueles que pulverizam venenos e a possibilidade de que eles não saibam da existência daquele poço oculto, mas quando cheguei na vila, o poço já estava contaminado. Como havia cadáveres de nossos soldados na cabana do poço oculto, eles provavelmente sabiam da existência do poço oculto desde o começo. Parece que eles eram uma unidade que voltou depois de perceber que havia um poço escondido. O fato de que mais de 20 dos nossos cavaleiros foram derrotados por 7 cavaleiros inimigos é vergonhoso para os soldados de um país militar como nós. No entanto, do testemunho de nossas cavalarias restantes, um dos soldados inimigos era chamado de 「Roland-sama」. Isso significa que ele deve ser 「O Irmão do Rei, Roland」. Além disso, ele era acompanhado por uma garota misteriosa com uma força extraordinária, 「Fran Demoníaca」 dos boatos, ela era uma cavaleira de elite, e recentemente se tornou escolta privada do irmão do Rei. Não é surpreendente sobre esse resultado, mas esse resultado afetará nossa moral. Normalmente, vamos punir ou descartar aqueles que fugiram sem ferimentos graves, ao invés de continuar lutando depois de voltar para nossa terra natal. Bem, só se pudermos voltar para nossa terra natal. Mas agora, durante esta expedição, eles trabalharão normalmente. Não há necessidade de reduzir nossa força]

A distribuição de alimentos, que foi reduzida para um quarto, já foi esgotada há dois dias, e a água que foi reduzida para um quarto será esgotada hoje.
As cavalarias descem dos cavalos e caminham para reduzir o peso dos cavalos, que não tinham água suficiente, mas os cavalos ainda começam a cair.
O cavaleiro desmoronado, enquanto chorava, cortava a artéria do cavalo, entregava o sangue aspirado ao soldado fraco, para beber e distribuia carne crua para todos.
Para a cavalaria, é o mesmo que comer e beber a carne e o sangue de seu companheiro de batalha.
Aqueles que receberam o sangue e a carne também suportaram as lágrimas e consumiram avidamente sua porção de sangue.
Eles devem suportar o derramamento de lágrimas. Quando derramam lágrimas, desperdiçam muita água.

Além disso, quando comem carne, precisarão de mais umidade para sua decomposição e absorção, então ficarão ainda mais sedentos. Quando comer, haverá saliva, mas é apenas um relaxamento temporário. A saliva é água em seu próprio corpo desidratado afinal.
Aqueles que beberam água envenenada foram deixados para trás na estrada. No início, alguns soldados tentaram levá-los, mas depois os soldados deixando mais água fora do corpo do que ingerindo água potável, e muita água era necessária para viver.
Além disso, como eles carregavam outros soldados, eles não conseguiam acompanhar a marcha.
No final, eles não tiveram escolha a não ser colocar os soldados doentes na carruagem puxada por cavalos, mas os cavalos, que só bebiam um pouco de água, também não tinham força física suficiente para carregar coisas extras.
Aqueles que beberam água na primeira aldeia foram inevitáveis porque não sabiam, mas aqueles que haviam se tornado testes de água para as próximas aldeias tiveram seus corações partidos.

Além disso, alguns soldados não podiam tolerar a sede e havia algumas pessoas que bebiam água bem sorrateiramente na aldeia.
Certamente, enquanto bebiam, podiam satisfazer sua sede, era um sabor feliz. Até cerca de 30 minutos depois...
E finalmente, aqueles que não beberam água envenenada também começaram a entrar em colapso.
Desidratação e insolação.
Mesmo você pode curá-los facilmente se lhes der água suficiente, sal (fluidos e minerais) e deixá-los descansar em um lugar fresco, mas este exército não tem nem água nem sal. Não há lugar para descansar e nem carruagem para carregar.
Eles apenas deitaram ao lado da rodovia.
E a voz dos soldados mortificados pode ser ouvida dos dois lados da estrada.

「Por favor, me leve com você」
「Por favor não me deixe」
「Eu não quero morrer em tal lugar」
「Eu vou viver e voltar para casa... Minha filha recém-nascida está esperando...」

Os soldados esticam os rostos e fixam a linha de visão para frente, para não olhar para os dois lados.

「Não olhe」
「Não escute」
「Não chore. Porque a umidade é importante. Ou a vida do nosso amigo será desperdiçada?」

Era o inferno.
Será melhor se você lutar e matar em batalha.
No entanto, sem lutar, esses soldados estavam sofrendo e entraram em colapso na estrada de um país estrangeiro.
Nenhum soldado quer tal coisa!
Os outros soldados voltarão aqui para ajudar depois disso?
Mesmo assim, os soldados caídos podem viver até lá?
Em primeiro lugar, os soldados que ainda estão de pé, viverão e voltarão para casa?
A expressão facial dos sacerdotes do País Sagrado também era dura.
Eles podem pregar para aqueles que estão ao lado da estrada sobre a existência do amor da Deusa?
... Se houvesse alguma coisa. Era o diabo e o inferno. E o que trouxe os soldados aqui é o diabo, o lugar aqui é o inferno. Isso era o suficiente para se dizer.


***** Mais um dia *****


[Nossos Exércitos chegarão à cidade amanhã. Podemos obter bastante água, comida e lugar para as tropas descansarem. Se pudermos fazer isso, o exército do império Arigo será ressuscitado, não apenas um bando de terríveis lástimas como agora. Nós só precisamos entrar na cidade desprotegida e ocupá-la]


***** E no dia seguinte *****


Atrasado consideravelmente em sua programação, o exército de invasão do norte do Império Arigo finalmente chegou à cidade ou na cidade pequena de Nicósia, que fica a um dia de distância da capital do Reino Balmoa.
E os exércitos passaram pela última colina, quando as unidades da frente finalmente tinham a cidade à vista.
De repente, as unidades frontais pararam.
As outras unidades atrás não param de repente, a unidade traseira trava e derruba a formação.
Com as unidades da frente, que deveriam estar cheias de desejo de pegar a comida e a água da cidade, o Comandante avançou com raiva. Este é um cavalo valioso que tinha água suficiente para o uso do comandante.
E o comandante, que foi para a posição das unidades frontais, congelou ao ver a mesma cena.
Na frente da cidade de Nicósia, havia a força de defesa da Capital de Balmoa, que é de cerca de 12.200 soldados.
Era todo o exército que se reuniu de todo o país, excluindo 3 mil na capital e 40 mil na fronteira.

「Impossível」 (Comandante)

O Comandante e os altos membros da equipe entraram em colapso no local.

「Eles não estavam defendendo a capital?」 (Pessoal de alta patente)
「Embora eles sejam apenas mais da metade da força do nosso exército. Os exércitos do Reino Balmoa estão completamente preparados enquanto nosso exército mal consegue andar. Nós dificilmente podemos fazer uma formação simples e muito menos lutar adequadamente em batalha...」 (Comandante)

Batalha não significa que todos os soldados entram na batalha de uma só vez.
Na realidade, a batalha só ocorre na parte de contato com o inimigo na frente de cada exército, e os soldados cansados e feridos serão substituídos por soldados das partes de trás.
Em outras palavras, o número de soldados que realmente lutam em um determinado momento não muda muito.
Se for esse o caso, o mais fraco será derrubado. É como uma batalha vencedora do Kendo. Um lutador forte pode derrubar 5 de seus oponentes um após o outro.
... Não há chace para ganhar.

[Mesmo se tentarmos nos retirar, não há mais poder para marcharmos. E há apenas os poços contaminados com veneno no caminho de volta. Além disso, com essa marcha brutal, rapidamente seremos pegos e atacados por trás. Mesmo se nós lutássemos de forma imprudente nessa batalha, eu perderei apenas 20.000 soldados preciosos do império em vão. Valiosos 20.000 soldados das 80.000 tropas do Império Arigo... Nesse caso, devemos nos render e ainda ter a chance de voltar para casa depois do fim da guerra... Mas não é decidido que o império já perdeu esta guerra. A responsabilidade pela rendição é para o comandante tomar e eu estou disposto a fazer isso. Comparado com a vida de 20.000 soldados, minha vida é barata. É impossível executar todos os prisioneiros de guerra e seria um grande fardo apenas alimentar 20.000 prisioneiros de guerra. Seja qual for o país vitorioso, não demorará muito para que nossos soldados retornem ao nosso país...] (pensamento interno do Comandante)

「Vamos nos render, preparem o mensageiro imediatamente!」 (Comandante)

Funcionários de alto escalão e soldados pareciam intrigados, mas eles nunca se opuseram.

「Depressa! Talvez possamos pedir ajuda para aqueles que deixamos na estrada, o tempo é importante!」 (Comandante)

A equipe correu com pressa.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



「Acabou?」 (Kaoru)
「Parece assim...」 (Roland)

Fique um pouco atrás da Força de Defesa do Reino Balmoa, Roland responde ao resmungo de Kaoru.
Os aldeões provavelmente retornarão às suas aldeias mais cedo do que imaginavam.
O remédio que colocou em poços se tornará ineficaz após dez dias, mesmo sem fazer nada.
É para evitar que os poços fiquem inutilizáveis por um longo tempo.
E, claro, mesmo que não esperemos 10 dias, podemos usá-lo imediatamente após misturar um novo medicamento de Kaoru.
No entanto, comida e garrafas de águas que foram deixadas em cada casa das aldeias como uma armadilha são aconselhados a não serem usadas a menos que você misture o novo medicamento ou aguarde 10 dias.
Bem, mesmo se você beber, você só sofrerá de diarréia por alguns dias, e você pode curar com mais água e minerais.

「Mas isso é uma decepção...」 (Fran)
「Bem, seria melhor se nós lutássemos contra 20.000 soldados até que milhares de soldados de ambos os lados fossem mortos e se rendessem? Você insiste em ter uma briga como essa?」 (Kaoru)
「Bem, mas ainda assim...」 (Fran)

Parecia que era um pouco difícil convencer Francette, que sempre teve como objetivo ser uma cavaleira em todos os momentos.
Mas quando ela foi perguntada se queria matar muitos soldados do Império e conseguir que muitos soldados do Reino Balmoa fossem mortos também por sua auto-satisfação, ela teve que negar isso.

「Você vai voltar para a capital agora」 (Kaoru)

Kaoru disse para Emil e as 7 crianças. O menino da aldeia, Tapani também se misturou perfeitamente.

「Devemos retornar quando Kaoru ainda não voltou?」 (Emil)

Emil não pode aceitar facilmente.

「É isso mesmo, porque você não pode fazer nada dessa vez」 (Kaoru)
「Por quê? Pelo menos podemos ser tanto quanto um escudo!」 (Emil)
「É por isso que não é bom! Você pode ser cortado ou perfurado no coração. E quando você for, nem eu poderei fazer nada para ajudar. Mas quando estou sozinha, posso fazer qualquer coisa」 (Kaoru)
「Mas nós sabíamos desde o início e estamos dispostos a fazer isso」 (Emil)
「... Bem... vocês ainda são fracos」 (Kaoru)

Depois de um pouco de hesitação, Kaoru disse isso com firmeza.
Emil está em pé em silêncio.

「Não me entendam mal, é só "vocês ainda são fracos", não pode ser ajudado porque vocês ainda são crianças, e Francette é um caso especial」 (Kaoru)

A cavaleira Francette de repente ouviu seu nome mencionado e ficou aturdida.

「Além disso, não estou dizendo que vocês são inúteis. Vocês estão fazendo seu trabalho muito bem. E agora eu quero que vocês me ajudem com o que vocês estão fazendo muito bem」 (Kaoru)

Como resultado da persuasão, os 「Olhos da Deusa」 e mais uma criança estão convencidos.
Esse grupo já tem 8 pessoas, está tudo bem?
É por isso que as crianças retornarão à capital em uma carruagem.
Na Capital, eles coletarão informações sobre o comportamento dos aristocratas e pessoas influentes, pessoas ligadas a outros países.
Claro, você deve realmente entender, mas será bem difícil. De qualquer forma, foi o suficiente para ser a razão pela qual as crianças concordam em retornar ao reino.

「... Então o que você vai fazer desta vez?」 (Roland)

Depois que as crianças foram embora, Roland perguntou a Kaoru com um rosto cansado.

「Oh, eu acho que vou para o campo de batalha no oeste」 (Kaoru)
「「Eehhh!」」 (Francette + Roland)
「Não, eu não vou permitir isso, é muito perigoso!」 (Roland)

Roland grita.
Mas foi ineficaz com Kaoru.

「Eu não preciso da permissão de Roland-san. Eu sou apenas uma garota de outro país que viajou e ficou no Reino Balmoa até agora. E agora estou apenas viajando para o oeste」 (Kaoru)
「Não, não...」 (Roland)

Foi Roland quem mudou sua aparência, mas logo ele se acalmou e sorriu.

「Então, como você vai para o oeste? Não há comerciantes indo para o oeste por causa da guerra. Não haverá carruagem. Você pode andar até lá sem carruagem e quantos dias levará com as pernas de Kaoru...? Eu não vou emprestar uma carruagem ou qualquer soldado do palácio real」 (Roland)

Sabendo que Kaoru não podia andar a cavalo, Roland pensou que isso seria capaz de parar Kaoru. Mas...

「... Oh, é assim. Eu irei sozinha」 (Kaoru)
「Huh?」 (Roland)

Kaoru se afastou de Roland, que ficou mudo.
Ela está indo para onde ela manteve os cavalos que ela capturou na 4ª aldeia.

{Ei vocês. Quem pode me levar em uma longa jornada?} (Kaoru)

Existem 18 cavalos.

{Oh, jovem senhorita, você é um novo tipo de cavalo?} (Cavalo A)

Um cavalo de cabelo castanho com uma voz tremida responde.

{Não, eu sou apenas uma humana comum que tem uma conexão com a Deusa...} (Kaoru)
{{{{Se você tiver uma conexão com a deusa, você não é comum afinal!}}}} (Os cavalos)

Por alguma razão, eu peguei Tsukkomi pelos cavalos. Não, eles são cavalos, devo chamá-lo 「Tsukkoma」 em vez.

{Bem, deixe esse assunto assim mesmo. Se você for comigo em uma jornada, eu vou curar todos os seus ferimentos, doenças e preparar comida deliciosa. Após o término da viagem, comprarei um belo cavalo feminino da loja de cavalos ou pasto. Eu vou colocá-lo junto como minha posse} (Kaoru)
{{{{Me escolha! Jovem senhorita}}}} (cavalos)
{Me escolha! Jovem, apenas siga com o mais velho!} (cavalo mais velho)

Os cavalos ficaram muito agitados.

「Uhm, sobre isso, Kaoru-san, Você está dizendo alguma coisa para os cavalos, mas o que está acontecendo...?」 (Francette)
「Oh, é uma disputa para decidir quem vai me levar...」 (Kaoru)
「「「「Eeeeeeee!!」」」」 (Fracette + Roland + 4 Guardas Reais)
Depois de decidir por um cavalo, ela partiu para o oeste imediatamente.
Eu tenho a Caixa de Itens para tal coisa. Em preparação para uma fuga repentina, guardei comida, água, cobertor, tenda, arma, armadura, utensílios de cozinha, um tanque de água em uma manjedoura,... tudo isso de antemão.
Roland, Francette e 4 guardas reais estavam desesperadamente seguindo Kaoru. E quanto a comida e outras coisas... e quanto aos outros 4 guardas reais deixados para trás? Eles não têm tempo para se preparar para tudo isso.

Como resultado da luta dos cavalos, o cavalo que Kaoru escolheu é um cavalo branco de 6 anos de idade com olhos negros. Convertendo-se para a idade de um ser humano, ele deve ter entre 22 e 29 anos de idade?
Há várias opiniões sobre a conversão da idade do cavalo para a humana, mas eu não a conheço bem.
Evitei escolher um jovem que não tinha experiência e aquele que era muito antigo e estava em recaída. Além disso, com uma personalidade saudável e brilhante.
Ele também parecia ser leal porque este cavalo, que havia sido seriamente ferido pela espada na 4ª vila, foi salvo por Kaoru.
Apesar de cavalo branco ter a sua desvantagem de ser visível, mas desta vez foi conveniente pois eu preciso disso para 「me destacar」.
Porque havia 18 cavalos, mudei a parte 「Uma bela égua」 para 「seu cavalo favorito」.
E o cavalo mais adequado em critérios de seleção por acaso foi este.
E Francette ajustou as rédeas e outras coisas necessárias.
Dizem que é difícil montar um cavalo de raça. Mas, como Kaoru não precisa controlar o cavalo usando o arreio, o cavalo vai se mover com a instrução de Kaoru pela conversa, então o arreio é apenas 「uma coisa que ajuda Kaoru a não cair」.

Sem as crianças, Kaoru não precisa prestar atenção em Roland, que está seguindo atrás dela. Ela também não precisa se preocupar com a bagagem. É por isso que Kaoru pode correr rápido com o cavalo de guerra que a carrega.
Para isso, a tarefa mais importante de Kaoru é garantir que ela não caia. Como ela acha que não precisa controlar o cavalo, planeja amarrar-se firmemente à sela.
No entanto, parece um pouco difícil fazer isso, esse pensamento foi descartado. No final, seria uma atitude normal de pilotagem.

Da cidade de Nicósia, Kaoru estava indo para o oeste usando a rodovia.
E o time de Roland seguindo atrás dela para acompanhar.
o time de Roland está lutando para acompanhar, porque Kaoru está montando um cavalo de guerra que está carregando apenas Kaoru. O cavalo chamado Ed está correndo muito rápido.
Por esse motivo, Roland realmente apreciou que houve muitas quebras devido ao cansaço de Kaoru e a dor na bunda e quadris.

Mas o que o time de Roland pode fazer sobre as necessidades diárias, como comida e água, equipamentos de camping, manjedouras?
Eles não podem alcançar Kaoru em uma carruagem puxada por cavalos.
Além disso, mesmo que Kaoru seja uma amadora, ela tem perfeita comunicação com o cavalo, e o cavalo só precisa carregar Kaoru.
Não haverá nenhum problema se Kaoru ficar na cidade ou na vila, mas se Kaoru pretende acampar do lado de fora, o time de Roland certamente terá um grande problema. Eles podem obter suprimentos no lugar onde Kaoru acampar?
Kaoru estava preocupada com essas coisas, mas ao contrário da última vez, foram eles que decidiram acompanhar Kaoru desde o início.
Desta vez, a ação de Kaoru foi contestada, e toda a cooperação foi recusada, e essa foi a ação independente de Kaoru.
Não há obrigação de dividir suprimentos.

Kaoru mostra sinceridade àqueles que são amigáveis e os ajuda da melhor maneira possível, mas ela seria fria com os adversários e com aqueles que a assediam.
Para dizer a verdade, o time de Roland não sabe sobre a Caixa de Itens de Kaoru e não acham que Kaoru vai acampar do lado de fora.
Roland e Francette acreditavam que Kaoru era uma deusa, mas vivia em um corpo humano sem nenhum poder especial além do poder da bênção.
No momento, Kaoru não tem nenhuma bagagem. Até mesmo, na operação anterior, Kaoru dormiu na carruagem, as refeições foram cozinhadas pelos Guardas Reais e Francette.
Foram apenas algumas horas até sentirem o desespero.

「Roland-sama, Kaoru-dono não irá parar nesta cidade, embora não haja outras cidades ou aldeias perto deste lugar...」 (Guarda Real)

Um dos guardas reais informou a Roland.

「Bem... Talvez Kaoru não saiba disso?」 (Roland)
「Não, Kaoru-dono tem um mapa e ela sabia ler ele corretamente...」 (Francette)

Francette negou as palavras de Roland.
Começará a ficar mais escuro em uma hora.
Quebra-cabeça se espalha para todos. No entanto, eles não tiveram escolha senão seguir.

{Ed, quer ter um bom descanso para hoje?} (Kaoru)
{Ok, jovem senhorita} (Ed)

Ed diminui a velocidade enquanto Kaoru falava com ele.

{Aqui, vamos para a floresta um pouco mais para dentro e fazer um lugar para dormir que seja invisível da estrada} (Kaoru)

Então Ed e Kaoru saíram da estrada e foram para a floresta.

「Roland-sama...」 (Guarda Real)
「Oh, parece que ela acampará lá esta noite」 (Roland)
「Bem, o que faremos?」 (Guarda Real)
「Mesmo se você me perguntar o que fazer...」 (Roland)



Depois de um tempo, 4 guardas reais voltaram para a cidade onde passaram antes e prepararam água e comida, manjedoura, cobertores e etc.
Especialmente para cavalos, uma grande quantidade de água é necessária e, embora eles fizeram os quatro cavalos beberem o suficiente na cidade, era difícil levar suprimentos para o acampamento.
Felizmente, desta vez havia uma cidade perto, mas se Kaoru fizer seu acampamento em um lugar sem uma cidade ou uma aldeia...
Não, como Kaoru pode acampar sem levar nada?
Roland estava pensando sobre o que fazer e não conseguiu dormir.

Naquela época, Kaoru jantou com Ed.
Kaoru pegou uma refeição quente que foi feita na cozinha da oficina e armazenada antes.
E Kaoru deu milho, cenouras, maçãs, cubos de açúcar da Caixa de Itens para Ed comer na manjedoura.

O cubo de açúcar foi criado com a capacidade de fazer qualquer tipo de poção. 「É um medicamento para reabastecer o açúcar, com o mesmo sabor, aparência e ingredientes como os de um cubo de açúcar」.

{Muito obrigado! Jovem senhorita! Como prometido! Eu vou trabalhar duro amanhã também!} (Ed)
{Por favor, cuide de mim então. Ah, sim, beba isso. Pode curar seu cansaço} (Kaoru)
{Oh, obrigado} (Ed)

Depois de usar remedios para espantar monstros, feras e usar um repelentes de insetos, Kaoru dormiu profundamente na cama.
Sim, a cama do barão que ela guardou há muito tempo.


***** Próxima Manhã *****


Kaoru e Ed acordaram animados.
Aproveitaram o café da manhã, terminaram a colheita de flores e começaram a se mover.
Enquanto isso, o time de Roland tem um despertar sonolento.
Na preparação para monstros e feras, eles estão dormindo, mordidos por mosquitos, dormindo com um pedaço de cobertor e endurecendo o corpo.
O jantar de ontem foi um espeto frio e pão duro para este café da manhã.
Desde que cobertores se tornam bagagem, uma folha é o limite a menos que eles joguem fora toda vez e comprem um novo em uma cidade próxima.
Assistindo a partida de Kaoru, eles correm com pressa.

「Roland-sama, Kaoru ficou mais rápida?」 (Francette)

Roland notou após ser informado por Francette, Kaoru certamente está se movendo mais rápido do que ontem.

「Ela melhorou...?」 (Roland)

Sim, Kaoru estava melhorando.
A dor na bunda e articulações do quadril foram curadas com poções e reforçadas apenas no caso.
E agora ela foi guiada pelo cavalo para ter a postura certa.

「... ainda está um pouco dolorido. Sim, apenas assim. Pegue o ritmo de acordo com a flutuação do meu corpo, bom... Ah, dobre um pouco mais os joelhos... sim, assim mesmo」 (Ed)

Com conselhos de ambos os lados, a habilidade de cavalgar da Kaoru foi fácilmente melhorada.
Além disso, Ed era originalmente um cavalo de guerra de elite, ele só estava lento pois sofria de falta de água. Agora que ele foi curado, bebeu muita água, teve muita comida favorita e até bebeu poção para curar o cansaço e melhorar a resistência, nenhum cavalo pode se comparar com ele agora.
Além disso, Kaoru é realmente leve.
Comparado com o time de Roland, homens adultos usando armadura e carregando espadas, Kaoru era tão boa quanto uma carga vazia.
E a cada pausa, Kaoru também deixava Ed beber uma poção de recuperação.
O time de Roland também podia dar um pouco de água aos cavalos. Mas ficou cada vez mais difícil acompanhar Ed.

「Roland-sama, isso é ruim! Se continuarmos assim, Kaoru-dono irá gradualmente se distanciar à nossa frente!」 (Guarda Real)
「Mesmo que seja impossível para Kaoru aumentar a velocidade, mas nossos cavalos se esgotarão rapidamente! E nós nem lhes demos água suficiente!」 (Roland)
「Mesmo assim, não podemos deixar Kaoru se separar de nós agora!」 (Francette)

Apesar de poderem acompanhar Kaoru de alguma forma naquele dia, mas seu ritmo estava obviamente subindo da manhã até a noite.
Como esta taxa, será ainda mais difícil manter-se amanhã. E quando Roland estava com problemas, Francette sugeriu.

「Roland-sama, vamos dividir a equipe de acompanhantes em dois. Primeira equipe acampando perto de Kaoru durante a noite, eles seguirão Kaoru da manhã até o meio-dia. O segundo time seguirá à frente de meio dia e descansará durante o dia até que o primeiro time os alcançe e assim deixar o primeiro time descansar. A segunda equipe continuará acompanhando Kaoru do meio-dia até a noite. O primeiro time depois de descansar o suficiente vai pegar e substituir o segundo time para escoltar Kaoru. A segunda equipe decidirá como descansar e viajar à frente durante a noite até o meio dia do dia seguinte. Enquanto a primeira equipe acampa perto de Kaoru à noite para manter a guarda e vai segui-la de manhã até o meio dia do dia seguinte. Com isso, a segunda equipe pode decidir livremente como descansar e viajar, contanto que a equipe ganhe distância suficiente de Kaoru e fique esperando pela primeira equipe」 (Francette)
「É uma boa ideia! Então, como você dividirá o time?」 (Roland)
「Sim, será bom para Roland-sama e eu acamparmos à noite, quando algo acontecer, é mais provável que aconteça durante a noite. Roland-sama é um mestre da espada e eu sou uma menina, tendo o mesmo sexo que Kaoru é conveniente para ajudá-la em várias condições sensíveis. Além disso, como um potencial equilíbrio de guerra, Roland-sama e eu seremos tão fortes quanto 4 guardas reais」 (Francette)

Enquanto Fracette dizia isso a Roland, ela se perguntou em sua mente se foi um anjo ou uma deusa que trouxe esta proposta tão maravilhosa para ela.
Conversando com Ed, Kaoru estava se perguntando.
... Sua inteligência é boa demais.
Por que Ed não pode falar normalmente sozinho?
O cavalo é originalmente muito inteligente, ele não poderia falar a linguagem humana?
Não, isso é impossível.
Mesmo Ed tem realmente a inteligência de cavalo, ele só pode responder tanto quanto um bebê.
A habilidade de tradução traduziu suas palavras em palavras tão fáceis para Kaoru entender?
Ou essa habilidade aumentou a habilidade do outro ser o suficiente para ter uma conversa com Kaoru. Para satisfazer a condição 「A capacidade de ler, escrever e conversar em todas as línguas do mundo」.
De jeito nenhum...
No entanto, o cavalo tem inteligência inferior a um cão que diz ser tão inteligente quanto uma criança de 3 anos. No Japão, quase todos os cavaleiros diziam que os cavalos de raça demoram a aprender. Mas não sei explicar o que acontece aqui.
Além disso, se você diz isso, há alguma coisa que você pode chamar de linguagem de cavalo em primeiro lugar?
Não, nem mesmo um pequeno animal como aquele esquilo poderia me dizer o caminho assim que eu viesse a este mundo.
Mesmo se eu continuasse pensando nisso, era inútil. É por isso que eu deveria parar de pensar.
É bom que minha vontade seja transmitida sem problemas. É melhor do que não saber.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Roland ficou desapontado consigo mesmo, comparado a Kaoru, que continuava viajando confortavelmente.
À noite, eles podem ir a cidades e aldeias próximas ao acampamento para comprar água e comida, embora não possa ser chamado de acampamento.
Mesmo sendo um membro da família real, Roland também treinou no exército antes.
Ele tinha experiência de acampamento.
Mas isso se deve ao fato de que os exércitos têm carruagens carregando suprimentos adequados para construir acampamento, utensílios, comida, água para fazer refeições quentes, um número suficiente de cobertores para fazer uma cama adequada.
Ele não dormiu na grama antes, como soldados inferiores e mercenários.


A distância da fronteira ocidental é de cerca de 7-8 dias com marcha militar de acordo com a velocidade da infantaria e da carroça, etc.
Mas com o cavalo de guerra a toda velocidade viajando como Kaoru, sem qualquer bagagem, ela chegará em apenas 3-4 dias.

Enquanto Roland estava pensando, percebeu que a velocidade da invasão ocidental do exército imperial era muito lenta. O campo de batalha estava longe no oeste, em vez do que pensaram inicialmente. Enquanto todo mundo esperava que a distância seria de cerca de 6 dias de viagem do Reino.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



{Oh, parece que chegamos. Vá em direção ao lugar que parece um acampamento} (Kaoru)
{Ok, jovem senhorita} (Ed)

Kaoru e Ed dirigiram-se para o acampamento principal dos exércitos de Balmoa, que foi construído em um lugar alto que tem uma visão completa do campo de batalha.
E, claro, ela foi imediatamente interrompida por soldados.

「Quem é você?」 (Soldados)

Kaoru foi cercada por vários soldados, mas ela respondeu calmamente.

「Oh, meu nome é Kaoru. Os exércitos de Balmoa precisam de poções de cura?」 (Kaoru)
「「「Huh......!」」」 (Soldados)

Não havia soldados que viram de perto a amiga da deusa. Algumas pessoas ainda não conhecem uma menininha com o nome 「Kaoru」, mas sim alguém com o nome de 「amiga da Deusa」 ou 「Anjo」.
Os soldados também ouviram rumores sobre as poções de cura.
Isso não é caro, mas é raro, nem mesmo eles o usaram ainda, mas ouviram histórias sobre o efeito daqueles que o usaram.
Se eles tivessem agora, quanto os exércitos de Balmoa iriam ganhar de vantagem no campo de batalha?
Mas eles não sabem se a garota na frente deles é realmente a infame Kaoru.
E quando eles se perguntam sobre o que fazer... o time de Roland se aproximou rapidamente.

「Eu sou Roland, por favor me mostre o general」 (Roland)

Como esperado, não havia soldados do Reino Balmoa que não soubessem sobre o irmão do Rei, Roland.
Na pressa e saudando, os soldados levaram todos para onde a sede está localizada.
A propósito, mesmo que seja tarde agora, os quatro guardas reais não descansaram ao meio-dia, mas juntaram-se àao time de Roland porque já estavam perto do acampamento principal.

「Roland-sama! Por que você veio para esse tipo de lugar...?」 (General)

General Menes, o encarregado dos exércitos de interceptação de Balmoa, cumprimentou o time com grande surpresa.

「Desculpe-me por visitar de repente, há algumas circunstâncias... Enfim, como está a situação da guerra?」 (Roland)

Em resposta à pergunta de Roland, o general responde enquanto relutante.

「Sobre os exércitos inimigos, a segunda onda já cruzou a cordilheira, quase 20.000 soldados se juntaram. Seu número total de tropas é de cerca de 40.000, quase o mesmo número que nossos exércitos. Mas quando eles confrontaram nossos exércitos, eles repentinamente pararam e ficaram em defesa, eles apenas olharam para nós. Depois disso, houve algumas escaramuças, mas eles também rapidamente se retiraram para a segurança. Eu sei que estamos com pressa para resolver o assunto rapidamente e precisamos voltar ao reino para oferecer ajuda. Mas se avançarmos, eles recuarão. E quando nos afastamos, eles nos perseguirão por trás. Sabemos que eles só tentam ganhar tempo o máximo possível. No entanto, se nos apressarmos aqui, teremos mais danos se fizermos algo errado. Se isso continuar, não podemos voltar para resgatar a capital」 (General Menes)

O general parece chateado. Mas então Roland trouxe boas notícias.

「Oh sobre isso, por favor, fique aliviado. Todas as 20.000 tropas inimigas atacando pelo País Sagrado Rueda foram feitas prisioneiras, não houve danos no nosso exército. Agora, temos 15 mil soldados protegendo a capital. Não se preocupe com nada e se concentre em lidar com os inimigos à sua frente」 (Roland)
「「「「OOOOOOHHHH!!」」」」 (Funcionários da sede)

Dentro da sede, todo mundo ficou animado e levantou um grito de alegria.

「Isso é realmente verdade?」 (General Menes)
「Qual é o sentido em contar uma mentira aqui?」 (Roland)
「Oh! Com isso, não precisamos nos preocupar com a capital, podemos tomar ações estratégicas livremente!」 (General Menes)

General Menes está tremendo de felicidade.
Kaoru, que ficou em silêncio até agora, levantou sua pergunta.

「Bem, o que aconteceria se os inimigos aqui soubessem que o seu exército que passou pelo País Sagrado já se rendeu?」 (Kaoru)

Depois de ouvir a pergunta de Kaoru, o General Menes perguntou a Roland com uma cara duvidosa.

「Roland-sama, quem é aquela garota?」 (General Menes)

Roland respondeu com um sorriso irônico.

「Seu nome é Kaoru. Seria mais fácil para o General entender se eu falar o nome "A amiga da deusa"...」 (Roland)
「Huh...!」 (General Menes)

O General abre os olhos, espantado.

「Então, qual é a resposta para a minha pergunta?」 (Kaoru)

Ao ouvir Kaoru perguntar novamente, o General respondeu em pânico.

「Sim, se eles souberem sobre isso. Sua tática para ganhar tempo perderá seu significado. Eles vão se retirar ou tentar derrotar o nosso exército e ir para a capital. Mas a possibilidade de se retirar é tão boa quanto nenhuma」 (General Menes)
「Por que eles não iriam se retirar?」 (Kaoru)
「Se o Império se retirar, eles não terão mais nada. O império já está no fim, eles devem colocar ênfase nas forças armadas e invadir outros países. Então, se eles se retiraram depois de perder muitos soldados durante esta invasão, levará anos para se prepararem para a próxima invasão. E então, outros países já teriam fortalecido suas forças armadas em desconfiança deles. A tática que eles usam neste momento, ataque surpresa na montanha e na parte de trás através do País Sagrado não pode ser usado novamente. É por isso que eles apostarão tudo para nos destruir. Se eles puderem nos destruir com sucesso, é normal que eles pensem que podem capturar a capital, que tem apenas milhares de soldados para a proteger. Aparentemente, o império não parece saber que as tropas do Lorde perto do extremo leste já chegaram à capital. E parece que eles acreditam que as tropas do Lorde não conseguirão chegar a tempo de defender nossa capital. O Imperador parece estimar muito pouco as capacidades da nossa capital」 (General Menes)

Se eles aplicarem a lei do ataque triplo, o lado do ataque precisa de 30.000 tropas para ganhar contra 10.000 defensores.
Se eles considerarem que as tropas da capital são menos de 10.000, eles precisarão de mais de 30.000 soldados.
Será que eles realmente acham que 40 mil soldados do império podem ganhar contra 40 mil das tropas de Balmoa com menos de 10 mil baixas?
Em uma batalha comum:
Quando 30% das unidades morrer, isso será chamado de 『aniquilação』.
Quando 50% das unidades morrer, isso será chamado de 『destruição』.

Talvez eles pensem que podem nos destruir (20.000 soldados morrem) e ter mais de 30.000 soldados restantes.
Depois disso, eles podem fazer um jogo de cerco ou cercar a capital e esperar que a comida na cidade sitiada acabe. Seus exércitos podem cultivar alimentos das cidades vizinhas ou transportar suprimentos pelo País Sagrado.
Será tão bom quanto eles ganharam quando puderem cercar a Capital de Balmoa.
Se o Império está realmente confiante no refinamento de seus soldados como um estado militar, eles podem acreditar que podem ganhar mesmo quando lutam com o mesmo número de soldados inimigos.

「Mas demorará muito para que os soldados imperiais saibam sobre a derrota de seus companheiros que invadiram na direção do País Sagrado. Como as notícias devem retornar ao Império através do País Sagrado e o Império enviará mensageiros através da cadeia de montanhas para seus exércitos aqui. Eu não sei quantos dias vai levar」 (General Menes)

Kaoru pergunta novamente ao General.

「Bem, então, por que não lhes contamos isso daqui?」 (Kaoru)
「Não, eu me pergunto se eles realmente acreditarão no que seu inimigo está dizendo」 (General Menes)

O General tem um sorriso irônico com a pergunta de Kaoru.
Depois de pensar por um tempo, Kaoru sorriu e disse.

「Bem, vamos pendurar uma isca deliciosa!」 (Kaoru)
[Oh, ela está pensando em coisas nada boas novamente...] (Roland)

Roland se sente cansado ao olhar para o rosto presunçoso de Kaoru.


***** Próximo dia *****


Uma alta transmissão foi feita aos soldados do reino Balmoa, que estavam enfrentando os inimigos na linha de frente.

「Todos, escutem com atenção! Sua Alteza, o irmão do rei, Roland-sama, chegou ontem ao nosso acampamento vindo da capital! Os exércitos inimigos que atravessaram o País Sagrado foram destruídos, Sua Alteza também trouxe uma enorme quantidade de poções de cura! Não precisamos mais ter medo de ferimentos. Pessoas com danos físicos graves devem seguir para a cura imediatamente!」 (General)

Essas palavras foram gritadas de um lado para o outro muitas vezes. Naturalmente foi ouvido por soldados inimigos e foi transmitido aos seus superiores.
Naquela tarde, os exércitos imperiais repentinamente ficaram ofensivos.

「Isso foi super efetivo! Quando nós gritamos sobre o irmão do Rei, Roland-sama, eles tentarão derrotá-lo e se tornar um herói de guerra ou levá-lo como refém... E com o nome de Roland, as notícias sobre os exércitos do Império que invadiram através do País Sagrado já terem se rendido, também aumentou sua credibilidade...」 (Kaoru)

Roland tem uma expressão complicada quando ouvia Kaoru dizendo isso.
Agora, Kaoru e Roland estão montados a cavalo em um lugar ligeiramente elevado perto da linha de frente. Claro, para se destacar.
Já havia uma feroz batalha se espalhando à frente, os militares de ambos os lados se enfrentando.
Se Kaoru usar suas fraudes com força total, ela poderia ter conseguido reduzir drasticamente o número de baixas dos aliados.
Mas o que ela deveria dizer sobre o que aconteceria? A deusa ajudou um lado e ela venceu unilateralmente. Os soldados têm orgulho, nem o vencedor nem o perdedor ficariam convencidos. O que podemos dizer sobre os soldados mortos na batalha e suas famílias?
Claro, Kaoru veio aqui, planeja usar suas fraudes para ajudar em certa medida. Mas é claro que é preciso evitar aniquilar o Império com um forte poder ofensivo. Seu objetivo é acabar com a luta com pouco dano para ambos os lados. Agora ela está esperando por uma chance de intervir.

「Roland-san, tente se mover um pouco ou tente fazer algo suspeito」 (Kaoru)
「... O que você quer dizer com isso?」 (Roland)

Roland pergunta de volta ao pedido de Kaoru.

「Quero dizer, se os soldados inimigos estiverem preocupados com Roland-san, às vezes eles voltarão sua linha de visão para Roland-san. No entanto, depende se a isca fizer um movimento suspeito, como fuga, algo a fazer, etc, que fazem uma pequena diferença e os soldados inimigos vão tentar atacar」 (Kaoru)
「... Eu entendo」 (Roland)

E então Roland começou a se mexer enquanto agitava a mão como se desse sinal aos soldados. Ele é um bom oficial superior.
Depois de um tempo, o exército inimigo começou a mostrar um movimento que é obviamente incompatível com a situação geral da guerra. Eles obviamente não atacaram ou apoiaram outros lugares com alta prioridade, mas enviaram infantarias para o pequeno local onde Kaoru e Roland estão. Parece que não havia nenhum cavalo indo para onde Kaoru e Roland estavam, talvez eles procurem localmente em algum lugar.

「Eles morderam a isca. Depois de atraí-los um pouco mais, por favor, recue para onde organizamos a emboscada antecipadamente. Vou relaxar com a bela vista aqui por um tempo」 (Kaoru)

Este é apenas um lugar ligeiramente elevado que não tem efeito sobre a situação da guerra. Enquanto a deliciosa isca se afastar. Os inimigos não vão trazer tropas para um lugar sem sentido, onde há apenas uma garota comum.

「... eu sei」 (Roland)

Roland olhou para o movimento dos inimigos que se aproximavam e disse isso.
Depois de um tempo, as tropas inimigas se dirigiram para Roland enquanto empurravam os exércitos de Balmoa à força.
Parece que eles estão determinados a capturar Roland, eles concentraram suas tropas aqui. Nós temos apenas um pequeno número de tropas, não podemos parar os inimigos que estão forçando a sua passagem. Apenas de acordo com o plano.
Depois disso, Roland guiará as tropas inimigas que se dirigem para este lugar e as levará para o lugar onde planejamos a emboscada antes. Vamos aniquilá-los e reduzir o ímpeto do inimigo.

「Está na hora, por favor, vá enquanto mostra sua figura adequadamente aos soldados inimigos」 (Kaoru)
「Eu sei」 (Roland)

Roland se move enquanto instrui os soldados de Balmoa em voz alta, levantando sua mão direita, com destaque.

「Vamos voltar e receber reforços! Todos, retirem-se!!」 (Roland)

Então ele sai do lugar alto e se move lentamente na direção onde não há soldados de Balmoa amigáveis o que tornou facil para os soldados inimigos perseguirem.

「Bem, por enquanto, devemos ir ao campo de batalha para passear?」 (Kaoru)

A batalha neste mundo se estende por um longo tempo, ao contrário da guerra moderna. A batalha acabou de começar, às vezes levará alguns dias para terminar uma batalha com esse tamanho.
Kaoru não se sente tão bem em ver pessoas lutando, mas isso é uma guerra. Tudo o que todos podem fazer é rezar para que eles não morram e possam voltar para casa.
Kaoru falou de um modo descontraído e com um tom de espectadora que Ed parecia estar desconfortável ao ouvir.

{... Ei... jovem senhorita} (Ed)
{O que?} (Kaoru)
{Eu não sei se é devido à minha mente... Mas os inimigos não estão indo em direção a nós em vez da direção da isca e dos outros?} (Ed)
{Eh...!?} (Kaoru)

Uma instrução foi dada a todas as tropas imperiais, mesmo antes da invasão.

【 Primeira Meta Prioritária a ser Assegurada: uma menina que parece estar envolvida na fabricação de uma poção de cura que recebeu o amor da deusa. Segunda Meta Prioritária a ser Assegurada: membros da realeza. Terceira Meta Prioritária a ser Assegurada: ministros e aristocratas seniores. Se a oportunidade de garantir o primeiro alvo prioritário aparecer, abandone todos os outros destinos prioritários. Permitido o uso maciço de tropas de elite e pesadas 】

E as características da garota foram comunicadas a todos os soldados.

【 Idade 10 - 12 anos, cabelo preto, olhos negros, rosto fofo 】

E agora, os soldados do Império viram uma jovem garota ficar junto com o irmão do Rei, que trouxe muitas poções de cura, sua aparência é como a descrita.
A meta prioritária a ser assegurada pelas tropas de elite do Exército Imperial era desconhecida para Kaoru e Roland.

[Qual é o pensamento do Reino Balmoa, o Irmão do Rei e a Escolta de guarda deixando a garota mais importante lá e correndo sozinhos. Essa é uma grande oportunidade que não podemos perder. Vamos avançar até a garota a todo custo, mesmo que seja uma armadilha] (Pensamento dos Soldados Imperiais)

{Aaa, não adianta, ficamos cercados por cavaleiros...} (Ed)

Os cavaleiros correm a toda velocidade também para o lado dos outros, já que eles não querem que Kaoru cavalgue para escapar. Se Kaoru reagisse mais rápido, ela ainda poderia escapar, mas ela é uma amadora que tremia em pânico, ela não pode se dar ao luxo de escapar a tempo.
Vários cavaleiros que cercavam em uma forma semicircular da parte de trás e gradualmente se encolhem até formar um círculo do recinto. Um grupo de infantaria se aproximando pela frente.

{Perigoso, perigoso, perigoso! Ed, você pode fugir?} (Kaoru)
{Impossible, jovem senhorita!} (Ed)

Eu não planejei isso, mas devo usar minha Explosão aqui?
Não, se eu matá-los com explosão, não fará sentido. É uma arma de matança em massa. Devo matá-los com veneno, mas não posso com esse número de pessoas... o que devo fazer?
Explosão ao ponto de abrir a saída?
Mas, se eu tentar escapar, eles vão atirar flechas em mim? Eu vou morrer se uma flecha acertar?
Mesmo se eu for pega, não serei morta. Haverá chance de escapar, e há mais coisas que posso fazer depois...
Antes de Kaoru ter sua ideia formada, a infantaria finalmente chegou ao lugar onde Kaoru estava e eles tentaram capturá-la sem a machucar.
Quando o Império se preparava para capturar a confusa Kaoru. Suas cavalarias, que rodeavam pelas parte de trás, subitamente se moveram.

「Oh, Francette...」 (Kaoru)

O que refletiu nos olhos de Kaoru foi a figura de Francette que percebeu a anormalidade e retornou com força total, Roland e os 4 guardas reais estavam seguindo-a desesperadamente.
Eles esmagaram os cavaleiros inimigos facilmente.
Francette, que foi chamada de Fran Demoníaca, Roland, que é um mestre com espada e 4 guardas reais de elite. Os cavaleiros inimigos não eram suficientes para serem seus oponentes.
Francette corta as cavalarias inimigas que cercam Kaoru e desce do cavalo bem na frente de Kaoru.
Mesmo que todos pudessem andar a cavalo para se mover e lutar com o cavalo. No entanto, eles são principalmente de batalha como a infantaria, se movimentando com seus próprios pés.
Montar um cavalo geralmente é vantajoso, mas agora, todos não podem mover seus cavalos para proteger Kaoru, a vantagem da velocidade de movimento do cavalo se foi e será difícil lutar.
Além disso, quando a batalha é quando cercado pela infantaria, andar a cavalo não impede ataques vindos dos lados. Os inimigos também podem atacar pelas costas, atacar os cavalos, etc.

「Desculpe, pessoal, parece que houve um erro de cálculo...」 (Kaoru)

Embora as seis pessoas estejam aqui para lutar para proteger Kaoru, mas ao ouvi-la dizer isso, eles riem.
E uma batalha feroz começa.
Roland e os quatro guardas reais empunham uma espada curta.
Mesmo que fosse chamada de espada curta, na verdade não é mais curto que uma espada normal. É só que a espada que a cavalaria usa é longa e o que a infantaria usa é curta. É uma espada comum usada por soldados.
A julgar por todos que usam esse tipo de espada, os inimigos sabem que não são verdadeiras cavalarias. Mesmo essa espada curta é uma espada de uma mão, mas todos a usavam com as duas mãos, sem usar um escudo. Sem um escudo, eles devem aparar usando a espada.
Golpeando, repelindo, perfurando, cortando.
Ao contrário da espada japonesa, a espada curta não é a espada que pode cortar facilmente.
Ainda assim, se você empurrar com muita força, poderá cortar tanto a arma quanto o braço do inimigo.

O grito angustiado do inimigo ecoa.
Por outro lado, Francette usa uma Espada Bastarda. É uma espada de duas mãos que pode ser manuseada com uma mão ou com ambas as mãos. É claro que é mais longa que a espada curta e é bem pesada. Pelo menos, não é uma espada que pode ser usada por garotas adolescentes. Se ela fosse normal.
E, claro, Francette não é normal, então ela pode usá-la bem o suficiente.
O método de equipamento é: arrastá-la pelo o chão e puxá-la por trás, ou levá-la pelas costas.
Com a força de Francette, ela queria usar uma espada maior e mais pesada.
Mas ela abandonou essa ideia porque era impossível para o tamanho do corpo dela fazer isso.
Francette balança a espada bastarda como se estivesse sacudindo um Estilete ou um Florete e derrubava os soldados inimigos. Alegremente.
E montanhas de cadáveres e de soldados inimigos seriamente feridos, estão sendo construídos um após o outro.

「「「「Gya, Fran Demoníaca...」」」」 (Soldados Imperiais)

Entre os soldados inimigos, vozes trêmulas estão se espalhando.
Imediatamente depois disso, os responsáveis pela emboscada de Balmoa notaram o fracasso da estratégia pelas costas e correram para o resgate de Roland.
As circunstâncias em torno de Kaoru se tornaram um estado de batalha caótica e confusa.

Dentro dessa caótica batalha, o único conhecimento comum, tanto do inimigo quanto do aliado, é 「apenas uma menina de cabelos negros nunca deve ser machucada」.
Com esta batalha extraordinária, Kaoru não poderia usar seu poder.
Mesmo que ela use algo como a nitroglicerina ou outro remédio, há tantos soldados em tumulto que estão se movendo furiosamente, ela pode ferir um aliado.

Outra maneira é usar o 「Armazenamento」, mas quando ela o usar, sua configuração 「apenas um ser humano que por acaso é a amiga da deusa」 terá terminado.
Não, será o mesmo no momento em que ela usar a explosão...
E quando o número de soldados que caiu estava em torno de três dígitos, mesmo no meio de uma batalha, Kaoru percebeu que ela está em um lugar seguro e tem espaço para tentar algo.

Então, aconteceu.
Uma das flechas do Império, liberadas sem levar em conta o perigo de acertar um aliado na batalha corpo a corpo, atingiu o ombro direito de Roland, e Roland parou seu braço que estava ferido.
Um soldado inimigo não perdeu essa lacuna e balança sua espada imediatamente.

Gakyin!

O som do metal atingindo um ao outro ecoa.
Francette quebrou sua postura quando forçou a espada do inimigo com uma posição irracional, e a lâmina de sua espada bastarda foi quebrada.
A espada bastarda, que havia sido mantida inabalável pela poderosa francette, já estava perto do limite e finalmente foi quebrada.
E uma lança foi enfiada em seu peito, do lado direito, sem perder aquela grande oportunidade.
Sangue fresco jorra de sua ferida no peito, onde a lança foi puxada para fora.

「Fran!!」 (Roland)

Roland abraça a Francette caída.

「E, eu fiz isso, eu já derrotei essa "Fran Demoníaca"!」 (Soldado imperial)

Um soldado imperial grita de alegria.
E no momento seguinte, a cabeça daquele homem foi explodida por uma EXPLOSÃO.
「NÃO BRINQUE COMIGO」 (Kaoru)

Kaoru tinha sangue em sua cabeça.
Seu plano e sua lógica desapareceu completamente de sua cabeça.
Quem foi que disse que os soldados que morrem no campo de batalha não são razoáveis, porque esse era o trabalho deles.
Quando a lança perfurou Francette no peito e sangue vazou da ferida quando o soldado puxou a lança para fora.
No momento em que ela viu isso, tudo foi levado embora. Enquanto assistia ao colapso de muitos soldados até agora, ela ainda estava bem, mas não foi assim quando sua conhecida entrou em colapso.
Kaoru está furiosa, sem pensar em qualquer inconveniente para si mesma.
Ela bate levemente no pescoço de Ed.
Desnecessário dizer qualquer palavra, Ed entendeu, cruzou os joelhos e deixou Kaoru descer.

O ambiente ficou um pouco calmo.
Mesmo que os soldados do Império estejam acostumados a ver mortos na luta, parece que eles ainda estão incomodados quando viram a cabeça de seu amigo explodir de repente.
No entanto, apenas uma área muito pequena que ficou quieta. Ainda havia barulho na vizinhança e a luta continuava.

Kaoru olhou para o céu.
No momento seguinte, um rugido de uma enorme explosão ressoou pelo campo de batalha.
É o trabalho de uma deusa ou do diabo? Ou é o futuro de um grande desastre?
Essa explosão se estende por todo o campo de batalha, todas as batalhas são interrompidas.
Para mostrar a localização da causa, Kaoru criou um pilar dourado de nuvens acima de seu lugar.
E gritou bem alto com uma voz forte.

「Estamos tendo a cerimônia mais importante agora! Fiquem em silêncio e fiquem parados! Se vocês quiserem continuar a guerra, façam isso depois!!」 (Kaoru)

O volume de sua voz não é grande o suficiente para atingir todo o campo de batalha, mas pelo menos alcança a área ao redor dela. O resto será transmitido como uma mensagem. De qualquer forma, se você ousar ir contra isso, parece que será ultrajante.
Então Kaoru confirmou a direção de Francette novamente. Parecia ser uma lesão fatal, mas ela ainda está viva. Kaoru caminhou em direção a Francette e Roland.

「Sim, agora, assegurem o anjo...」 (Soldado do Império)

Pa~an!

A cabeça daquele soldado do Império que tentou capturar Kaoru foi levada embora.
Ninguém se atreveu a se mover mais.
Kaoru parou em uma posição a alguns metros de distância e disse em voz alta para Francette, que cuspia sangue pela boca, fluindo de volta dos pulmões.

「Cavaleira Francette, o jeito que você arriscou sua vida para manter o lorde seguro, como uma cavaleira, foi uma vida boa」 (Kaoru)

Francette, apoiada por Roland para poder ver Kaoru, sentiu-se contente e sorriu feliz.

「No entanto, como mulher, não se pode dizer que sua vida é uma vida muito respeitável」 (Kaoru)

Francette tem uma cara sem graça.

「Então, deixe-me dar um presente para sua próxima vida. Um rosto bem ordenado? Cabelo bonito brilhante? Pele lisa como a seda? Um peito abundante? O que você gostaria de escolher?」 (Kaoru)

Enquanto ouvia Kaoru perguntar, Francette tentou responder, mesmo com a boca transbordando de sangue.
No entanto Francette ainda foi capaz de espremer uma resposta.

「Poder..., eu quero... poder proteger... o senhor...」 (Francette)

Kaoru disse novamente enquanto caminhava em direção a Francette.

「... Eu sei que você iria dizer isso. Se você tem apenas um desejo tão tolo, faça isso nesta vida ao invés da vida após a morte」 (Kaoru)

Então, Kaoru balançou suavemente as mãos no ar e pegou uma garrafa de medicamento que apareceu do nada.
Kaoru abriu a tampa da garrafa, agachou e despejou o conteúdo na boca de Francette.

「Eh...」 (Francette)

Totalmente recuperada em um piscar de olhos, Francette não podia deixar de se surpreender.
Kaoru olhou para a espada bastarda quebrada que está parada em seus pés.

「Com essa espada, você parece estar incompleta」 (Kaoru)

E Kaoru estende a mão para o ar, uma espada aparece.
É feito de uma liga especial que é dura, não quebrará, não se dobrará.
A borda dianteira da espessura da lâmina é apenas uma única molécula e vibra em altíssima velocidade com a biomolécula da pessoa que está segurando a alça como fonte de energia.
Era o chamado 「mono oscilante de ultra alta-velocidade molecular」.
Claro, também tem motor de calor que é capaz de ajustar automaticamente seu próprio peso.
Por que Kaoru pode criar uma espada?
Não, isso não é uma espada.
Torcendo a ponta da alça e removendo-a, há um medicamento de recuperação dentro dela.
Em outras palavras, isso é um 「recipiente de poção com a forma de uma espada」. 「O recipiente da poção irá aparecer quando Kaoru quiser」, a condição que Kaoru casualmente pediu e fez Celes prometer, foi na verdade uma fraude que superou até mesmo a Caixa de Itens.
Francette aceita a espada que Kaoru deu graciosamente.
No entanto, esta espada não poderia ser apenas uma espada comum.
Todos nos arredores pensavam assim.

【Eu tenho que dizer o nome da espada】 (Kaoru)

Kaoru percebeu isso e entrou em pânico.
Eu não pensei em nada como um nome para a espada, mas aqui, eu tenho que declarar um nome que se adeque a ela.
Mas de repente, assim, não consigo pensar em um bom nome.
Falando de espada. Algo como Excalibur? Não, é muito honesto.
Espada do Escolhido, Caliburn? Não, isso não muda muito.
A Espada so Rei Escolhido, Caliburn, que estava presa na rocha é freqüentemente confundida com a Excalibur.

Mas Excalibur foi dada ao rei Artur pela dama do lago...
Houve também uma teoria de que Excalibur era um Caliburn remodelada?
Depois de ser remodelada, Caliburn se tornou mais forte.
Extra Caliburn, assim, chamando de maneira curta, Excalibur?
A propósito, a bainha da Excalibur vale mais que a espada.
... Mas quando estamos falando de espada, normalmente eles se concentram para melhorar a espada, não a bainha. Mas a bainha foi feita depois...
Originalmente a Excalibur não tinha bainha?
Ah, isso mesmo, se estiver presa na rocha, posso concordar que não havia nada. Então, o Ex-calibur é originalmente...
Tudo bem, vou pegar emprestado o nome da espada de Sigurd dos mitos nórdicos, adicionar com Extra como com Caliburn, o que faz com que esta espada seja um nome ainda mais poderoso que o original...

「Cavaleira Francette. Deixe-me dar-lhe o título de Cavaleira Guardiã da Deusa 『Einherjar』 e a espada da Deusa 『Ex-Gram』, a espada da vitória prometida. Agora, vá 『Einherjar』 a Cavaleira Sagrada Francette!」 (Kaoru)
「Ooooooooooooo!」 (Grito de guerra de Francette)

A Cavaleira Francette dá um grito de guerra. E a guerra recomeça!

Hi~yun!!

A espada cortou o corpo do soldado imperial sem qualquer resistência.
Não houve resposta, foi realmente balançada?
Embora pareça assim, a parte superior do corpo do soldado imperial escorregou e caiu.
Tanto a espada que ele costumava usar para bloquear quanto a armadura de ferro que ele usava foram cortadas como tofu.

「「「Huh...!」」」 (Fran + Inimigos + Aliados)

Todos, inimigos ou aliados, até mesmo Francette, que brandiu a espada, ficaram atordoados com aquela nitidez.

「Fu fu」 (Francette)
「Fu fu fu......」 (Francette)
「Fu ha ha ha ha......」 (Francette)

O demônio com um sorriso demoníaco apareceu.

「Gyaaaaa ~ ~ ~」 (soldados imperiais)

Roland estava olhando para Kaoru com um rosto desesperado quando viu Francette ir embora.
Não pode ser ajudado. Se alguma coisa acontecer com Roland, Kaoru estará em apuros. E ela tem uma cara de desistência.
Kaoru pega do ar...

「Ok, esta é outra espada da Deusa 『Ex-Ridill』. No entanto, Roland-sama não é um 『Einherjar』, o Cavaleiro Guardião da Deusa, eu pegarei de volta depois que esta batalha acabar」 (Kaoru)
「Ee~...」 (Roland)

Roland-sama está falando de forma grosseira enquanto ele avança para os inimigos.
E quando Kaoru notou novamente, os 4 guardas reais também estavam olhando para ela com rostos invejosos.
[Fran Demoníaca está cortando os soldados imperiais unilateralmente. Não faz sentido bloquear com espada ou usar uma armadura de ferro. Sua espada pode cortar tudo de forma limpa. Nesse momento, os soldados imperiais deram-lhe um golpe de sorte em troca de um tremendo sacrifício, mas ela se recuperou imediatamente. Ela ficou ainda mais forte do que antes. Não há como vencer]

Fugir.
Soldados imperiais fugiram com força total, independentemente de sua forma. Mas o demônio foi atrás deles.
É mais fácil para Francette lutar quando não há aliados por perto. Porque ela pode ter um balanço completo sem se preocupar com fogo amigo.
Esta espada. Tornou-se sua amada espada hoje, esta espada da deusa, 『Ex-Gram』.
A partir desse dia, Francette obteve o Milagre da Deusa e recebeu o poder que parece ser o limite dos humanos.
Mas agora ela se embriagou com o poder adicional, ela estava tremendo de alegria que brotava das profundezas de seu corpo.
Para a posição do inimigo.
Para onde há mais inimigos.
Francette correu.
Ela esqueceu completamente sobre as pessoas que ela deveria escoltar.

Roland seguiu desesperadamente depois de Francette.
Enviada por Kaoru, a mente de Francette subiu completamente nas nuvens e ela correu a toda velocidade. Será difícil para humanos normais como Roland acompanhá-la.
4 guardas reais também seguiram depois.
E cada um deles também possuía a parte de uma espada da deusa.
Espada da Deusa 『Ex-Hrotti』.
Assim como 『Ex-Gram』 e 『Ex-Ridill』, é o nome da espada de outro Sigurd mais um extra.
Foi dividido em 「Quatro partes de espada」.
Embora as partes da espada tenham decaído em poder. A parte de uma espada ainda tem a nitidez e o poder que não se envergonhará de serem chamadas de espada da Deusa.
Mesmo sendo apenas uma espada mono-molecular feita de liga especial sem função de vibração super rápida. Seria o suficiente para os guardas reais de elite.
Bem, com os olhos deles, eles ficaram encarando Kaoru como se 8 olhos que estavam brilhando intensamente e brilhando como chihuahuas. Não há garotas que possam suportar isso.
Um grupo de soldados imperiais que deveriam ser tropas de elite tremiam de medo e fugiam com força total.
Perseguindo-os enquanto ria está uma Beserker solitária.
Devido à sua velocidade de perseguição muito rápida, os corpos dos soldados imperiais ultrapassados foram cortados um por um. Com uma grande risada.

「Droga, a Deusa deu a ela uma espada!」 (Soldado Imperial A)
「Embora ela tenha tido um ferimento fatal, ela reviveu imediatamente! Além disso, ela ficou mais forte do que antes!」 (Soldado Imperial B)
「Aquele anjo não é um ser humano normal! Ela tem o poder da deusa! Nós fomos punidos porque não somos pessoas boas!」 (Soldado Imperial C)

Uma grande explosão no céu antes do tempo. Uma nuvem dourada aparece de repente. Advertindo sobre a cerimônia do anjo.
E agora, um demônio louco que está se aproximando enquanto espalha a morte. Há também outros 5 deuses da morte seguindo depois.
Soldados imperiais podem ouvir os gritos dos soldados derrotados, os soldados imperiais estão tremendo com aquele horror.
Um soldado foi incapaz de suportar o medo e finalmente fugiu para a retaguarda em linha reta. Quando ele escapou, os outros também começam a escapar um após o outro.
E uma enorme derrota começa em um piscar de olhos. A linha de frente imperial desmorona imediatamente.
Francette está perseguindo os soldados inimigos em colapso. Roland e os guardas reais também atropelam os soldados inimigos.

「Eu já fiz isso agora. Bem, eu acho que eu deveria tentar terminar isso mais cedo e ter menos baixas... será um pouco melhor... A causa da derrota dos exércitos imperiais é o time de Francette e Roland, então essa vitória é o poder dos soldados do Reino Balmoa. Sim, eu ainda posso dizer assim」 (Kaoru)

Kaoru murmura para si mesma, emergindo uma garrafa de vidro em forma de cabaça contendo substâncias químicas no céu acima da linha de frente, um pouco além dos soldados imperiais.
Um dos dois frascos contém 「algo como Nitroglicerina」 e o outro contém 「algo como ácido sulfúrico concentrado」.
Após a criação, os dois se tocaram e uma grande explosão ocorreu. Kaoru continuou a fazer isso.

E então Kaoru criou pequenos frascos de vidro com 「algo como nitroglicerina」 no ar, em uma ampla gama. Os frascos caem no chão e fazem uma explosão, uma após o outra.
Kaoru escolhe lugares onde há o menor número de soldados possível. Porque ela não pode controlar a explosão o suficiente para apenas ferir os inimigos sem qualquer morte, então ela faz isso para causar menos mortes aos soldados imperiais.
Do lado dos Exércitos Imperiais, não apenas a linha de frente, mas também os soldados da retaguarda começaram a desmoronar.

Havia apenas esse pensamento em suas cabeças: 「Eu incitei a raiva da deusa」.
Embora ela não tenha aparecido por 53 anos, mas neste mundo, a existência da deusa não é uma lenda, mas um fato.
Alguns dos mais velhos realmente viram a imagem da deusa.
E o fenômeno atual é uma técnica que só pode ser feita pela deusa ou seu parente.

Uma explosão também pode ser um trabalho do diabo, mas a existência da garota que é chamada de amiga da deusa, um anjo com o poder de cura nega isso.
E a ressurreição da Fran Demoníaca e a concessão das espadas da Deusa que pareciam uma passagem nos mitos.
O comandante e o pessoal da sede do exército de invasão ocidental também ouviram falar do soldado que escapou das mãos de Francette e voltou com uma expressão desesperada.
A parte superior do império que os enviaram também pensava que a menina era apenas uma garotinha ingênua que só recebeu a capacidade de criar um remédio de cura com a bênção da deusa.
Se eles pudessem assegurá-la, e tratá-la com cuidado e, em seguida, trazê-la para o Papa do País Sagrado com sucesso. Dizia-se que o País Sagrado era o país que recebeu a bênção da deusa. Para tal garota com o milagre da deusa aparecer no Reino Balmoa. Os mais altos devem pensar que ela estava apenas viajando para um país estrangeiro e ficou lá porque a realeza a tratou bem. Eles estavam convencidos de que ela deveria ficar no Grande Templo e é por isso que eles travaram essa guerra.

[No entanto, o milagre que ressuscitou os soldados do reino Balmoa, a espada da deusa dada em uma cerimônia e a punição para o exército imperial. Cabeças explodindo apenas por se aproximar? Quem se atreve a ir e assegurar tal existência. Não era aquela garota o Anjo que dava as bênçãos em vez daquela que recebeu a bênção? Ela deve ser subordinada direta à deusa ou à própria deusa...]

O Comandante tinha dúvidas sobre a questão da derrota dos exércitos da invasão do Norte, o exército de Balmoa também gritou em voz alta que o irmão do rei, Roland, e a poção de cura tinham vindo, apenas para diminuir a moral das nossas tropas.

[Mas com um time de Demônio como este, isso não seria verdade? Mas então, sobre o Exército de Invasão do Norte... É difícil acreditar que o exército do Reino ainda esteja intacto enquanto o exército imperial está completamente destruído. Mas se o exército de Balmoa tiver a bênção da deusa, a possibilidade não é zero... De qualquer forma, não há outras opções além de se retirar. Eles ainda não perderam muitos soldados, mas seus soldados ainda estão em menor número que as tropas do reino, a moral está no mínimo. Mas todas essas coisas são apenas triviais. Eu instiguei a ira da deusa e recebi o castigo de uma deusa. Se nós enfurecemos a deusa ainda mais, todos serão mortos sob o castigo divino. Então tudo cairá no inferno. Suas famílias, todos no Império serão mortos e o próprio país será destruído. É impossível para qualquer soldado que pensa na punição da deusa lutar com tudo o que ele tem. Além disso, seus deveres já deveriam ter sido cumpridos. Atrair a força principal do exército do Reino de Balmoa e ganhar tempo evitando que eles retornem à capital. Eu já fiz o suficiente. Se o que os inimigos gritam é uma farsa e o Exército de Invasão do Norte ainda está vivo, eles já deveriam ter sitiado a capital e a capturado. Mesmo se nos retirarmos agora e deixarmos a força principal do inimigo retornar. A capital já pode ter caído, a família real e os aristocratas podem já ter sido capturados. Não há como o exército de Balmoa se render, porque seu país já está derrotado e se rendeu. E se as forças da invasão do norte foram realmente destruídas? Eu não sei nada sobre isso. É da responsabilidade do comandante de lá, não relacionado ao nosso exército de invasão ocidental. No entanto, nesse caso, porque devemos atravessar a montanha para recuar. Devemos deixar a carruagem com os cavalo e com equipamento pesado para trás. Quando os exércitos de Balmoa forem para a capital, podemos persegui-los novamente? Com menos de 40.000 soldados, continuando a marcha sem as carroças ou cavalos, restando apenas uma pequena quantidade de suprimentos. Se isso estiver em condições normais, ainda podemos reorganizar nosso exército, persuadir e inspirar todos. No entanto, agora, nosso exército já sabia sobre a punição da deusa... é impossível. Mas se não nos retirarmos, o Império perderá toda a invasão do norte. 20.000 tropas no norte e a invasão ocidental com força de 40.000 tropas. Então, o restante, que é de apenas 20.000 tropas protegendo o país de origem, para que o Reino Ashid não ataque com a ausência dos exércitos. Isso significaria a destruição do Império. Em primeiro lugar, tanto o Reino Ashid, do Sul, como o Reino Brancott, do Oriente, estão prontos. O país está bem ciente disso, se o reino Balmoa cair, o próximo serão eles. Não há mistério, mesmo que esses dois exércitos do Reino de repente apareçam do sul. Pensei muito, mas a conclusão foi decidida desde o começo. Mas demorei um pouco para me convencer e convencer os outros] (Pensamento interno do Comandante)

「Retirada」 (Comandante)

Todos assentiram silenciosamente.
Não houve necessidade de emitir uma ordem novamente, todas as forças já estavam se movendo para o oeste, na direção de onde elas vieram.
Ainda assim, temos que emitir a ordem. Porque somos militares.

Os exércitos de invasão ocidental do Império Arigo tiveram uma retirada total enquanto recebiam a intensa perseguição do exército do Reino Balmoa. E quando eles finalmente chegaram ao pé da montanha, eles abandonaram uma quantidade considerável de equipamentos pesados e desapareceram em uma montanha íngreme.
Os 40.000 soldados diminuíram para cerca de 30.000.
Eles perderam 25% de seus soldados. Foi apenas um pouco mais perto de 30% de soldados perdidos, condição que é definida como 「Aniquilação」.
Se os prisioneiros dos Exércitos da Invasão do Norte perderam cerca de 10% das tropas sem lutar e voltaram em segurança.
O número total de soldados perdidos é de cerca de 12.000.
São apenas 15% dos 80.000 soldados totais do Exército Imperial.
No entanto, qualquer que fosse a taxa da força militar, não fazia diferença se todos os exércitos da Invasão do norte fossem capturados, e os Exércitos da Invasão Ocidental fossem completamente derrotados.


***** Pós Guerra *****


Depois disso, todos os países envolvidos tentaram usar o neutro 「País Sagrado Rueda」 como intermediário. Todos tentaram obter a condição pacífica e favorável, tanto quanto possível. Todos os líderes, incluindo o imperador do Império Arigo, pensaram que deveriam se reunir aqui para a Conferência.
O Império considerou esta invasão como um 「mal-entendido infeliz devido à falta de informação」 sobre o anjo.
No entanto, os líderes, incluindo o imperador, ficam surpresos ao saber que o País Sagrado Rueda foi completamente considerado como uma nação aliada do Império e foi tratada como um país inimigo que foi derrotado na guerra, excomungado da deusa e completamente sem a liderança religiosa.
Os líderes de todos os países só pensaram que deveriam se reunir em Rueda, não que eles já se reuniram em Rueda, a Conferência de Paz será realizada na capital de Balmoa.
30 dias depois que o Exército Imperial desapareceu na cordilheira que era a fronteira.
Uma conferência de paz foi realizada em Gurua, a capital do Reino Balmoa. O País Sagrado Rueda perdeu seu direito como país neutro com liderança religiosa e não há como a Conferência de Paz ser realizada em um país derrotado.
Porque a batalha desta época inclui problemas relativos: a invasão unilateral do império Arigo, que pretende invadir o continente, e problemas relacionados com o País Sagrado Rueda, que tem a posição de sede da seita Celestina Ortodoxa.
Reino Balmoa, Império Arigo, País Sagrado Rueda, os países aliados do Reino Balmoa, Ashid e Brancott, e ainda a parte oriental do Reino Brancott que é a base da Península, líderes de todas as nações do continente e seus atendentes também estão reunindo aqui.


***** Praça Central da Capital *****


É aquela grande praça entre o portão principal do castelo real e o templo.
Foi sem precedentes ter a realização de uma conferência de paz ao ar livre.
No entanto, existem muitos atendentes que se juntam com os líderes das nações para realizar esta conferência dentro de algum espaço fechado, e também o País Sagrado insistiu fortemente em realizar conferências ao ar livre por algum motivo. E uma sala de conferências especial foi instalada na praça.
Embora haja muitos atendentes, a maioria deles não tem o direito de falar. A própria Conferência de Paz está sendo realizada com 3 países: Reino Balmoa, Império Arigo, País Sagrado Rueda e Reino Ashid podem ter algumas opiniões.
Já que o Reino Balmoa foi invadido unilateralmente, mas eles ainda tiveram uma vitória gloriosa, isso mostrou o quão extraordinário é o poder do Reino Balmoa.
Império Arigo tem uma aparência desanimada e resignada.
E, apesar de estar na pior situação, a aparência do País Sagrado Rueda parece estranha.
Representantes de outros países tinham um olhar curioso contra Rueda e podemos ouvir a conversa barulhenta dos representantes dos países na praça.

E a conferência de paz começou.

Primeiro de tudo, o esboço do fluxo de batalha foi explicado do lado do Reino Balmoa, reivindicações de compensação contra o Império Arigo, reclamações de resgate de prisioneiros, despesas com comida com os prisioneiros de guerra, pedidos de despesas médicas e outras despesas, e por fim, uma promessa inviolável.
Quando o Império se comprometer diante dos delegados de tantos países, se eles o quebrarem, será tratado como: 「O país começou a invasão, mas não seguiu o tratado que prometeu」.
Para o Império, uma grande quantia de reparação equivalia a ser apunhalada com suas finanças.

「Não, a causa dessa batalha é o reino Balmoa! Foi porque o Reino Balmoa restringiu o anjo em seu país, monopolizando a parte dos milagres! Nosso país apenas tentou salvar o anjo...」 (Primeiro Ministro do Império Arigo)

No entanto, a reivindicação desesperada do primeiro-ministro do Império Arigo foi simplesmente negada pelo dito 「Anjo」 Kaoru.

「Bem, eu não sou um 「Anjo」 ou qualquer coisa assim. Eu fugi de outro país e só aconteceu de eu chegar e morar aqui. Eu não estou vendendo poções para todos? Eu estou vendendo para pessoas comuns e nobres. Reino Ashid ou o reino Brancott e País Sagrado Rueda. Se o Império Arigo quiser, vocês se importariam de comprar? Pague o dinheiro corretamente」 (Kaoru)
「Mas não há estoque no nosso país...」 (Primeiro Ministro do Império Arigo)
「É inútil culpar a questão geográfica. Imagine isso, as pessoas na Capital Gurua não podem comer peixe fresco capturado no Império Arigo, e então Balmoa faz guerra com o Império Arigo. Você pode aceitar isso?」 (Kaoru)
「.........」 (Primeiro Ministro do Império Arigo)

A refutação do Primeiro Ministro do Império Arigo foi facilmente perdida para Kaoru.

「Bem, mesmo que seja o que eu digo. Eu vou melhorar a poção para que possa ser mantida por um pouco mais de tempo. Pelo menos, o suficiente para as poções circularem no império de alguma forma」 (Kaoru)
「Huh...!」 (Primeiro Ministro do Império Arigo)
「E, sobre a economia do Império Arigo, há uma maneira de desenvolver o seu país, mas você está disposto a ter uma conversa?」 (Kaoru)

E então, Kaoru explicou os fatos maravilhosos.

[Se você for para o oeste, além do mar, muito mais longe do Império Arigo, há uma enorme ilha que é comparável à terra do Império. Uma ilha com natureza rica, recursos minerais. O navio mundial e a tecnologia de navegação são subdesenvolvidos, o Império Arigo, que é mais próximo em distância, é esmagadoramente vantajoso em relação a outros países. Eu não vou permitir o monopólio, mas vou dar a vocês um tratamento preferencial] (Kaoru)

De fato, quando a guerra começou, Kaoru pensou em como impedir o Império, e ela tentou fazer uma poção de recuperação para confirmar a topografia por aqui. O recipiente da Poção terá a forma deste mundo em pequena escala.
E ela percebeu, neste mundo, Vernier não é esférico. E no globo de Vernie (recipiente de poções), terra, rios e recursos de reserva foram devidamente escritos. Porque Kaoru fez isso conscientemente.
Claro, não vou dizer a localização dos recursos. É um serviço excessivo.

O primeiro-ministro do Império Arigo transbordou em lágrimas.
Atendentes do Império Arigo também se levantam do assento e se ajoelham no chão.
Eee?
Os atendentes de outros países estão em pânico com tudo o que aconteceu na frente deles.
Talvez o Império agora aloque a maioria de seus soldados para a construção naval e nutrir marinheiros como o pessoal pioneiro do novo local.
E se eles puderem fazer muitos navios e marinheiros, eles podem até começar a operar não apenas com a nova ilha, mas também com outros países deste continente a partir dos navios.
Eles ainda não conhecem nenhum projeto de navio grande, mas podem tentar desenhar tanto quanto o esboço do produto acabado. Há chamas vivendo nos olhos do povo do Império Arigo. Suas pessoas mais importantes farão, todo o Império o fará.
Enquanto isso, o Império tornou-se animado, outros países também ficaram impacientes quando ouviram falar de uma história saborosa.

「Uhm... Kaoru-dono, sobre isso,... você também pode fazer o desenho do navio,...」 (Primeiro Ministro do Império Arigo)
「O Reino Balmoa terá reparações do Império todos os anos por um tempo, a quantia de reparação está na faixa que as finanças do Império podem suportar」 (Rei Serge)

O rei Serge levantou-se inesperadamente, ele foi capaz de se juntar à conversa.
Até mesmo pessoas de outros países querem voltar ao seu país o mais rápido possível para preparar o navio. Mas é difícil para barcos longos que são usados para pescar cruzarem o oceano. E novamente, não há um novo tipo de navio...
Outros países não sabiam sobre asPoções nem as ações de Kaoru até agora. Mas agora, vários países pareciam ter um olhar um pouco invejoso para o Reino Balmoa que tem o milagre da deusa. Além disso, o Império Arigo começou a perceber o valor real de Kaoru.
Na verdade, o Reino Balmoa não estava pensando em perseguir o Império Arigo e seus cidadãos famintos.
Por causa disso, a reparação também foi dividida e o Império só teve que pagar a um preço que eles podiam pagar. O Império antes desta conferência pensou que este era o fim do Império. Mas agora, eles têm uma expressão brilhante que mudou completamente em comparação com quando estava antes da conferência.

E agora é a vez do País Sagrado Rueda.
O País Sagrado estava otimista. Na verdade, eles prepararam um trunfo. Eles acreditavam que eles poderiam restaurar sua honra também.
E ao contrário do Império, que despachou todo o poder para o primeiro-ministro em vez do próprio imperador fazer a palestra. O próprio papa veio e representa o País Sagrado, embora tenha deixado a negociação para um cardeal.

「O País Sagrado Rueda abandonou a posição de um estado religioso neutro e se aliou ao Império Arigo. Como um país inimigo que cooperou na invasão ao Reino Balmoa, exigimos reparação de vocês como fizemos ao Império Arigo」 (Primeiro Ministro de Balmoa)
「Não temos nada a ver com isso. Nosso país ainda é neutro e não estávamos cooperando com o império!」 (Cardeal)

Em resposta ao pedido do Reino Balmoa, o cardeal, que representa o País Sagrado, nega.
No entanto, o Reino Balmoa continuou a discutir sobre isso.
Recomendação de uma fuga para Kaoru, não informar a invasão do Exército Imperial a qualquer país, e agiu claramente cedo demais, antes que as notícias chegassem.
Além disso, havia instruções para sequestrar Kaoru quando ela os rejeitou. Balmoa pode trazer o próprio Cardeal para testemunhar a qualquer momento.
E também, outro cardeal e monges que acompanharam os exércitos da invasão do Império no Norte. Todos eles se tornaram prisioneiros de guerra e Balmoa pode trazê-los a qualquer momento.
Além disso, os testemunhos obtidos dos soldados imperiais capturados disseram que o Império tem estreitas relações com o Santo Papa.
Até agora, outros países receberam uma carta do Reino Balmoa que dizia sobre o País Sagrado ter traído a deusa. Mas muitas vozes de acusações vazaram dos ouvintes de cada país que não conheciam os detalhes.

「Nós não sabemos sobre esse tipo de coisa, eu exijo uma libertação imediata para esses sacerdotes e um pedido de desculpas por esses documentos insultando o País Sagrado que o reino Balmoa emitiu!」 (Cardeal)

Kaoru respondeu ao cardeal.

「Bem, isso é verdade? Que as notícias não transmitiram corretamente para o País Sagrado? Ou você está se escondendo porque não é conveniente para você?」 (Kaoru)
「O que, o que... Esta usuária de magia do diabo...!!」 (Cardeal)
「Vocês não estavam dizendo agora a pouco que eu era um anjo da deusa? Mesmo que eu negue, todo mundo no País Sagrado ainda queria fazer isso...」 (Kaoru)

O cardeal fica vermelho brilhante com Kaoru levando-o levemente.
Naquela época, o papa, que estava em silêncio até então, se levantou.

「Ok, então, vamos provar que estamos do lado certo com o tesouro do nosso País Sagrado e destruir a usuária de magia do diabo que referia a si mesma como o anjo!」 (Papa)

Ele segurava uma bola de cristal na mão.

「Hmm, eu nunca disse que eu era como um anjo. Apenas as pessoas do País Sagrado que disseram isso. Eu neguei desde o começo...」 (Kaoru)
「Cal... cale a boca!!」 (Papa)

Na observação de Kaoru que não leu o ambiente, o Santo Papa gritou.
Não, em vez de não ler o ambiente, foi de propósito.
O papa continuou a palavra como se nada tivesse acontecido.

「Este é o item Sagrado que a Deusa nos deu quando ela se revelou no País Sagrado pela primeira vez! A deusa nos confiou para usá-lo quando a crise chegar ao País Sagrado!」 (Papa)

Sim, essa foi a razão pela qual o País Sagrado estava estranhamente confiante.
E foi também a razão pela qual eles insistiram fortemente que a conferência fosse realizada ao ar livre. Se o advento da deusa acontecer ao ar livre, mais pessoas irão testemunhar e as notícias se espalharão mais.

(Oh, essa coisa, isso não era aquilo...) (Kaoru)

Claro, Kaoru estava ciente disso.
Ela havia passado várias horas para ouvir sobre as reclamações de Celes antes.
Quando ela está pensando novamente sobre o que o Papa disse. Mas então ela percebeu uma coisa...

「Contemplem! Os Milagres da Deusa! Prova de que nosso País Sagrado Rueda é um país verdadeiramente abençoado pela deusa e somos pessoas abençoadas!」 (Papa)

E no momento seguinte, a chamada do cristal na mão do Papa brilhou com uma luz ofuscante.
E imediatamente depois disso, uma bola de luz apareceu acima do céu.
A esfera de luz gradualmente mudou sua forma e finalmente se tornou uma linda garota.
É a descida da deusa Celestine.
A deusa Celestine gritou ao Papa, aquele que a convocou e que se ajoelhou cheio de alegria.

「Onde está a distorção do espaço?」 (Celestine)
「Huh?」 (Papa)

O papa tinha um olhar assustado.
「Então, onde está a distorção do espaço!?」 (Celes)

Ouvindo a deusa Celestine gritar em tom sério, o papa estava boquiaberto.
Ele não sabia o significado da pergunta da deusa, é por isso que ele não podia responder.
E Kaoru deu-lhe um navio.
Não, era mais como um 「lancha」 do que um 「navio」.

「Celes, já faz um tempo!」 (Kaoru)
「Ah... Kaoru! Por que você está aqui em tal lugar... Espere, mas agora eu não tenho tempo para conversar com você! Onde está essa distorção espacial que eu não posso sentir está ocorrendo? Onde?」 (Celes)
「Oh, não há distorção, essas pessoas apenas chamaram Celes para sua própria proteção. Algo como: O País Sagrado Rueda é um país abençoado por Celes, eles são o grande povo abençoado. Eles parecem querer dizer que Celes está protegendo-os e para não irmos contra suas palavras. Eles decidiram chamar Celes porque queriam provar isso para todos」 (Kaoru)

Kaoru diz a Celes enquanto sorri.

「O que?... Isso é...」 (Celes)

Celes ficou surpresa.

「Eu já contei a Kaoru antes, não contei? Eles eram apenas pessoas em apuros com a distorção do espaço. Eles até me perturbaram por outras coisas também. Por que os descendentes dessas pessoas eram ótimos? Se qualquer outra coisa, eu os tratei menos que outros seres humanos normais. No entanto, mesmo que eu esteja aborrecida, ainda me preocupo com esse mundo. Em vez de pedir-lhes uma expiação, eu dei um cristal de contato e disse a eles que me contatassem assim que encontrassem a Recorrência de Distorção Espacial. Mas, para pensar que eles ousaram usar o cristal de contato para uso pessoal, para proteção pessoal. Eu não disse que não me importo com o equilíbrio de poder deste mundo?」 (Celes)

O rosto de Celes ficou vermelho de raiva.
Bem, eu fiz o tempo todo...

「Também estou entregando dezenas de outras coisas em várias partes do mundo. Existem falsos alarmes, mas tudo bem. Não há problema em confundir um fenômeno natural raro ou um desastre com uma distorção espacial. Não é um grande problema ter algum erro. Em vez de perder a distorção do espaço, ao observá-la, vou verificar. Mas esta é a segunda vez, eu fui chamada para proteção pessoal. A primeira vez que eles usaram isso é há alguns milhares de anos, desde que eu comecei a distribuir o cristal de contato...」 (Celes)
「Ei, não me diga que o primeiro foi...」 (Kaoru)

Kaoru teve um mau pressentimento.

「Un, você sabia disso certo? Eu estava tão zangada que destruí o país sem pensar... quero dizer, eu me enganei em controlar meu poder e envolvi consideravelmente os países vizinhos」 (Celes)

Todas as pessoas na conferência e todas as pessoas nos arredores ficaram pálidas.

「Ouça bem, Celes. Eu vou te ensinar a fronteira do País Sagrado em detalhes, então ABSOLUTAMENTE NÃO envolva ninguém ou algo fora de...」 (Kaoru)
「Isso, uma coisa dessas!!!」 (Papa)

Cortando as palavras de Kaoru no meio do caminho, o papa gritou.

「Não é o nosso país Rueda a Terra Santa, e os nossos cidadãos são pessoas abençoadas...?」 (Papa)
「A terra santa? As pessoas abençoadas? Você ouviu o que eu acabei de dizer? É apenas uma terra que foi distorcida pela distorção espacial. Eu cheguei lá para limpar a distorção do espaço e consertar a terra. Aqueles companheiros naquela terra eram apenas alguém que interferiram no meu trabalho mais importante, impedir o colapso deste mundo. E você é um daqueles descendentes odiados. Bem, vocês devem se preparar para o meu castigo, embora eu fosse fazer isso sem me preocupar com vocês」 (Celes)

Com as palavras frias de Celes, o papa entrou em colapso.

「Bem, o que é essa garota... dizer que seremos excomungados...?」 (Papa)
「Kaoru-chan? Ela é minha grande salvadora, minha amiga mais importante, excomunhão...」 (Celes)

Como Celes disse, ela está olhando para o ar e pensando um pouco. E ela continuou. Talvez ela estivesse lendo informações de algum lugar.

「Ah, eu entendo. No entanto, não há necessidade de se excomungar, vocês nem são verdadeiros fiéis, afinal. Vocês acabaram de usar meu nome sem permissão. Eu nunca transmiti doutrina e não admito vocês como meus crentes. Eu havia negligenciado vocês no passado, porque achei que vocês fariam o melhor possível para servir às pessoas como desculpa por me perturbar. Para pensar que vocês usaram o meu nome para transgressões, nunca permitirei que vocês usem meu nome no futuro. Ah, é isso mesmo, se eles são do templo de outros países que não têm qualquer relação com essas pessoas, eu vou permitir que eles continuem usando meu nome para aliviar a mente das pessoas」 (Celes)

Foi um anúncio do fim do País Sagrado Rueda.
Os sacerdotes do País Sagrado eram luxuosamente extravagantes com o dinheiro arrecadado de cidadãos e crentes de outros países.
Que tipo de olhos as pessoas que sabiam a verdade olharão para eles de agora em diante...
E lá, Kaoru acrescentou mais um soco.

「Ei, pessoal, por que nós chamamos Rueda de "o País Sagrado", não é estranho? De agora em diante, acho que deveríamos chamá-lo apenas de Rueda...」 (Kaoru)

É uma proposta de uma garota que foi dita ser a amiga mais importante e grande benfeitora de Celestine.
Em um acordo completo, mesmo se as pessoas pensassem que Kaoru era apenas uma garota humana, ninguém ousaria negar.
Enquanto isso, todo mundo se pergunta se o Papa ainda pode voltar a respirar.
De alguma forma, Celes parecia ter perdido o interesse naqueles sacerdotes de Rueda, e ela falou com Kaoru.

「Kaoru-chan, você está vivendo neste mundo a pouco tempo, eu duvido que você ainda tenha feito alguma coisa, mas você está gostando?」 (Celes)

Enquanto diz isso, Celes sorri.

「Não não não. Não é a pouco tempo! Celes tem um sentido diferente de tempo! Eu já me aventurei muito e aproveitei o suficiente!」 (Kaoru)
「É assim mesmo? Bem, então, eu me pergunto se eu posso ir e fazer o primeiro relatório para aquela pessoa bem mais cedo...」 (Celes)
「Bem, acho que não há problema em fazer isso agora. Se você esperar muito tempo, eu vou morrer de um acidente, incidente ou morrer de velhice」 (Kaoru)
「Não existe tal coisa! Então, mesmo Kaoru-chan pode dizer uma piada interessante...」 (Celes)

Celes ri.
Kaoru inclinou a cabeça.

(Huh, algo está estranho aqui, eu...) (Kaoru)
「Bem, então eu deveria dar uma olhada no Registro e montar o relatório, para que aquela pessoa possa saber sobre as aventuras de Kaoru...」 (Celes)
(Eh, o que é esse registro? Talvez seja tudo gravado... Ua, os Registros Akashicos? Ou talvez alguma coisa esteja me seguindo desde muito tempo...) (Kaoru)

... Ela ficou com medo, então Kaoru parou de pensar nisso.

「Bem, eu acho que deveria voltar em breve, Kaoru, por favor, aproveite bem!」 (Celes)
「Oh, espere um segundo! É sobre Rueda...」 (Kaoru)
「「「「Ela parecia ter esquecido, e você tem que lembrá-la disso!!!」」」」 (Todos)

Naquele momento, todos na praça, apesar de diferentes, uniram seus corações e soltaram a mesma voz.

「Embora tenham sido apenas algumas pessoas que erraram. Não é bom punir todo mundo naquele país. Celes estava ocupada com muitas coisas. Então, por que você não deixa para mim, eu poderia fazer isso em seu lugar?」 (Kaoru)
「Oh, entendo, então vou incomodá-la com isso. Me chame se houver algo errado, eu farei isso corretamente」 (Celes)
「Entendido. Você também, faça corretamente com aquela pessoa」 (Kaoru)
「Eh? Eu vou fazer o meu melhor!」 (Celes)

Dito isto, a figura de Celes desapareceu.

「「「「Nós fomos salvos...」」」」 (todos)
「Eu sei o que todo mundo pensou! Mas o que vocês fariam se Celes repentinamente se lembrasse e desse a punição quando ela partisse! Eu ainda não ensinei a ela os limites de Rueda, nem sabemos qual país vai se envolver em sua raiva! Eu precisava fazê-la dizer isso corretamente, absolutamente!」 (Kaoru)

Com as palavras de Kaoru, todos perceberam e assentiram. Certamente foi assim.


◆ ◇ ◆ ◇ ◆



Depois disso, o reino Balmoa decidiu a reparação do País Sagrado Rueda, não, apenas o país Rueda agora. Rueda será atingida por uma enorme mudança política a partir de agora, mas ainda precisa pagar uma indenização.
Mas Rueda não sofreu nem causou nenhum dano direto. Na melhor das hipóteses, eles só precisavam pagar as despesas com os alimentos dos prisioneiros.
Depois disso, já que a delegação voltou para casa sem negociar nada, 2 cardeais, outros sacerdotes e monges foram deixados como prisioneiros. Eles permaneceriam na prisão por vários meses até que a mudança política cessasse e as negociações fossem realizadas devido à petição de seus parentes.
Enquanto isso, o Império Arigo prontamente negociou, decidiu a história da indenização, estabeleceu as condições para a entrega dos prisioneiros e possibilitou que os prisioneiros voltassem para casa mais cedo.

Representantes de vários países, que estiveram presentes na Conferência de Paz, foram muito exigentes.
Os representantes do Reino Balmoa e seus países aliados, Reino Ashid e Reino Brancott, bem como os representantes que vieram de longe, puderam ver a deusa Celestine com seus próprios olhos e ouvir a voz da deusa com seus ouvidos.
E acima de tudo, o conteúdo dessa história foi além de sua imaginação.
Além disso, todos os países sabem agora a existência de uma menina que foi confiada com todo o poder pela deusa, pode produzir poções milagrosas, tem uma sabedoria inigualávele é a 「melhor amiga da deusa」.
Aquela garota é a garota mais valiosa deste mundo. Todo mundo entende uma coisa dessas.
No entanto, se eles lidarem mal com isso, seu país definitivamente será destruído.

A deusa destruiu um país só porque ela foi chamada para benefício pessoal. Basta pensar em ferir a menina que é sua grande benfeitora e melhor amiga, o que seria de seu país?
Não coloque as mãos sobre ela, deixe-a sozinha, apenas tente pedir ajuda. Esse é o limite.
Representantes de vários países tentaram concordar com a amizade com o Reino Balmoa, assinaram um novo acordo comercial e prometeram enviar uma delegação mais uma vez em uma data posterior.
E todos voltaram para o seu país, países que têm mar e litoral estavam focados na construção naval para atravessar o mar. Países distantes, que não recebiam as poções, melhoraram o transporte em alta velocidade para receber as poções antes do prazo final. Todos os países estão ocupados com varias coisas.





Mais Acessadas